SIC

Perfil

271º Episódio - 24 de abril (domingo)

José Maria cai na armadilha de Luísa e Amélia e é levado pela polícia!

ana antonio bento

Amélia fala, revoltada, com Miguel. Afirma que nunca faria mal a Homero e Miguel revela que só está preocupado com ele próprio e não acredita que Homero lhe tenha dado o terço, sem saber que era seu pai.

Fátima revela a José Maria que Rosa está a viver no bairro. Desconfiam que esteja instalada em casa de António. Amélia ouve tudo, sem ser vista e fica muito assustada.

Valquíria vai com João ao salão de jogos tomar café e fica muito comprometida ao ver Julião. Este fica ressentido e Valquíria fala com ele a sós. Ambos adoraram a noite anterior mas ela é comprometida. Julião revela que vai esperar por ela, o que deixa Valquíria lisonjeada.

Luísa, Amélia e Jacinta planeiam simular uma tentativa de fuga de José Maria da quinta para que este seja realmente preso.

José Maria pede a Miguel que rapte Rosa. Este recusa e o irmão ameaça-o de o expulsar da quinta se não o ajudar.

Gonçalo conversa com Dinis sobre a audiência no tribunal e este deseja nunca ter de passar por isso. Dinis pergunta por Luísa, está preocupado com a ex-namorada e prontifica-se a apoiar tanto Gonçalo como Luísa no que for preciso.

Rosa, atrapalhada, conta a Amélia o encontro que teve com Fátima e a mãe biológica revela que ouviu Fátima a contar a José Maria que descobriu que Rosa está a viver no bairro da Cruz das Almas. Amélia não tem dúvidas que a sua mãe adotiva a entrega a José Maria e pretende tirar Rosa dali.

No clube de ténis, Mónica tira os seus pertences do escritório e Valquíria apropria-se do espaço só para ela. Mónica fica frustrada quando percebe que o seu novo posto será na receção. Vítor também se apresenta para começar a trabalhar e Valquíria fica furiosa por Virgínia o ter contratado sem a consultar. No entanto, acaba por aceitar que este fique e fica decidido que Vítor ficará também na receção, o que deixa Mónica destroçada.

Gonçalo cruza-se com Alfredo e estranha vê-lo com tão mau aspeto logo de manhã. Alfredo passou a noite a jogar e nem dormiu.

Amélia entra, sorrateira, no quarto de José Maria e prepara uma mala com roupa dele. Coloca ainda o passaporte deste e algum dinheiro. Quer simular que este se prepara para fugir.

Enquanto isso, Luísa distrai José Maria na cozinha e este aproveita para a humilhar e provocar, uma vez mais. Dá mesmo a entender que acaba com ela assim que puder.

Luísa sai dali direta à máquina que controla a pulseira eletrónica e corta os fios da central.

Na cantina, António reúne os ex-reclusos com os moradores do bairro e tenta que os moradores assumam a sua posição diante dos novos utilizadores da cantina. Ninguém se sente à vontade para dar a cara, exceto Olga e Julião. Manolo afirma diante de todos que só quer uma oportunidade e pergunta se alguém ali tem razão de queixa dele. Os moradores não respondem e dispersam.

José Maria é surpreendido pela chegada dos agentes da polícia, que lhe comunicam que a central da sua pulseira eletrónica foi desativada. Fazem buscas ao seu quarto e encontram as malas com roupa e dinheiro. Concluem que este se estava a preparar para fugir. Apanhado de surpresa, José Maria nega tudo e alega ser uma armação mas os agentes levam-no.

nas redes

pesquisar