SIC

Perfil

De segunda a sexta

33º Episódio - 15 de junho (quarta-feira)

Fialho e Piedade estão no carro quando Fialho desmaia ao volante; Rosa e Marcelo encontram-se no hospital e o momento é constragedor

ana antonio bento

Beatriz leva Nuno à escola e passa muito enervado pelos colegas que lhe têm feito a vida num inferno. Beatriz vai falar a sós com a directora de turma do filho e assume estar desconfiada de que ele está a ser vítima de bullying. A professora não concorda mas Beatriz deixa claro que a responsabilizará e à escola se algo de mal acontecer ao filho.

Rafael volta a ter aulas com Rute à revelia dos pais e ela assume que não se sente confortável com aquela situação. Rafael justifica que está só à espera de encontrar o momento certo para contar aos pais que Rute lhe oferece as aulas.

Entretanto, assume que só quer aprender e criar e a aula decorre com grande cumplicidade e boa disposição.

Piedade inteira-se de como Fialho está, lembrando-lhe o desmaio recente que teve no Aliança. Ele afirma estar em forma e agradece-lhe os 22 anos que passaram, ainda que só como amantes. Ela não esconde que preferia tê-lo só para si, mas mostra-se conformada.

No corredor do hospital, enquanto Daniel resolve ao telefone com Tomás um problema da oficina, Rosa e Marcelo cruzam-se e ficam pasmados a olharem um para o outro.

Fialho sente-se mal ao volante e desmaia. Piedade controla o carro com muita dificuldade mas consegue pará-lo a tempo de evitar o despiste. Entretanto, retira o cinto de segurança a Fialho e tenta em pânico reanimá-lo.

Fialho desperta lentamente depois de ter desmaiado ao volante e Piedade obriga-o a esperar pela ambulância que chamou para o levar ao hospital. Ele faz notar que não podem ser vistos juntos e garante que não irá ficar sozinho.

Marcelo e Rosa ficam atrapalhados quando se encontram e conversam durante alguns segundos, com Marcelo a garantir-lhe que ela vai ficar em muito boas mãos com o doutor Neves. Daniel aproxima-se e o constrangimento aumenta. Marcelo trata de se despedir e retirar-se.

Sofia adormece e atrasa-se para o treino. Tiago liga no momento em que ela tenta despachar-se e fica revoltado quando Sofia lhe explica que não tem tempo para falar com ele. Tiago desliga-lhe o telefone na cara e ela fica admirada. Cármen faz notar à neta que não foi propriamente simpática com o namorado.

Narcisa gaba-se a Bruno dos benefícios que tem trazido à Floriz com as suas ideias e assume que só se sentirá recompensada quando a riqueza de Rosa estiver nas suas mãos. Entretanto, lembra-se de lhe perguntar se anda a estudar e lembra que o seu desígnio é entrar em medicina e não pensar em namoros como Sofia, que passa o dia na piscina e deixou de estudar. Narcisa diz mal da família e abre uma excepção para reconhecer que Rosa é a única pessoa que trabalha. Bruno, defende Sofia mas fica comprometido, percebendo claramente que a mãe não aceitará uma relação com ela.

Enquanto espera pelo doutor Neves, Rosa relembra um momento em que desfaleceu e Marcelo a amparou. Nem de propósito, Marcelo entra no gabinete e causa mais uma situação de constrangimento entre os dois. Rosa revela que decidiu dar uma nova oportunidade ao seu casamento com Daniel, que afinal é seu marido. Marcelo fica abalado mas disfarça, desejando-lhe felicidades.

Daniel resolve o problema que tinha na oficina e depois de Tomás receber uma carta a avisá-lo que existe uma pessoa interessada em comprar o seu apartamento de Londres, aconselha o amigo a esquecer a mulher que já faleceu há cinco anos e seguir em frente com a sua vida. Tomás reconhece que vender o apartamento é desfazer-se do único bem que ainda o liga à mulher.

Neves, dá a sua consulta a Rosa e afiança-lhe que a melhor forma de recuperar a memória é apostar nas consultas de neuropsicologia com Fialho.

Marcelo fica alarmado ao ver Fialho entrar de maca nas urgências e fica a saber com grande apreensão que o pai desmaiou ao volante.

Piedade mente a Tiago e perante a catadupa de perguntas que o filho faz sobre a viagem ao Porto diz que não fechou o contrato que ia fazer porque quer estudar novas opções. Samuel salva-a de continuar a conversa e pergunta se alguém sabe de Fialho. Piedade responde que se ele não foi ao ginásio há-de dar notícias. Quando fica sozinha no gabinete telefona para o hospital e fica muito preocupada porque lhe dizem que Fialho continua em observação.

Rui comenta sem querer com Beatriz que Marcelo se apaixonou por uma paciente e ela fica muito surpreendida com a novidade sobre o ex-marido.

Tomás conta arrasado a Marisa que recebeu uma proposta para vender o apartamento em que viveu com a mulher e confessa-se incapaz de seguir com a sua vida, penalizando-se por não ter conseguido salvar a mulher, que acabou por morrer vítima de um acidente de automóvel. Marisa tenta animar o irmão mas não consegue.

Narcisa informa Rosa que já tratou de tudo para o concurso que lançaram para encontrar um arquiteto que trabalhe em colaboração com a Floriz e a irmã elogia a sua capacidade de trabalho, ignorando o plano maquiavélico que ela traçou. Rosa conta que viu Marcelo no hospital e que lhe disse que se reaproximou de Daniel, certa de que assim ficará mais fácil afastar-se do médico. Narcisa esboça um sorriso mas não gosta do que ouve e assim que pode liga a César para o avisar de que o concurso da Floriz está aberto e reforça que agora espera que ele apresente a melhor proposta para ganhar. César fala-lhe com ar sedutor e agradece a atenção especial que lhe está a dedicar, prometendo não a desiludir.

Paula recusa-se a servir mais clientes no Palheiro e deixa uma nota a Nando em cima da caixa registadora. Depois agarra na sua mala de viagem e vai-se embora decretando que os seus dias de criada acabaram.

Hugo dorme em pé na Floriz por ter estado a noite inteira a trabalhar com Gabriela nos produtos de beleza. Ela goza com ele e defende que para ter sucesso é preciso trabalhar. Maria apanha-os a conversar e manda-os trabalhar com mais genica.

nas redes

pesquisar