SIC

Perfil

De segunda a sexta

Laços de Sangue - Semana de 27 de março a 2 de abril

Diana é presa e envolve-se numa luta na prisão. João vê Inês beijar Nuno!

Diana oferece resistência mas acaba mesmo por ser levada para a prisão. Sujeita a um intenso interrogatório, naga ser a responsável pela tentativa de rapto contra Francisca. Os agentes da polícia judiciária não se convencem da sua inocência e dizem-lhe que vai ficar presa até ser ouvida por um juiz. Ela reclama a presença de um advogado.

Ricardo visita a mãe na esperança de que ela pare de levar para casa homens que não conhece. Fica a saber por João e Francisca que Diana foi presa e é obrigado a fingir que está surpreendido. Sem que ninguém saiba, acaba por ser ele a arranjar o advogado que vai defender Diana. A vilã começa a sofrer as investidas das outras reclusas e defende-se como pode. Ricardo é a primeira pessoa a visitá-la e diz que já lhe arranjou um advogado. Diana manipula-o mais uma vez e Ricardo, apaixonado, vai na conversa.

Manel conta Catarina que Diana foi presa e ela, por sua vez, vai informar António e Graciete. Para espanto de todos, Graciete balbucia que se Diana fez mal, tem de pagar.

Luís envenena David contra Isabel e diz que a mãe não quer saber dele e que mais dia, menos dia, sai de casa de vez. David fica muito triste.

Eunice recebe um ramo de flores enviado por Gonçalo e Jaime comenta com Isabel que o restaurante foi atingido pelo cupido.

Gi vai toda produzida para a reunião com Inês e Nuno. O encontro corre da melhor forma e a empresa de eventos vai organizar a festa do empresário.

Armando e Bernardo jantam sozinhos e põem a conversa em dia. Armando insiste em falar dos seus negócios de baba de caracol, enquanto o filho prefere evitar temas mais picantes.

Álvaro confessa a catarina que não gostou de jantar no M com Fátima por se sentir deslocado.

Marisa obriga César a tirar as fotografias para o concurso, enquanto Sheila provoca, dizendo que se a vitória depender disso, nunca mais casam.

Manel deixa Catarina nas nuvens insinuando que pondera casar com ela.

Inês aceita o convite de Nuno para tomarem juntos, o pequeno-almoço. Isabel, casamenteira, empurra Inês para os braços do rapaz.

João liga a Inês para lhe contar que Diana foi presa mas a sua chamada fica sem resposta. O médico confessa então a Manel que decidiu fazer uma espera a Inês á porta de casa.

Inês e Nuno estão cada vez mais próximos e já se tratam por tu. Nuno vai levá-la a casa e na despedida beija-a na boca. João fica estarrecido ao observar a cena ao longe.

João fica completamente derrotado ao ver Inês trocar um beijo com Nuno à porta de casa. Inês diz que ainda não está preparada para assumir com intensidade uma nova relação, mas Nuno está disposto a esperar o tempo que for preciso.

Francisca conta a João que Diana vai ser presente ao juiz. O filho deseja que a mulher seja punida por todo o mal que lhes fez.

O juiz decide que Diana fica em prisão preventiva, deixando-a bastante abalada. O advogado assume que vai recorrer, mas nem assim consegue animá-la.

Em casa dos Caldas Ribeiro a notícia é recebida com agrado por Francisca e Gastão. Adelaide continua a provocar a irmã e o ex-marido, dizendo que o juiz não foi cego como eles.

Graciete fica indiferente à prisão de Diana e recusa-se a visitá-la. António está preocupado com a atitude da mulher e diz que não entende como pode ela tratar Diana desta forma.

Gabriela está espantada com o desenrolar dos acontecimentos, enquanto Manel afirma que como já tinha avisado, Diana não é a pessoa que aparentava ser. Luís, vingativo, aproveita para frisar que deu para perceber que Diana tomou decisões erradas na empresa.

Sheila desforra-se de Diana e grita a plenos pulmões que ela está a ter o que merece, pois sempre tratou mal toda a gente no mercado. Gastão chega nesse instante e recebe uma chamada de Francisca a dar conta dos disparates que Adelaide teima em fazer. O advogado fica preocupado, mas por pouco tempo, pois é obrigado a render-se à animação de Sheila.

Armando está inquieto por não conseguir arranjar um sócio para o negócio da baba de caracol. Gi já não suporta a conversa do marido e vai fechar as contas com a Missão Impossível. Liliana e Zé ficam desiludidos por receberem apenas cinquenta euros, mas Gi argumenta que eles fizeram um mau trabalho na recuperação de Bernardo e acha que até já está a pagar-lhes demais. Liliana e Zé acabam por zangar-se por causa disso.

Eunice começa a ficar preocupada por não ter notícias de Diana.

Fátima e Catarina decidem alugar camiões para distribuir os produtos e convidar António para ser um dos motoristas, na expectativa de que o marido de Graciete possa arranjar mais colegas desempregados para trabalhar com elas.

Bernardo é obrigado a aumentar Lourenço que ameaça ir trabalhar para outra imobiliária.

Domingos explica a Rita que Daniel foi abandonado pela mulher e ficou entregue à sua sorte com os dois filhos para cuidar. O caseiro percebe que a patroa ficou sensibilizada com a história.

Adelaide recusa a ajuda de Francisca para tratar o seu problema de alcoolismo e acusa a irmã de querer livrar-se dela.

João implora a Inês que volte para ele jogando como trunfo a prisão de Diana. No entanto, Inês mantém-se irredutível e reafirma que a história de amor com ele terminou. João vai embora com as lágrimas nos olhos, enquanto ela chora amargurada.

Tiago regressa de Espanha para grande felicidade de Eunice. Jaime diz estar orgulhoso do seu pupilo. O momento é interrompido por Luís que vai ao restaurante, levando David pela mão. Exige discutir ali com Isabel a custódia do filho. Eunice ameaça chamar a polícia e Luís responde que é melhor ir à prisão visitar Diana, que tentou raptar Francisca. A notícia apanha todos desprevenidos, deixando Eunice atordoada. Tiago aconselha a mãe a preparar-se para o pior, mas ela só a muito custo começa a admitir que Diana pode não ser a filha que ela imaginou. Angustiada pela dúvida, Eunice visita Diana na cadeia e, com uma expressão muito dura, pergunta-lhe como foi capaz de fazer mal a Francisca. Diana fica em choque com a presença inquisidora da mãe.

Diana tenta fingir a sua inocência perante Eunice, mas a mãe não cede à sua estratégia de vitimização, sentindo-se enganada. Diana muda de estratégia e chora, confessando que está arrependida. Pede à mãe que lhe dê a mesma oportunidade que concedeu a Tiago, atingindo-a no seu ponto fraco. Eunice amolece um pouco o coração, mas responde que é melhor esperar pelo desfecho do julgamento.

Graciete insiste que não vai visitar Diana na cadeia porque não está para ser maltratada outra vez. António não esconde o seu desconforto. Catarina interrompe a conversa e diz a António que Fátima o espera na fábrica para uma entrevista de trabalho. De seguida entrega a Marisa a inscrição confirmada para o concurso dos noivos. A vendedeira salta de contentamento, abraçada a César.

Isabel enfrenta Luís e repreende-o pelo comportamento que teve no restaurante, quando decidiu debater a custódia do filho publicamente, expondo David.

Tiago tenta que Eunice perceba que Diana mandou raptar Francisca, consciente do mal que estava a fazer mas a mãe recusa-se a enfrentar a verdade. Tiago critica Eunice por ter tomado o partido de Diana, afastando-se de Inês.

Isabel conta a Inês o incidente que viveu no restaurante com Luís e a forma como ele contou a Eunice que Diana foi presa. Inês responde, amargurada, que talvez a mãe perceba agora quem é Diana.

João desabafa com Francisca, penalizando-se por ter permitido que Diana lhe destruísse a vida. Adelaide desce do quarto com uma grande ressaca e João vai embora, sem paciência para aturar a tia. Francisca critica a irmã por ter estado a beber a noite inteira, mas ela responde que essa é conversa de quem nunca sentiu prazer com nada. Francisca, nostálgica, vê fotos dos filhos e de Henrique. Adelaide, sempre provocadora, diz que ambas têm maridos mortos, com a diferença que um foi a enterrar e outro não.

Inês reafirma a Isabel que João faz parte do passado. Nuno liga-lhe entretanto e marca uma reunião de trabalho para ultimar com Gi, pormenores da festa que pretende dar. Isabel fica desconfiada com a cumplicidade que Inês denota com o rapaz.

Armando está animado com os negócios e tenta beijar Gi, mas o penteado da mulher atrapalha as suas intenções.

Zé fica melindrado com Liliana, que critica tudo o que ele faz. A relação dos dois está cada vez mais degradada.

Ricardo fica incomodado quando Gabriela pergunta por Diana, enquanto Luís resmunga por não gostar que Manel esteja a supervisionar o seu trabalho.

Álvaro provoca César dizendo que se calhar é melhor ficar apenas com Sandra como empregada.

Inês e Graciete conversam e concordam que Diana é uma pessoa mal formada. António consegue ficar uns momentos a sós com Inês e conta que Graciete anda a dizer e a fazer coisas estranhas. Inês promete tentar perceber o que se passa.

Diana enfrenta outra reclusa que se mete com ela. A briga é interrompida por uma guarda que a conduz à sala de visitas onde se encontra Ricardo. Diana está desesperada e Ricardo sossega-a ao revelar que conseguiu apressar o julgamento para o dia seguinte. Garante ainda que o advogado que contratou, sabe com tirá-la da prisão.

Lourenço surpreende Gabriela proporcionando-lhe um almoço surpresa em casa. Ela diz que tem o melhor marido do mundo.

Fátima e Catarina contratam António como motorista da fábrica de enchidos. Ele está radiante por trabalhar com elas.

Gonçalo aparece no M e convida Eunice para almoçar com ele, deixando-a derretida.

Rita e Domingos recebem Orlando que trás consigo a medalha de ouro que o azeite da herdade ganhou no concurso mundial.

Adelaide escuta a conversa entre João e Francisca e fica a saber que o médico é afinal filho de Gastão. Adelaide fica fora de si e pede-lhes satisfações.

Adelaide agride Francisca com violência, ao saber que João é filho de Gastão. É com grande esforço que João consegue separar a mãe da tia. Adelaide insulta a irmã, acusando-a de lhe ter roubado o marido. Francisca chora nos braços de João e diz que destruiu a vida de Adelaide.

Daniel entusiasma-se e dá um beijo na cara de Rita, festejando a vitória do azeite da herdade no concurso mundial de produtores. Rita elogia o papel de pai desempenhado por Daniel.

Inês esforça-se por esquecer João, mas não consegue tirá-lo do pensamento. Assim decide convidar Nuno para ir a sua casa, com o pretexto de conversarem sobre a festa que ele quer dar na empresa. Na despedida, Inês dá-lhe um beijo fugaz na boca.

Marco leva a namorada ao café dos pais. Álvaro e Fátima mostram-se inquietos, enquanto Carlota reage com timidez. Marco acusa algum constrangimento perante as perguntas de Álvaro.

Marisa e César ficam radiantes, pois são escolhidos como finalistas do concurso dos noivos.

Gastão consola Francisca arrasada por ter brigado com Adelaide.

César fica irritado porque Álvaro dá folga a Sandra.

Bernardo sugere a Armando que espere mais uns tempos antes de se envolver no negócio da baba de caracol. O pai não gosta da ideia e diz que ele já parece a mãe a falar.

Lourenço está desanimado porque os seus livros infantis não estão a vender como esperava. Por outro lado, confessa a Gabriela que o trabalho na imobiliária está a correr cada vez melhor.

Manel e Catarina fazem planos para o futuro e falam da casa onde vão viver juntos.

Eunice avança com a possibilidade de Diana voltar a viver com ela. Tiago deixa claro á mãe que não gosta da ideia.

Francisca está inquieta por causa do julgamento de Diana. Por outro lado, sofre sem saber do paradeiro de Adelaide.

Domingos mostra-se orgulhoso com a fama que o azeite da herdade já conquistou.

Adelaide conta a Ricardo que João é seu meio-irmão, fruto de uma noite de amor que Gastão e Francisca viveram. Ricardo fica revoltado com a notícia.

Tiago recusa acompanhar Eunice ao julgamento de Diana.

Diana é condenada a um ano de prisão com pena suspensa, pela tentativa de rapto a Francisca. A sentença causa revolta em João e Francisca, causando grande desilusão em Eunice, que não consegue ser carinhosa com Diana, quando a filha a abraça.

Francisca teme pelo que Diana pode vir a fazer para se vingar e defende que é fundamental vigiar todos os seus movimentos. Adelaide mostra-se feliz com o sofrimento de Francisca, pois não perdoa a traição que a irmã cometeu, tendo um filho de Gastão.

Tiago reaproxima-se de Inês e promete que a vai proteger de Diana. Esta telefona a Ricardo e mostra-se pronta e determinada para iniciar a sua vingança contra João e Francisca.

Tiago surpreende Diana, dizendo que não vai permitir que ela faça mal a Inês e Eunice. Tiago garante à irmã que não se vai deixar enganar outra vez.

Diana fica furiosa com Tiago, lembrando-lhe que é tão sua irmã como Inês. Tiago mostra-se insensível aos argumentos da vilã, deixando-a ainda mais irritada.

Adelaide dá corpo à sua revolta e diz a Francisca que ela não é mais sua irmã, pois enganou-a durante vinte anos com Gastão. Francisca chora desesperada.

Diana invade o consultório de João e promete que se vai vingar dele e de Francisca por tudo o que a fizeram passar. Com dificuldade e muito incomodado, João consegue expulsa-la do gabinete.

Graciete tem uma reação estranha e grita com Filipa enquanto fazem um arranjo de flores. A menina fica melindrada e só depois de uma grande insistência de Marisa, conta à mãe o que se passou. Marisa espera por um momento a sós com Graciete e confronta-a com o incidente. A florista não se recorda de nada e deixa a amiga preocupada, pois percebe que ela não está bem.

Fátima e Catarina ficam abaladas depois de visitarem uma colega que está internada, sofrendo de um cancro. Fátima confessa-se também preocupada com o namorico de Marco.

Marco beija Carlota mas fica desagradado com a rapariga, quando ela diz que tem de ir para casa.

Catarina está desanimada mas Manel diz que a vai animar, levando-a ao cinema e a jantar fora.

César continua a praguejar no café, porque Álvaro decide deixar Sandra sair mais cedo.

Eunice confessa a Isabel que está muito desiludida com Diana.

Adelaide ignora Francisca. João diz à mãe para dar tempo ao tempo e deixar assentar a poeira.

Nuno vai jantar com Inês e oferece-lhe flores.

Ricardo não se conforma por ser irmão de João mas Diana acha que isso pode ser-lhes útil no futuro. Ricardo pede a Diana que fique consigo mas ela esquiva-se discretamente.

Graciete diz que talvez fosse melhor para Diana ter ficado presa.

Francisca ordena à empregada que arrume os pertences de Diana, pois quer afastá-la de vez da sua vida.

Rita recorda o momento em que Daniel lhe apresentou os filhos e pergunta a Domingos se viu o veterinário.

Diana finge que dorme e deixa-se observar por Eunice. Sente que está a perder a mãe que sai do quarto sem lhe fazer qualquer carinho.

Adelaide leva mais um namorado que mal conhece para casa e desta vez dá-se mal. O homem fecha-se com ela no escritório e obriga-a a ter sexo violento. Adelaide é agredida com brutalidade mas não consegue pedir socorro. Só no dia seguinte é que Francisca a descobre deitada no chão.

Inês vai buscar uns caixotes vazios a um armazém, precisamente o local onde Diana cumpre serviço comunitário. Quando se encaram, Diana revela um olhar gelado e vingativo, enquanto Inês não consegue disfarçar a tensão pelo encontro.

Diana jura vingança no reencontro com Inês mas a irmã garante luta e afirma que não se vai deixar destruir.

Adelaide recusa a ajuda de Francisca, depois de ter sido violentada pelo seu namorado de ocasião.

Ricardo, alertado por Francisca, sai da Ioiô para prestar apoio à mãe. Luís pede-lhe opinião sobre um projecto, mas é remetido para Manel, agora o seu superior hierárquico. Luís fica possesso com a humilhação e por ouvir Manel confessar a Gabriela que está a viver momento de grande felicidade ao lado de Catarina.

Adelaide não quer ouvir falar de polícia, aceitando a violência que sofreu. Francisca penaliza-se pela situação, mas Ricardo não deixa de dizer à tia que o facto da mãe ter sabido que João é filho de Gastão, pode ter ajudado ao seu desequilíbrio.

António agradece a Fátima e Catarina a oportunidade que lhe deram de voltar a trabalhar. Ao mesmo tempo confessa a sua preocupação pela saúde de Graciete.

Graciete pede desculpa a Filipa, dizendo que nem deu conta de ter gritado com ela. Marisa aconselha a florista a consultar um médico mas ela muda de assunto.

Sandra e César entram em competição no café, perante a complacência divertida de Álvaro.

Sheila deixa claro a Gastão que não pretende viver com ele, preferindo namorar.

Francisca chama Gastão para lhe contar a última peripécia de Adelaide.

Zé, mal tratado e mal amado por Liliana começa a tratar da vida para emigrar. Liliana mostra-se contrariada com essa possibilidade.

Gastão fica em choque ao saber que Adelaide foi violentada na sua própria casa. É evidente o desconforto que sente na presença de João, seu filho que Francisca escondeu a vida inteira.

Diana faz amor com Ricardo, garantindo antes que as ameaças de Inês não a intimidam.

Inês conta a Isabel o encontro que teve com Diana. Recebe uma chamada de Nuno e aceita o convite para ir ao cinema.

Bernardo sugere a Armando que faça uma sociedade com Gastão no negócio da baba de caracol. O pai fica feliz com a ideia e Gi surpreendida. Armando convida Gastão para discutir o negócio ao almoço. Sheila oferece-se para ouvir Gastão desabafar sobre a última asneira de Adelaide.

Fátima tenta fazer prevenção sexual com o filho, mas Marco recusa discutir o namoro com a mãe.

No café de Álvaro, a propósito da situação de desemprego que António viveu, debate-se o problema que aflige muitas famílias.

Graciete dá força a Marisa para o casamento com César, mas fica triste ao recordar o de Diana.

Diana sente-se triunfante ao conseguir que Eunice a convide para jantar no M.

Inês convida Nuno para a ajudar a preparar um petisco, enquanto João, em conversa com a mãe lamenta ter perdido a mulher da sua vida. Francisca anima o filho que lhe garante que não está disposto a perder mais nada para Diana.

Tiago hostiliza Diana no restaurante, para tristeza de Eunice. Jaime percebe que o seu pupilo está a atravessar uma crise familiar e deixa claro a Isabel que fará tudo para o ajudar.

Nuno e Inês beijam-se intensamente mas ela vinca que ainda não está preparada para o convidar a passar a noite com ela.

Ao mesmo tempo, João recupera da memória o que viveu das relações que manteve com Diana e Inês.

Rita brinca com Orlando e sugere-lhe que vá ter com Sandra a Lisboa.

Sheila provoca a discórdia entre César e Marisa, esforçando-se por lhes estragar o casamento.

Nuno questiona Inês sobre o que sente por ele.

Tiago recusa tomar o pequeno-almoço com Diana e diz que vai ter com Inês, a irmã que adora. O despertar da vilã torna-se ainda mais desagradável quando recebe via correio os pertences que Francisca lhe devolveu. Eunice assiste a tudo com grande desagrado.

João causa perplexidade em Francisca ao dizer que se quer divorciar de Diana, mas para que isso aconteça tem de perder a Ioiô.

nas redes

pesquisar