SIC

Perfil

De segunda a sábado

VEM AÍ: Rosa e Júlia são raptadas!

Para conseguir ficar com a totalidade da Floriz, Narcisa manda Tó raptar Rosa!

Christian Gnad

A caminho da escola, Rosa põe a tocar a música que Daniel ouvia quando levava a filha à escola. A meio do caminho vê um carro parado a sua frente. Estranha e buzina sem que haja reacção. Um homem que não reconhece finge estar a mudar um pneu. Sem imaginar o que lhe vai acontecer deixa Júlia no carro e dirige-se ao homem. É então que Tó se revela e prende-a apontando-lhe uma arma.

No escritório, Narcisa está muito nervosa e quando Hugo lhe pergunta se pode candidatar-se ao lugar de motorista que a empresa está a procura, estranhamente, Narcisa não se opõe e até lhe diz que o lugar é dele.

Na empresa, começam a estranhar a ausência de Rosa, sobretudo depois de ter faltado a uma reunião e de ter o telefone desligado. Narcisa faz o seu papel e também se mostra surpreendida.

Narcisa fica furiosa quando vê que para além de Rosa, Tó sequestrou também Júlia. Tó diz-lhe que não teve alternativa porque elas estavam juntas. Narcisa obriga então Rosa a assinar uma declaração em como passa a empresa toda para ela. A irmã dá-lhe um prazo até ao final do dia para fazer o que ela quer.

Por mensagem, Tó informa Narcisa que Rosa ainda não assinou o papel. A irmã fica furiosa. Entretanto, Maria volta a perguntar-lhe por Rosa e ela continua a fingir que não sabe de nada.

Bruno, começa a ficar preocupado com a ausência de Rosa, sobretudo depois de saber que ela não foi ao hospital, não esteve na empresa, não foi ao café e tem o telemóvel desligado. Por sua vez, Sofia vai buscar Júlia à escola e a professora diz-lhe que a miúda não apareceu. Ela e Cármen ficam em pânico.

Entretanto, no barco atracado no cais, onde mantém Rosa e Júlia em cativeiro, Narcisa continua a ameaçar a irmã e a sobrinha. Incapaz de ver a filha sofrer, Rosa está prestes a ceder.

nas redes

pesquisar