SIC

Perfil

De segunda a sexta

Laços de Sangue - Semana de 15 a 21 de maio

Inês e João fazem as pazes!

João fica atónito com a proposta de Ricardo para se unirem no combate a Diana, recusando a oferta do irmão. João aconselha Ricardo a libertar-se dos rancores e abandonar a ideia de uma vingança. Ricardo esconde a sua desilusão e, quando se despede, esconde à família o que esteve a conversar com João.

Júlia transforma-se no centro das atenções e todos lhe agradecem por ter tomado conta de João. A enfermeira despede-se do “seu paciente”, mas está tão apaixonada que promete regressar para o ver.

Diana envenena ainda mais Eunice, frisando que Inês muda de princípios quando lhe dá jeito. Completamente manipulada, a mãe dá-lhe razão.

Francisca e Rita espantam-se com o altruísmo de João que, mesmo depois de ter estado a morrer, continua a pôr o bem-estar dos outros sempre em primeiro lugar.

Graciete pede a Marisa que faça as pazes com César, pois é Filipa que está a sofrer com as desavenças do casal. Marisa arranca um sorriso a Graciete pois chegou a pensar que ela queria pô-los fora de casa.

Liliana só vai trabalhar para o mercado, por ser arrancada de casa por Sheila e Sandra. Liliana diz que já não aguenta levantar-se tão cedo e que vai deixar de tomar conta da banca das flores.

Álvaro ouve César dizer que o seu casamento se está a desmoronar. No entanto, põe termo à conversa quando o empregado lhe diz que ele também está a passar um mau bocado, por também sentir ciúmes da mulher, Fátima.

João garante a Francisca e Rita que, faça Ricardo o que fizer, jamais voltará a confiar completamente nele.

Pressentindo que o filho pode precipitar-se numa vingança perigosa contra Diana, Gastão aconselha Ricardo a ponderar com muita cautela, qualquer atitude que venha a tomar.

João fica entristecido por Custódia deixar de trabalhar lá em casa e constata, com alguma amargura, que muitas coisas sucederam na sua ausência.

Gi não gosta que Bernardo tenha convidado a avó da namorada para jantar, temendo que o filho volte a apaixonar-se por uma pessoa muito mais valha do que ele.

António surpreende Victor a remexer nos papéis da fábrica mas não desconfia das suas más intenções.

Armando está em pulgas para ver no mercado o seu creme de beleza, fabricado com baba de caracol, insistindo até à exaustão com Gi para que experimente.

Graciete sente-se mal com os tratamentos de radioterapia e deprimida por estar a perder cabelo.

Liliana faz uma pausa no trabalho e liga a Orlando. Este fica atrapalhado e rejeita a chamada por não está sozinho.

Sheila e Sandra não poupam César, criticando-o por infernizar a vida de Marisa.

Luís insiste em fazer má-língua com a presença constante de Nuno no gabinete de Diana. Manel não lhe liga e combina encontrar-se com Inês. Luís fica amuado por não ter a atenção de Manel.

Júlia olha de forma apaixonada para João e o facto não passa despercebido a Francisca e Rita.

Depois de conversar com Manel, Inês decide ir visitar João. Quando entra na sala, fica desesperada por vê-lo com Júlia.

Inês fica arrasada por ver que João está acompanhado por Júlia e balbucia que foi um erro ter aparecido. Mal sai da casa dos Caldas Ribeiro chora convulsivamente, cada vez mais convencida de que João tem um novo amor. O médico estranha a visita de ex-namorada, pois pensa, por sua vez, que ela ainda está noiva de Nuno. Júlia fica desconfortável com a situação e, por estar perdidamente apaixonada por João, recusa-se a ouvir a história de amor que ele viveu com Inês. Quando a enfermeira vai embora, João confessa a Rita que sente por ela não mais do que amizade e gratidão.

Inês tenta recompor-se do desgosto e garante que, depois do que viu, não vai mais sofrer por João.

Diana manipula Nuno, dizendo que Inês é perita em estragar a sua própria felicidade. Nuno aproveita o balanço para se envolver com Diana no gabinete mas ela afasta-o providencialmente, pois Luís entra nesse instante para mostrar um projecto. Diana avisa Nuno que não podem envolver-se no local de trabalho e combina jantar com ele no M, por se sentir mais segura das suas investidas.

Graciete gosta do desenho que Filipa lhe oferece mas fica ainda mais feliz com a peruca que Marisa lhe trouxe, para esconder a queda de cabelo que está a sofrer com os tratamentos de radioterapia.

Fátima e Catarina começam a ficar apreensivas e desconfiadas, quando António as avisa que as operárias estão furiosas por estarem a fazer horas extraordinárias sem receberem de imediato.

Carlota e Marco iniciam a vida sexual e a experiência acaba por correr bem para ambos. Fátima entra em casa quando eles já estão na sala, mas fica desconfiada. Mais tarde dá conta das suas preocupações a Álvaro.

César continua muito enervado sem conseguir que Marisa deixe de ser modelo. Álvaro percebe a ansiedade do empregado e diz-lhe para descansar. Sandra não gosta nada da conversa de César sobre as mulheres.

Gi não gosta nada da forma excessivamente atenciosa que Bernardo usa para tratar Laura.

Ricardo está cada vez mais revoltado com a traição de Diana, interrogando-se sobre o que a motivou a prejudicá-lo.

Diana diz a Eunice que Tiago só serve para lhe dar desgostos.

Para evitar mais inconvenientes, Marisa permite que César volte a dormir no quarto.

Sandra pede a Álvaro que a deixe sair mais cedo. César protesta, invejoso.

Bernardo anuncia que vai viver para o Algarve com Raquel. No entanto, Gi fica preocupada, pois o filho também quer levar a avó da namorada a reboque.

Domingos comenta que gosta de Gabriela e Lourenço, que causaram excelente impressão desde que chegaram.

Orlando não se consegue conter e telefona para Liliana, prometendo visitá-la na primeira oportunidade.

Manel conta a João que Inês foi ter com ele ao Congo e que voltou sem estar com ele porque o viu com Júlia. João fica abismado com o que ouve.

João exalta-se sem perceber porque é que Inês foi ao Congo e não falou com ele. Manel, que contou a novidade ao amigo, não se quer meter entre o casal.

Entretanto, Inês recorda com angustia o momento em que viu Júlia e João a trocarem um beijo no hospital de campanha.

Manel fica emocionado e abraça Francisca, pois a ex-sogra aprova que ele esteja a refazer a vida com Catarina, convidando-os para jantar em sua casa.

Nuno gosta do jantar no M e pede para que enderecem os parabéns ao chef. Diana provoca Isabel, dizendo que ela terá muito gosto em desempenhar essa missão. Eunice aproveita e pede desculpa a Nuno, por tê-lo obrigado a presenciar a discussão que ela teve com Tiago quando visitou Inês.

Marco, envergonhado, esconde aos pais que já teve a sua primeira relação sexual com Carlota, pedindo-lhes que confiem nele. Álvaro fica tranquilo, mas Fátima ainda tem dúvidas.

Marisa dá oportunidade a César de voltar a dormir no quarto, mas como ele insiste em não querer que ela não tire fotografias em lingerie, volta a ter de dormir no sofá. De manhã, César tenta falar Marisa mas a mulher não lhe dá qualquer hipótese.

Sheila e Sandra ficam de boca aberta ao verem Liliana a pé, já pronta para ir para o mercado. Ela confessa que o amor produziu este efeito.

Graciete diz que sente muitas saudades do mercado e António concorda em acompanhá-la numa visita. A florista é acarinhada por todos e assiste ao trabalho de Liliana, que vende flores como nunca vendeu.

Antes de ir abrir o café, Álvaro entorna leite por cima da camisola nova e fica irritado por isso. Marco goza com o pai, mas Fátima chama-lhe a atenção para não o fazer. Fica preocupada com o comportamento do marido.

Catarina deixa Manel muito feliz ao concordar em jantar em casa de Francisca, frisando que ela teve uma atitude muito nobre ao convidá-los.

Dulce agradece a Francisca por tê-la chamado, de novo, para substituir Custódia. Rita prepara-se para voltar ao Alentejo e faz Francisca prometer que irá ter com ela, assim que João melhorar.

Domingos prepara uma encomenda com produtos da herdade, para Orlando levar quando for a Lisboa para ver Liliana. Daniel chega nessa altura e é alvo de Domingos e Orlando que lembram a chegada de Rita.

Gi tenta demover Bernardo de se mudar para o Algarve mas em vão. Armando coloca-se ao lado do filho e Gi critica-o por não a ajudar convencer Bernardo a ficar.

Fátima e Catarina começam a sentir os primeiros sinais de contestação na fábrica, mas não percebem que a origem está em Victor.

Gi protesta com Armando, que está mais preocupado em perguntar a Gastão onde vai por a égua. Em vez de se preocupar com o filho, que vai sair de casa.

Diana volta a humilhar Ricardo, obrigando-o a anunciar ao restante pessoal que é o novo assessor de direcção da Ioiô.

Jaime não esconde a sua satisfação quando Isabel confidencia que David gosta muito dele.

Como Inês não atende as suas chamadas, João decide ir a casa dela perguntar-lhe porque razão não ficou com ele quando foi ao Congo. Fica atónito quando Inês lhe diz que o viu a beijar a enfermeira, no hospital.

João deixa a casa de Inês, destroçado por não conseguir explicar o beijo que ela viu dar em Júlia. Por seu lado, Inês chora de forma descontrolada, acreditando que o perdeu João para sempre.

Luís percebe a humilhação a que Ricardo está a ser sujeito na empresa e não evita um comentário jocoso. Diana aconselha-o a preocupar-se apenas com o seu trabalho, para evitar dissabores. Quando Diana vira costas, Luís diz que ainda se vai divertir muito. Manel ouve, mas não lhe liga.

Adelaide está muito impaciente para deixar o hospital e mantém a hostilidade com Francisca. A irmã não quer discutir e prefere entregar-lhe os beijos que Rita e João lhe mandaram.

Daniel espera ansioso pelo regresso de Rita mas ela trata-o com maus modos quando chega à herdade, deixando o veterinário incomodado.

Quando Rita chega ao lagar para dar as boas vindas a Gabriela e Lourenço, Orlando pede-lhe para viajar para Lisboa.

Sheila e Marisa contam a Graciete que Liliana está a vender flores como nunca. A florista confessa que já tem saudades do mercado e das zangas delas.

No café Escondidinho, Álvaro e Sandra saúdam o aparecimento de Graciete e o facto de estar a registar melhorias.

Francisca fica aflita quando regressa a casa e Dulce diz que ele saiu. O médico deambula pela cidade, recordando a frase de Inês, dizendo que ir ter com ele ao Congo foi o maior erro da sua vida.

Bernardo informa Lourenço que vai mudar-se para o Algarve, abrindo ali uma nova agência imobiliária. Quando Raquel chega diz ser um sortudo por estar com ela, mas mostra-se muito interessado em saber se a avó Laura vai dormir no mesmo piso do que eles.

Gabriela e Lourenço confessam, ao almoço com Rita, que tomaram a opção certa ao mudarem para o Alentejo.

João regressa a casa destroçado e pede a Francisca que o deixe ficar sozinho. No quarto, segura recordações de Inês ao mesmo tempo que chora.

César fica magoado por ser ignorado Por Marisa, quando a mulher vai ao café.

António recorda a Graciete que só deve voltar a trabalhar quando estiver totalmente recuperada.

Victor tenta disfarçar a sua apreensão quando Fátima e Catarina vão acalmar as operárias, garantindo um empréstimo bancário para lhes pagar as horas extraordinárias.

Bernardo aparece em casa dos pais com Raquel que o vai ajudar a fazer as malas. Gi fica desconsolada por estar a perder o filho. Ao contrário, Armando consegue que Bernardo leve a égua Geraldina consigo, para que a namorada possa ter um animal para montar. Armando fica radiante, enquanto Gi chora convulsivamente.

Eunice faz uma cena, quando Isabel defende Tiago e Inês, contra Diana.

Nuno entra no gabinete de Diana sem se fazer anunciar. Luís provoca Ricardo dizendo que aquele é o homem que o veio substituir. Ricardo invade então o gabinete da direcção para confrontar Diana. Esta diz-lhe que se voltar a fazer coisa igual se irá arrepender. Ricardo é obrigado a conter-se e regressar ao seu lugar. No entanto, Luís provoca-o, dizendo que ele tem o que merece. Ricardo não se contém e dá-lhe um murro. Manel interpõe-se entre os dois e sana a briga.

Diana argumenta com Nuno que Ricardo ainda está na empresa pelo facto dela sentir compaixão. Nuno aconselha-a a livrar-se dele, nem que para isso tenha de pagar uma boa indemnização.

Júlia visita João e é obrigada a contar-lhe que o beijo que trocaram não foi mais do que o reflexo do seu estado delirante, por causa da doença e pelo facto dela se ter apaixonado por ele.

João confessa, por seu lado, que é apaixonado por Inês, não podendo ter mais nada com ninguém, devido a esse amor.

Júlia despede-se de vez de João, mas vai a casa de Inês para lhe contar toda a verdade. Inês fica perplexa com o que ouve, sem saber os passos a dar de seguida.

Antes de partir, Júlia insiste com Inês para que lute pelo amor de João, assegurando-lhe que ele também a ama.

Francisca diz a Gastão que quer tomar conta de Adelaide quando ela sair do hospital.

Diana deixa-se beijar por Nuno, mas interrompe o momento dizendo que não podem envolver-se no local de trabalho, sob pena de serem apanhados por alguém.

Desiludido, João conta a Francisca que perdeu a esperança de reconquistar Inês, depois dela ter ficado com uma ideia errada por vê-lo a beijar Júlia quando esteve doente. João mostra-se convencido que ele e Inês devem seguir caminhos diferentes.

Isabel fica emocionada, pois Jaime diz que quer constituir família com ela e com David. O momento romântico é interrompido pelo telefonema de Inês que precisa desabafar com Isabel.

Luís vai fazer queixa a Diana que Ricardo o agrediu e aproveita para acusar Manel de não se ter comportado à altura da situação. Diana chama Ricardo ao gabinete e ameaça despedi-lo com justa causa se não ganhar juízo.

Gastão previne Sheila que não pode ficar com ela esta noite, pois precisa visitar Ricardo para avaliar como é que o filho está a reagir a todos os problemas que tem tido. Em boa hora toma essa decisão, pois o filho quer deixar a empresa de brinquedos, por não aguentar a humilhação de ter um cargo menor.

César é alvo de chacota por parte de Álvaro e Sandra, por causa do exagero da dor nas costas.

Fátima e Catarina são destituídas da administração da fábrica pelas operárias, que decidem dar o cargo a Victor. Só nesta altura percebem que ele as traiu, virando as colegas contra elas. António também percebe o que está a acontecer e diz a Fátima e Catarina que as ajudará no que precisarem. Elas decidem regressar ao trabalho nas máquinas, apesar de preocupadas com o futuro da empresa.

Sandra conversa com Tiago e César protesta por estar a fazer o trabalho de dois. Orlando chega nessa altura e fica triste com a indiferença com que Sandra o trata. Vai então para casa de Liliana que o espera, ansiosa. Sheila estraga o momento da companheira de casa, pois não deixa que ela fique a sós com Orlando. Ele até fica aliviado, pois está com o pensamento em Sandra, que ama verdadeiramente. Quando Sheila se vai finalmente deitar, Liliana pode beijar Orlando, que acaba por se deixar ir na onda.

Gi não come nada e chora convulsivamente, inconformada por Bernardo se ter ido embora. Armando nem sabe o que fazer para consolar a mulher.

César adormece e leva um raspanete de Álvaro por chegar atrasado ao café.

Inês confessa a Tiago ter medo que o seu tempo com João já tenha passado.

Diana finge-se muito amiga de Eunice e acompanha-a num chá quando a mãe chega do restaurante.

Isabel encoraja Inês a ir ter com João. Ela não resiste e vai determinada a casa dos Caldas Ribeiro. Francisca estranha a visita mas diz que o filho está no quarto. Inês vai ter com ele e beija-o apaixonadamente. João corresponde ao beijo com a mesma intensidade.

Inês e João esclarecem os mal-entendidos que os separaram e abraçam-se, apaixonados, dizendo que querem ficar juntos para sempre. O casal mostra-se determinado em combater Diana.

A vilã esforça-se por esconder a sua raiva, ao saber por Ricardo que quer Adelaide, quer João, estão a recuperar bem. Ricardo tenta resistir às provocações de Diana, empenhada em humilhá-lo à frente dos funcionários da Ioiô.

Álvaro pede a Graciete que ajude César a fazer as pazes com Marisa, pois o empregado está cada vez mais insuportável por estar afastado da mulher.

Orlando fica triste mas disfarça, depois de Sandra confirmar que está de namoro firme com Tiago. Liliana, por seu lado, faz belos arranjos de flores e diz que é o amor que a motiva. Graciete fica feliz por vê-la assim.

Fátima e Catarina, vão percebendo aos poucos que foram traídas por Victor, na fábrica. António diz que vai falar com ele, fazendo-lhe sentir que cometeu uma injustiça. Álvaro tenta animar Fátima e garante que estará sempre ao seu lado, aconteça o que acontecer na fábrica. Tanto ela, como Catarina, temem que Victor leve a empresa à falência.

Gi fica irritada com Armando, pois o marido sugere-lhe tratar com sexo, a depressão pela partida de Bernardo para o Algarve. Desesperado com a tristeza de Gi, Armando tem a ideia de convidar Gastão e Sheila para jantar, com o objectivo de que a vendedeira consiga animar-lhe a mulher. A empresária detesta a ideia, ao passo que Sheila fica toda contente e desafia Gastão a ver o bem que o creme de baba de caracol lhe fez ao corpo todo.

Adelaide fica radiante quando Francisca chega para a levar para casa. Ricardo agradece à tia por ter decidido tomar conta da sua mãe.

Nuno incita Diana a despedir Ricardo, mas ela responde com um sorriso cínico, que já amansou a fera.

Isabel fica a tomar conta de David, para que Inês possa ficar com João, recuperando o tempo em que estiveram separados. Inês adia a reunião que tinha com Tiago e pede desculpa a João por ter falado no irmão. Apesar deste ser o assassino de Alice, João afirma que de momento, só quer ser feliz com Inês, não lhe importando o que o irmão dela fez no passado.

Orlando cede à investida apaixonada de Liliana que o beija cheia de paixão. No entanto, Orlando tem o seu pensamento em Sandra.

César faz-se de vítima na briga com Marisa e aproveita a tristeza para trabalhar pouco no café. Sandra percebe a ronha e diz-lhe que se trabalhar a dor de alma passa.

Rita fica incomodada quando Domingos lhe conta que Daniel perguntou por ela, quando esteve ausente em Lisboa. O caseiro propõe à patroa que convide o veterinário para o almoço de boas-vindas a Gabriela e Lourenço, mas ela esquiva-se. Quando se reencontram, Rita recebe Daniel com sete pedras na mão, mas acalma-se quando ele a beija.

Marisa e César fazem as pazes. Ela diz que só tem olhos para ele, independentemente de continuar o seu trabalho de modelo.

Diana faz falsos elogios a Eunice, dizendo a mãe é uma santa por se sacrificar pelos empregados, aproveitando o facto de Isabel ter tirado folga para tomar conta de David.

Francisca sorri quando Adelaide diz que até gosta da família que tem.

João e Inês passam a noite juntos. Depois combinam almoçar com Manel. Diana fica atenta à conversa e segue Manel até ao local do encontro. Ao perceber que João e Inês estão de novo juntos, Diana quase explode de raiva.

nas redes

pesquisar