SIC

Perfil

33º Episódio - 01 de julho (quarta-feira)

Manuel assalta um banco e é perseguido pela polícia!

No palacete, Salomão, de toalha à cintura, procura Olga para lhe dizer que não há água quente. Esbarra nesta e deixa cair a toalha. Olga fica nervosa e suspira.

Valquíria está inconsolável com fato de Alfredo ter tirado o dinheiro da conta poupança para gastar com outra mulher. Planeia confrontá-lo com a situação.

Goncalo explica a Amélia que não vai entregar a carta a Marina e que até já a rasgou. Este não quer José Maria novamente lá em casa nem na vida da mãe.

José Maria telefona novamente a Amélia e esta, maliciosa, diz-lhe que não sabe se Gonçalo já entregou a carta a Marina. Sugere que Marina ainda não esteja preparada para responder e que está muito magoada.

Miguel chega a casa ao volante de uma vespa e José Maria fica a saber que este comprou a mota com dinheiro de Homero.

 

Manuel fica paralisado ao ver António a pedir dinheiro na rua.

Jacinta comenta com Olga que Salomão é um bom rapaz é que esta teve sorte com o inquilino.

José Maria faz uma espera a Gonçalo à porta da quinta. Este finalmente sai pelo portão de carro e José Maria coloca-se à frente do carro. Gonçalo admite que rasgou a carta dirigida a Marina para a proteger e José Maria ameaça-o, dizendo que vai revelar todos os seus segredos.

Manuel arranja uma pistola de plástico na loja de chineses e prepara-se para assaltar um banco pois já não suporta mais ver o pai na penúria.

No salão de jogos, Gonçalo conhece Salomão que se presta a ouvi-lo. Gonçalo desabafa e Salomão relativiza, incentivando-o a contar toda a verdade à família para se ver livre das chantagens de José Maria e para se sentir melhor consigo mesmo.

Marina conversa com Luísa ao telefone e gosta de saber que a filha está feliz na Malásia.

Miguel desdenha de José Maria e envolvem-se à pancada. É Homero, que desiludido, os separa.

Manuel hesita mas acaba por entrar no banco. Aponta a pistola e ordena que a bancária lhe dê todo o dinheiro que tem no balcão. Esta começa a juntar notas e a entregá-las a Manuel mas aproveita um momento de distração deste para carregar no botão de alarme.

Em casa, António acorda sobressaltado com o som de uma sirene de polícia. Pensa que é da televisão.

Manuel foge perseguido por um carro patrulha com o saco do dinheiro contra o peito. Quase é alcançado pelo carro e um polícia dispara.

Manuel escapa ileso ao tiro e consegue fugir à polícia. 

 

No salão de jogos, António pergunta por Manuel a Julião. Está com um mau pressentimento. 

Julião critica duramente David por este não ter trabalho mas quando Bruna faz um novo teste de gravidez e percebe que não está grávida, o pai consola-a e a David.  

Cila e Rúben, exaltados, acusam Alfredo por ter tirado o dinheiro da conta poupança da família. Alfredo não revela onde gastou o dinheiro mas nega que o tenha gasto com outra mulher e promete que vai devolver tudo até ao último cêntimo.  

Gonçalo decide contar toda a verdade à mãe mas ouve-a falar de si a Amélia e perde a coragem.  

António tenta telefonar, sem sucesso, a Manuel.  

Amélia mostra alguma abertura emocional a Rúben. Depois de estarem juntos, prepara algo para comerem juntos. Este fica feliz com o avanço do relacionamento.  

Marina elogia Gonçalo e o seu esforço a estudar e este sente-se cada vez mais afundado.  

No salão de jogos, Julião confunde o empregado com o jogador mistério de snooker. Virgínia repara que a camisa de Julião é da loja de chineses e ironiza, dizendo que este faz manifestações e depois vai a loja de chineses comprar roupa. Julião sai furioso. 

Salomão faz uma surpresa a Olga, preparou um tabuleiro cheio de vasinhos de ervas aromáticas e quer fazer um jardim. Este fica feliz por fazê-la sorrir e acabam por se envolver aos beijos. 

Julião confronta Bruna e David com a camisa do chinês. Mostra-lhes a etiqueta em chinês, estes ficam em pânico e Julião, fora de si, persegue-os mas David e Bruna conseguem fugir. 

Virgínia desabafa com Valquíria sobre o anúncio de publicidade, conta-lhe que só lhe filmaram as mãos. Desmancham-se as duas a rir.  

Manuel, ainda combalido do susto, chega finalmente a casa. Sente um misto de orgulho e alívio quando olha para o dinheiro que roubou.  

Ao telefone, José Maria volta a ameaçar Gonçalo e este desliga-lhe o telefone.

 

nas redes

pesquisar