SIC

Perfil

De segunda a sábado

Resumo: 152º Episódio - 14 de março (quarta-feira)

Diana está a falar com Duarte quando cai de um precipício e fica em estado grave!

*OS RESUMOS DOS EPISÓDIOS ESTÃO SUJEITOS A MUDANÇAS EM FUNÇÃO DA EDIÇÃO DA NOVELA

Já no quarto com Marina, esta pergunta a Duarte quem era a mulher com quem ele estava a falar lá fora. Perante a sua insistência em voltarem a ser um casal, Duarte vê-se obrigado a dizer que quer continuar na vida dela, mas só como amigo, deixando-a desolada.

Manel vai buscar Vera à casa de acolhimento para a levar a passar a noite ao resort e mostra-lhe a chave do quarto que São providenciou. Vera, nervosa, acaba por aceitar.

Carolina e Xavier bebem um copo no bar do resort e esta afirma que não voltou a falar com o seu pai. Xavier convida-a a passar a noite em sua casa mas Carolina prefere irem para a dela, onde estão mais à vontade.

Jacinto não acha bem que São ande a promover encontros românticos com os miúdos da casa de acolhimento. Quando se preparam para jantar, Alice aparece na sala toda arranjada e diz à família que vai sair com Zé.

Na fábrica, César prepara um chá para Maria Paula onde coloca umas gotas de veneno. Maria Paula não chega a beber porque Helena aparece, de surpresa, para lhe mostrar os exames médicos que comprovam que tem Alzheimer precoce.

Comprometida, Luísa acaba por contar a Miguel que se aliou a Helena para se vingar de Zé. Miguel fica indignado com isso e não a apoia nisso pois para ele, Helena é igual a Zé.

Na fábrica, Laura entra na copa e faz festas à cadela de Maria Paula. Sem querer, deixa cair chávena de chá com veneno e a cadela lambe o chá do chão.

Vasco sente-se sem coragem de estragar o vestido que Ofélia deu a Laura e é Francisco quem o mancha com tomate e azeite. Laura apanha-os em flagrante e fica destroçada.

Jacinto mostra a nova música de Beyoncé a São e diz-lhe que tem saudades da São antiga. Esta revela que também sente falta de cantar e Jacinto tenta convencê-la a ter aulas de canto com Júlia.

No resort, Alice e Zé tomam uma bebida e Zé elogia-a, sedutor. Manel e Vera entram, à socapa, e seguem para o quarto. Quando entram na suite, encontram um cenário de lua de mel e ficam muito constrangidos, sem saber o que fazer. Decidem ver um filme, aliviados.

No caminho para Lisboa, Diana liga ao filho para lhe dizer que já está a caminho do Algarve. Ao ver uma placa a dizer miradouro, encaminha-se para lá.

Enquanto Vera dorme, Manel atende a mãe e diz que está tudo, a despachá-la. Depois de desligar, olha apaixonado para Vera e volta a deitar-se ao seu lado.

No miradouro, Diana recorda um piquenique que fez ali com Duarte quando fizeram um mês de namoro. Desperta da recordação com uma música que lhe é familiar, estaciona e segue para o miradouro a pé. Embrenhada nos seus pensamentos, liga a Duarte a dizer onde está e escorrega, dando uma queda aparatosa.

No fundo da ribanceira, Diana continua caída, sem sentidos, e sem conseguir levantar-se. Tem uma grande mancha de sangue na camisola.

Manel e Vera acordam descontraídos, na suite do resort. Ele abre uma garrafa de champanhe e começa a brincar e acabam por se envolver aos beijos e fazem amor pela primeira vez.

Duarte chega ao sítio onde Diana disse que estava, chama por ela mas não a encontra. Tenta ligar e ouve o telemóvel lá em baixo e localiza-a. Desce até lá e observa que ela tem um ferimento grave. Depois de ter perdido bastante sangue, Diana perde os sentidos.

Ana Rita vai a sair de casa com Isabel para irem às compras. Afonso fica irritado com isso e garante que vai arranjar emprego para sustentar a mulher e a filha.

Duarte tenta estancar a hemorragia de Diana e ela está muito fraca. Duarte confessa que ainda a ama e que nunca mais a vai deixar. Esperam pela ambulância.

Luísa ouve as gravações das escutas e percebe que Zé vai fazer uma transação ilegal. Quer saber do que se trata através de Helena mas Miguel sugere-lhe que fale antes com a PJ e que faça uma denúncia. Luísa assente e faz o telefonema.

Manel e Vera descem, felizes da suite e entregam a chave a Eva, na recepção. Zé aproxima-se de Helena e esta dá-lhe graxa. Quando este sugere que vai mudar o nome do resort, Helena apoia-o, de imediato.

Na fábrica, Maria Paula está arrasada pois descobriu que a cadela foi envenenada com veneno para ratos e não faz ideia de quem possa ter vindo aquela maldade. César fala em Deus e afirma que o plano divino está sempre correto.

nas redes

pesquisar