SIC

Perfil

De segunda a sábado

Resumo 12º Episódio - 13 de maio (sábado)

Rita descobre que faltam páginas no processo de homicídio do pai

*OS RESUMOS DOS EPISÓDIOS ESTÃO SUJEITOS A MUDANÇAS EM FUNÇÃO DA EDIÇÃO DA NOVELA

Eunice vai ao salão arranjar as unhas e tenta saber com quem é que Renata passou a noite de aniversário. A cabeleireira não se desmancha e Eunice não repara que ela tem no pulso a sua pulseira.

Sofia pede a Horácio ajuda para regressar à Faina Norte mas o pescador impõe como condição que ela não conte a Mário que a está a auxiliar, porque ele saiu a mal da fábrica e acha que os patrões lhe estragaram a vida depois do acidente.

Sal entrevista a Jarvis e acaba por contratá-lo.

Cláudia, lavada em lágrimas, conta a André que a bolsa para ir estudar violino na Alemanha foi rejeitada e culpa a irmã por lhe ter escondido a carta do conservatório, fazendo-a perder a sua grande oportunidade. André conforta a namorada e dispõe-se a arranjar forma de poderem ir juntos. Para isso, diz que tem de recuperar a sua aliada para convencer os pais a deixarem-no ir, já que Rita saiu lá de casa.

Mário fica irritado com Sofia por ela encarar a hipótese de voltar a trabalhar na Faina Norte.

Vítor faz chantagem com Bruno e ameaça contar ao bairro inteiro que Renata agora atende em casa a clientela do cabeleireiro. Encurralado, o patrão aceita pagar as peças que ele encomendou para arranjar o carro de corridas.

Quase de saída do cabeleireiro, Eunice prepara-se para pagar a Renata quando vê finalmente que a pulseira que ela tem no pulso é a sua. Rapidamente percebe que a cabeleireira a traiu com Bruno e começa a agredi-la com grande fúria. Mário aparece entretanto e corre a separar as duas mulheres. Eunice vai embora levando consigo a pulseira e Mário diz a Renata que acabou de se meter numa grande confusão. A cabeleireira senta-se muito desanimada.

Eunice vai disparada para a oficina e confronta Bruno com a sua traição, atirando-lhe à cabeça com tudo o que lhe vem à mão, enquanto expulsa Vítor dali. O mecânico jura que o caso com Renata foi apenas um deslize mas Eunice está demasiado furiosa para o ouvir e proíbe-o de voltar para casa.

André tenta junto de Lucinda fazer com que ela faça regressar Rita lá para casa mas a mãe diz que está mais preocupada com a segurança da família e não lhe dá saída.

Sal entra no stand com Jarvis e Nelo pensa que vai finalmente ser promovido. No entanto, apanha uma enorme desilusão porque a patroa apresenta Jarvis como seu braço direito enquanto estiver fora.

Rita vai consultar o processo de homicídio do pai e constata com espanto que algumas das páginas foram arrancadas, sem que a funcionária da secretaria consiga justificar a situação. Rita acaba por concluir que quem o fez sabia perfeitamente o que estava a fazer, uma vez que a informação desaparecida não pode ser consultada em mais lado nenhum.

Horácio é destituído como representante dos pescadores junto dos patrões na Faia Norte e é substituído por Raia.

Sara, oferece a Rita um lugar de destaque na empresa nos Açores, argumentando que ela pode continuar mesmo à distância a procurar a sua família. Rita, estranha aquela oferta mas fica a pensar no assunto.

Jaime despede-se de Kiko e Luísa, perante o enorme desgosto da mulher ao vê-lo partir para o continente. Ela reafirma que não tem condições para o acompanhar, enquanto Jaime assume que não quer perdê-la.

Rita recebe uma chamada de António e combina encontrar-se com ele.

Raia informa Sara e Fernando de que Horácio foi neutralizado e que agora é ele quem controla os pescadores. Os patrões ficam mais descansados mas Fernando diz a Sara que só ficaria completamente satisfeito se Rita fosse para os Açores.

António encontra Tiago e Clara quando vai ao encontro de Rita e decide levar o irmão e a noiva a casa depois de perceber o estado de embriaguez deles.

Afonso fica maravilhado ao conhecer a Mercearia que Carmo gere.

André vai ter com Rita na tentativa de que ela possa ajudá-lo a convencer os pais a deixá-lo a ir com Cláudia para a Alemanha.

António transporta Tiago e Clara a casa mas distrai-se a chamar o irmão à razão e despista-se, sofrendo um aparatoso acidente.

Depois do despiste, António liberta-se do cinto de segurança e tenta libertar Tiago que está inanimado e cheio de sangue. Clara está tombada e inconsciente e António fica desesperado ao tomar consciência de que o irmão e a noiva estão em estado muito grave. Um automobilista para no local do acidente e ajuda António a chamar o INEM.

nas redes

pesquisar