SIC

Perfil

Dicas para organizar as suas finança

Analise, planeie, execute e monitorize! São este os pontos principais para evitar que o seu orçamento derrape todos os meses!

Em conversa com Ana Rita Clara, Filipa Farinha deixou uma sugestão de quatro passos melhorar a organização das suas finanças e poupar dinheiro. Curioso? Vamos então perceber como funciona!

Veja aqui a entrevista completa.

1º - Análise

Nada melhor para organizar as suas contas do que analisar as contas do ano anterior. Se tiver noção de quanto gasta por mês em transportes, alimentação, etc. consegue perceber quanto irá gastar este ano. Por isso perca algum tempo a organizar as contas de 2015 e a perceber onde é que gastou mais e menos.

Feita esta análise poderá passar para o segundo ponto...

2º - Plano

Crie um orçamento para o seu agregado familiar. Como fazer este orçamento? Tem de ter em conta todos os gastos da família, seja para comida, transportes, saúde ou educação. É precisoconsiderar todos os elementos da família, visto que o orçamento vai ser aplicado a todos. Por isso, a sugestão de Filipa Farinha é fazer uma reunião com toda a família para que possam ser discutidos todos os parâmetros deste plano.

Inclua também um parâmetro especial para despesas imprevistas. Ao colocar este ponto no seu plano consegue evitar que as surpresas não deitem por terra todo o seu trabalho.

Se estiver a pensar ir de férias ou quiser ir ver algum espetáculo, tenha isso também em consideração quando fizer o plano. O orçamento familiar tem como objetivo ser uma forma de controlar melhor os seus gasto e não para evitar que se divirta.

3º - Execução

Coloque o plano em ação. No entanto é preciso notar que um plano orçamental não se implementa de um dia para o outro e é possível que não consiga cumprir o que estipulou nos primeiros meses. Não desista logo!

Ficam algumas dicas que podem ajudar a poupar algum dinheiro:

- Faça sempre uma lista de compras quando for ao supermercado

- Opte pelas compras online para evitar tentações e comprar apenas o essencial

- Organize as refeições semanalmente para evitar desperdícios

- Aproveite as promoções para comprar produtos não alimentares e que não tenham data de validade (por exemplo produtos de limpeza)

- Gaste algum tempo a rever os contratos de água, luz e gás e altere-os se necessário para e que fiquem adequados às suas necessidades

- Tenha uma atitude de prevenção no que toca à saúde para evitar gastos avultados e inesperados

4º - Monitorização

Faça uma monitorização mensal do seu plano para evitar que este derrape. Não se assuste se tiver de proceder a ajustes. Tenha sempre em consciência que mesmo tendo em conta os gastos do ano anterior o seu plano poderá não estar certo com as necessidades deste ano.

Um plano orçamental pode não ser fácil de cumprir mas irá ajudar na gestão dos seus gastos e, quem sabe, permitir colocar de parte algum dinheiro.

nas redes

pesquisar