SIC

Perfil

216º Episódio - 28 de fevereiro (domingo)

José Maria mata Marina no hospital!

ana antonio bento

Inês come um bocado do bolo de Salomão e Olga, alarmada, convence-a a não comer mais do bolo feito com estupefacientes.

Alfredo vai à casa de Valquíria falar com a ex-mulher e com os filhos para se explicar. Pede para darem um oportunidade a Virgínia mas ninguém lhe dá ouvidos.

Vítor vai ao salão de jogos pedir perdão a Julião mas este expulsa-o, novamente. Valquíria assiste a tudo e, de seguida, pede uma aguardente para afogar as mágoas. Julião fica impressionado ao vê-la a beber tudo num só trago e acaba por se juntar a ela.

Violeta beija Miguel com entusiasmo e conta-lhe que anda a ver casas e estranha a falta de entusiasmo de Miguel. Este tenta convencê-la a viverem juntos em casa de Lídia e explica que se não for assim, Lídia não lhe dará dinheiro. Violeta recusa essa situação e sugere que este vá trabalhar como toda a gente. Dá-lhe a escolher, ou fica com ela ou com a mesada da mãe. Miguel fica indeciso e Violeta acaba o namoro com ele. Está cansada das suas desfeitas.Jacinta sente muitos remorsos quando recorda Marina deitada na cama do hospital, em coma. Tem receio de não conseguir fazer as pazes com a amiga. Decide ir para o hospital para compensar tê-la traído.

Gonçalo e Luísa também não conseguem estar em casa e decidem ir para o hospital dizer à mãe tudo o que queriam poder dizer-lhe se esta estivesse consciente.

No hospital, José Maria entra no quarto de Marina, sem ser visto. Desliga o ventilador que mantém Marina viva e, sarcástico, despede-se dela, fazendo planos com o dinheiro que herdará dela com a sua morte. O monitor indica que Marina morreu e José Maria volta a ligar o ventilador para que ninguém perceba que a sua morte foi provocada.

Em casa de Jacinta, Amélia não aguenta mais não saber da filha e não fazer nada para a encontrar. Decide ir para o Algarve para a procurar e Rúben decide acompanhá-la.

nas redes

pesquisar