SIC

Perfil

De segunda a sábado

Resumo - 26º Episódio - 15 de outubro (segunda-feira)

Diana desconfia que Leonor foi raptada pela rede de tráfico humano de André e confronta-o

(c).RuiCarlosMateus.1954

*OS RESUMOS DOS EPISÓDIOS ESTÃO SUJEITOS A MUDANÇAS EM FUNÇÃO DA EDIÇÃO DA NOVELA

Augusto quer que Hermínia retire a queixa contra ele e volte para casa. Uma das alunas tenta fugir e ele ameaça matar Diana. Nelson fala com o raptor para resolverem as coisas a bem. Pede a Augusto que deixe sair as alunas em troca do que ele quiser. Daí a uns instantes, as alunas saem e Augusto exige a presença da mulher ali.

Diana fala com ele de forma calma e compreensiva. Augusto acaba por ceder e entrega-lhe a faca. Quando Diana abre a porta os agentes da polícia entram e agridem Augusto. Diana fica muito nervosa. Os agentes levam Augusto algemado enquanto Diana entrega a faca a Nelson e reclama que era desnecessário terem-lhe batido. Nelson responde de forma arrogante e Diana fica sem palavras.

Jacinta marca o exame que tem de ir fazer e Nestor oferece-se para ir com ela. Jacinta admite que só quer ter saúde e entrega a sua vida a Deus.

Na cozinha, Jacinta diz a Deolinda que quer ir, novamente, com ela à igreja. Deolinda alegra-se com isso e conta à patroa que Carmo deu emprego a Clara e admite que Raimundo também precisa de arranjar alguma coisa porque não gosta de estar em casa sem trabalhar.

À beira rio, Raimundo observa um grupo de apanhadores de amêijoas. Observa interessado o que estão a fazer.

Clara está atrapalhada com o trabalho na casa de chá mas promete a Carmo que com o tempo se habitua. Numa mesa, Gustavo conversa com Naomi, sente-se culpado por ter pressionado o pai e sente que destruiu a vida da mãe. Naomi dá-lhe apoio.

Paulo quer voltar a estar com Vitória e convida-a para jantar. Ela não gosta da ideia mas disfarça. Aproveita para dizer a Paulo que tudo tem um preço e exige que ele a ponha a ler as notícias. Paulo assente de imediato.

Fernando aparece em casa de Júlia, com uma mala de viagem. Não tem para onde ir e vem viver com ela. Júlia fica satisfeita com o seu plano ter resultado. Fernando declara que por ela está disposto a fazer tudo.

Em Génova, está tudo pronto para emitirem o apelo na televisão de Cecília. Ela quer tornar o caso conhecido para que Leonor não vá longe e faz o apelo em direto para vários canais.

Diana conta a António tudo sobre o seu passado. Acha que o desaparecimento de Leonor pode ter a ver com a rede de tráfico que ela descobriu há vinte anos. António acha a ideia muito rebuscada.

André encontra-se com uma prostituta num quarto de hotel e pede-lhe para se despir enquanto a filma com o telemóvel.

Celso entrega a mochila a Léo com os telemóveis todos desbloqueados. Este fica satisfeito ao saber que Celso vai estar sozinho na loja durante uns dias. Como remuneração pelo trabalho, Léo paga-lhe 50€.

O culto decorre na igreja que Deolinda frequenta. No fim, Jacinta e Deolinda vão falar com o pastor e Jacinta fica muito impressionada com com a postura dele mas não o demonstra.

Nestor olha para um molho de cartas antigas quando atende o telemóvel a Fernando. Combinam um encontro e Fernando conta-lhe que saiu de casa e deixou Margarida para ficar com Júlia.

Em casa de Júlia, esta ouve discretamente a conversa de Fernando com Nestor. Quando ele desliga Júlia chama-o para ver o apelo de Cecília na televisão. Esta apela para que a filha apareça sã e salva e promete não apresentar queixa na polícia nem fará perguntas se a filha aparecer.

Com o passar do tempo, Cecília e Luís estão cada vez mais desesperados. Luís começa a por a hipótese de a filha estar morta e Cecília quase tem um colapso nervoso.

Vera vai ao encontro de António e partilha com ele que está desolada com o desaparecimento da sobrinha. António conversa sereno com ela. Diana entra e participa na conversa. Vera sai e Diana afirma que cada vez tem mais certeza que aquilo pode ter a ver com a rede de tráfico que descobriu há vinte anos atrás. Por sua vez, António acha que a história de Leonor não tem nada a ver com a dela.

Clara fala com Xavier por skype e acusa-o, novamente, de ter publicado as suas fotografias. Clara acaba o namoro com ele. Raimundo chega com um saco de amêijoas e quer vendê-las nos cafés da zona e fazer algum dinheiro.

Depois de um jogo de Alex, Nelson comenta que o sobrinho não jogou nada e Eduarda não gosta disso. Nelson comenta que ela e Flávio vivem muito a vida do filho.

André comenta, furioso, com Francisca que Vera o excluiu de propósito da reunião. Francisca pede-lhe que não arranje problemas. Tocam à campainha e é uma vizinha a pedir para tirarem o carro de André que está mal estacionado.

Já na rua, André sai de casa e dá de caras com Diana que vem saber se a rede de tráfico em Itália ainda está operacional. André fica furioso e Diana ressalva que vai descobrir por ela mesma o que se passa.

Vitória não quer Fernando a viver lá em casa e Júlia ressalva que a situação é temporária. Júlia fala com Albano sobre afastar Diana da filha e Fernando estranha vê-la a falar sozinha. Esta aproveita o momento para lhe pedir outro cargo na empresa.

André chega ao estaleiro e fica horrorizado quando Giacomo entra no seu carro. Este vem recordar que André ainda tem uma dívida para com ele.

Diana comenta com João que a julgar pela atitude de André, este não está limpo. Acha melhor João avisar Adelaide que ele não é de confiança mas pede-lhe que não conte tudo.

nas redes

pesquisar