SIC

Perfil

De segunda a sexta

Dancin' Days - Resumo de 08 a 14 de agosto

Mariana não está grávida; Gui pode ter descoberto dinheiro do pai!

Christian Gnad

Mariana insiste em abortar, traumatizada com o relacionamento que viveu com Gui, acabando mãe solteira de carolina, depois da separação. Nonô tenta demover a amiga, certa de que ela tem agora uma relação diferente com João e de que ele não a deixará. Nonô insiste que Mariana deve contar ao namorado que espera um filho seu mas ela proíbe-a de revelar o seu segredo e força Nonô a dizer que a acompanhará à clínica.

João almoça com Lucas e pede ao irmão que saiba através de Nonô se Mariana está a passar por algum problema grave que não lhe queira contar. Lucas, como sempre, brinca com o irmão e diz que ele é um coscuvilheiro.

Cátia começa a ficar apreensiva com a conversa de Cristóvão, que lhe dá a entender que já se envolveu intimamente com Matilde. Ele esclarece que apenas deram as mãos no cinema e pede a Cátia que lhe dê conselhos sobre a forma de se relacionar com a outra rapariga. Cátia fica muito desconfortável e começa a sentir alguns ciúmes por estar a deixar de ser o centro das atenções de Cristóvão.

Sónia e Luísa, mais próximas do que nunca, dizem mal de Miguel que nunca mais recupera da operação. Sónia revela que já ameaçou abandoná-lo se não ficar depressa em forma, enquanto Luísa se mostra disposta a seduzir Ivo, maravilhada com a forma como ele dá massagens. Sónia jura que para esse não se despe, nem que ele lhe pague.

Lúcia informa Ivo de que Marisa não vai trabalhar e que ele pode assumir algumas das marcações que ela tinha. Ivo enche o peito e considera-se o melhor massagista da clínica. Lúcia chama-lhe convencido e atende Hernâni, que acaba de chegar. Uma vez que a outra massagista faltou, a recepcionista sugere-lhe que seja Ivo a massajá-lo. Hernâni tenta resistir a todo o transe mas acaba por se render à insistência do rapaz, que o arrasta para o gabinete.

Sebastião dirige-se a Lúcia e pergunta se precisa de ajuda. Ela aproveita para lhe dar a entender que gosta dele e que está disposta a conquistá-lo. Sebastião faz-se desentendido e não lhe dá importância.

Desconfiado e receoso, Hernâni acaba por relaxar, à medida que Ivo o massaja com um óleo especial.

Áurea apresenta-se no grupo de teatro terapêutico e é recebida pelo encenador da peça. Rafael revela-se muito simpático e convida Áurea a começar desde logo a ensaiar. Ela esquiva-se dizendo que ainda não está preparada mas vai embora com a promessa de voltar e entusiasmada com o ambiente que observou.

Duarte leva Martim a casa de Áurea para que Inês veja o filho. Ester esforça-se por aliviar o ambiente e oferece bolo e café a Duarte, retirando-se para ir buscar as coisas à cozinha. Como Duarte temia, Inês só tem olhos para ele e não liga nenhuma a Martim, insistindo em pedir desculpa por ter atacado o filho e disposta a retomar o seu casamento. O marido repreende-a por isso e reafirma que só ali foi para ela ver o bebé. Ester regressa com o lanche e Inês fica amuada com os olhos no chão. Só os volta a levantar, para se fixar de novo em Duarte.

Teresa recebe Gui e tenta fazer conversa com ele para tentar saber se Duarte ainda está muito zangado com ela. Rapidamente percebe que o filho mais velho nem sequer deseja vê-la e que o mais novo também não vai tentar convencer o irmão. Teresa critica o facto de Duarte ter pedido o divórcio, mas culpa Inês por ter possibilitado isso, ao atacar o filho. Gui encurta a conversa e Teresa vê-se forçada a convidá-lo para escolher os objectos que eram de Francisco e que ela fez questão de oferecer aos filhos, como recordação do pai.

Mariana insiste em abortar e Nonô insiste em dizer que ela não o deve fazer, pois o único motivo que a move é o medo que a relação com João termine como terminou o seu casamento com Gui. A amiga ainda vacila mas acaba por manter a sua intenção de não ter a criança, sem dizer uma única palavra ao companheiro. Nonô sai para ir ter com Lucas ao treino, mas faz questão de deixar bem claro que não concorda com a opção de Mariana.

Inês descontrola-se ao perceber que Duarte não vai voltar para si e acusa-o de ter outra mulher, apontando baterias para Júlia. Ester e Vera tentam acalmá-la, mas Inês grita desesperada que tem o direito de saber com quem está o marido a traí-la. Duarte diz que é melhor ir-se embora e leva consigo o filho. Inês tenta detê-lo mas acaba a chorar convulsivamente, consolada por Ester e Vera.

Áurea conta a Luísa e Isabel que ficou muito bem impressionada com a vista ao grupo de teatro terapêutico e elogia o encenador que até queria que ele começasse nesse mesmo dia. Luísa brinca e pergunta se o homem será assim despachado em tudo. Isabel censura-a pela afirmação e confessa que tem saudades de regressar aos palcos onde actuou em criança, ou aos ensaios que fez com Urbano. Áurea pergunta por Miguel e Isabel e Luísa prometem não esquecer de lhe falar no pedido de trabalho que ela lhe fez. Hernâni aparece nesse instante e vem radiante com a massagem que fez na clínica de Urbano. O segurança finge que foi atendido por uma mulher, escondendo que foi Ivo quem lhe deu a massagem. Elas estranham o seu comportamento machista. Luísa fica desconfiada.

Sónia conversa com Cátia e conta que tentou despertar o desejo em Miguel, mas que ele começou logo a dizer que lhe doía a costura. Nem de propósito, Miguel telefona-lhe nesse momento e ela protesta, ao mesmo tempo que se afasta para atender a chamada. Cristóvão fica a conversar com Cátia e deixa-a irritada ao elogiar Matilde, depois de criticar a atitude de Sónia para com Miguel. Pouco depois, Sónia regressa à conversa que não tinha terminado e diz que Miguel parece uma velha, pois acaba de pedir que lhe compre umas meias de descanso.

Nonô vai ter com João e Lucas à pista de atletismo e, depois de beijar o namorado, avança para João e não perde tempo para lhe contar que Mariana está grávida. Ele fica zangado quando percebe que Mariana não tenciona contar-lhe nada e que pretende abortar. Acima de tudo, João vinca que nunca lhe deu motivos para se sentir insegura e não esconde que está magoado. Lucas incita o irmão a ir esclarecer tudo com Mariana, dizendo que fica bem entregue a Nonô. Depois de João se afastar dá apoio à namorada, certo de que ela fez bem em contar que Mariana está grávida.

Gui explica a Duarte que Teresa não gostou da ideia de ele querer divorciar-se de Inês mas que ainda apreciou menos o facto de ela ter tentado abafar o filho. Depois conta ao irmão as recordações do pai que trouxe, oferecidas pela mãe. Duarte também conta ao irmão que a visita que fez a Inês para ela ver Martim não correu bem.

Áurea chega a casa entusiasmada com o seu dia mas rapidamente perde o sorriso ao saber que Inês fez um escândalo durante a visita de Duarte. Ester insiste que ela precisa de ajuda e Vera concorda. É o suficiente para que Inês pergunte o que é que ela está a fazer em casa da avó, negando que precisa de se tratar. Ela recusa e Bruno dispara que está farto daqueles dramas todos, preferindo estar em casa da avó. Ester sente-se culpada pela tristeza do neto.

Alberto continua destroçado por ter perdido Ester. Para o ajudar Paulo sugere que tenha para com a mulher um gesto romântico. Alberto critica a ousadia do rapaz mas ele surpreende-o com resposta pronta, lembrando que tem namorada, ao contrário dele. Amélia repreende o neto com um berro.

Nicole regressa a casa radiante, depois de ter estado na festa de inauguração da sua loja de unhas, no Porto. Hernâni opina que está a nascer uma nova socialite. Nicole, toda contente, aproveita para lançar uma farpa a Tânia ao pedir ao marido que fiscalize os cadernos da filha, pois ela pode ter uma nota de mau comportamento. Tânia fica amuada com a mãe e Hernâni lembra-lhe que era de esperar que quem semeia ventos, colhe tempestades.

Jorge tem de voltar à revista, pois tem um artigo em atraso para escrever. Desta vez, Carminho não se importa e ensina a filha a despedir-se do pai.

Júlia conta a Artur que a inauguração da loja no Porto correu muito bem e revela que não voltou a falar com Salvador, esperando que Mariana decida se quer relacionar-se com ele. Artur mostra-se inseguro, temendo que o silêncio de Salvador signifique que afinal não quer colaborar com a revista. Júlia diz que vai ter de falar com Mariana mas precisa de relaxar primeiro. Artur arrasta a mulher para tomarem um banho juntos.

Raquel volta a receber Hugo em sua casa e, para não estragar o seu disfarce, é obrigada a fingir que está disponível para ficar a seu lado para o resto da vida.

João questiona Mariana por não lhe ter contado que está grávida e por ter decidido abortar sem lhe dar uma única palavra. Mariana explica as suas razões e acusa Nonô de a ter traído ao contar o seu segredo. Irritado, João joga a sua cartada e diz que sai de casa e rompe a relação se ela persistir em abortar, uma vez que ele quer que ela tenha o seu filho. Mariana está à beira das lágrimas, sem saber o que decidir.

João garante a Mariana que a ama e que quer ser pai do bebé que ela está a gerar. O rapaz faz questão de frisar que a relação que estão a construir é muito diferente da que ela teve com Gui, pois nesse caso foi a gravidez que precipitou o casamento, enquanto agora foram eles que decidiram viver juntos. Mariana volta a sorrir e abraça-o.

Urbano conta a Isabel como ficou a loja que inaugurou no Porto com Júlia e Nicole. O casal aproveita a conversa para entusiasmar Mónica para conhecer outras terras do país, uma vez que ela própria reconhece que nunca saiu de Lisboa. Isabel dá ordem de ir jantar e manda-a lavar as mãos. Mónica resiste mas Urbano impõe a sua autoridade. Quando fica sozinho com Isabel, conta à mulher que foi abordado por Nicole e ficou com a nítida sensação de que a manicura não quer que a filha, Tânia, se dê muito com Mónica.

Nicole conversa com Hernâni e teme que Isabel fique sentida com ela se Urbano lhe contar que ela quer manter Tânia longe de Mónica. Mesmo depois da tentativa de roubo de um DVD, Hernâni prefere que a filha tenha como amiga uma rapariga acabada de sair de um reformatório do que dar-se com dois gandulos como Paulo e Bruno. Nicole não gosta nada da conversa e Hernâni pergunta como correu a festa de inauguração da loja no Porto. A manicura conta que Júlia a apresentou a algumas pessoas e reconhece que seria bom aparecerem nalgumas festas, cujos convites a amiga e Urbano não aproveitam. Hernâni sonha alto e diz com convicção que ela ainda vai ser a rainha das unhas de gel.

Depois de um reconfortante banho Júlia e Artur preparam-se para tomar um vinho. O idílio é interrompido por uma chamada de Mariana que anuncia estar grávida e que João está todo contente por ser pai. Júlia e Artur ficam radiantes, embora ela deseje que João saiba tomar conta da filha e do neto, já que Gui não o soube fazer depois do nascimento de Carolina.

Teresa confessa-se triste a Bernardo por não ter conseguido o perdão dos filhos. Gui foi buscar os objectos do pai sem suavizar o discurso para com ela e Duarte nem sequer apareceu. O marido previne-a que talvez tenha de se habituar, mas ela ainda acalenta a esperança de dobrar o filho mais velho e por consequência também o mais novo. Bernardo faz-lhe um carinho e ela desabafa que não teve outra alternativa senão matar Francisco.

Duarte e Gui divertem-se ao constatarem que estão pais solteiros a cuidarem dos filhos. Gui atira que a situação não vai manter-se por muito tempo e diz ao irmão que ele agora até pode arranjar duas ou três mulheres para compensar o que sofreu. Duarte responde que não é como ele e sonda-o para saber se tem alguma rapariga debaixo de olho. Gui confessa que vai investir numa jornalista da Blondie que achou muito interessante.

Vera e Áurea elogiam o jantar que Ester confeccionou. Inês mantém-se indiferente, recusando ver televisão ou ir passear com Áurea. A mãe e a avó tentam que ela compreenda a importância de se tratar com o psiquiatra e a importância de tomar a medicação que ele prescrever. Inês continua relutante, argumentando que vai andar dependente dos medicamentos. No entanto, acaba por aceitar ver televisão, como quem tenta mudar de assunto.

Jorge e Carminho ensaiam uma tentativa de namorarem um pouco, aproveitando o facto da filha ter adormecido. Só que a menina volta a despertar e o seu choro faz com que Jorge saia para vê-la.

Hugo diz que tem de arranjar um negócio legal, caso tenha de desistir de vender carros roubados, uma vez que a polícia está a apertar a sua malha. Raquel tenta saber mais pormenores mas ele não se abre. Entretanto, o telefone dela começa a tocar, gerando um momento de tensão. Raquel atende e, perante o ar desconfiado de Hugo, aceita encontrar-se com Júlia no Dancin’ Days, justificando depois que a irmã tem uma novidade para lhe contar. Hugo disfarça, escondendo que ficou desconfiado mas despede-se de Raquel com um beijo cordial. Depois de ele sair, Raquel respira fundo para descomprimir.

Nonô entra em casa de Mariana a pensar que ela a odeia por ter contado a João que ela está grávida. Mariana, conta que conversou com ele e que decidiram ter o bebé. Nonô abraça Mariana e justifica que avisou João porque não podia deixá-la fazer uma asneira. A amiga brinca com ela, dizendo que da próxima vez que lhe contar um segredo ela terá de o guardar.

João conversa com Lucas e garante ao irmão que será um bom pai e que o facto do bebé aparecer sem que estivessem à espera deve ser encarado como um sinal de sorte. Lucas, sempre na brincadeira diz que tem de falar com Nonô porque, por ser o mais velho, é normal que seja o primeiro a ser pai. João acrescenta que para Mariana esta é uma forma de ser mãe a tempo inteiro, já que não pode passar mais tempo com Carolina.

Isabel não resiste e quando Nicole vai beber um café, aproveita para lhe demonstrar que não gostou que ela tivesse dado a entender a Urbano, que não gosta que Tânia de dê com Mónica. Isabel reconhece que a filha fez asneira mas também faz notar que foi repreendida por isso. Nicole sente-se desconfortável com a conversa e aproveita a chegada de Miguel para se pôr a andar. Isabel recomenda ao gerente da loja de lingerie que não faça esforços, conselho que ele aceita, pois mal consegue andar.

Cristóvão declara que já tem namorada, revelando que beijou Matilde por duas vezes, selando o compromisso. Sónia, Hernâni e Cátia ficam surpreendidos. Sónia troça do seu gerente e Cátia disfarça o ciúme. Apesar disso, ou talvez por isso, ataca a prima, dizendo que lá por ela ser infeliz, não quer dizer que tenha de estragar o momento do rapaz. Sónia acaba por sair da loja com Luísa, pois querem ir falar com Miguel para avaliarem se o mantêm como seu escravo sexual. Cátia vai atender os seus pequenos clientes na loja de doces e Hernâni aproveita para criticar Cristóvão, garantindo que ao trocar Cátia por Matilde, ele baixou de divisão.

Sónia e Luísa tentam estabelecer um sem número de actividades a Miguel. Este defende-se, dizendo que precisa de descansar. Isabel entra na loja de lingerie e leva-lhe um café. Depois de ela ir embora, Miguel é salvo pela mãe, que escolhe aquele momento para lhe telefonar. Sónia e Luísa ficam desagradadas com tantas interrupções.

Inês mostra-se agastada por Áurea e Ester irem acompanhá-la à consulta. A avó faz notar que é para seu bem.

Gui aproveita o facto de ter uma reunião na Blondie para começar a seduzir Filipa. Ela corresponde discretamente à ofensiva e Jorge nota o ambiente especial que se criou entre eles e diz estar a pressentir que o gestor se está a fazer a ela. Filipa responde descontraída que é só impressão dele.

Bernardo conta a Teresa que nem sequer pode almoçar com ela por ter cheia a sua agenda de trabalho. Um dos compromissos, confessa, é um almoço com o amigo a quem pediu o favor de arranjar um projecto para Inês impulsionar o atelier de arquitectura. Teresa penaliza-se por ter colocado o marido numa má situação, mas ele desvaloriza.

Á porta do consultório do psiquiatra, Inês reclama com a mão e a avó, dizendo que não quer passar pela vergonha que a levem até junto do médico. Áurea e Ester aceitam esperar por ela fora do consultório.

Raquel confessa a Júlia que Hugo quase a desmascarou quando a apanhou a falar com um agente da Polícia Judiciária. A irmã diz que ela é maluca por se sujeitar a ter dissabores bem graves mas Raquel recusa ouvir a voz da razão e reafirma que nunca esteve tão perto de o apanhar.

Duarte diverte-se com o auto-convencimento de Gui que acha que Filipa não irá resistir-lhe. A receita é o culto da imagem que faz há muitos anos e que dá aos outros a ideia de ser irresistível.

O psiquiatra afasta a hipótese de Inês ser bipolar como a mãe, mas diz suspeitar que ela padece de Borderline, uma doença que justifica o avassalador apego que sente por Duarte e a rejeição grosseira do filho. O médico receita-lhe um anti-depressivo mais forte e vinca que ela terá uma luta para toda a vida, a começar pela terapia que jamais deixará de fazer. Inês diz ao doutor Carvalho que vai já marcar nova sessão mas quando chega ao pé de Ester e Áurea mente-lhes, fazendo crer que o psiquiatra acha que a depressão pós-parto está a passar e que, por isso, ela não precisa de mais consultas com ele. Inês controla-se para que a avó e a mãe não percebam que ela está a mentir.

Áurea suspira de alívio, acreditando na mentira de Inês, que insiste em afirmar que está praticamente curada da depressão pós-parto e que as reacções negativas que teve com o filho e o marido foram consideradas normais pela médica. Ester não fica convencida e tenta que a neta lhe dê mais respostas, mas acaba por se resignar e convidá-la para um passeio, pois não consegue perceber que ela está a mentir.

Amélia e Alberto suspeitam que Inês ser bipolar, tal como Áurea. Entretanto, a empregada repara que o patrão está com o dicionário aberto a tentar escrever algo no computador. Ele confessa que está a escrever um email a um potencial comprador dos seus vinhos e Amélia aconselha-o a desistir do negócio, pois só assim poderá recuperar o casamento com Ester. Determinado, Alberto recusa-se a abdicar do seu sonho, dispondo-se apenas a pedir desculpa à mulher por ter feito tudo à sua revelia. Alberto mostra-se convicto de que a aposta na exportação de vinho é a oportunidade da sua vida e que agora o sócio ideal. Amélia opta por se refugiar na cozinha, dizendo que não se quer enervar com a conversa.

Hernâni valoriza o negócio dos vinhos mas Nicole está mais preocupada com a conversa que teve com Isabel sobre Mónica. Sente que a amiga não gostou que ela a tivesse criticado sobre a maneira de lidar com a filha e antecipa que Isabel virá a ter muitos problemas com ela.

Sónia e Luísa resmungam porque Miguel não tem cumprido os deveres conjugais. Isabel repreende-as e lembra que as amigas não são casadas com ele. Apesar disso, elas reclamam porque Miguel vai viajar trezentos quilómetros para se despedir do tio que está a morrer. Quando ele aparece no café começam a disfarçar e Luísa acaba por reconhecer que estão a ser insensíveis. Sónia até se oferece para fazerem uma limpeza à casa enquanto ele estiver fora mas Miguel não aceita, orgulhoso.

Cristóvão oferece um cubo mágico a Cátia como agradecimento por ela o ter aconselhado com sugestões para agradar a Matilde. Ela desvaloriza o papel que teve e fica inquieta quando Cristóvão admite que até já passaram por uma joalharia e que Matilde confessou gostar de alguns anéis. Cátia avança que eles devem saborear o namoro em vez de pensarem em casamento, pois na verdade não está a gostar da ideia de ver Cristóvão casado.

Teresa visita Gui no hotel e alicia-o com um relógio antigo que pertencia ao pai, tentando que ele interceda por ela junto de Duarte. Gui não entra no jogo da mãe e garante-lhe que o irmão não quer falar com ela, acrescentando que também não esqueceu que ela quis retirar-lhe a gestão dos hotéis para a entregar a Bernardo. Teresa defende-se e diz que queria apenas garantir que o património da neta seria bem gerido mas não convence o filho mais novo.

Mariana aceita receber Salvador e conta a Nonô que o pai quer conversar. A amiga estranha este novo súbito interesse mas Mariana garante que o seu pai foi e sempre será Zé Maria, de quem tem muitas saudades. Mudando de assunto, deixa Nonô atrapalhada ao perguntar como está o namoro com Lucas. Ela acaba por confessar que gosta dele e lhe acha piada, lembrando a curiosidade de elas, amigas, andarem com os dois irmãos.

Raquel é de opinião que Mariana não devia ter o bebé de João mas Júlia defende que a filha tem todas as condições para ser mãe de novo, até porque o rapaz a ama. Quando Babi entra no escritório do Dancin’ Days elas partilham a boa nova com a amiga mas esta reconhece que Nonô já lhe tinha contado a novidade. Babi confessa estar curiosa para conhecer melhor Lucas, mas mal consegue disfarçar que o facto do rapaz ser cego a incomoda um pouco.

Áurea começa os ensaios com o grupo de teatro terapêutico, confessando que está muito nervosa. Rafael, o encenador, diz que não há motivos para tal e Áurea acaba por sentir o carinho do resto da companhia.

Mónica, Bruno, Paulo e Tânia aparecem de surpresa no café de Isabel e contam que foram pedir desculpa à empregada da loja onde tentaram roubar o DVD. Isabel não desarma o seu ar reprovador mas diz à filha que fica satisfeita com a sua atitude. Nicole aproxima-se entretanto da mesa onde está Tânia e fica desconfiada com a proximidade da filha com Mónica. No entanto acaba por amolecer o coração e propõe a Isabel que continuem amigas. Isabel responde com ar cordial que nunca deixaram de ser.

Hernâni fica atrapalhado e envergonhado quando Ivo conta a Sónia e Cristóvão que foi ele quem o massajou na clínica de Urbano. O segurança reconhece, entre dentes, que nunca mais teve dores nas costas mas fica incomodado com as brincadeiras de Sónia que insinua que ele se arrisca a tomar o gosto às mãos de Ivo e que, se calhar, é melhor contar a Nicole essas suas fantasias. Cristóvão mete uma cunha a Ivo para que ele dê uma massagem a Matilde, mas o amigo dispara que primeiro ainda tem de se habituar a vê-lo com aquela namorada. Sónia aproveita para lhe pedir que dê uma massagem a Miguel, a ver se o recupera para “todo o serviço”.

Ivo vai ter com Miguel à loja de lingerie e promete encaixá-lo nas marcações do dia seguinte. No entanto, ele recusa a gentileza e conta que o tio morreu e deixou tudo à sua mãe, por isso tem de ir inteirar-se dos negócios da família. Miguel pede segredo a Ivo e conta-lhe que o tio tinha uma pedreira que dá muito dinheiro e acrescenta que é capaz de não voltar para Lisboa se ficar a gerir o negócio. Ivo promete que não conta nada.

Raquel recebe Hugo em casa e finge-se apaixonada, beijando-o e dizendo que lhe está a apetecer cozinhar para ele. Raquel finge animá-lo e sugere-lhe que não pense nas dificuldades que o seu negócio está a atravessar e na prisão de Machado. Hugo também finge que acredita no seu amor e que os seus conselhos são genuínos mas, quando ela vira as costas para lhe ir arranjar uma bebida, perde o sorriso e fica com ar de quem está desconfiado.

Mariana recebe Salvador e tenta ter com ele uma conversa cordial, apesar de deixar bem assente que nunca o tratará como pai, aproveitando alguns momentos para lhe lembrar como foi negligente ao abandoná-la e por ter pouco contacto com Tomás, desde que se separou de Marta. Salvador aceita as críticas e conta que já tem outra relação. A dada altura começa a receber mensagens no telemóvel e é forçado a responder, dizendo que se não o fizer a namorada não vai desistir.

Teresa persiste na tentativa de reconciliação com Duarte e vai a casa dele para lhe oferecer o relógio que pertenceu a Francisco. Duarte recebe o presente com emoção mas trata a mãe com frieza e diz que não corresponde às saudades que ela sente dele. Teresa vitimiza-se e afirma que é incompreensível que ele não sinta compaixão por ela e sinta pelo pai que, afinal, a tentou matar. Duarte fica irritado e expulsa a mãe de casa, não deixando sequer que ela veja o neto, Martim, que está a dormir no berço. Teresa sai de casa do filho com as lágrimas nos olhos, depois de ele lhe pedir para não mais lhe aparecer à frente.

Áurea conta à família que gostou do seu primeiro ensaio no grupo de teatro terapêutico e tenta motivar Inês a experimentar. A filha responde que não quer estar no meio dos maluquinhos e desabafa que tem apenas uma pequena depressão que passaria mais depressa se estivesse ao lado do marido. Ester, cheia de paciência, lembra-lhe que Duarte precisa de espaço e a neta vai irritada para o quarto, acusando a família de estar do lado dele. Bruno, recrimina a irmã por andar sempre zangada e muda de assunto, contando que fez escalada e slide no centro comercial. Ao mesmo tempo, fala de Mónica com grande admiração de Mónica, que foi a mais corajosa nas actividades radicais. Ester, Vera e Áurea olham-no desconfiadas. Bruno fica intimidado e diz que se continuam a olhar para ele daquela maneira, não conta mais nada.

Isabel avisa Mónica que não quer que ela ande sozinha na rua e que quando decidir ir ter consigo ao centro comercial, tem de avisar primeiro. Tudo porque a filha deixou que a bateria do telemóvel descarregasse e não a visou que ia ter com ela ao café. Mónica quer ir para casa, farta de estar no shoping, mas fica amuada porque Isabel avisa que ainda tem de ficar mais uma hora na loja. Para se distrair decide ir à papelaria ver material de desenho e, perante a cara da mãe, diz para ela não se preocupar porque não vai roubar nada. Isabel suspira e interroga-se porque é que cada conversa tem de ser uma luta.

Salvador e Mariana conversam agora mais descontraídos sobre as coisas da vida. Quando João chega, Mariana apresenta-lhe Salvador como seu pai biológico. Ele acaba por sair logo de seguida, dando os parabéns a João por ir ser pai. Mariana comenta com João que a conversa com o pai correu bem, mas que foi interrompida várias vezes pelas mensagens da sua nova namorada, adivinhando que deve tratar-se de uma mulher bastante irritante. João abraça Mariana, que lhe retribui, ficando radiante quando ele confirma que comprou o gelado que ela pediu.

Teresa aparece de surpresa no escritório de Bernardo e chora desesperada, contando que foi a casa de Duarte e que o filho a tratou muito mal, com uma inaceitável falta de respeito. O marido tenta confortá-la e assume que está a seu lado para a apoiar. Teresa pede para ir à casa de banho retocar a maquilhagem, mas deixa a porta aberta. Nesse instante, no gabinete, entra uma mulher que deixa Bernardo aflito, pedindo-lhe para passar por sua casa mais tarde, pois agora está com uma cliente. Paula dispara que o assunto é rápido, perguntando-lhe se já passou o cheque da pensão de alimentos porque teve de comprar um computador para o filho e o dinheiro para o mês ficou curto. Bernardo está siderado, sem conseguir dizer seja o que for, pois Teresa já está de regresso e acabou por ouvir a conversa, perguntando-lhe, incrédula, se ele tem um filho.

Bernardo, muito atrapalhado, apresenta Teresa a Paula como sua mulher. Paula cumprimenta Teresa sem se aproximar dela e assim que Bernardo lhe entrega o cheque para pagar a pensão de alimentos do filho, vai embora deixando o casal a sós. Bernardo pretende dar explicações à mulher mas Teresa está tão furiosa que sai porta fora, depois de deixar claro que entendeu perfeitamente e não precisa de ouvir mais nada. O advogado prepara-se para a seguir, mas recebe uma chamada da secretária a lembrar-lhe que já está atrasado para um jantar de trabalho. Embora contrariado, percebe que não pode faltar ao compromisso sob pena de perder um contracto importante.

Mariana conta a Júlia que a conversa com Salvador correu bem mas insiste em dizer que não sente qualquer proximidade com o pai nem interesse em conhecê-lo melhor. Mariana acha que ele deve dedicar-se a Tomás e tentar estar mais tempo com o filho, para não cometer o mesmo erro duas vezes. Acha no entanto que isso vai ser difícil porque a nova namorada não lhe dá descanso. Júlia inteira-se de como ela se sente no início da gravidez e Mariana confirma que tem uma ecografia marcada para o dia seguinte e revela que João está eufórico por ser pai. Júlia diz que os quer ajudar e assume para si o pagamento do externato do neto. No entanto, nem tudo são alegrias e ambas confessam a sua preocupação com Raquel, temendo que Hugo descubra que ela anda a traí-lo, tentando que seja preso novamente.

Raquel serve um jantar romântico a Hugo e convida-o para passar a noite consigo. Ele aceita com um sorriso e deseja que chegue depressa o dia em que não precise de convite. Raquel diz que esse dia está perto e ambos sorriem.

Cristóvão faz contas para descobrir a fórmula do amor. Ivo interrompe-lhe o raciocínio e defende que o amor não é uma questão matemática mas sim da natureza. Cristóvão fala do seu envolvimento com Matilde e Ivo reconhece ter ficado surpreendido com a facilidade com que ele esqueceu Cátia. O amigo revela que ainda tem um problema para resolver com a vendedora de doces, pois namorando com Matilde, já não faz sentido continuar a promover a sua carreira de actriz.

Com uma pontinha de ciúme, Cátia comenta com Sónia que, afinal, o namoro de Cristóvão com Matilde pegou. A prima escarnece do casal e muda de assunto, lembrando que ainda não desistiu de fazer carreira a dançar no varão. Cátia desiste de contrariar Sónia e promete dar uma palavra ao antigo patrão no clube de striptease para ver se ele precisa de uma bailarina nova. No entanto, insiste em avisar a prima de que se vai arrepender por querer ser dançarina da noite.

Mónica fica revoltada com Urbano e Isabel, quando eles ponderam a possibilidade de a inscrever num colégio para estar mais acompanhada. A rapariga faz chantagem emocional e diz que quer voltar para o orfanato. Isabel tem a tentação de ceder mas Urbano mantém-se firme e defende que a eles, encarregados de educação, cabe escolher onde a filha irá estudar.

Bruno manda mensagens a Mónica e Ester, Áurea e Vera metem-se com ele, insinuando que está a namorar ou que gosta da rapariga. Todas se riem, inclusivamente Inês. Ester sugere que no dia seguinte possam dar um passeio pela baixa mas a neta responde de pronto que não pode ir porque tem um projecto pendente no atelier, argumentando que até lhe faz bem para esquecer Duarte. Áurea e Ester estranham esta atitude e ficam desconfiadas.

Duarte confessa a Gui que não está fácil conciliar o trabalho com a responsabilidade de cuidar do filho, pois Martim exige-lhe muita disponibilidade. A tal ponto que até já pensou em vender a agência de viagens. Gui não perde tempo a convidar o irmão para trabalhar com ele nos hotéis, afirmando que ele tem o perfil ideal para trabalhar nessa área. O irmão lembra-lhe que não gosta de cunhas mas Gui deixa claro que não se trata de um favor, mas sim de reconhecer a sua competência.

Bernardo explica a Teresa que só não lhe contou que tem um filho de uma relação fugaz com Paula, por temer a sua reacção intempestiva. Aos poucos, Teresa vai diminuindo a sua irritação mas obriga-o a dormir no quarto de hóspedes nessa noite. Bernardo fica preocupado com as consequências que a sua omissão pode vir a ter.

Mariana e João preparam-se para sair de casa em grande excitação e com uma boa dose de nervosismo, porque hoje é o dia em que ela vai fazer a primeira ecografia para conferir se o bebé que espera se está a desenvolver normalmente.

Júlia conta a Artur que a conversa de Salvador com Mariana até nem correu mal de todo mas o marido revela que ele falhou o prazo da entrega do texto que se tinha comprometido a publicar na revista. Nesse momento, Júlia recebe uma mensagem do ex-namorado que pede para se encontrarem. Artur diz que faz questão de estar presente, mas Júlia não quer, palpitando que o marido esteja a desconfiar novamente de si. Artur resigna-se e Júlia promete escolher um lugar público para não ter surpresas.

Carminho confessa a Jorge que tem uma certa inveja dele ao vê-lo preparar-se para ir trabalhar. No entanto, também reconhece que quando tiver de largar Carolina na creche vai sofrer bastante. Nesse misto de sentimentos tem consciência que de vez em quando tem sido uma chata e que herdou os genes de Áurea e Inês. Jorge não concorda e afirma que ela não sai nada à família, nem tão pouco a Ester. Carminho tem pena que a mãe ainda não tenha voltado para casa, enquanto Jorge não consegue imaginar Alberto sozinho em casa com Amélia.

Alberto confessa a Amélia que tem saudades de Ester. A empregada sugere-lhe que desista do negócio da exportação de vinho, que logo terá a mulher de volta nesse instante. Alberto persiste em encontrar outra alternativa para fazer com que Ester regresse a casa.

Inês despede-se de Ester e Áurea para ir trabalhar. A avó continua a achar que tanta alteração de humor não é normal e diz a Áurea que tem de falar com o psiquiatra que consultou a filha, para saber o que conversaram. Ester deseja que as suas suspeitas sejam infundadas, mas reconhece que o comportamento de Inês lhe faz lembrar Áurea. A filha não leva a mal a comparação, até porque tem agora consciência da sua doença.

Luísa e Sónia dizem mal de Miguel que foi para Cedofeita assistir ao funeral do tio e nem sequer se despediu. As duas acabam a conversa a embirrar uma com a outra. Luísa chama anã a Sónia enquanto esta devolve a ofensa e diz que se a outra cai dos saltos abaixo, parte a cabeça. Cristóvão passa pelo café e manda Sónia tomar conta da loja e é logo censurado, pois passa a vida enfiado na loja de Cátia, apesar de namorar com Matilde.

Cristóvão e Cátia concordam que já não faz sentido que seja ele a gerir-lhe a carreira de actriz, agora que namora com Matilde. Cátia aceita trocar com ele um aperto de mão, quando Cristóvão quer selar a sua amizade., perguntado se continuam amigos. Ela responde afirmativamente frisando que serão os melhores amigos, embora disfarçando o sofrimento que a conversa lhe está a provocar.

Inês, furiosa como nunca, procura Teresa e confronta-a com o facto de ter perdido o projecto de arquitectura. A sogra trata-a com frieza e diz que isso foi uma consequência lógica de ela não ter cumprido o acordo que tinha feito, pois não conseguiu reaproxima-la de Duarte. Inês, cada vez mais zangada, aconselha Teresa a não a querer como inimiga, pois não sabe o que ela é capaz de fazer quando a prejudicam. Bernardo intervém e sugere a Inês que vá embora. A arquitecta sai mas deixa a ameaça a Teresa, garantindo que no que depender dela, Duarte nunca mais lhe falará. Teresa fica muito agastada com Inês depois de ela ir embora a bater a porta da rua.

Gui insiste com Duarte para que vá trabalhar com ele. O irmão ao perceber que ele não está a brincar, começa a ponderar essa possibilidade. Gui recebe uma mensagem de Filipa e confessa a Duarte que está a ver que tipo de relacionamento pode ter com ela. Duarte diz ter inveja dele pela sua inconsciência.

Artur está muito desagradado com Salvador que não entregou o artigo que se comprometeu a escrever para incluir no número da revista e sugere a Jorge que trate de arranjar uma matéria para preencher o espaço que ficou vazio. Filipa dá conta de que o trabalho que foi fazer sobre o restaurante do hotel está terminado e nesse instante recebe uma mensagem no telemóvel, que a faz sorrir. Artur mete-se com ela e pergunta se é um namorado novo. Nisto, quem liga é o patrão da Blondie internacional, cuja chamada para Artur deixa todos na expectativa.

A pretexto de falar sobre a gravidez de Mariana que não aprova, por considerar que a filha é demasiado nova, Salvador agarra na mão de Júlia e confessa que não consegue esquecer o beijo que lhe deu, tentando seduzi-la. Ela desfaz o momento com firmeza e pergunta-lhe onde é que esta nova paixão súbita encaixa na sua nova namorada. Salvador fica sem saber o que dizer.

Mariana e João ficam em choque quando a médica que faz a ecografia revela que se trata de uma gravidez falsa.

Mariana está muito desiludida pelo facto de não estar grávida e ouve as explicações da médica para o facto do saco embrionário que tem dentro de si estar vazio. A médica prescreve o tratamento a seguir e João pede que escolha a alternativa que for menos violento para ela. Mariana abraça-se a João, muito fragilizada.

Salvador explica a Júlia que não tem namorada e que a rapariga que lhe manda mensagens é apenas uma aluna que pensa estar apaixonada por ele. Júlia recebe uma chamada de Mariana a contar que afinal não está grávida e diz de imediato que vai ter com ela. Salvador também quer acompanhá-la mas Júlia impede-o dizendo que a filha está muito fragilizada e pode não se sentir à vontade. De seguida avisa-o de que não quer ter mais encontros com ele, uma vez que a sua intenção não é propriamente falar de Mariana. Já a despedir-se, Júlia previne Salvador de que é melhor enviar para Artur o texto que ficou de fazer, ou sujeita-se a ficar em maus lençóis.

Jorge informa Artur que já tem um texto para substituir o que Salvador não fez e pergunta-lhe como correu a conversa com o director-geral da empresa proprietária da Blondie. Artur dá uma resposta vaga mas quando Jorge sai do gabinete fica com um ar de preocupação.

Duarte fica estupefacto quando Inês lhe aparece em casa e conta que Teresa lhe retirou um projecto importante para o seu atelier de arquitectura, porque ela não conseguiu que ele se reaproximasse da mãe. Duarte sorri mas está furioso. Sem se deter, diz que não sente qualquer pena dela, acrescentando que ninguém a mandou entrar nos esquemas de Teresa. Inês assume que foi manipulada pela sogra e jura que fará tudo o que ele quiser para a aceitar de volta, até pegar em Martim ao colo. Quando Inês faz menção de se aproximar do berço, Duarte atalha-lhe o caminho e pede-lhe que se vá embora. Ela insulta-o, lamentando o facto de continuar a amá-lo. O bebé começa a chorar e Duarte vai acalmar o filho.

Inês chora e decide voltar a casa de Duarte. No entanto arrepende-se de tocar de novo à porta e, enquanto limpa as lágrimas, murmura que só tem vontade de o matar.

Ester e Áurea tiram as parecenças a Joaninha e enquanto a avó acha que a menina é parecida com Jorge, a tia diz que ela é parecida com Carminho. Este diverte-se com a situação e pergunta por Inês, que podia desempatar as opiniões. Áurea mostra-se convencida de que a filha está melhor, acreditando no que ela disse depois da consulta no psiquiatra. No entanto, Ester afirma que não consegue ver melhorias na neta. Carminho e Áurea percebem alguma inquietação no espírito da mãe e tentam convencê-la a fazer as pazes com Alberto. Ela mantém-se irredutível e diz que não pode ter saudades de um marido que a desconsiderou, ao decidir avançar para um negócio sem a consultar. Ester afirma que Alberto só vai perceber o que fez quando perceber que o negócio correu mal.

Alberto e Hernâni discutem pormenores do seu negócio no café de Isabel. O segurança elogia o sócio porque tem o dossier das exportações de vinhos muito bem estudado, quando Luísa o provoca ao dizer que se Alberto estivesse à sua espera, o negócio nunca mais andava, pois ele é muito lento. Hernâni devolve a provocação e responde que ela, pelo contrário, é muito despachada e acrescenta que têm de arranjar um escritório para não serem incomodados. Alberto dá asas à sua megalomania e sugere um escritório na Avenida da Liberdade. Hernâni aconselha prudência porque um espaço desses é muito caro, combinando estabelecer-se em casa do sócio. Nicole aparece com uma revista onde aparece na festa de inauguração da loja do Porto. Sónia e Luísa descarregam a sua inveja dizendo que as revistas estão a apostar em loiras oxigenadas e na terceira idade. Nicole fica irritada.

Sónia abraça-se a Cátia com grande entusiasmo, quando a prima conta que conseguiu que o gerente do clube de striptease aceitasse testá-la como dançarina. Sónia acusa excesso de confiança, apesar de Cátia lhe recomendar alguma contenção, consciente de que ela pode ficar inibida a dançar perante o público masculino. Só que Sónia está obcecada em ganhar dinheiro. Cátia desabafa com a prima e conta, entristecida, que Cristóvão deixou de agenciá-la para não desagradar a Matilde. Sónia afirma com desdém que não é possível que ela esteja com ciúmes da zarolha. Egoísta e desvalorizando os sentimentos da prima, Sónia sonha que um dia será ela uma estrela de cinema.

Júlia, Nonô e Lucas confortam Mariana, que ainda está muito sentida por ter passado por uma gravidez falsa. Lucas brinca com ela e diz que foi visitá-la para encomendar já outro sobrinho. Mariana esboça um sorriso e promete pensar no assunto, por ser um pedido dele.

Raquel conversa com Babi e lamenta a provação que Mariana está a passar. Babi defende que ela ainda é muito nova para ser já mãe de duas crianças. Hugo interrompe a conversa das amigas e, depois de Babi ir embora, convida Raquel para jantar fora, retribuindo a noite que ela lhe proporcionou.

Urbano sente um estranho cheiro a incenso na clínica e diz a Lúcia que tem de falar com Ivo para que se modere na utilização dos aromas. Só repara que ele está atrás de si quando ele se queima a apagar o pau de cheiro com os dedos. Urbano comenta com a recepcionista que Ivo é uma figurinha fora do normal. Sebastião entra na clínica e Lúcia volta a insinuar-se dizendo que sentiu a sua falta. O rapaz pede-lhe para que ela acabe com as indirectas, lembrando-lhe que tem namorada. Lúcia promete moderar-se mas quando ele se afasta faz um ar de quem não desistiu de o conquistar.

Vera comenta com Ester, Áurea e Carminho que está cada vez mais apreensiva relativamente ao futuro, descrente que consiga entrar no mercado de trabalho. Inês chega a casa e finge que está tranquila, como se tivesse ido trabalhar para o atelier. Ninguém desconfia que esteve com Duarte.

Duarte conta a Gui que Inês o procurou, queixando-se de ter sido manipulada por Teresa. O irmão reafirma que Inês não está boa da cabeça e confessa ao irmão que já avisou a mãe de que não vale a pena seduzi-los com ofertas para conseguir que eles a perdoem. Duarte avança para fazer o jantar e tenta convencer o irmão a deixar Carolina com Mariana todos os fins-de-semana. Gui faz-se de desentendido.

Raquel visita Mariana e leva-lhe bombons para a animar. No meio da conversa confessa que ainda não acabou com Hugo, enquanto Júlia conta à filha que convidou Madalena para cantar na festa de aniversário do Dancin’ Days.

João procura conforto junto de Lucas e Nonô, que estão com ele no café do centro comercial. João não esconde a sua tristeza por causa da gravidez falhada de Mariana. O irmão e a namorada tentam animá-lo, fazendo-o compreender que são ainda jovens e devem continuar a tentar ter filhos juntos. João regressa ao trabalho no banco e Nonô dá um beijo a Lucas. Babi que se vai juntar a eles observa cena e faz um ar de desagrado.

Nicole continua embevecida a ver a revista com a sua fotografia, enquanto Hernâni se derrete em elogios à mulher. Tânia corta o entusiasmo e diz que a mãe mal se vê na fotografia. O pai, agastado, aconselha-lhe uma ida ao oftalmologista.

Cátia dá os últimos conselhos a Sónia, que se vai estrear como dançarina no clube de striptease. A prima está cega pelo entusiasmo e quase nem escuta o que ela diz.

Ivo convida Cristóvão para uma sessão de meditação budista mas ele recusa porque já tem um programa romântico com Matilde. O amigo tenta colar-se a eles mas Cristóvão responde que quer estar sozinho com a namorada. Luísa chega nesse momento e começa a seduzir Ivo dizendo que quer marcar outra massagem, se possível ao domicílio. Ele responde que nessa noite não pode mas deixa a porta aberta para outra ocasião, deixando-a agradada com a disponibilidade.

Vera encontra Nonô no shopping e faz propaganda à laca que está a usar, depois de a amiga elogiar o seu cabelo. Nonô conta que está acompanhada pela mãe e prevê que ela queira ter com ela uma conversa incómoda pelo facto de estar a namorar com Lucas e este ser invisual.

Mónica, mais calma, pede a Urbano e a Isabel que reconsiderem a possibilidade de a inscrever no colégio, preferindo frequentar a escola dos novos amigos, Bruno, Paulo e Tânia. Os pais prometem pensar no assunto e ela garante a Urbano estar a esforçar-se por tirar boas notas.

João regressa a casa e aninha-se em Mariana dizendo que pensou nela durante todo o dia. Júlia retira-se para que eles fiquem sozinhos.

Babi diz a Nonô que vai arrepender-se de estar numa relação com um rapaz invisual mas a filha não dá margem à conversa e pede à mãe que mude de assunto.

Ivo oferece uma massagem a Matilde e Cristóvão intervém, incomodado, dizendo que a namorada só fará uma sessão de massagem se for com ele.

Sónia tem uma estreia desastrosa no clube de striptease, executando movimentos desajeitados que culminam com uma queda no palco de dança. Os homens que assistem ao show riem, deixando-a humilhada. Cátia fica cheia de pena da prima.

Artur deixa Júlia em choque ao dizer que aceitou o convite para dirigir a Blondie na Republica Checa.

Depois de se refazer da surpresa provocada por Artur, que aceitou ir dirigir a Blondie da Republica Checa, Júlia duvida que consigam manter o casamento à distância, uma vez que não está disposta a abdicar da filha, dos negócios ou dos amigos. O marido confessa ter uma dívida de gratidão com a administração da empresa e que não pôde recusar o convite. Artur propõe como solução, deslocar-se várias vezes a Portugal, enquanto Júlia também viajaria regularmente até Praga, dispondo-se a negociar com a empresa o pagamento das viagens. O casal abraça-se, prometendo tentar manter a relação.

Duarte recebe uma chamada de um número desconhecido e não obtém resposta depois de perguntar quem é. Do outro lado está uma Inês com ar alucinado sem dizer palavra. Duarte acaba por desligar o telefone, incomodado com a situação.

Mariana recebe uma mensagem de Salvador a convidá-la para passar algum tempo com o irmão, uma vez que depois de ter falado com Marta, a ex-mulher, conseguiu que ela o deixasse estar com o filho. Mariana decide aceitar, não só porque gosta de Tomás, mas porque lhe salvou a vida ao doar-lhe parte da sua medula. João também fica feliz por ela e lembra-lhe que tem Carolina e que podem tentar de novo ter um filho. Mariana confessa que para isso terá de deixar passar algum tempo.

Gui deita a filha e diz a Carolina que está na hora de deitar, pois no dia seguinte vai para casa da mãe. Depois ainda esboça uma tentativa para trabalhar no computador que pertenceu ao pai mas, devido ao cansaço, decide ir dormir também.

Sónia regressa a casa amparada por Cátia, dorida e desmoralizada depois da noite desastrosa que viveu no clube de striptease. Ainda se desculpa dizendo que escorregou num caroço de azeitona que um cliente atirou para a pista mas Cátia força-a a reconhecer que falhou por falta de jeito para o trabalho. Sónia aceita um analgésico forte e diz que no dia seguinte vai procurar Ivo para lhe pedir uma massagem.

Nicole coloca numa moldura dourada a fotografia da revista em que aparece atrás de Júlia. Hernâni volta a elogiar a beleza da mulher e ganha com isso um beijo repenicado. A manicura fica a saber que ele está à espera de Alberto para tratar do negócio da exportação de vinhos, mas avisa-o de que o proibirá de acompanhar com o sócio, se perceber que ele está a ter ideias despropositadas. Hernâni garante que Alberto é tão entendido no assunto que até persiste em afrontar a mulher, apesar de Ester ter saído de casa. Alberto entra na loja nesse momento e, ao elogiar a silhueta de Nicole na fotografia, ganha de imediato a sua simpatia.

Júlia mostra a clínica de estética aos jornalistas que ali estão a realizar uma reportagem e destaca o trabalho de Urbano como líder do projecto assim que ele aparece junto deles. Enquanto Júlia prossegue a sua visita guiada pelo espaço, Luísa chega à procura de Ivo, reconhecendo que chegou mais cedo do que estava previsto. Urbano comenta com Lúcia a simpatia com que o massagista trata Luísa e a recepcionista confirma que a quantidade de massagens aumentou, desde que Ivo começou a trabalhar nessa área.

Luísa protesta com Ivo que atende uma chamada de Sónia a dizer que está a caminho da clínica. No entanto, quando Ivo começa a massajá-la, quase revira os olhos com prazer.

Cátia vai informar Cristóvão que Sónia não pode ir trabalhar devido a uma queda. Depois de pedir segredo sobre a situação da prima, acaba por confessar que ela teve uma noite desastrosa a dançar no varão, com direito a queda e tudo. Matilde chega nesse instante e Cristóvão desata a elogiá-la, ao mesmo tempo que ela também o elogia. Cátia fica agoniada com tanto “mel” e vai embora para a loja de doces.

Teresa trata Bernardo com frieza quando ele se prepara para sair de casa e pede-lhe que não lhe esconda mais nada da sua vida, pois diz que não está disposta a ter mais surpresas desagradáveis.

Jorge brinca com Filipa e insinua que a nota alta que ela deu ao restaurante do hotel gerido por Gui, também incluiu a avaliação do dono. Artur aparece nesse momento e reúne a redacção, provocando uma reacção barulhenta ao dizer que aceitou dirigir a revista na Republica Checa. Já a sós no gabinete com Artur, Jorge queixa-se de ter sido avisado da sua decisão em cima da hora. O ainda director justifica que também foi apanhado de surpresa pelo convite da administração e garante que não negociou nada nas suas costas. Jorge pede-lhe que pondere se publica o artigo que Salvador finalmente enviou, ou se mantém o que já estava escolhido para o substituir. Artur responde que vai pensar.

Mariana recebe o meio-irmão, Tomás, Salvador que acompanha o filho e ainda Sílvia, a jovem namorada do pai. Mariana diverte-se com o mano mais novo mas estranha o comportamento infantil e despropositado de Sílvia. Salvador vive um misto de sentimentos que vão desde o embaraço até ao encolher de ombros para desculpar os excessos da namorada mimada.

Gui está entretido a vasculhar no computador que pertenceu ao pai e descobre um documento que o faz soltar uma gargalhada de espanto, ao mesmo tempo que começa a copiar os algarismos que lá estão escritos. O seu entusiasmo é enorme.

Luísa fica furiosa quando sai da massagem com Ivo e se depara com Sónia que espera a sua vez. As duas rivais provocam-se mutuamente mas o massagista põe água na fervura, tratando Sónia com a mesma amabilidade que tratou Luísa. Esta fica escandalizada quando Lúcia lhe pede cem euros para pagar a massagem de que acabou de desfrutar.

Cristóvão vai encomendar o almoço ao café de Isabel e descai-se ao justificar que está sozinho na loja porque Sónia caiu quando dançava no varão. Isabel promete guardar segredo mas sempre vai dizendo que ela não tem juízo algum.

Alberto despede-se de Hernâni depois de terminada a reunião de negócios. Isabel detecta-lhe a tristeza no olhar e adivinha que Alberto está cheio de saudades de Ester. Apesar de não negar o que lhe vai na alma, Alberto reafirma que não vai desistir de ter sucesso nos negócios, convicto de que a mulher voltará para casa.

Ester serve o almoço a Carminho e em resposta á filha, sobre se voltou a falar com Alberto, sentencia que ele é que deve dar o primeiro passo. Ester mostra-se mais preocupada em cuidar das filhas e dos netos, confessando que é Inês quem mais a preocupa.

Duarte recebe mais uma chamada do número privado e, já impaciente, insiste para que lhe respondam. Sem se deter grita a Inês para que diga o que lhe quer, mas ela não responde e desliga a chamada. Ainda com o telefone na mão, Inês murmura para si que apenas queria dizer-lhe que sente a sua falta.

Mariana despede-se de Tomás e promete ao irmão que vai tentar passar mais tempo com ele. Salvador fica constrangido com as tiradas parvas de Sílvia, que chega a insinuar, na brincadeira, que Nonô lho quer roubar. Depois deles saírem, Mariana comenta que o pai deve estar numa crise de meia-idade para ter tal namorada. Nonô confirma que esteve com Lucas e que a mãe, Babi, lhe vai dificultar a vida, pois alimenta o preconceito de que ela não deve namorar um invisual.

Babi desabafa com Raquel, inconformada com o facto de Nonô ter escolhido um invisual para namorar. A amiga lembra-lhe que as coisas podem correr mal quando as mães começam a querer escolher os namorados das filhas. Raquel diz que mais vale ter um genro cego de que um Guilherme Sousa Prado qualquer, lembrando a relação falhada de Mariana.

Bernardo pede perdão a Teresa por tê-la decepcionado, oferecendo-lhe uma clutch que contém dentro dois bilhetes para a ópera no São Carlos. Teresa fica radiante e afirma que o marido se está a redimir aos poucos por lhe ter escondido que tem um filho.

Gui irrompe eufórico pelo apartamento de Duarte e deixa o irmão em choque ao contar que descobriu o número da conta para onde o pai desviou o dinheiro que tirou a Teresa.

nas redes

pesquisar