SIC

Perfil

De segunda a sexta

62º Episódio - 20 de julho (quarta-feira)

Bruno ganha coragem e conta à mãe que não se inscreveu em medicina

Christian Gnad

Rosa elogia o trabalho de Narcisa à frente da estufa da Madeira e ela finge-se modesta e responde que faz o seu trabalho o melhor que pode. Rosa entrega-lhe a supervisão do plantio e justifica que não quer estar afastada de Daniel. Narcisa muda o rumo à conversa e confessa o seu contentamento pela prenda que comprou a Bruno pelo facto de ele ter entrado para a faculdade, lembrando que antes só tinha a possibilidade de lhe oferecer um gelado quando ele passava de ano. Rosa acha que o filho vai gostar de receber o presente.

Rosa vai até às estufas e admira o carinho e cuidado com que Bruno está a cuidar de um canteiro. O rapaz confessa à tia que quando tiver uma casa sua, vai reservar um cantinho para as plantas. Ela deixa-o muito tenso quando adivinha que se ele tiver o mesmo cuidado com os doentes quando for médico vai ter um enorme sucesso.

Gabriela quebra o amuo de Hugo e diz-lhe que foi bem feito por ter ficado mal visto aos olhos de todos por ter querido juntá-la com Bruno. Hugo resmunga mas acaba por fazer as pazes com ela, colaborando para escolher o nome da empresa de produtos naturais que estão a criar. Assim que concordam num nome, Hugo diz que vai falar com Rafael para que ele avance com a criação do logótipo.

Lia conversa com Joana, aborrecida por Hugo querer desistir de arranjar um namorado a Gabriela assegura que só vai parar quando conseguir o seu objectivo.

Tomás encontra-se com Vera, que lhe agradece o facto de ele ter decidido doar o seu dinheiro para a investigação científica em que ela está envolvida. Ele justifica o acto altruísta pelo facto de ter perdido a mulher devido a um acidente que a tornou tetraplégica.

Marisa é que não se conforma com a decisão do irmão e desabafa com Beatriz, considerando que ele está a deitar dinheiro fora.

Beatriz pede desculpa a Rui por ter cancelado o jantar que tinha combinado em casa dele, justificando que não quis desapontar o filho e que por isso preferiu ir com ele ao cinema. Rui desvaloriza o assunto e ela convida-o para ir jantar a sua casa com Renata e Artur, pois assim Nuno vai sentir-se mais confortável.

Renata e Artur mostram-se entusiasmados quando Samuel lhes apresenta Sandro, um ex-toxicodependente que se vai inscrever na agência de emprego.

Piedade prepara-se para dar uma entrevista conjunta com Sofia e ouve a justificação de Fialho que lhe conta que Rute descobriu os ténis que ele lhe tinha comprado para ela levar para o Rio de Janeiro. Piedade mostra-se compreensiva mas não gosta nada da ideia de ter Rute a fazer aulas no seu ginásio.

Tiago recebe Sofia com grande simpatia e elogia o vestido que escolheu para a entrevista e deseja que tudo lhe corra bem nos Jogos Olímpicos. Ela agradece-lhe mais uma vez por ele ter ido assistir à sua prova de natação e confidencia que vai levar com ela o fio que ele lhe deu.

Daniel conversa com Tomás sobre o encontro que ele teve com Vera e o facto de ter acertado doar o seu dinheiro para a investigação dela. Daniel interessa-se por saber se a investigadora é casada, na expectativa de que possa vir a existir algo entre ela e Tomás. No fim, acaba por falar da sua própria relação com Rosa, reconhecendo que quando Marcelo está longe as coisas correm melhor.

Narcisa confidencia a Rosa que está desejosa de que Bruno veja a prenda que lhe comprou e é apanhada de surpresa quando a irmã se lembra de lhe contar que desistiu das consultas com Fialho, pois não quer ter qualquer relacionamento com Marcelo. Dissimulada, faz questão de lembrar que tal decisão pode atrasar a sua recuperação mas Rosa não vacila e responde que está disposta a correr o risco.

César fica pensativo quando Fialho conta que Rosa desistiu de ter consultas com ele por causa de Marcelo. Interesseiro, vai ter com o irmão ao escritório com o pretexto de lhe oferecer uma cerveja e tenta perceber se ele mantém alguma ligação com Bárbara. Marcelo não está para conversas e sugere ao irmão que falem sobre a conta da água que chegou para pagar.

Rafael diz a Maria que aceita voltar para casa desde que o pai aceite que ele continue a desenhar e compromete-se a continuar a estudar. Depois, vai ter com Hugo a sua casa e mostra-lhe os desenhos que fez para a empresa da suposta amiga que está a ajudar. Rafael tenta saber quem ela é mas Hugo não adianta conversa, preferindo conversar sobre a vida dele em Lisboa. Rafael acha que Fialho e Rute têm um relacionamento estranho e conta o episódio sobre os ténis que descobriu no carro dele e a atrapalhação que ele revelou quando a mulher o confrontou. Rafael adianta que não pretende continuar em casa deles porque Fialho não gosta de o ter lá e que quer alugar um quarto em Lisboa.

Moisés vai ter com Maria e diz que aceita o filho de volta e que ele continue a desenhar, desde que não deixe de estudar. Maria faz as pazes com o marido e volta para casa com ele.

Narcisa faz um discurso emocionado a Bruno quando lhe oferece o estetoscópio que lhe comprou como por ele ter entrado para a faculdade de medicina. Bruno fica muito constrangido mas não tem coragem de lhe dizer que decidiu que não vai ser médico. Quando fica sozinho, telefona a Sofia e partilha com ela a angústia de ter mentido à mãe e a namorada aconselha-o a desfazer a mentira quanto antes.

Bruno, não consegue mais suportar a ansiedade em que está mergulhado e confessa finalmente à mãe que afinal não se inscreveu em medicina. Narcisa fica em choque com a notícia e deixa cair no chão a terrina de sopa quer ia servir ao jantar.

Narcisa fica em estado de choque depois de Bruno confessar que não se inscreveu em medicina e preferiu seguir o curso de botânica. Quase à beira da loucura grita e discute com o filho, acusando-o de a ter traído. Na sala de jantar, Rosa e Daniel ouvem os gritos de Narcisa e Bruno e decidem intervir. Depois de perceberem o que se está a passar, Rosa fica a tentar acalmar a irmã, enquanto Daniel arrasta Bruno consigo aconselhando-o a falar com a mãe mais tarde.

nas redes

pesquisar