SIC

Perfil

De segunda a sexta

Laços de Sangue - Semana de 17 a 23 de julho

Inês e João casam!

Graciete fica de tal forma afectada, que diz ao médico que já sofreu o suficiente, recusando continuar a fazer os tratamentos contra o cancro. António fica desesperado, por não conseguir demovê-la. O cirurgião é mais pragmático e aconselha a florista a não agir de cabeça quente, dispondo-se a ajudá-la, caso decida voltar a tratar-se.

Inês perde-se em pensamentos sobre Diana. Jaime e Isabel sugerem que dê um passeio para se distrair, conselho que segue quando João chega.

Já em casa, Graciete mantém que não quer voltar a sofrer mais com a quimioterapia e a radioterapia, preferindo morrer. António chora em silencio e sai devastado para o café. Marisa é a primeira a aperceber-se de que algo não está bem, fazendo com que António revele o pior. Aos poucos, Fátima, Álvaro, Sandra e até César, vão-se aproximando, percebendo a gravidade da situação. Ernesto mantém-se à distância, tentando entreter Filipa.

Sozinha entre as suas quatro paredes, Graciete chora desesperada.

João pensa dizer a Rita para vir ao seu casamento acompanhada por Daniel. Francisca concorda com a ideia do filho.

Rita conta a Daniel que Mónica a foi ameaçar e casa e que a conversa não foi bonita. O veterinário fica furioso e quase perde a cabeça, quando a ex-mulher impõe a sua presença para jantar com os filhos. Rita opta por se retirar sem sequer cumprimentar a rival. Daniel aguenta o jantar até ao fim para não perturbar os filhos mas quando eles se vão prepara para deitar, expulsa Mónica de casa, deixando-lhe muito claro que o plano que ela traçou para o separar de Rita não vai resultar.

Liliana e Orlando fazem as pazes e beijam-se apaixonados. O engenheiro garante que a sua história com Sandra terminou de vez.

Gi fica desconsolada ao testar os conhecimentos de Armando depois da aula de etiqueta.

Sheila fica desiludida por que Gastão torce o nariz ao jantar que ela fez. O advogado melindra a sua princesa, sugerindo que contratem uma empregada para tomar conta das tarefas domésticas, como cozinhar.

Adelaide está maravilhada com o impacto que os seus vídeos tiveram na internet. Sara dá-lhe todo o apoio, fazendo com que compreenda a importância que está a ter na recuperação de outras pessoas com vícios.

Francisca fica radiante por ter a companhia de João ao jantar.

Manel diz a Catarina que está disposto a dar um aperto em Victor, caso ele não devolva o dinheiro que roubou da fábrica.

Marisa, nervosa com o estado de saúde de Graciete, grita com Filipa. A florista acarinha a menina, antes de se juntar a Marisa na cozinha. Esta desata a chorar, mas Graciete diz-lhe com firmeza que ainda não está morta. António surpreende-se com a força e coragem que a mulher revela. Mais tarde a florista promete a António ouvir os conselhos que o médico tem para lhe dar, relativamente aos novos tratamentos.

Bruno, esconde o seu desagrado ao perceber pela conversa de Inês que o seu plano para a separar de João, não está a resultar.

Ricardo e Diana deixam-se embalar nas carícias e fazem amor. Ele fica convencido que a sua relação com a vilã é genuína, deixando-se manipular por ela.

Inês vai visitar Eunice e surpreende Diana que está a atormentar a mãe, sussurrando-lhe ao ouvido que se não se portar bem, vai ser castigada. Eunice não esboça grande reacção, mas está em pânico.

Diana consegue iludir Inês, fazendo com que ela acredite que foi visitar Eunice, como terapia para recuperar a memória. Eunice mantém-se apática, mas denotando algum nervosismo que Inês não detecta, pedindo apenas a Diana que se vá embora para não perturbar a mãe.

Diana fica irritada por ter encontrado Inês e telefona a Bruno dizendo que está na altura de avançarem com o plano para separar a irmã e João.

Graciete aceita voltar às consultas médicas mas exige, em troca, poder ir trabalhar no mercado, argumentando que não quer ficar sentada à espera que a morte chegue. Embora concordando com o pedido da mulher, António fica muito apreensivo.

Marisa ainda tenta demover a florista, dizendo que ela deve ir para casa descansar, mas acaba por ser mal tratada.

César gaba-se de ser um grande treinador e surpreende Álvaro e Sandra dizendo que tem de deixar o café por algumas horas. Mais surpreendidas ficam Fátima e Catarina, quando César se apresenta na fábrica para ter uma reunião em que lhes pede que patrocinem a sua equipa de futebol. As duas amigas conseguem conter o riso a muito custo, atónitas com o seu discurso, mas prometem pensar no assunto.

De regresso ao café, César fica desiludido, pois é alvo de troça de Álvaro, Ernesto e Sandra.

Fátima e Catarina ameaçam Victor, dizendo que se ele não devolver o carro e o dinheiro que roubou da fábrica, o entregam à polícia. O homem dispõe-se a colaborar.

Graciete tem uma tontura e desmaia no mercado. É socorrida por Marisa, Sheila e um cliente. António fica preocupado e leva a florista para casa. Graciete insiste que teve apenas uma quebra de tensão.

Inês, João e Gi fazem os preparativos para o casamento.

Ricardo vai a casa de surpresa. Diana finge que gosta de o ver.

Lourenço não consegue resistir à pressão de Liliana e contrata-a para trabalhar na imobiliária. Gabriela aconselha-a a não desperdiçar mais uma oportunidade.

Daniel garante a Rita que vai combater Mónica e conta à namorada que expulsou a ex-mulher de casa, queixando-se que ela está a tentar aproximar-se dele, utilizando os filhos.

Graciete recusa a ajuda de Marisa que se oferece para tomar conta da banca das flores.

Sheila conta a Gastão o susto que apanhou no mercado com o desmaio de Graciete.

Armando esconde de Gi a mão que magoou a fazer exercício na passadeira.

Inês é atraída a um motel, pensando que o convite parte de João. Este recebe uma chamada anónima, dizendo que a noiva o está a trair. Inês chega ao quarto e depara-se com Bruno que encheu o espaço com flores e champanhe. Quando João aparece, pensa que Inês está a traí-lo e agride Bruno com um murro.

Inês corre atrás de João, desesperada, mas ele não se detém e vai embora, perfeitamente convencido de que ela o traiu com Bruno.

Diana fica radiante quando este telefona a contar que o plano para separar os noivos, correu na perfeição. A vilã combina um encontro com Bruno e paga-lhe mais do que estava combinado, tal é o contentamento por ter conseguido prejudicar a irmã.

Alheios ao drama que se está a desenrolar, Tiago e Isabel conversam sobre a felicidade que João e Inês estão finalmente a viver, concordando que já merecem ter paz.

Inês tenta desesperadamente falar com João, mas ele não atende a chamada.

Daniel não permite que Mónica jante em sua casa, apesar da insistência de Matilde e Martim para que a mãe fique com eles. Mónica olha cheia de raiva para Daniel antes de se ir embora.

Orlando repreende Liliana por esta estar a abusar da hospitalidade de Rita.

César avisa Sheila se que não deve comer tanto antes do treino de futebol. Ela faz orelhas moucas e acaba por ficar maldisposta. O treino acaba por ser um verdadeiro desastre, porque Adosinda se lesiona e Marisa falha um golo de baliza aberta. Ernesto vê o desespero de César e deixa claro que ele tem de arranjar mais jogadoras.

Armando vê-se aflito para disfarçar as dores que sente na aula de etiqueta, depois de ter dado um valente trambolhão na passadeira de Gi, a fazer exercício. Como ele não colabora, Gi propõe à professora que retomem o trabalho noutro dia.

Marco pede a Fátima para fazer uma tatuagem mas a mãe responde que só quando fizer dezoito anos, fará o que entender.

Inês chama Isabel e conta o desentendimento que teve com João, depois deste ter pensado erradamente que ela o traiu com Bruno. João, por sua vez, desabafa com Manel, mas o amigo diz não acreditar que Inês tenha sido capaz de o trair.

César e Marisa oferecem ajuda a António para cuidar de Graciete.

Francisca fica preocupada quando João regressa a casa, pedindo à mãe para ali ficar uns dias, sem revelar o que sucedeu entre ele e Inês.

Diana presta um falso apoio a Ricardo, escondendo a sua satisfação quando ele diz que Nuno está a conduzir a Ioiô para a ruína.

Inês garante a Isabel que não traiu João. Este, por seu lado, isola-se no quarto e recorda com raiva o momento em que viu a noiva no quarto com Bruno.

Rita convida Daniel a acompanhá-la no casamento de João. O veterinário fica muito feliz com o convite.

António fica perplexo quando Graciete lhe confessa que se não fosse por ele, já tinha desistido de viver.

Tiago tenta animar Inês, dizendo à irmã que João há-de perceber que ela está a falar a verdade.

Manel vai falar com João, aconselhando-o a ouvir o que Inês tem para dizer em sua defesa. Manel deixa João pensativo, perguntando-lhe se está disposto a desistir do casamento sem mais nem menos.

Antes de se despedir de João, Manel insiste para que o amigo fale com Inês e não tire conclusões precipitadas sobre o que viu no motel.

Francisca continua muito preocupada, porque João não lhe conta o que se passou com Inês, deixando a ideia de que pode desistir do casamento.

Graciete aceita finalmente continuar a fazer os tratamentos para vencer o tumor que tem no cérebro. António não esconde o orgulho que sente, por ver a mulher disposta a lutar pela vida.

Ricardo fica curioso pelo facto de Manel ter chegado atrasado, dizendo que esteve com João a tratar de um assunto importante.

Inês procura Francisca e conta-lhe o motivo da discórdia com João, vincando que não o traiu, sendo apenas atraída por Bruno, para uma armadilha.

Diana avisa Nuno que planeia fazer uma visita à Ioiô e que ele deve continuar a fingir que a detesta. Nuno cumpre o plano à risca, quando a vilã aparece na empresa e surpreende Ricardo com um convite para almoçar. Este defende a namorada, censurando a hostilidade com que ela é recebida por Nuno.

Victor tenta ficar com o carro e com o dinheiro que roubou enquanto esteve a administrar a fábrica. Fátima e Catarina encostam-no à parede dizendo que se não devolver os bens, terá de responder perante a polícia.

César decide recrutar novas jogadoras da equipa de futebol no mercado e exige a colaboração de Sheila e Marisa.

João não aceita que Francisca tenha opinião sobre o seu diferendo com Inês, porque a mãe não viu o mesmo que ele.

Lourenço não se deixa convencer facilmente das qualidades de grande vendedora de casas que Liliana apregoa.

Rita remedeia os estragos que os devaneios de Liliana provocaram no lagar, enquanto Orlando deseja que a namorada ganhe mais juízo, rapidamente.

Helena aparece de surpresa na esplanada e força Lourenço a tomar café. Liliana apercebe-se que a mulher está interessada nele.

Ernesto diverte-se com as dificuldades que César atravessa para conseguir jogadoras de qualidade para a equipa da junta de freguesia.

Graciete abraça Sheila e Marisa, garantindo que está empenhada em vencer a doença. As raparigas não escondem a preocupação pelo estado de saúde da florista.

Na fábrica de enchidos, António desabafa com Fátima e Catarina, contando que Graciete ficou muito desanimada ao saber que ainda não conseguiu vencer o cancro. As amigas oferecem todo o apoio que puderem dar.

Gi diz não acreditar que Inês traiu João. Apesar disso confessa-se angustiada, sem saber se deve ou não, cancelar o casamento.

Inês visita Eunice e chora junto da mãe, lamentando que ela não a possa ajudar a superara este momento difícil da sua vida.

João aceita, finalmente conversar com Inês e acaba por aceitar as suas explicações, percebendo que ambos foram vítimas de uma cilada. Os noivos reconciliam-se e beijam-se com paixão. Diana causa surpresa no mercado, ao aparecer por lá para visitar Graciete. A florista fica sem saber como reagir.

Inês e João percebem que foram vítimas de uma cilada feita por Bruno, mas estão longe de imaginar que tudo aconteceu a mando de Diana.

Graciete recompõe-se da surpresa pela visita que Diana lhe faz no mercado e trata-a com a maior frieza. A vilã vai-se embora, disfarçando com grande dificuldade a sua irritação, principalmente por ter de aguentar as provocações de Sheila.

Victor devolve o carro que comprou em nome da fábrica e também o resto do dinheiro que tinha pedido emprestado para pagar às operárias. Fátima e Catarina não lhe poupam o olhar crítico.

Gi fica aliviada ao saber que pode continuar a preparar o casamento de Inês e João, uma vez que se reconciliaram. Tiago e Jaime também estão satisfeitos por tudo ter ficado esclarecido.

Diana pede a Catarina que se encontre com ela e começa a manipulá-la para lhe reconquistar a amizade. Começa por dizer que está a tentar reaproximar-se de Graciete, mas que esta não lhe dá uma oportunidade. Finge estar melindrada com a frieza com que ela a trata e com a sua doença. Catarina conta-lhe que Inês e João estão desavindos e Diana mostra-se surpreendida. Pouco a pouco, Catarina começa a pensar que Diana está mesmo a mudar para melhor. Manel fica desagradado quando ela diz acreditar na amnésia da ex-amiga.

Gastão visita Ricardo para lhe dizer que gostava que ele se entendesse com João, pois, afinal de contas, são irmãos. Diana fica atenta à conversa e tem de disfarçar o seu desagrado, quando Gastão revela que, afinal, vai haver casamento porque João e Inês fizeram as pazes. Quando o pai vai embora, Ricardo confessa a Diana que gostou da visita.

César faz birra porque Álvaro dispensa Sandra para ir ao casamento de Inês e João, acompanhando Tiago.

Daniel agradece a Rita por tê-lo convidado para a acompanhar à boda do irmão.

Isabel não deixa Inês desamparada e vai ajudar a amiga a vestir-se para o casamento.

António elogia o vestido de Graciete e diz que ela vai ofuscar a noiva.

Jaime fica comovido porque David diz que ele tem mais paciência para ele do que o pai. David confessa que Luís o obrigava a fazer tudo à pressa e que gritava com ele.

Armando queixa-se a Gi que não vai desfrutar do casamento por não conseguir comer bem, uma vez que está magoado numa das mãos. A mulher responde com ironia, dizendo que se comer com maneiras vai conseguir ter prazer durante a refeição.

Adelaide envergonha Daniel, dizendo que ele é mais bonito do que ela tinha imaginado. João quebra o diálogo, pois surge já vestido para o casamento, impressionando a família.

Diana finge-se bem intencionada e convence Ricardo a ir com ela desejar felicidades a João e Inês, apesar de não terem sido convidados para o casamento.

João e Inês são declarados marido e mulher, para gáudio dos convidados. Sheila beija Gastão de forma exuberante, causando enorme desconforto em Adelaide, enquanto Armando perde a compostura e apalpa Gi. Adelaide não suporta os beijos entre Sheila e Gastão e tem uma recaída, voltando a beber.

Quando João e Inês se preparam para brindar à sua felicidade eterna, ficam petrificados com a chegada de Ricardo e Diana ao casamento.

Inês e João ficam atónitos com o descaramento de Ricardo e Diana, que aparecem no casamento sem terem sido convidados, para desejarem felicidades aos noivos. Diana prossegue a sua encenação, desculpando-se pelo mal que lhes causou no passado. A vilã continua a comportar-se como se tivesse perdido a memória. Graciete interrompe a farsa pedindo-lhe que vá embora. Diana e Ricardo retiram-se, mostrando-se melindrados por não serem bem recebidos. Ele mostra-se revoltado por não ter a aceitação da família, enquanto ele se finge culpada pela situação delicada que criou. Tiago não esconde o desagrado pela presença de ambos. Graciete comenta com António que continua a não confiar em Diana.

Armando critica a comida que Gi escolheu para o casamento, dizendo que lhe falta umas coxas de frango. A mulher lança-lhe um olhar furioso.

Adelaide rouba uma garrafa de vinho na festa e vai para casa bebê-la. Fica deprimida por ter tido uma recaída e telefona a Sara, em lágrimas, pedindo ajuda. A orientadora dos alcoólicos anónimos vai ter com Adelaide e tenta animá-la, deixando claro que muitas pessoas com o mesmo problema têm recaídas. Quando Francisca chega, encontra a irmã muito agitada, mas confia em Sara para a ajudar. Adelaide pede a Gastão que se vá embora, pois não consegue encará-lo, lembrando-se que voltou a beber depois de o ver aos beijos com Sheila.

Isabel recolhe o bouquet lançado por Inês, indiciando que será a próxima a casar. Sheila fica arreliada por não ter sido ela.

Depois de chegarem a casa, Ricardo e Diana voltam a envolver-se. Diana dá falsas esperanças a Ricardo de que deseja, brevemente, constituir uma família com ele. Para o deixar ainda mais confiante, incentiva-o a recuperar a presidência da Ioiô.

Entusiasmado pelo clima romântico do casamento, Armando transporta Gi para o quarto quando chega a casa.

Marco esquiva-se a responder à mãe, quando Fátima lhe pergunta porque é que ainda não levou Petra lá a casa, se ela é tão boa rapariga como ele diz.

César escolhe os reforços para a equipa de futebol mas mostra-se desanimado com a fraca qualidade das jogadoras.

Graciete regressa a casa muito cansada e causa preocupação em António e Marisa. A florista vai a custo fazer os tratamentos na tentativa de se livrar do cancro, mas chora desesperada, dizendo que não quer morrer.

Sheila fica amuada por Gastão ter ido ver Adelaide, criticando a ex-mulher do namorado por ter voltado a beber. Gastão começa a beijar Sheila com beijos provocantes, reacendendo o vulcão que existe quando estão juntos.

Isabel fica sensibilizada com o carinho com que Jaime cuida de David.

Tiago toma a decisão de gravar um vídeo em que confessa ter morto Alice por acidente, mas deixa claro que tudo aconteceu durante o assalto que Ricardo lhe encomendou. Depois desta confissão gravada, Tiago guarda-a num cofre, entregando uma das chaves a Sandra, explicando que se trata de uma medida de segurança. Segue depois para casa de Ricardo onde, à frente de Diana, ameaça entregar a confissão à polícia, caso eles não desistam de atormentar Inês e João.

nas redes

pesquisar