SIC

Perfil

De segunda a sábado

Resumo: 134º Episódio - 21 de fevereiro (quarta-feira)

Miguel descobre o traficante que vendeu os injectáveis a Zé e tenta negociar com ele

Victor Freitas\302\251

*OS RESUMOS DOS EPISÓDIOS ESTÃO SUJEITOS A MUDANÇAS EM FUNÇÃO DA EDIÇÃO DA NOVELA

Como prova do seu amor, Guilhas dá os brincos que encontrou nos pertences do pai a Joana. Esta fica sensibilizada com o gesto e beija-o.

Miguel caminha num bairro degradado e reconhece a casa de Diamantino e vai fotografando tudo.

No hospital, Isabel repreende o filho e exige que ele se trate. Afonso não sabe como mas quer tratar-se. Fica animado ao saber que Ana Rita não saiu do pé dele a noite toda. Depois de Isabel sair, Ana Rita pede ao irmão que nunca mais volte a fazer aquilo.

Luísa vai à casa de acolhimento e cruza-se com Joana e repara, imediatamente, nos brincos da mãe e pergunta como é que ela os tem, deixando Joana assustada. Já com Teresa presente, Luísa explica que houve um assalto à casa dos pais, há dez anos. Confirma tudo ao ver as iniciais da mãe Joana entrega-lhos. Teresa só quer proteger Guilhas da situação.

Castro diz a Zé que Helena voltou a perder e que não a deixou jogar mais. Zé está mais preocupado porque ainda não houve novidades de Rodrigo.

Miguel continua a vigiar a casa de Diamantino e finalmente ganha coragem para lhe bater à porta. Pede-lhe que lhe venda os injectáveis e afirma que veio da parte de um amigo que também lá esteve. Diamantino está desconfiado e quer saber se ele é polícia e Miguel garante que não.

A propósito de Afonso, Ana Rita afirma a Isabel que ele é um adicto e que tem de se reabilitar. Passam por um baloiço antigo e Ana Rita finge recordar-se dele. Isabel fica emocionada e quer que a família fique toda bem e Ana Rita sente-se culpada por isso.

Ao saber que a mãe e Duarte se vão separar, Manel exige saber o motivo. Manel percebe que tem algo a ver com ele. Apesar de estar triste, para Diana ter o filho livre é a única coisa que precisa.

Laura continua a fazer arranjinhos amorosos a Francisco e a Camila, o que os deixa irritados.

No resort, Vasco tenta abrir uma garrafa de água e deixa cair tudo para cima do computador. Ouve-se um pequeno estrondo e começa a sair fumo do interior. São ajuda-o a disfarçar.

Miguel confirma a Filipe que Zé comprou mesmo a droga a Diamantino. Confessa que fez uma denúncia e que ele foi preso. Espera agora que Filipe negoceie com o traficante para ele dizer que Zé lhe comprou droga. Filipe explica que não é ele quem faz os acordos.

Luísa recorda o momento em que Miguel lhe disse que Zé mandou assaltar a casa deles, de propósito. Zé interrompe os seus pensamentos para a avisar que vai lá a casa para ir buscar coisas de Catarina. Fala cínico com ela e Luísa assegura que nunca lhe dará a guarda da filha. Antes dele sair, Luísa mostra-lhe os brincos que recuperou. Zé finge-se de desentendido e Luísa acusa-o de ter estado envolvido no assalto.

Na casa de acolhimento, Guilhas conversa com Ana Rita sobre a morte do seu pai. Esta consola-o e oferece-se para o ajudar a trazer o corpo para Portugal mas Guilhas recusa.

Luísa sai do gabinete e Zé tenta intercepta-la, mas ela solta-se. Tomás aparece e vem conversar com a irmã para lhe propor que vendam a casa dos pais para não ficarem tão desfalcados de dinheiro. Luísa fica estarrecida e além de não poder vender a casa, pois está hipotecada, também não quer fazê-lo.

Francisco combina um jantar em sua casa com Bárbara e Maria Paula ouve a combinação. Fica feliz por saber que ele tem boas intenções e dá-lhe uma dica, Bárbara adora salada de polvo.

Ofélia prepara-se para deixar um envelope no quarto da russa a marcar um encontro com Lou mas Vasco apanha-a, em flagrante. Esta disfarça e sai.

Manel e Vera jantam no restaurante e este desculpa-se diante de Vera por tê-la ignorado enquanto esteve preso. Vera fica feliz com a surpresa e prometem que nunca mais se largam.

nas redes

pesquisar