SIC

Perfil

156º Episódio - 14 de dezembro (segunda-feira)

Amélia descobre que Dália a enganou e fica destroçada

ana antonio bento

Amélia conversa com o inspetor na esquadra e toda a história que esta lhe conta parece-lhe demasiado conveniente. Este desconfia que Dália seja uma impostora e mostra-lhe os registos de jovens fugitivos.

Dinis procura Jacinta em sua casa para perceber o que se passa com a tia, não acredita que ela esteja feliz e quer saber por que é que ela mantém aquela relação. Jacinta fica nervosa mas pede-lhe que confie nela.

David entra disparado no salão de jogos e pressiona Julião a contar toda a verdade a Bruna. Este ainda tenta bajulá-lo mas David está decidido.

Henrique começa, aos poucos, a mostrar a sua natureza violenta a Cila, deixando-a nervosa. Esta conta-lhe tudo o que Violeta lhe disse sobre ele e Henrique, tentando conter a sua fúria, nega ser esse monstro e consegue convencê-la a ficar do seu lado.

Amélia encontra, no meio dos registos de jovens desaparecidos, a fotografia de Dália e chega à conclusão de que ela tem 18 anos e que não é órfã. Fica muito transtornada.

Ao jantar, António elogia a comida de Rosa. Conversam sobre o Pai Natal que nunca mais ajudou ninguém e António estranha o silêncio de Manuel, que defendia sempre o fora da lei que ajuda os pobres. Manuel está preocupado porque ficou sem trabalho e não quer contar nada ao pai.

Julião tenta obrigar Mónica a assinar o divórcio mas esta acaba por manipulá-lo novamente com o sexo.

No palacete, Inês, Homero e Olga deliciam-se com uma mesa cheia de queijos e enchidos que Olga proporcionou. Miguel, entra vindo da rua, furioso e fecha-se no quarto. Homero, preocupado, vai ver o filho.

Miguel desabafa com o pai que Lídia não o deixa aproximar-se e sente-se frustrado. Homero, suspira, preocupado e aconselha Miguel a afastar-se dessa mulher e dos avanços amorosos.

Amélia entra em casa, deprimida. Luísa vê-a chegar e bate-lhe à porta. Amélia confessa a Luísa que Dália não é sua filha é que era tudo mentira para a roubar. Luísa abraça-a e reconhece que houve sempre essa hipótese. Quando fica sozinha, Amélia chora desolada.

Alfredo joga novamente numa sala de jogo clandestina. Distrai-se ao ver uma mulher parecida com Virgínia e erra a jogada, perdendo várias fichas.

Valquíria olha para uma fotografia da família, ainda unida e sente nostalgia desses tempos. Cila fica fragilizada, ao ouvir a mãe e sente-se ainda mais triste por causa de Henrique. Por sua vez, Rúben também continua deprimido por causa de Amélia e não reage a nada.

nas redes

pesquisar