SIC

Perfil

68º Episódio - 18 de agosto (terça-feira)

Jacinta conta a Zé Maria que afinal não está doente! Amélia revolta-se!

Christian Gnad

Bruna procura David em casa de António e pede-lhe perdão mas este afasta-a, chamando-lhe mentirosa.

Marina reclama com José Maria a sua falta de apoio e de carinho para consigo. Este, frio e distante, deixa-a a falar sozinha e derrotada.

Marina telefona a Jacinta e desabafa que José Maria a trata mal e que começa a sentir medo dele. Esta fica devastada mas diz-lhe para ter esperança e para não desesperar.

Depois de desligar, Jacinta ouve um SMS chegar ao telefone de Gonçalo e, hesitante, lê: é uma mensagem de José Maria a ameaçar a família de Gonçalo caso este não o ajude. Jacinta estremece com as proporções a que as coisas chegaram.

Homero vai a casa de Amélia e oferece-lhe um terço que era da sua falecida mulher. Elogia a sua bondade e quer que esta guarde esse presente. Amélia comove-se e abraça Homero, enquanto chora.

Jacinta telefona, com a voz disfarçada, a José Maria dizendo que fala do hospital e que houve um engano, este não está doente nem nunca esteve. José Maria fica mudo de surpresa.

José Maria festeja o fato de não estar doente. Jacinta olha Gonçalo, que dorme, aliviada.

Luísa sente-se mal por mentir a Dinis por causa da vingança a José Maria. Promete a si mesma que acabará tudo em breve.

Violeta tem pesadelos com o primo que abusou dela em pequena. Quando Miguel a agarra com mais força, esta tem um ataque de pânico e Miguel promete-lhe, genuíno, que não deixará que lhe façam mal.

Jacinta vai a casa de Amélia dizer-lhe que acabou com toda a mentira da doença de José Maria para salvaguardar Marina e Gonçalo. Amélia, furiosa, manda-a embora e desata aos pontapés a tudo.

José Maria acorda Marina, Homero e Miguel com boa disposição e alegria sem lhes revelar que afinal não está doente.

Marina fala sobre o dinheiro que vai chegar para o pagamento dos funcionários e de fornecedores e José Maria regista a informação. Planeia roubar esse dinheiro e fugir.

Violeta recebe um telefonema de um número anónimo. Ninguém fala e acabam por desligar.

David vai para casa de António. Deprimido, vê televisão quando aparece Mónica que vem consolá-lo. Garante que não veio a mando de Bruna e mostra-se desiludida, acha muito grave a atitude de Bruna. David desabafa que está destroçado, a loja era um projeto dos dois e Bruna não podia ter feito o que fez.

nas redes

pesquisar