SIC

Perfil

64º Episódio - 12 de agosto (quarta-feira)

Homero boicota a festa de inauguração da cantina social por ciúmes!

Christian Gnad

Enquanto isso, Julião esconde-se na loja chinesa, sem que o empregado chinês o veja.

Jacinta agradece a todos os amigos e moradores do bairro terem ido à inauguração e toda a ajuda que tornou possível concretizar a cantina, dando especial atenção à pessoa anónima que se intitula de Pai Natal. Manuel sorri e aplaude.

Dinis, desconfortável, quer sair da quinta para ir à inauguração mas tem pena de deixar Violeta sozinha. Procura o seu telefone que está escondido por Violeta por baixo de uma almofada do sofá. Tenta ligar do telefone fixo mas também não consegue porque Miguel o desligou da ficha.

José Maria entra, perturbado, e Dinis pede-lhe para telefonar do seu telemóvel. Este empresta-lhe o seu carro e Dinis sai apressado, deixando Violeta frustrada.

No seu quarto, José Maria Maria dá pontapés em algumas cadeiras, furioso por não ter encontrado Gonçalo e Miguel interrompe-o, jocoso, dizendo-lhe para este se acalmar e ter cuidado com Marina e sai, deixando-o ainda mais zangado.

Violeta conta a Miguel, no quarto deste, que José Maria ajudou Dinis emprestando-lhe o carro. Já estão meio despidos quando José Maria entra e os surpreende, embasbacado. Olha-os com nojo e fecha a porta.

Na cantina, o ambiente é de festa. Homero observa a proximidade entre Salomão e Olga e, irritado, sai para a rua. Tropeça num sem abrigo e, vingativo, contrata-o para estragar a festa.

Na quinta, Miguel tenta explicar a José Maria o que este viu entre si e Violeta mas o irmão deixa bem claro que tem mais com se preocupar.

Cila e Inês, perguntam, cada uma em seu momento, a Marina por Gonçalo, deixando-a preocupada com a possibilidade deste aparecer e gerar mais uma confusão.

Dinis chega, finalmente à cantina e deixa Luísa perplexa quando lhe conta que José Maria o ajudou, emprestando-lhe o carro.

Jacinta também fica muito desconfortável ao saber que José Maria ajudou Dinis e adverte-o para o fato de essa pessoa não ajudar ninguém sem querer nada em troca.

De volta à quinta, Marina lamenta a José Maria este não a ter acompanhado e quando fala na ausência de Gonçalo, José Maria reage mal, dizendo que está farto de ouvir falar de Gonçalo e que é ele quem precisa de ajuda, deixando-a triste e sozinha.

A festa na cantina está muito animada quando, de repente, a luz vai abaixo e todos ficam às escuras. Homero sorri discretamente.

Na cantina, depois do apagão, todos se mantêm reunidos. Olga chora enquanto Homero goza o prato. Chegam à conclusão de que os fios da eletricidade foram cortados, o que gera um grande burburinho.

Todos se unem para resolver a situação e mesmo sem luz a festa continua.

No fim da festa, depois de verem o empenho de Cila, Jacinta e Olga convidam-na para trabalhar consigo na cantina. Esta aceita, entusiasmada.

Homero aparece e oferece-se para levar Olga a casa, que aceita prontamente.

nas redes

pesquisar