SIC

Perfil

109º Episódio - 14 de outubro (quarta-feira)

Jacinta faz ultimato a Zé Maria, diz-lhe que tem duas semanas para contar a verdade a Marina!

Christian Gnad

Luísa cruza-se com Dinis e pergunta-lhe se avisou Jacinta que Luísa e Marina iam a sua casa. Dinis fica desconfortável e Luísa conta-lhe a verdade sobre a relação de Jacinta e José Maria. Dinis reconhece que já sabe o que deixa Luísa fora de si e revoltada. Acusa-o de estar a compactuar com uma mentira e de agir nas suas costas.

José Maria volta a casa de Jacinta na esperança de não ser interrompido novamente. Esta encosta-o à parede e avisa-o de que não voltará a deixar-se manipular e pede-lhe que conte a verdade a Marina ou contará ela, deixando-o estarrecido.

Este tenta ganhar tempo mas Jacinta reclama os seus direitos e dá-lhe duas semanas para resolver tudo com Marina.

Rúben e Amélia traçam um plano para a recuperação deste e para se vingarem de José Maria. Amélia acredita que Rúben rapidamente arranjará outro clube onde treinar e que agora tem de se concentrar em ficar bom.

O Dr. Andrade aconselha Marina a afastar-se o necessário para não haver cedências aos pedidos de Gonçalo.

Gonçalo sente-se mal, começa a suar, treme e descontrola-se, aos gritos. José Maria volta ao quarto e leva-lhe mais duas garrafas de álcool. Avisa-o que se contar a alguém que foi ele quem lhas deu, o deixará a seco.

Quando José Maria sai, Gonçalo começa a beber.

Homero aconselha José Maria a recuperar o poder que Marina deu a Gonçalo, na empresa. Assim que apanha Marina a jeito, José Maria tenta convencer Marina mas esta acha que é cedo para tomarem essa decisão.

Mónica continua a sua manipulação a por Bruna e Julião um contra o outro. Bruna fica triste por perceber que o Julião não vai ceder nem pedir desculpa a David e o pai, por sua vez, também se sente cada vez mais sozinho, sem Bruna perto de si.

Rosa traz algumas coisas da loja do chinês e decora com cores alegres a casa de António. Este e Manuel quando chegam e observam a mudança, ficam felizes e recordam o tempo em que a mãe de Manuel era viva e que as coisas eram mais alegres.

Marina vai ao quarto de Gonçalo para que este assine alguns documentos da empresa. Este consegue esconder as garrafas que José Maria lhe deixou e recusa-se a assinar o que quer que seja. Marina sai a chorar e Gonçalo grita para que o libertem, estão a dar com ele em doido.

Os pais de Rafael procuram Rúben no clube de ténis e Valquíria informa-os de que este já não trabalha lá. Arrependidos, estes pedem para que Rúben entre em contato com Rafael que sente saudades suas.

José Maria chega ao clube com a escritura do clube e informa Valquíria e Virgínia de que muita coisa vai mudar. Revela as suas intenções de tornar aquele clube num clube mais elitista e Valquíria revolta-se e recusa-se a participar nisso. Diz poucas e boas a José Maria e sai, impetuosa.

Virgínia aconselha Valquíria a pedir desculpa a José Maria e a manter o seu posto de trabalho.

Luísa leva um lanche a Gonçalo e repara numa garrafinha vazia. Mostra-a, irritada, a Gonçalo e este recusa-se a dizer quem lha deu.

Marina planeia com Amélia tratar da procuração para Gonçalo nomear Marina sua representante na Chão de Portugal.

Dália chega à quinta e Matilde resiste a deixá-la entrar até que Marina aparece e resolve a situação. Comunica-lhe que esta ficará em casa de Amélia e leva-a a ver Gonçalo.

Gonçalo abraça Dália quando a vê e exige ficar a sós com ela mas Marina não cede, deixando-o furioso. Acabam por estar pouco tempo e ficam também a saber que se vão ver apenas uma vez por dia. Marina relembra Gonçalo que cumpriu com a sua parte e este também terá de cumprir o que prometeu.

Os pais de Rafael procuram Rúben no clube de ténis e Valquíria informa-os de que este já não trabalha lá. Arrependidos, estes pedem para que Rúben entre em contato com Rafael que sente saudades suas.

José Maria chega ao clube com a escritura do clube e informa Valquíria e Virgínia de que muita coisa vai mudar. Revela as suas intenções de tornar aquele clube num clube mais elitista e Valquíria revolta-se e recusa-se a participar nisso. Diz poucas e boas a José Maria e sai, impetuosa.

Virgínia aconselha Valquíria a pedir desculpa a José Maria e a manter o seu posto de trabalho.

Luísa leva um lanche a Gonçalo e repara numa garrafinha vazia. Mostra-a, irritada, a Gonçalo e este recusa-se a dizer quem lha deu.

Marina planeia com Amélia tratar da procuração para Gonçalo nomear Marina sua representante na Chão de Portugal.

Dália chega à quinta e Matilde resiste a deixá-la entrar até que Marina aparece e resolve a situação. Comunica-lhe que esta ficará em casa de Amélia e leva-a a ver Gonçalo.

Gonçalo abraça Dália quando a vê e exige ficar a sós com ela mas Marina não cede, deixando-o furioso. Acabam por estar pouco tempo e ficam também a saber que se vão ver apenas uma vez por dia. Marina relembra Gonçalo que cumpriu com a sua parte e este também terá de cumprir o que prometeu.

Alfredo fica em choque ao saber que Rúben foi dispensado do clube de ténis. Quer falar com Marina mas Rúben não o permite. Amélia aproveita para comunicar a Rúben que Dália estará lá em casa por uns tempos, a pedido de Marina.

Virgínia consegue convencer Valquíria a pedir desculpa a José Maria e depois de o fazer, José Maria humilha-a mandando-a limpar as casas de banho do clube.

Jacinta conta a Dinis que José Maria lhe pediu duas semanas para resolver tudo com Marina. Este não acredita nas intenções de José Maria e receia que a “tia” sofra.

nas redes

pesquisar