SIC

Perfil

Felicidade no Amor: Saiba como ser feliz!

Siga estas dicas para reacender o fogo da sua relação como era no início!

O principal de um relacionamento amoroso é sentir-se amado. Mas muitas vezes o amor não chega para ser feliz numa relação e é preciso investir na felicidade do casal.

Ana Batarda esteve no Faz Sentido e deixou conselhos para melhorar a sua relação!

Veja aqui a entrevista completa

INTENSIDADE DO INÍCIO DA RELAÇÃO

Quando se ama existe um sentimento de felicidade ao saber que a pessoa que se ama está feliz. O amor tem de ser oblativo e desinteressado, é necessário haver entrega e é através desta entrega que se recebe de volta a felicidade.

No início do relacionamento amoroso há uma grande intensidade e um grande investimento no ato do dar. Se formos alimentando estas prioridades e não adulterarmos o que é principal porque quando estamos a amar alguém é porque aquela pessoa é a mais importante para nós.

Por vezes é preciso voltar ao início. Porque se aquilo que fizemos no início deu certo, é isso que devemos continuar a fazer para atingir a felicidade enquanto casal.

COMO CONSTRUIR A FELICIDADE A DOIS

Existem quatro pontos para chegar à felicidade.

Eficácia: é preciso recordar o que deu certo, onde começou a paixão, o que atraiu no outro, o que cativou e trabalhar com isso

Frequência: No início estamos sempre com a pessoa que se ama mas ao longo do tempo é preciso manter essa frequência. Mas a rotina e o trabalho pode afetar a relação. É preciso não se esquecer de estar com aquela pessoa todos os dias e alimentar a sua relação diariamente.

Reciprocidade: Ao contrário do que se pode pensar, para construir a felicidade amorosa não é preciso fazer sacrifícios. É preciso dar pelo prazer de dar e não contrariado. Mas por vezes pode não gostar de tudo o que o seu companheiro gosta, e aí é preciso encontrar um equilíbrio para que não esteja nenhum esteja a abdicar da sua felicidade.

Prioridades: É preciso saber os pontos de encontro do casal e eleger o que é importante e principal. Estes objetivos não podem ser esquecidos porque ao distraírem-se das prioridades do casal, distraem-se também do essencial.

O QUE FAZER QUANDO HÁ DIFICULDADES

Quando o casal encontra dificuldades é preciso assumir os problemas e procurar ajuda. Infelizmente as pessoas não são ensinadas a serem felizes e existe até uma cultura que critica a felicidade rápida e a caracteriza como compensações que não são a longo prazo.

nas redes

pesquisar