SIC

Perfil

Aos fins de semana

Lua Vermelha - Resumo de 9 a 15 de outubro

Afonso tenta transformar Catarina para salvar-lhe a vida!

Ed enfrenta a fúria dos colegas, por ter feito com que Lúcio descobrisse que eles estavam a usar a cave do colégio como sala de convívio. Daniela propõe que façam uma greve da fome para que o director lhes devolva a cave. Ed chora as mágoas com Vânia e considera-se um falhado.

Lúcio pretende apoio junto dos restantes professores para castigar os alunos que usaram a cave sem autorização, mas fica surpreendido quando Catarina defende que os alunos devem continuar a utilizar aquele espaço. À excepção de Magda, todos os docentes concordam com Catarina, deixando o director muito contrariado.

Lúcio é levado ao desespero quando os alunos se barricam na cave, em greve da fome. Como director não está na disposição de ceder, os alunos mantêm o protesto e organizam-se por turnos.

Beatriz, Henrique e Afonso controlam-se e não respondem às provocações de Victor. Este, irritado por não conseguir perturbá-los, acaba por se afastar.

Céu vê Daniela e Joel aos beijos. A perturbação aumenta, ao confirmar que a irmã namora com ele.

Gustavo fica desiludido com Clara que recusa falar com ele, afastando também qualquer possibilidade de serem amigos.

Catarina conversa com Abílio dizendo que foi à serra fazer tai-chi e aproveita para lançar o desafio a Simão, que se dispõe a segui-la. Sofia percebe como Simão está derretido com Catarina e fica cheia de ciúmes. A discussão é inevitável quando a psicóloga propõe uma saida até ao Bloody Mary. Magda e Sofia recusam por estarem cansadas, mas Simão apressa-se a dizer que não se importa de ir só com Catarina. Sofia fica à beira de um ataque de nervos.

Joana protesta porque ficou sem o coelho bianchi e porque os pais concordaram com todos os castigos que Lúcio lhe aplicou, por ter andado a roubar. Laura e Matilde olham preocupadas para Joana.

Simão agarra Sofia e beija-a, esclarecendo que tratou Catarina com grande simpatia, só para lhe provocar ciúmes. Para selar a reconciliação, Simão convida Sofia para ir com ele ao Bloody Mary.

Raul diz que desapareceu uma garrafa de sangue que sobrou da armadilha montada aos vampiros. O homem da Luz Eterna acusa Hélio, por já ter roubado armas antes. Verónica defende o rapaz, dizendo que Raul não tem provas. Este sai irritado do laboratório.

Octávio preocupa Máximo, Beatriz e Henrique quando se deslumbra com Sofia, acabada de entrar no bar dos vampiros com Simão. Beatriz afirma mesmo que o seu discípulo não vai conseguir controlar-se caso veja algum dia um humano a sangrar. Palavras não eram ditas quando Octávio interpela Sofia que, incomodada é defendida por Simão que dá um murro no vampiro. Octávio reage e derruba Simão que é salvo por Beatriz. Máximo expulsa Octávio e pede desculpa aos professores.

Verónica repara num projecto que André tinha interrompido e fica entusiasmada, ordenando que o desenvolva.

Afonso envergonha Francisca, insinuando que Máximo está apaixonado por ela.

Hélio vai para a serra e espalha o sangue que roubou do laboratório. Raul surpreende-o e arrasta-o à presença de Verónica. Catarina, ignorando que corre perigo fica a praticar tai-chi perto do sangue que Hélio espalhou. Octávio descontrola-se com o cheiro e ataca Catarina que sucumbe às dentadas do vampiro.

Máximo ajuda Francisca no Hotel e esforça-se por lhe diminuir a tristeza por ter sido obrigada a devolver à mãe o bebé de quem cuidou. Máximo acaricia a mão de Francisca que a retira envergonhada. Máximo não insiste e muda de assunto, conversando sobre o esforço de Beatriz para treinar Octávio.

Rita fica atónita quando vê Matilde a fazer abdominais em vez de dormir.

Beatriz e Afonso descobrem Octávio a beber o sangue de Catarina. O jovem vampiro está completamente descontrolado e Beatriz é obrigada a lutar com ele, para o dominar. No meio do combate, diz a Afonso que tem de transformar a psicóloga do colégio para lhe salvar a vida. Afonso dá o seu sangue a beber a Catarina e leva-a de seguida para o Bloody Mary. Máximo não esconde a preocupação, temendo que Catarina não sobreviva. Afonso quase não suporta observar o seu sofrimento.

Verónica repreende Hélio por ter ido sozinho para a serra colocar armadilhas e manda-o regressar ao colégio. Raul afirma que afinal tinha razão quanto á imaturidade do rapaz, mas Verónica não lhe dá margem para continuar a atacar Hélio, preferindo destacar a ideia que André teve para construir mais uma arma contra os vampiros. Raul olha-os visivelmente contrariado.

Os alunos que estão em greve da fome para recuperarem a cave convidam os restantes para se juntarem à luta. Matilde fica irritada quando Joana diz que ela não deve participar devido à sua doença. Manel recusa participar, temendo que a humidade da cave lhe estrague o computador.

Lúcio comunica aos professores que não tenciona ceder à vontade dos alunos. Guilherme conversa com o director e tenta convence-lo a voltar atrás. Ao verificar que o número de grevistas aumentou, Lúcio decide devolver a cave aos alunos mas impõe regras que todos aceitam.

Manel, por estar zangado com Tiago, critica o amigo por ele ter participado na greve.

Simão aparece com um olho negro, resultado da luta com Octávio. Magda, Sofia e Guilherme sorriem com a situação.

Filipe oferece bombons a Rita mas o momento romântico é estragado com mais uma aparição de Duarte. Este conta que a namorada perdeu o bebé e Rita confessa depois a Luísa que começa a sentir pena dele.

Verónica é chamada de urgência ao laboratório e tem de deixar para outra altura o café que planeava tomar com Magda. Chegada à Luz Eterna, Verónica confere a evolução que André registou na construção da bomba que está a construir. Raul só sabe deitar abaixo o projecto.

Isabel recusa passear com Victor mas tenta arrancar dele mais informações sobre Jaguar. Para conseguir ficar mais um pouco com ela, Victor mente, dizendo que o homem que pensavam ser Jaguar, era afinal um impostor. Isabel pede ao vampiro que não desista de a ajudar e permite, cínica, que ele lhe segure na mão.

Abílio viu Filipe a oferecer chocolates a Rita e, pensando em Fátima, vai perguntar a Sofia se acha o presente muito infantil.

Beatriz confessa a Henrique que pediu a Afonso que transformasse Catarina, para ter uma ocupação que o faça esquecer Isabel e Victor. Beatriz acredita que as próximas horas serão decisivas para que Catarina morra, ou se transforme em mais uma da sua espécie.

nas redes

pesquisar