SIC

Perfil

De segunda a sexta

Laços de Sangue - Semana de 3 a 9 de julho

Diana revela-se a Eunice e deixa a mãe num estado de letargia! João pede Inês em casamento!

Diana jura vingança contra Inês e segura na mão a fotografia rasgada da irmã.

Nuno convoca uma reunião com a família Caldas Ribeiro, tentado a afazer abortar o plano que tem para destruir a Ioiô, pois murmura que não vai ficar queimado, só porque Diana sofreu uma amnésia. Desconfiado, Ricardo tenta saber o tema de reunião. No entanto, Nuno não lhe dá confiança para tanto e nada revela, dizendo apenas que pretende explicar algumas alterações nos projectos que tinha para a empresa. Entretanto, a família de João fica indignada com o facto de Ricardo ter acolhido Diana, sendo ela uma criminosa. Rita diz mesmo que o primo deve ser confrontado com a sua atitude logo que chegue para a reunião sobre o futuro da Ioiô.

Eunice também fica em choque com a notícia de que Diana deixou o lar e, Inês, suspira pelo fim do seu martírio, pois não consegue ver-se livre da irmã.

Domingos fica preocupado com Sandra e decide visitar a filha em Lisboa, muito incentivado por Alzira e por Orlando, que se oferece para olhar pelo trabalho da herdade durante a ausência do caseiro.

Mónica tenta aproveitar a doença de Matilde para se aproximar decisivamente de Daniel. Para sua desilusão, o veterinário deixa claro que a única ligação que têm é dois filhos em comum, vincando ao mesmo tempo que não quer ter mais nada a ver com a ex-mulher. Mónica sai da casa de Daniel muito contrariada.

Eunice insiste com Tiago para que volte a trabalhar no M, junto de Inês. O rapaz promete pensar no assunto para não afligir mais a mãe.

Jaime e Isabel confessam o seu espanto por Ricardo se ter responsabilizado por Diana, mas essa sensação de desconforto é atenuada pelo regresso de Inês ao restaurante.

Marisa e Sheila decretam tréguas para vigiarem Graciete, que decidiu regressar ao trabalho no mercado. A florista acaba por se reencontrar com Ernesto, velho conhecido e antiga glória do futebol português. Como o homem se encontra na miséria, Graciete oferece-lhe um arranjo de flores para ele colocar na campa da esposa falecida. Ao final do dia, Marisa e Sheila reparam no cansaço que a amiga evidencia.

Fátima e Catarina esperam do banco uma resposta positiva do banco a quem pediram crédito para comprarem a fábrica de enchidos. Assim, não dão qualquer resposta às operárias que as querem de volta à administração da Campo Rico.

Tiago fica transtornado porque Sandra tarda em recuperar da violação e continua a rejeitá-lo.

Armando aproveita para continuar a praticar ginástica às escondidas de Gi, quando a mulher é obrigada a cancelar a aula com Micael.

Inês e João felicitam Isabel e Jaime por terem decidido viver juntos e aproveitam para revelar que tomaram a mesma decisão.

Diana fica irritada por saber que Nuno se prepara para tomar decisões sobre a Ioiô á sua revelia e liga-lhe em plena reunião com a família de João. Nuno fica atrapalhado e recebe o consentimento de Francisca para atender a chamada em privado. Diana revela-se ao seu homem de mão e deixa claro a Nuno que não está amnésica, exigindo e cumpra o plano para destruir a empresa de brinquedos. Quando regressa à sala, Nuno fica atrapalhado por dar o dito por não dito, mas conta com o apoio de Francisca que o defende perante as dúvidas levantadas por Ricardo.

João faz uma surpresa a Inês e pede-a em casamento oferecendo-lhe um anel de noivado quando ela chega a casa, depois dele a ter chamado, fingindo ter um grave problema. O momento romântico é interrompido por Diana que lhes vai pedir desculpa por todo o mal causado. João e Inês correm com a vilã, que persiste em fingir que não se lembra de nada, embora seja obrigada a esconder o ódio que sente por ver que a irmã está prestes a alcançar a felicidade que há tanto tempo persegue.

Apesar de ser recebida com hostilidade por João e Inês, Diana continua a fingir que tem amnésia e até lhes oferece bombons, antes de se ir embora. Inês fica muito perturbada com a visita da irmã. João diz que devem preocupar-se em desfrutar os momentos que vivem juntos, ao invés de se preocuparem com Diana.

Gastão e Adelaide criticam Ricardo por ter acolhido Diana em sua casa mas o filho mantém-se determinado e garante que vai enfrentar quem ousar contraria-lo.

Tiago fica preocupado quando Eunice coloca a hipótese de ir falar com Diana, para que ela deixe de perseguir a família.

Diana destila ódio depois de ter visto Inês e João de novo juntos. Perante Ricardo, finge estar feliz com a felicidade da irmã e corresponde ao beijo que Ricardo lhe dá. Assim que ele sai de casa, começa a traçar o plano para estragar a vida de Inês.

Inês conta a Isabel que Diana lhe apareceu em casa depois de João a ter pedido em casamento e confessa que não confia na irmã.

Mónica força Daniel a comer o almoço que lhe preparou, tentando a todo o transe que ele a aceite de volta.

Domingos decide ir ver Sandra a Lisboa, depois de Orlando garantir que toma conta da herdade. Liliana fica toda entusiasmada por ficar sozinha com o seu amor.

Lourenço é surpreendido por Helena que aparece na imobiliária, convidando-o para beber um café. A conversa corre animada, brincando ambos com o facto dela ser considerada a bruxa das redondezas.

Armando propõe sociedade a Gastão para o aterro que pretende comprar mas o advogado recusa, preferindo ficar-se pelo negócio da baba de caracol. Gi chega a casa nesse instante e obriga Armando a ir tomar banho, incapaz de suportar o cheiro a suor.

João confronta Ricardo, criticando o primo por ter dado guarida a Diana. Nuno mantém-se atento à conversa para ver se consegue alguma informação que lhe seja útil.

Manel, Catarina, Fátima e Álvaro mostram-se animados e confiantes em que o banco lhes empreste o dinheiro necessário para comprarem a fábrica de enchidos.

Graciete fica muito cansada com o regresso ao trabalho no mercado. Sheila e Marisa entram em despique para ajudar a florista.

Armando confessa a Gastão que começou a fazer exercício físico às escondidas de Gi, só para agradar à mulher.

César protesta por estar a trabalhar no café sem ajuda e nem Sheila o anima, quando diz que Sandra está a pensar voltar.

Sandra já não suporta mais o sofrimento por ter sido violada e pede a Tiago que lhe arranje um psicólogo.

Eunice vai confrontar Diana e esta revela-se à mãe, deixando cair a máscara. Confessa que não perdeu a memória e que está de volta para acabar de destruir a família. Percebendo as fragilidades de Eunice, dá-lhe uma estalada, fazendo com que ela mergulhe outra vez num estado de apatia, incapaz de reagir seja ao que for. Diana rouba uma fotografia de Inês que Eunice tem na mala, antes de deixar a mãe a vaguear pelas ruas da cidade. A vilã contrata um antigo amigo para seduzir Inês, com a intenção de separar a irmã de João. Inês e Tiago ficam preocupados porque não encontram Eunice em casa e esta não atende as suas chamadas.

Diana encontra-se com Bruno e dá-lhe as instruções de que precisa para separar Inês de João.

Ao mesmo tempo, Inês é avisada que Eunice foi encontrada a vaguear por Lisboa e por pouco não foi atropelada, antes de ser enviada para o hospital. Alarmada com mais esta peripécia, Inês liga a Tiago, seguindo os dois para junto da mãe. O médico informa-os que Eunice entrou de novo num estado de letargia grave, sem reagir ao mundo exterior. Tiago culpa-se por ter deixado a mãe sozinha, lembrando-se que ela tinha dito que queria ir falar com Diana. Inês não perde tempo a pensar que a irmã está envolvida no incidente.

Sandra regressa ao trabalho no café, permitindo que César vá assistir às aulas do curso de treinador de futebol. Álvaro fica feliz com o regresso da rapariga mas também preocupado com o estado de desânimo em que ela regressou.

António percebe que o regresso de Graciete à banca das flores no mercado a deixou muito cansada. Fica preocupado quando ela mostra vontade de continuar a trabalhar.

Diana evita com subtileza os avanços de Ricardo. Ingénuo, o empresário diz-se disposto a esperar que tudo volte a ser como era dantes.

Manel fica incomodado com Catarina, pois a namorada mostra-se decidida a visitar Diana outra vez.

Graciete não esconde a sua preocupação, ao saber que Diana está junta com Ricardo.

Adelaide surpreende Francisca e Rita, mostrando-se disponível para ajudar Eunice a ultrapassar a fase difícil em que se encontra. Sara testemunha então, que Adelaide se tem revelado de importância fundamental nas reuniões dos alcoólicos anónimos, ajudando diversos pacientes.

Rita confessa que a melhor opção da sua vida foi ter-se mudado para o Alentejo. No entanto a solidão de Daniel é cada vez maior, sem que Rita diga sequer se está bem. Lourenço conta, depois do jantar a conversa interessante que teve com Helena, mostrando-se confiante de que mais dia, menos dia conseguirá vender a herdade do Poço.

Sandra recusa passar a noite com Tiago, deixando o namorado triste com essa opção.

Graciete mostra-se convencida que Diana é a responsável pela recaída que Eunice sofreu, acrescentando que não acredita na amnésia da filha adoptiva. Este episódio deixa Graciete muito intranquila e provoca-lhe insónias, que impedem que vá trabalhar no dia seguinte.

Tiago e Inês ficam apreensivos quando o médico que segue Eunice lhes aconselha a transferirem a mãe para uma casa de repouso, pois vai necessitar de acompanhamento permanente.

Adelaide decide falar da sua experiencia de vida em vídeo para poder ajudar outras pessoas. Francisca e Rita apoiam-na sem restrições.

César fica ofendido com Álvaro que põe em causa as suas qualidades de treinador.

Sheila fica louca de felicidade porque Gastão conta que vai fazer a escritura da casa nova, no dia seguinte.

Armando espera, ansioso, pela saída de Gi para o trabalho, para ir fazer a sua ginástica na passadeira da mulher.

Orlando fica impaciente com Liliana que está atrasada para o trabalho no lagar. Ela justifica-se, culpando o vinho que bebeu na noite anterior.

Sandra é apanhada de surpresa com a visita de Domingos, emocionando-se ao ver o pai. César fala demais e apressa-se a dizer que Sandra foi assaltada, deixando Domingos em pânico. Álvaro dá um raspanete a César.

Inês fica de boca aberta quando Tiago lhe conta que Luís violou Sandra. Isabel, por seu turno, está preocupada porque Luís lhe telefonou, reclamando a visita de David.

Bruno, começa a trabalhar no centro de voluntariado de Inês, preparando-se para a separar de João.

Bruno começa a ganhar a confiança de Inês, fingindo-se fragilizado com as marcas que uma relação anterior lhe provocou. Ela dá-lhe apoio, ignorando que ele foi contratado por Diana, com a intenção de a separar de João.

António e Graciete vão a tribunal para ouvirem a sentença por terem subtraído Diana á sua família quando ela era criança. A vilã finge-se fragilizada e arrependida de ter denunciado o casal e faz questão de acompanhar Ricardo na audiência. A sua presença choca toda a gente, ainda mais quando se desloca até António e Graciete, pedindo-lhes perdão. O juiz começa a justificar a sua decisão, dando a entender que o casal vai ser condenado a uma pena de prisão.

A pretexto da mudança para a casa nova, Sheila provoca Marisa dizendo que ela explora Graciete, por morar de favor em casa da florista.

Ernesto vai ao café, contando a Graciete que as flores que ela lhe ofereceu para colocar na campa da mulher, foram roubadas. César fica entusiasmado por ter ao pé de si, uma antiga glória do futebol português.

Sandra fica constrangida quando Graciete a faz relembrar o assalto que sofreu.

O banco dá aval ao empréstimo que Fátima, Catarina e os seus maridos pediram para comprarem a fábrica. Acompanhadas por Álvaro e Manel, conseguem que as colegas operárias concordem em vender a Campo Rico. A festa é feita no café escondidinho, perante o entusiasmo de César que já imagina a fábrica de enchidos a patrocinar a sua equipa de futebol feminino.

David visita Luís na prisão, num encontro muito dramático. Luís pede desculpa ao filho por ter feito coisas que não devia, enquanto lhe pede que nunca o esqueça. Isabel assiste à conversa e é alvo de um olhar muito duro por parte do ex-marido. Isabel regressa a casa, atormentada pelos esclarecimentos que vai ter de prestar ao filho, depois deste ter visitado Luís na cadeia.

Ricardo mete veneno em Manel, dizendo não compreender como Nuno passa tanto tempo fora da empresa.

Jaime confessa que Isabel e David são a sua razão de viver.

Francisca diz a Rita que vai acompanhá-la até ao Alentejo, onde ficará.

Inês confia a Isabel que vai internar Eunice numa casa de repouso, pois não te condições de tomar conta da mãe.

Domingos visita Rita, revelando que ficou preocupado ao ver Sandra. Ao mesmo tempo, percebe que a patroa está cheia de saudades de Daniel. O veterinário discute com a ex-mulher, deixando claro a Mónica que não quer vê-la mais. Mónica, relembra a Daniel que têm dois filhos em comum.

Liliana fica incomodada quando Orlando diz a

Francisca diz a Rita que quer passar uns dias com ela no Alentejo.

Daniel fica desiludido quando Domingos conta que encontrou Sandra tão bem disposta, que nem perguntou por ele. O veterinário responde, desiludido, que ela não sentiu a sua falta.

Armando pede à empregada que lhe lave o fato de treino novo, e que esconda que ele anda a fazer ginástica. O empresário fica de rastos quando Gastão lhe diz que o dono do aterro não o quer vender. Gi aceita voltar a colaborar com o M.

António e Graciete ficam em liberdade, pois os crimes de que foram acusados por terem subtraído Diana à sua família de sangue prescreveram. A emoção do casal é grande depois de ouvirem o juiz dizer que não podem ser castigados. Diana finge-se contente, perante o olhar desconfiado de João e Inês.

Marisa recebe a notícia com euforia e apressa-se a ir ao café contar que o pesadelo terminou para Graciete e António. César leva um raspanete de Marisa, porque confessa que estava preocupado com a possibilidade de ficar sem casa, se os amigos fossem presos.

Tiago mostra-se feliz dizendo que pelo menos, desta vez, Diana não levou a melhor.

Diana finge admirar Ricardo, dizendo que ele é um homem de princípios.

Nuno convence Francisca e Adelaide a assinarem os documentos para comprarem a fábrica que pode conduzir a família Caldas Ribeiro à ruína. Ignorando a armadilha, João mostra-se satisfeito com o investimento que acabaram de fazer, honrando a memória do avô, fundador da Ioiô. Nuno conta a Diana que Francisca e Adelaide caíram na ratoeira. A vilã diz que cada uma é mais burra do que a outra.

Sheila fica louca de felicidade quando Gastão lhe dá a chave da casa nova.

Fátima e Catarina arrumam o gabinete, preparando-se para assumirem a gestão da fábrica de enchidos, agora como proprietárias. O trabalho é árduo para pôr em ordem o que Victor fez de errado, enquanto esteve a gerir a Campo Rico.

Gi expulsa Armando de casa, porque o marido está a perturbar a aula de ginástica. Num dos exercícios, Micael entusiasma-se e apalpa as coxas da empresária. Gi esbofeteia o treinador dizendo que está despedido. Micael fica sem reação e vai embora, envergonhado.

Ricardo fica zangado quando Manel o critica por ter acolhido Diana.

Marco causa preocupação em Álvaro, pois aparece no café para lanchar com Petra, uma rapariga com um visual excêntrico.

Álvaro mata a sede de Ernesto com um copo de água, ficando angustiado pelo estado de pobreza a que o ex-jogador chegou. Graciete também fica impressionada e convida Ernesto para jantar em sua casa. O marido fica sensibilizado com a atitude da florista, dizendo que está tão apaixonado por ela como no dia em que se conheceram.

Daniel expulsa Mónica da sua casa, deixando claro que não quer nada com ela. A ex-mulher insinua que não o vai largar tão facilmente, argumentando que o facto de terem dois filhos em comum, obriga a que ele tente aceitá-la de volta. Daniel mantém-se firme e quando fica só telefona a Rita. Ela trata-o com frieza e apressa o fim da conversa. Francisca diz que ela não deve afastar-se assim do homem que ama, vincando que terá de tomar uma decisão quanto ao futuro dos dois.

Gabriela ralha com Liliana que se esqueceu de entregar um documento importante dentro do prazo, penalizando o lagar com uma pesada multa. Orlando critica Liliana, dizendo que o deixou ficar mal, pois pediu a Rita para lhe dar trabalho na herdade.

Bruno começa a minar a relação de João e Inês. Ao perceber que João vai morar em casa dela, manda entregar um ramo de flores, escrevendo no cartão que a oferta é apenas um pequeno agradecimento pelo que fez por ele. João recebe o ramo de flores e não resiste a ler a mensagem, ficando sem fala.

nas redes

pesquisar