SIC

Perfil

42º Episódio - 26 de junho (domingo)

Bruno tenta contar a Rosa o plano de Narcisa para acabar com o seu casamento com Daniel; Hugo faz uma serenata a Marisa; Marcelo reencontra-se com a ex-namorada

ana antonio bento

Bruno instala-se no quarto de Sofia, onde vai ficar enquanto ela estiver fora e conversa com Rosa sobre o seu namoro. A dada altura da conversa tem a tentação de lhe revelar que Narcisa a está a tentar separar de Daniel. No entanto, a mãe chega nesse instante e Bruno perde a oportunidade de acusá-la. Narcisa olha para ele muito tensa.

Marcelo é forçado a interromper o seu reencontro com Bárbara por ter de acudir a um paciente mas combina com a ex-namorada jantarem juntos num restaurante da moda.

Rosa cumpre mais uma consulta com Fialho e dá-lhe conta de que depois de salvar Júlia da piscina não voltou a melhorar a sua memória. Fialho propõe-lhe um jogo novo para estimular a memória e ela comenta que quem anda a jogar é Júlia com Nuno, através da internet e conta que eles só descobriram isso durante os europeus de natação. Fialho não dá grande seguimento à conversa mas fica com uma expressão preocupada.

Tomás regressa de Londres e conta a Daniel como foi difícil reviver os momentos que lá passou com a mulher quando ela era viva. Emocionado, revela que fez o luto e que está pronto para seguir em frente. Daniel saúda o amigo e sugere-lhe que pense com calma onde vai investir o dinheiro que ganhou com a venda do apartamento que tinha em Londres.

Piedade motiva Sofia antes do seu primeiro treino no Aliança. Tiago fica desconfortável quando a avista no clube e acaba por se juntar à conversa com Rui e Samuel. Rui confidencia ao padre que tem uma rapariga madeirense de nome Paula a viver temporariamente lá em casa e Tiago fica alerta, pensando poder tratar-se da prima de Nando, que o roubou. Sem perder tempo telefona-lhe a avisar e dá-lhe a morada de Rui. Nando consegue descobrir Paula e exige-lhe que lhe devolva todo o dinheiro que lhe roubou, sob pena de apresentar queixa na polícia. Sem ter a quem recorrer, Paula pede ajuda a César mas ele deixa-a pendurada dizendo que não pode ajudá-la.

Rosa elogia o trabalho de Narcisa na gestão da estufa da Madeira e encarrega-a de lá ir sozinha quando for necessário. Bruno leva-lhe umas guias para assinar e Rosa nota que ele está tenso pela forma que fala com a mãe. Narcisa fica aflita com as desconfianças de Rosa e tenta fazê-la acreditar que Bruno está assim por causa dos exames de acesso à faculdade.

Rafael revela a Bruno que vai participar num concurso de desenho para ganhar e em troca de ter partilhado aquela novidade pressiona o amigo para lhe contar quem é a sua namorada. A custo, Bruno lá revela que se trata de Sofia mas exige a Rafael que guarde segredo.

Gabriela fica desagradada com Hugo, que não ouve nada do que ela diz porque está a escrever um poema para fazer a música que quer dedicar a Marisa. Quando a sua obra de arte fica pronta, Hugo vai a casa de Marisa e assim que ela abre a porta ajoelha e faz-lhe a serenata mais desafinada que se possa imaginar. Marisa fica estarrecida, enquanto Tomás e Sofia se esforçam para não rir. Marisa pede a Hugo que pare com a gritaria e ele entrega-lhe o óleo de corpo e o creme e vai-se embora. Marisa descomprime e desata a rir, acompanhando o irmão e Sofia que já não se contêm.

Bruno mostra-se pouco comunicativo ao jantar e quase não come, levando a que Rosa repare. Narcisa fica nervosa e intervém dizendo que ele está preocupado com os estudos. Bruno olha-a muito sério mas Narcisa não perde o seu ar de firmeza. O filho acaba por aceitar o seu conselho para ir estudar e levanta-se da mesa. Rosa insiste com Narcisa na ideia de que Bruno não está bem e ela fica ainda mais nervosa com as suspeitas da irmã.

Bruno conversa ao telefone com Sofia e ela conta-lhe que Hugo quis seduzir Marisa com uma serenata mas que a coisa não resultou e a amiga ir sufocando de tanto rir. Entretanto, Sofia confessa a Bruno que gostava de estar com ele outra vez, desejo que ele retribui. Narcisa entra no quarto do filho e força-o adesligar o telefone porque quer falar com ele. Depois de Bruno terminar a chamada, Narcisa agarra-o com força pelos braços e, olhando-o nos olhos decreta que vão resolver ali o assunto deles e de uma vez por todas.

Narcisa muda de estratégia e mente a Bruno assegurando que ele a fez desistir de separar Rosa de Daniel, que quer fazer as pazes com o passado e que até pretende alugar uma casa para viverem, uma vez que a irmã e o cunhado precisam de espaço. Bruno fica desconfiado e muito surpreendido com a mudança de atitude da mãe mas ela insiste em fazê-lo acreditar nas suas boas intenções, pois receia que ele possa querer avisar a tia de tudo o que ela fez para a prejudicar.

Rosa e Daniel conversam com grande cumplicidade antes de se deitarem e ele mostra-se muito feliz com os progressos que ela diz ter feito na consulta com Fialho.

Marcelo conta a Rute que combinou encontrar-se com Bárbara para jantarem e a mãe confessa que sempre gostou dela, apesar do namoro ter sido curto. César “pica” o irmão dizendo que não percebe como é que ele casou com Beatriz quando tinha uma mulher muito mais bonita para isso e sugere-lhe que a convide a jantar lá em casa dispondo-se a comprar um bom vinho. Marcelo devolve a provocação e responde que ele nem uma casa consegue vender. César defende-se e assegura que está prestes a fazer um bom negócio. Fialho apoia César e diz que se vai deitar porque está muito cansado. A mulher e os filhos mostram-se preocupados com a sua saúde mas ele confessa estar motivado com o facto de a sessão de terapia com Rosa ter corrido muito bem. A conversa desperta a atenção de Marcelo.

nas redes

pesquisar