SIC

Perfil

De segunda a sexta

Dancin' Days - Resumo de 18 a 24 de abril

Teresa mata Francisco; Salvador quer assumir o papel de pai de Mariana!

Cristóvão, Ivo, Sónia e Miguel comentam a detenção de Hugo. Sempre venenosa, Sónia afirma que ganhar dinheiro fácil tem os seus riscos. Fica desconfiada por Cristóvão querer falar em particular com Ivo, mas acaba por se alhear da conversa e fazer uma pausa para o café. Cristóvão confidencia a Ivo que foi contactado por um produtor de cinema que lhe pediu para falar com Cátia.

Teresa diz a Francisco que já não aguenta caminhar mais e quer voltar para trás. O marido insiste em que devem concluir o passeio e disfarça a intenção de a matar. Francisco tem uma pedra na mão mas não consegue usá-la porque Teresa se antecipa e lhe dá uma injecção na nuca. O advogado vai perdendo as forças, ao mesmo tempo que Teresa lhe diz que está a par das suas traições, incluindo a vontade que ele tem de a ver fora da sua vida. Francisco agoniza e perguntar o que é que Teresa lhe injectou. Com uma frieza gélida, Teresa responde que lhe injectou a sua liberdade e vê Francisco sucumbir aos seus pés.

Raquel agradece a Júlia todo o bem que lhe está a fazer, especialmente por ter ajudado à reconciliação com Marina. Quando Urbano aparece, pede-lhe desculpa por tê-lo comprometido quando falsificou documentos na clínica de Cascais.

Mariana procura Salvador, lamentando que ele se tenha separado e julgando-se culpada por isso. Sem que ela esteja à espera, o pai afirma que deseja assumir o seu papel. Mariana fica sem saber o que responder.

Mariana escolhe as palavras para dizer a Salvador que o seu pai é Zé Maria e que ele nunca poderá ocupar esse lugar. Salvador assume que errou quando decidiu não a assumir como filha e resigna-se com a sua decisão, optando por aceitar o lugar de professor que a Universidade do Minho lhe ofereceu. Ela deseja-lhe boa sorte e afasta-se, deixando-o com ar triste.

Emília apoia Zé Maria sobre o uso que vai dar à casa que está a recomprar a Hugo, depois de feita a escritura.

Raquel confere o seu saldo bancário e verifica que ainda não tem disponível o dinheiro que Francisco prometeu depositar-lhe na conta. Júlia oferece-se para lhe adiantar o que precisa mas a irmã recusa abusar da sua generosidade, mostrando-se determinada em mudar de comportamento.

Gui e Duarte vão almoçar ao shoping. Cátia conta eufórica que foi contactada para participar num filme. Duarte convida-os para jantarem com ele e Inês. Aproveitando assim para comemorarem os quatro. Quando a namorada vai embora, Gui desabafa que ela se vai desiludir, pois os atores ganham pessimamente em Portugal. Duarte contrapõe que ele pode agora assumir mais despesas e ajudar Cátia enquanto ela ganha nome e prestigio como actriz. Gui aproveita a deixa para perguntar ao irmão como se está a sair no primeiro dia de trabalho na agência. Duarte brinca com ele e responde que se continuar assim, no fim do dia o promove a gerente.

Cátia conta cheia de entusiasmo a Sónia, Cristóvão e Ivo que foi escolhida para desempenhar um papel num filme. Cristóvão quase se descai e, por pouco, não revela que ajudou a que ela fosse contactada. Ivo troça de Cátia desvalorizando-a, mas Sónia defende a prima, sugerindo logo que ela se vista de cabedal justo ao corpo para impressionar quando for fazer os testes preliminares. Gustavo fica atento assim que ouve falar em cabedal e até pensa que é Cristóvão que vai vestir-se assim. Cátia muda de assunto e pergunta a Ivo como está a situação do irmão. O rapaz responde que Hugo vai ser ouvido por um juiz, que o deve manter na prisão. Sónia volta a atacar e lamenta a pouca sorte de Celeste, que tem um filho cadastrado e outro gay, pela forma como se veste. Ivo reage e diz que não é gay e só se veste assim porque está doente com uma alergia, ao mesmo tempo que se vai embora ofendido. Cátia reconhece que Hugo era simpático e Sónia frisa que também mas não só, antes de implicar com Gustavo, a quem manda trabalhar.

A advogada de Hugo critica-o por ter fugido de casa e deixa claro que a sua situação se complicou, principalmente por ter ameaçado Vera. Ele reconhece o erro e dá instruções para que os seus pertences sejam entregues à mãe, antes de Zé Maria se apropriar da casa. A advogada mostra-lhe entretanto o valor que Júlia está disposta a pagar pelo Dancin’Days. Hugo acha pouco, mas é forçado a resignar-se.

Mariana conta a Nonô a conversa que teve com Salvador e confessa que já não se sente culpada pelo divórcio dele. Nonô, fica espantada quando Mariana lhe dá a novidade de que Raquel e Júlia voltaram a fazer as pazes. No entanto, diz que ainda não vai por as mãos no fogo pela tia. Nonô deseja que elas se entendam, enquanto Mariana se prepara para a sua maratona fotográfica.

Ester preocupa-se por Vera ir fotografar sozinha para a rua mas a sobrinha lembra que Hugo já está preso e não pode voltar a atacá-la. Vera elogia o trabalho da família na fábrica e Amélia reconhece que o facto de irem abastecer os supermercados de Veiga vai ser uma carga de trabalhos. Ester, optimista, lembra que no dia seguinte, já vão contar com duas novas empregadas.

Alberto mostra-se entusiasmado com os estudos, mas reconhece que o inglês é o seu ponto fraco. Urbano detecta-lhe a pronúncia horrível e aconselha-o a ver filmes sem legendas. Alberto concorda com o amigo e assegura que, apesar de ter muito para estudar, não vai faltar ao almoço com ele e Zé Maria.

Zé Maria toma posse da casa que Hugo havia roubado a Raquel e telefona a Emília para contar a novidade e se quer estar presente, mais tarde, para algo que está a preparar. Emília parece não aceitar a proposta e ele diz compreender a sua opção, acrescentando que está a tentar falar com Mariana para a convidar a ir ali ter com ele.

Raquel conversa com Babi e reconhece que apesar de ter voltado a dar-se com Mariana, não este certa de conseguir recuperar a sua confiança. Quando a amiga lhe pergunta como estão os outros capítulos da sua vida, Raquel responde que tem de arranjar emprego rapidamente, uma vez que os planos que tinham com um contacto que fez falharam, escondendo que se tratava de ser sustentada por Francisco em troca de sexo. Babi sugere-lhe que se apoie em Júlia mas Raquel volta a recusar tal solução.

Mariana e Vera encontram-se na maratona de fotografia e colocam para trás das costas as desavenças do passado, abrindo a porta a uma nova amizade.

Madalena mostra receio de não conseguir passar no teste do Hot Club, onde se inscreveu para estudar canto. Júlia defende que ele está mais do que preparada e que o seu problema é bem maior. Júlia está insegura se vai estar à altura da produção fotográfica para a Blondie. Apesar de todos os receios, Júlia e Madalena ainda conseguem brincar com a situação. Na revista, Artur certifica-se de que Jorge tem tudo a postos para a sessão fotográfica.

Alberto aproveita a ida ao cinema com Bruno, Tânia, Paulo, Alice e António para treinar o seu inglês. No entanto acaba por não entender bem o filme, por não perceber o que os actores dizem.

Cátia conversa com Nicole e comenta que ela está a fazer progressos ao aceitar ir à praia com Hernâni. A manicura diz que o fez por causa da filha e reconhece que o ex-marido até se tem esforçado para mudar e não é tão diferente dos outros homens, como ela própria aprendeu ao ser traída por Miguel. Cátia conta que o vendedor anda a dar conversa a Luísa e Nicole diz que é bem feito para Sónia, por lhe ter roubado o namorado.

Mariana faz um convite a alguém e desliga a chamada., juntando-se a Zé Maria. Ele fala da casa que comprou a Hugo e agradece à filha por apoiar a decisão que ele tomou sobre o que fazer com o imóvel. Mariana conta-lhe que reencontrou Vera e que gostou de falar com ela. Confessa que as circunstâncias recentes da vida a tornaram mais responsável.

Júlia, sem esconder o seu entusiasmo, conta a Madalena que já tem quase garantido o crédito para comprar o Dancin’ Days a Hugo, mostrando-se confiante que ele vai aceitar a sua proposta, pois está sem dinheiro. Madalena brinca com ela e diz que Raquel ainda não se deu conta de que tem o pai natal na família, pelo facto de Júlia lhe estar prestes a oferecer a gerência da discoteca. Júlia insiste que a irmã está mudada, pois recusou o seu dinheiro e mostra-se determinada em dar-lhe mais um voto de confiança.

Duarte e Inês jantam com Gui e Cátia. Instigada por Duarte e Gui, Cátia conta que a comemoração se deve a ter sido convidada para participar num filme. Gui deixa a namorada embevecida ao dizer que já a considera uma grande actriz. A boa disposição dos dois casais é quebrada por uma chamada que Duarte recebe do consulado português na Suíça, informando que os pais saíram para escalar uma montanha e ainda não regressaram ao hotel. Duarte fica apreensivo e contacta Lurdes, para saber se Francisco e Teresa falaram com ela. A empregada dos pais esconde as inquietações que Teresa lhe tinha confessado nos últimos tempos, mas fica muito inquieta, depois de se despedir de Duarte. Este também não esconde a sua preocupação e repreende Gui, que quer aliviar o ambiente.

Raquel chega a casa de Mariana e agradece-lhe o convite, reconhecendo que tem passado os últimos serões sozinha a olhar para a televisão. A sobrinha responde que, na verdade, o convite foi de Zé Maria que aparece nesse instante. Raquel aceita sentar-se e fica desconcertada, quando o ex-marido revela que comprou o apartamento que Hugo lhe tinha roubado e que gostaria que ela o aceitasse como presente. Raquel só consegue perguntar o que é que ele quer em troca, ainda incrédula com a oferta. Zé Maria esboça um sorriso, perante o ar surpreendido da ex-mulher.

Zé Maria explica a Raquel que, apesar da dor que a separação lhe provocou, não quer que ela passe dificuldades. O empresário diz que quer dar-lhe a casa que Hugo lhe tinha roubado, como agradecimento por ter testemunhado a seu favor no tribunal. Raquel não se acha merecedora do gesto de Zé Maria mas Mariana intervém, dizendo que o pai está a fazer tudo com a melhor das intenções, recomendando à tia que, desta vez, não estrague tudo. Raquel, visivelmente emocionada, reconhece que os fez sofrer e que se pudesse voltar atrás, faria tudo de forma diferente. Zé Maria estende-lhe as chaves da casa, que ela recebe com agrado.

Luísa provoca Emília, ao dizer que ela está a ser ingénua por aceitar pacificamente que Zé Maria ofereça uma casa a Raquel. Emília fica algo melindrada com a amiga mas esclarece que ele conversou consigo antes de tomar essa decisão e que não faz sentido avançar para o casamento com Zé Maria, a desconfiar dele. Isabel é da mesma opinião e manda calar Luísa.

Júlia queixa-se a Jorge que não tem qualquer informação sobre a produção fotográfica que vai fazer para a Blondie. Ele percebe que não chegou a enviar-lhe a informação e tenta remediar a situação, enviando uma mensagem à secretária de redacção da revista, para que envie a Júlia toda a informação de que ela necessita para se preparar. Carminho junta-se a ele e diz que o cheiro da vela que ele acendeu a está a enjoar. Jorge, tocado pelo romance propõe que fujam do cheiro para o quarto, para namorarem, atacando-a com beijos logo a seguir.

Urbano fica surpreendido com a generosidade de Júlia, ao dispor-se a entregar a Raquel a gestão do Dancin’ Days depois de o comprar a Hugo. Por coincidência, Raquel liga-lhe nesse instante e Júlia partilha com Urbano e Madalena que a irmã acaba de lhe contar que Zé Maria lhe ofereceu a casa que comprou a Hugo. Todos ficam atónitos com a novidade e Madalena arranca sorrisos, antes de se retirar para dormir, ao decretar que Raquel nasceu mesmo com o rabinho virado para a lua. A sós com Urbano, Júlia pergunta-lhe como está a sua relação com Isabel e incentiva-o a pedi-la em casamento. Urbano, tímido como é hábito, diz que tem de ir com calma, para não falhar de novo. No entanto, com o incentivo da ex-mulher, garante que vai pensar no assunto.

Hernâni conta orgulhoso a Isabel que Nicole o convidou para ir com ela e Tânia à praia, durante as férias. Isabel aconselha-o a não desperdiçar a oportunidade, quando ele começa a gabar-se dos abdominais e a recordar como Nicole é atraente de biquíni.

Cristóvão está obcecado em gerir, às escondidas, a carreira de Cátia e quase não dá atenção a Ivo, sempre queixoso com as suas doenças. Cristóvão revela que tem uma mais uma proposta de trabalho para ela, agora para um programa infantil. Ivo troça, dizendo que é mesmo a especialidade de Cátia. No entanto, perde o sorriso, quando Hernâni chega e lhe conta que tem de começar a pensar em arranjar emprego, pois Hugo informou a administração do centro comercial que vai encerrar a loja de som. Ivo não quer acreditar que o irmão o deixou sem trabalho.

Sem contacto com os pais, Duarte decide ir para a Suíça acompanhar as buscas que as autoridades vão iniciar. Gui também quer ir mas Duarte opta por deixá-lo a tomar conta da agência. Cátia avança a hipótese de rapto, embora ninguém acredite nessa possibilidade.

Alberto vai ao ginásio para manter a forma e encontra Carminho que se queixa de ter acordado mal disposta. O pai conta que se está a preparar para um grande almoço de marisco, por ocasião da despedida de solteiro de Zé Maria. Ela diz que nesse momento nem pode ouvir falar de comida. Mudando de assunto, Carminho fala com o pai sobre os estudos, aconselhando-o a não facilitar, pois os exames são difíceis e ele pode vir a desiludir-se.

Filipa lança uma provocação a Jorge dizendo que ele terá de a compensar por ter remediado a sua falha, enviando a Júlia a informação que ela precisava para a produção fotográfica. Jorge desvaloriza até porque Júlia e Artur entram na sala quase ao mesmo tempo.

Raquel, acompanhada por Babi, regressa a casa onde esteve casada com Zé Maria e criou Mariana. Relembra que essas são boas memórias e mostra-se feliz por sentir que a sua vida está a mudar para melhor, pois já tem um local para viver sem ter de pagar renda e já recebeu o dinheiro que esperava.

Duarte está ansioso por não conseguir voo para ir acompanhar as buscas aos pais e com o facto de continuar sem ter notícias deles. Gui apercebe-se da gravidade do momento quando o irmão confessa que não está preparado para lidar com o pior.

Cátia aparece no shoping derrotada e conta a Sónia que o papel que lhe queriam oferecer no filme era de uma única cena onde teria de aparecer toda nua. A prima brinca com a situação dizendo que ao menos não tinha que decorar grandes falas. Ao ver Gustavo sair da loja e dar um beijo na cara de Veiga, que se aproxima dele, Sónia vai esclarecer tudo, acusando o patrão de pedofilia, por andar com o estagiário. Gustavo fica indignado e esclarece que Veiga é seu avô, no preciso momento em que ele entra na Flor de Sal. Sónia fica apavorada, convencida que o patrão ouviu a conversa. Veiga aproveita o facto de estarem todos juntos para entregar a gestão da loja a Cristóvão, despromovendo Sónia às antigas funções, pois acha que ele não tem perfil para ser a gerente. Sónia ainda acusa Gustavo de minar o seu trabalho, mas como Veiga diz estar disposto a aceitar a sua demissão, resigna-se ainda que furiosa. Cristóvão aceita o cargo quase sem conseguir falar. A sós com o neto, Veiga agradece-lhe ter-se prestado ao papel se seu espião na loja e pergunta-lhe quando é que ele lhe apresenta a namorada. Gustavo diz ao avô que podem almoçar os três nesse mesmo dia.

Mariana conta a Nonô que encontrou Vera e que lhe pediu desculpa por lhe ter roubado Gui em tempos. Nonô finge ter ciúmes e diz a Mariana para não a trocar outra vez por Vera.

Jorge está prestes a adiar a sessão fotográfica de Júlia porque a produtora sofreu um acidente e não pode comparecer. Júlia decide arriscar e fazer o trabalho, apoiada no que aprendeu sobre moda enquanto esteve em Milão.

Madalena chega à clínica e conta eufórica a Carminho que passou com distinção a prova para entrar na escola de canto do Hot Club. Raul diz que vai tratar do corpo, para poder rivalizar com os homens que vão andar atrás dela quando for famosa.

Zé Maria, Urbano e Alberto almoçam e brindam à felicidade do empresário, que faz ali a sua despedida de solteiro. Os três amigos apreciam a beleza de Tróia e Zé Maria até mostra desejo de ali ter um barco.

Gustavo apresenta Mariana ao avô, mas Veiga fica apreensivo quando o neto diz que Carolina é filha dela. O constrangimento é geral, mas todos tentam disfarçar o incómodo.

Cristóvão esforça-se por criar bom ambiente na loja, mas Sónia não se conforma que ele a tenha substituído como gerente e reaje mal.

Artur acompanha um pouco da sessão fotográfica de Júlia enquanto Jorge lhe explica que ficou espantado com ela, pela forma como tem levado o trabalho em frente.

Gustavo entorna o café por cima de si e deixa Mariana e Veiga sozinhos, enquanto vai limpar a roupa. O avô aproveita a ocasião para poder questionar Mariana pelo facto de ter sido mãe tão cedo. Veiga pede-lhe que não seja egoísta e se afaste de Gustavo, para que ele possa gozar a sua adolescência. Mariana fica chocada e, já zangada, pergunta a Veiga o que está a pensar fazer para os separar, se ela recusar desaparecer da vida de Gustavo.

Mariana sente-se insultada por Veiga, que insiste em pedir-lhe que termine a relação com Gustavo, por achar que ela é muito mais madura e vivida do que o neto. Furiosa, Mariana vai-se embora, facto que provoca a surpresa em Gustavo, quando este regressa do WC e não a encontra. Veiga disfarça, dizendo que Mariana não pôde esperar mais, pois tinha um compromisso. O neto fica perplexo quando liga à namorada e ela não atende.

Duarte não consegue concentrar-se no trabalho, preocupado com a sorte dos pais. Gui alerta ao irmão para o facto de já estar a ser noticiado que há um casal de portugueses desaparecidos nos Alpes suíços. Duarte insiste em ligar para o embaixador português, buscando desesperadamente notícias de Francisco e Teresa.

Cátia procura Sónia para lhe contar que foi convidada para um programa infantil, depois de ter recusado despir-se num filme. Como a prima não está, conversa com Cristóvão que mal consegue disfarçar o nervosismo por estar sozinho com a mulher por quem está apaixonado. Atrapalhado, disfarça que já sabia que Cátia tinha sido convidada para outro projecto.

Zé Maria manifesta a Emília o seu desejo de comprar um barco, navegando no sonho de viajar com ela entre Lisboa e Tróia. Emília estranha esta vocação marinheira do noivo, mas não o contraria.

Isabel e Luísa reconhecem que vão sentir a falta de Emília quando ela casar com Zé Maria. No entanto, Luísa é quem mais se lamenta, temendo ficar sem ninguém, pois Isabel também pode estar a ficar noiva de Urbano a qualquer momento.

Mariana chega destroçada a casa e recusa atender as chamadas de Gustavo, chorosa e resignada a terminar a relação por pressão de Veiga, o avô do rapaz. Sentindo-se desamparada, Mariana liga a Nonô, pedindo-lhe que vá ter com ela.

Gustavo descobre que o avô pressionou Mariana a deixá-lo e fica furioso com ele. Veiga, fica embaraçado porque Cristóvão e Sónia assistem à discussão que acaba de ter com o neto.

Ivo visita Hugo na prisão e não esconde que ficou desiludido por ele ter decidido fechar a loja de som, deixando-o no desemprego. Hugo assume que não confiava nele para gerir o negócio e Ivo critica-o por ter-se envolvido no tráfico de droga. O irmão ainda insiste em dizer que nada teve a ver com o assunto, mas acaba por reconhecer que quanto mais se tem, mais se quer ter.

Alberto revela-se um verdadeiro desastre a estudar inglês, apesar das tentativas de Vera para o ajudar. Bruno, ri da pronúncia do avô, que diz que para quem tem a sua experiencia de vida, não precisa de estudar. Ester, Amélia e Áurea regressam da fábrica, cansadas por terem muito trabalho. Ester comenta com a família o choque ao ter sabido que os pais de Duarte estão desaparecidos na Suíça. Alberto é apanhado de surpresa e não disfarça a sua apreensão. Ester diz que vai rezar por Francisco e Teresa.

Inês tenta confortar Duarte como pode, mas ele está cada vez mais inquieto com o desaparecimento dos pais.

Júlia vai despedir-se de Artur depois de terminar a sessão fotográfica e ele desfaz-se em elogios ao seu desempenho, comentando que o fotógrafo adorou trabalhar com ela. Artur pergunta-lhe em tom de desafio se ela nunca pensou em trabalhar como produtora de moda. Júlia assume que, embora não esteja a pensar nisso, sente que tem capacidade para o fazer.

Mariana desabafa com Nonô e conta como Veiga a pressionou para acabar o namoro com Gustavo. A amiga insiste que ela deve falar com rapaz e deixá-lo decidir se fica ou não com ela, apesar de Mariana já ter uma filha. O conselho de Nonô só serve para dividir ainda mais o espírito da amiga, tentada a acabar tudo com Gustavo.

Raquel recebe Babi e confessa-lhe que está arrependida por ter traído Zé Maria, reconhecendo que está grata por ele lhe ter oferecido a casa onde viveram enquanto foram casados.

Emília conversa com Zé Maria e reconhece que não está preparada para ir viver para Cabo Verde depois de casarem, assumindo que lhe custa deixar a casa, o filho e a sua loja. Zé Maria aceita as suas razões e sugere que podem aproveitar a lua-de-mel para ele inaugurar o hotel em Cabo Verde, regressando depois a Lisboa. Emília sugere que vivam na sua casa quando casarem, mas o empresário defende que devem começar a sua vida em comum numa casa nova. Emília troca um carinho com Zé Maria, agradecendo-lhe por ser assim.

Sónia lamenta-se a Cátia por ter sido despromovida e queixa-se de Miguel, que não tem paciência para ouvir os seus desabafos. Sónia insiste que tem de aumentar outra vez os peitos, temendo perder o namorado se não o fizer.

Ivo prega um susto em Cristóvão quando entra na loja gourmet sem que ele se aperceba. O novo gerente da Flor de Sal conta ao amigo que Cátia aprovou a sua promoção e que, por isso, deve estar a vê-lo com outros olhos. Ivo troça, respondendo que ela deve ter feito um transplante ocular. Depois de confirmar que visitou Hugo, Ivo acredita que o irmão via aguentar-se bem na prisão.

Gui vai a casa de Duarte e divide com o irmão a preocupação crescente por não terem qualquer notícia dos pais.

Urbano convida Isabel a mudar-se para sua casa. Ela beija-o com carinho, ao mesmo tempo que diz que vai pensar na sua proposta.

Jorge recebe uma mensagem no telemóvel e pede a Carminho para ver de quem é. Em má hora o faz, pois a mensagem é de Filipa, dizendo que ele está a dever-lhe um jantar e quem sabe algo mais. Carminho fica furiosa e obriga-o a passar a noite no sofá.

Júlia recebe uma chamada da advogada de Hugo a dizer que ele aceitou a proposta para vender o Dancin’ Days. Madalena argumenta que Hugo não tinha alternativa. Júlia sente vontade de contar tudo a Raquel mas acaba por preferir fazê-lo depois da escritura assinada.

Mariana é surpreendida por Gustavo, que lhe aparece de mochila às costas, dizendo que saiu de casa depois de uma violenta discussão com os pais e que quer ir viver com ela.

Gustavo insiste em ficar a viver com Mariana, disposto a combater a própria família, que é contra a sua relação. Mariana, mais madura e responsável, tenta fazer-lhe ver que é melhor não continuarem juntos. Perante a insistência do namorado, concede que ele fique com ela nessa noite, mas prometendo voltar ao assunto mais tarde. Enquanto Gustavo vai à cozinha para saciar a fome, Mariana coloca a cabeça entre as mãos, desesperada com a situação.

Gui está desalentado com o desaparecimento dos pais e começa a temer tê-los perdido. Cátia tenta acalmar o namorado com uma massagem, mas o que lhe consegue arrancar um sorriso é saber que ela teve de recusar a participação num filme onde queriam que aparecesse nua. Ela ainda torna o momento mais hilariante ao disparar que acaba de ser convidada para um programa infantil. Gui pergunta se, neste trabalho, a querem vestida. O comentário provoca gargalhadas e faz com que Cátia e Gui se beijem.

Duarte sai de casa para o aeroporto, confessando a Inês que está com um mau pressentimento em relação aos pais. A namorada acredita que eles vão aparecer a qualquer momento mas Duarte não fica convencido.

Júlia prepara-se para ir ao banco tratar do crédito para comprar o Dancin’ Days, quando Artur lhe liga a marcar um encontro para discutir um assunto de trabalho. O jornalista tranquiliza-a, afirmando que gostou muito da produção fotográfica que ela fez. Depois de desligar o telefone, Artur segue o conselho de Filipa sobre a foto de capa do próximo numero e fica a saber pela secretária que Jorge só passará na revista à tarde, depois de uma entrevista que tem para fazer.

Carminho reconhece que Jorge não a traiu com Filipa, mas não deixa de o repreender por não rejeitar os avanços da colega.

Amélia queixa-se de que o neto não lhe deu as boas noites por andar entretido com os pais. Ester sorri e avisa Alberto que não precisa dele para as levar à fábrica, prevenindo que Bruno está a chegar para ficar com ele. Quando Alberto fica a sós com Bruno, prepara-se para ir passear com ele, mas o neto obriga-o a ficar a estudar, frisando que mais tarde lhe vai fazer perguntas. Alberto ri e abraça o neto.

Raquel convida Mariana para jantar com ela, Babi, Nonô e Júlia mas a sobrinha, muito abatida, diz que não está com disposição para jantares, escondendo o motivo do seu aborrecimento. Raquel telefona então a Júlia, que aceita jantar com a irmã.

Artur aparece ao volante do carro novo que comprou, um híbrido que o vai ajudar a poupar combustível. Júlia aceita dar uma volta e ouvir o que Artur tem para lhe dizer.

Mariana acaba o namoro com Gustavo, explicando que ele deve viver a vida sem compromissos nem responsabilidades, dando razão a Veiga que afirmou que a relação entre eles não teria futuro. Gustavo fica triste com a decisão da namorada e vai buscar as suas coisas para voltar para casa dos pais.

Raul mostra-se feliz ao saber que Emília já não vai viver com Zé Maria para Cabo Verde e ela agradece ao filho por não se importar de dividir a casa com eles.

Hernâni fica na expectativa de receber um beijo de Nicole quando a ex-mulher se despede de Tânia, depois de acertarem as férias. No entanto, a manicura sai disparada da loja, sem reparar em Hernâni.

Ivo despede-se do centro comercial, depois de Hugo ter decidido fechar a loja de som. Cristóvão oferece-lhe um abraço, triste pela partida do amigo. Ivo retrai-se mas Miguel incentiva-o a comportar-se como um homem. Isabel é solidária com a situação do rapaz, agora atirado para o desemprego, enquanto Cátia faz uma festa em Cristóvão, que sente pena por ficar sem a companhia de Ivo. Sónia troça da situação mas controla os olhares insinuantes de Luísa para Miguel.

Júlia é surpreendida pelo convite de Artur para que se torne produtora de moda da Blondie. Com um sorriso nervoso, aceita o desafio mas faz questão de manter as distancias, dizendo que a relação entre ambos será apenas de amizade e profissional. Artur concorda e confessa estar consciente de ter perdido a sua oportunidade de conquistar o coração de Júlia.

Raquel visita Mariana e encontra-a fragilizada e chorosa pelo fim do namoro com Gustavo. A custo, Mariana desabafa as suas frustrações, assumindo que o facto de ser tão nova, já com uma filha e divorciada a está a afastar do que deveria fazer com a sua idade. Raquel faz-lhe uma festa, em sinal de compreensão.

Gui está cada vez mais preocupado por não ter notícias dos pais. Cátia tenta animar o namorado e, para o distrair, propõe que almocem juntos no shopping. A essa hora, Duarte, já na Suíça, acompanha com grande desespero as buscas das autoridades para resgatarem Francisco e Teresa.

Isabel está cheia de dúvidas para aceitar o convite de Urbano para que vá viver com ele. Pela primeira vez, Emília e Luísa concordam que ela nem deve olhar para trás.

Carminho derrama um iogurte por cima de si e Urbano oferece-lhe ajuda. A massagista mostra-se irascível e vai mudar de roupa. Assim que Júlia chega à clínica, conta com entusiasmo que Artur a convidou para produtora de moda da Blondie. O médico felicita-a e, quando ela pergunta por Carminho, conta que a amiga não está bem e pede-lhe que averigúe o que se passa com ela. Júlia encontra Carminho, muito nervosa e, depois de saber da divergência que ela está a viver com o namorado, aconselha-a a entender-se com Jorge, certa de que ele é incapaz de a trair.

Esgotado e desanimado, Duarte senta-se numa rocha, já desesperado por não ter sinal dos pais. Nesse momento, um polícia dá o alerta de que os descobriu numa ravina e Duarte precipita-se para o local, na esperança de que Francisco e Teresa estejam vivos.

Duarte vai ao encontro de Teresa que deambula e lhe cai nos braços, aliviada por ver o filho. Depois de entregar a mãe aos cuidados médicos, Duarte precipita-se na direcção do pai, que jaz por terra inanimado. O socorrista acaba por confirmar a trágica morte de Francisco, enquanto Teresa conforta Duarte que chora, segurando o rosto do pai nas suas mãos.

Júlia sabe por Carminho que os pais de Duarte estão desaparecidos e deseja que nada de mal lhes tenha acontecido, apesar de deixar claro que não gosta de Teresa. Carminho felicita Júlia por ser a nova produtora de moda da Blondie, comentando com tristeza que ela vai trabalhar com Jorge e a colega que o anda a seduzir. Júlia recomenda-lhe que tenha cuidado, pois pode estar a ser injusta com ele.

Raquel visita Mariana e encontra-a triste e irritada por ter terminado o namoro com Gustavo. Raquel telefona a Júlia e esta consegue convencer Mariana a ir jantar com elas.

Gui fica arrasado ao receber a chamada de Duarte que lhe dá a notícia da morte do pai. Gui repete emocionado que nunca desejou a morte de Francisco, confessando que, por outro lado, está mais aliviado, uma vez que a mãe foi encontrada com vida. Cátia consola o namorado e oferece-se para ir com ele esperar a mãe e o irmão no aeroporto. Gui agradece o apoio mas prefere ir sozinho, argumentando que Teresa está muito fragilizada e não é o melhor momento para que as duas de encontrem.

Acompanhada por Hernâni, Tânia regressa a casa eufórica por ter ficado na turma de Bruno e Paulo e conta a novidade a Nicole, abraçando os pais ao mesmo tempo. Hernâni aproveita para pôr o seu braço no ombro da ex-mulher mas Nicole afasta-o rapidamente. O segurança diz que a filha devia arranjar amigas em vez de andar sempre com os rapazes. Nicole irrita-se e decreta que se ele continuar com conversas machistas para Tânia se acabam as férias a três. Hernâni promete que nunca mais vai ferir a sua sensibilidade e Nicole fica na dúvida se o que ele diz é sincero.

Bruno fica muito contente ao receber uma mensagem de Tânia a dizer que vão ser colegas de turma.

Inês, em lágrimas, conta a Áurea que o pai de Duarte morreu, dizendo que vai ter de ir para Sintra confortar o noivo e a mãe que estão de regresso a Portugal. Áurea concorda que depois dessa tragédia será melhor pensarem em adiar o casamento.

Amélia não esconde que sentiu uma pontinha de ciúme quando Paulo passou a noite em casa dos avós maternos. Alice e António trocam um olhar comprometido mas Paulo abraça a avó, dizendo que o seu arroz doce continua a ser o melhor. Amélia não se conforma que o filho e a nora tenham de regressar ao trabalho, continuando emigrados. Ester defende que o melhor é aproveitarem bem os últimos dias de férias em Portugal.

Carminho está enjoada quando Jorge chega a casa vindo do trabalho. Ainda zangada pela mensagem sedutora que Filipa lhe enviou, desconversa com ele. Jorge reafirma que nunca deu conversa a Filipa, nem motivos de desconfiança. Carminho percebe que está a ser injusta com o companheiro e pede-lhe um beijo, selando a reconciliação.

Raquel recebe Babi, Nonô, Júlia e Mariana para jantar. Júlia faz sensação quando conta que vai trabalhar na Blondie com Artur e Raquel confessa que sentiu uma pontinha de inveja pelo sucesso da irmã. Júlia aproveita para esclarecer que não há qualquer possibilidade de ter uma relação com o jornalista. m com o jornalista.adearecer que nntinha de inveja pelo sucesso da irmliaç Ts rapazes

Carminho fica irritada outra vez quando Jorge recebe mais uma mensagem de Filipa a dizer que ele está a fazer falta no jantar da equipa da revista. Amuada por Jorge não querer responder à colega, deixando claro que não quer receber mais mensagens pessoais, Carminho ameaça aparecer na revista e dar uma sova aos dois. Jorge diverte-se e beija Carminho na cara.

António e Alice combinam ir à praia com Paulo. O filho pede para que Bruno também vá e Amélia diz que eles são inseparáveis. António e Alice trocam um olhar desconfortável, como quem está a esconder algo. Alberto diz que também está a sentir falta de um banho de mar, desvalorizando que tem de estudar para os exames da faculdade. Vera e Amélia repreendem-no mas ele responde com altivez que confia nos seus conhecimentos.

Ester junta-se, muito constrangida, à família e conta que Áurea acabou de lhe ligar a dizer que os pais de Duarte foram encontrados, mas que Francisco morreu. Vera liga de imediato a Mariana, que também fica chocada com a notícia, pois foi casada com Gui, o filho mais novo do advogado.

Raquel e Júlia concordam que têm de prestar solidariedade a Teresa e Gui, pois Francisco era avô de Carolina.

Inês recebe Duarte, Gui e Teresa que regressam a casa devastados. Lurdes dá os sentimentos à família e vai preparar uma refeição ligeira para todos. Teresa faz o relato emocionado da tragédia e mente, dizendo que Francisco sucumbiu de repente à sua frente, quando caminhavam na montanha. Duarte, Gui e Inês nem sonham que Francisco foi assassinado por ela.

Isabel aceita mudar-se para casa de Urbano e o médico abre uma garrafa de champanhe para festejarem o compromisso. No entanto, a noite acaba mal quando Urbano diz que não pensa em ser pai, por já não ser jovem. Isabel fica à beira das lágrimas e acaba por se ir embora, deixando Urbano sem saber o que fazer.

Teresa começa a idealizar o funeral de Francisco e conta com o apoio de Duarte e Gui. Depois de se despedir dos filhos e de Inês fica a sós com Lurdes. A empregada pode finalmente falar à vontade e confessa ter ficado aliviada por ter sido Teresa a regressar viva da viajem à Suíça, em vez de Francisco. Teresa agradece-lhe o apoio e Lurdes reafirma à patroa que pode confiar nela, pois sabe que está do lado certo. Teresa pede-lhe um calmante e entrega-se à recordação do momento em que acabou com a vida do marido.

Inês, compadecida de Duarte, apoia o namorado que só diz querer esquecer o dia tormentoso que viveu.

Bruno ficou impressionado com a notícia da morte de Francisco e pede á mãe para não assistir ao funeral. Áurea tranquiliza o filho, dizendo que Inês vai compreender que ele não vá.

Alice está a discutir com António, dizendo que não compreende a razão de terem de guardar um segredo. Paulo interrompe os pais, chamando-os para assistirem a um vídeo. Alice entra na sala e, contrariando a vontade de António anuncia que decidiu com o marido que, desta vez, vão levar o filho com eles para o Luxemburgo. Amélia fica em choque e agarra-se ao neto. Paulo também fica atónito com o que a mãe acabou de dizer.

Paulo diz aos pais que não está preparado para ir viver com eles no Luxemburgo, pois não sabe a língua e os seus amigos estão em Lisboa. Alice e António desvalorizam a situação, defendendo que ele fará novas amizades e aprenderá a língua, como eles aprenderam. Amélia critica o filho e a nora por estarem a tirar-lhe o neto, sem considerarem a possibilidade de voltarem a Portugal. Recusando ir mais tarde ter com eles por não querer ser um estorvo, refugia-se na cozinha a chorar. Ester e Vera esforçam-se por animá-la, mas sabem que a empregada tem razão para estar sentida, compreendendo que o neto é tudo para ela. Na sala, Alberto faz questão de frisar que Paulo sempre foi tratado como se fosse o seu neto Bruno. Alice vinca que a decisão de recuperarem o filho já estava tomada, para quando melhorassem de vida.

Cátia comenta com Sónia e Emília que Gui ficou destroçado com a morte do pai e que não vê a hora de voltar a casa para estar com ele. Emília, impressionada, recorda o que sofreu quando enviuvou, vendo-se a braços com um filho para criar.

Madalena conta a Raul que se fartou de chorar na última sessão com o psicólogo. No entanto, reconhece a Raul que já não tem receio de estar com ele e agradece-lhe por lhe dar tempo para que possa envolver-se com ele. Mudando de assunto, Madalena confessa algum receio por voltar a estudar, ainda que seja música.

Mariana confessa a sua apreensão por não conseguir quer Gui a atenda, presumindo que ele deve estar arrasado com a morte do pai. Raquel intervém e oferece-se para a acompanhar para apresentarem a ele e toda a família as suas condolências. Júlia diz que não irá com elas, pois Teresa não a tem em grande conta. Mariana e Júlia despedem-se de Raquel que, ao ficar sozinha, murmura que Francisco foi morrer na pior altura, para si.

Gui expressa um grande sentimento de culpa pela relação tumultuosa que teve com o pai nos últimos tempos. Cátia defende que ele não deve culpar-se de nada, defendendo que Francisco estava longe se ser o melhor pai do mundo. Gui aninha-se no ombro da namorada.

Teresa desabafa com Lurdes e confessa que tem tido pesadelos, depois de ter morto Francisco. A empregada insiste que ela não teve alternativa e promete que saberá guardar esse segredo. Teresa agradece à empregada por estar a ser a sua melhor amiga, evidenciando o pavor que sente só de pensar que alguém pode descobrir que matou o marido. Quando Lurdes se retira, carrega consigo um ar circunspecto.

Júlia resiste em falar com Duarte mas Madalena insiste que o facto do pai dele ter morrido é razão mais que suficiente. Júlia receia melindrar Inês mas acaba por concordar que deve mandar uma mensagem ao ex-namorado e, quando comparecer no funeral, cumprimentar tanto Duarte como Inês.

Duarte permanece muito transtornado e não consegue comer, apesar dos esforços que Inês faz para que ele se recomponha. Ganhando coragem, Duarte pede à namorada para adiarem o casamento, pretensão que Inês aceita, concordando que a família tem de fazer o luto pela morte de Francisco.

Alberto causa surpresa quando defende Amélia, dizendo que ela não merecia que o filho e a nora a deixem sem Paulo, por quererem o filho com eles no Luxemburgo. Ester argumenta que António e Alice não têm uma vida fácil e que é legítimo quererem o filho a seu lado. Áurea pergunta se esperam por Amélia para irem para a fábrica mas Ester prefere deixar a empregada em casa para que fale à vontade com a nora e o filho.

Paulo mostra-se dividido quando fala com Bruno sobre a ida para o Luxemburgo. Por um lado, não quer deixar para trás os amigos e a avó. Por outro, tem finalmente a oportunidade de viver com os pais. Áurea está de saída para o trabalho e garante a Paulo que a família vai cuidar bem de Amélia. Esta começa a preparar o pequeno-almoço muito abatida. António abeira-se da mãe e conversa com ela, convencendo-a de que o melhor para o futuro de Paulo é ir com ele e Alice para o Luxemburgo. Amélia faz uma festa na cara do filho, reconhecendo que ele tem razão.

Hernâni vê os seus planos de praia com Nicole e Tânia gorados, porque é chamado de urgência para resolver um problema de segurança no shoping.

Sónia enfrenta Miguel, reclamando que ele não lhe presta atenção. Como ele a trata com indiferença, Sónia altera a sua estratégia e consegue que ele diga que só tem olhos para ela. O casal beija-se e Cristóvão repreende Sónia. Ela reaje e decreta que ele não vai aguentar-se muito tempo como gerente da loja.

Isabel confessa a Emília que o facto de Urbano não querer filhos foi para si um balde de água fria que a levou a pedir-lhe um tempo para pensar se ainda quer ire viver com ele. O médico, por sua vez, conta a Júlia o incidente com Isabel e a ex-mulher incentiva-o a abandonar a ideia de que é demasiado velho para ser pai. Urbano continua a cismar no assunto.

Vera regressa a casa depois de ter feito o exame de candidatura à faculdade e encontra Alberto refastelado a ler o jornal. O tio inventa todas as desculpas para não estar a estudar para os seus exames.

Teresa contraria o desejo de Duarte e não aceita que ele adie o seu casamento com Inês, apesar do filho defender que ninguém está com espírito para festas, depois da morte de Francisco. Mariana chega nesse momento acompanhada de Raquel, para prestarem as suas condolências pelo falecimento do advogado. Teresa emociona-se ao pegar na neta. Mariana segura a mão de Gui em sinal de conforto.

Júlia hesita em mandar a mensagem de condolências a Duarte. Carminho fica surpreendida ao saber que Francisco morreu e diz que vai ligar a Inês para saber pormenores.

Duarte recebe a mensagem de Júlia que lhe manda um abraço de condolências pela morte do pai. Duarte mente, dizendo que se trata de uma mensagem de um amigo. Teresa recebe uma chamada onde é informada de que o Ministério Público exige a autópsia ao corpo de Francisco, para determinar a causa da morte. Teresa e Lurdes ficam em choque com a notícia, temendo o que possa seguir-se.

Teresa, tensa e muito enervada, confirma a Duarte e a Gui que o corpo de Francisco terá de ser autopsiado para determinar a causa da morte. Consciente de que foi ela a acabar com a vida do marido, tenta que Duarte encontre maneira de evitar o procedimento legal, mas o filho limita-se a dizer que se trata de cumprir a lei e que não vale a pena fazer disso um problema. Gui concorda com o irmão, enquanto Lurdes diz que se trata de respeitar a memória do patrão, trocando com Teresa um olhar comprometido. Raquel e Mariana também olham uma para a outra sem perceberem o motivo para Teresa estar tão enervada. Duarte promete à mãe que vai fazer de tudo para que a imprensa não incomode a família, depois de Gui ter colocado a hipótese dos escândalos da família virem a lume. Depois de ficar a sós na sala, Teresa liga a Cátia e pede-lhe que acompanhe Gui no funeral de Francisco para evitar mexericos e para que não restem duvidas de que a família está unida. Cátia aceita o pedido da futura sogra e dá-lhe os pêsames.

Júlia sente-se insegura, duvidando se fez bem em enviar a mensagem de condolências a Duarte, temendo que Inês pense que ela está a tentar reconquistá-lo. Carminho e Madalena são da opinião que a amiga fez o que é normal quando alguém morre. Júlia faz menção de ir embora e diz que vai ter a primeira reunião como produtora de moda na Blondie e Madalena brinca com ela, recomendando-lhe que tenha cuidado com o diretor. Júlia responde que já pôs Artur no lugar há algum tempo.

Depois de Júlia se ir embora, Carminho diz que gostava de ser mosca para assistir à reunião para ver a colega de Jorge que tem andado a atirar-se a ele. De seguida, revela que está mais sensível aos cheiros nos últimos tempos e Madalena avança que ela pode estar grávida. A massagista diz que isso é quase impossível porque toma a pílula. No entanto, fica desconfiada e a pensar no assunto.

Alberto percebe que Amélia está mergulhada numa grande tristeza pela partida do neto para o Luxemburgo e mete-se com ela, desafiando-a para o ajudar a estudar inglês. A empregada não reaje como ele esperava, deixando-o preocupado. Bruno pede ao avô para dormir lá em casa, para se despedir de Paulo. Alberto diz ao neto que tem de pedir autorização à mãe. Áurea acede à pretensão do filho e mostra desejo de comprar um presente a Paulo. Ester concorda com a ideia e faz questão de ser ela a pagar.

Urbano pede um conselho a Zé Maria, confessando que não sabe o que fazer depois de ter desiludido Isabel quando disse que não queria filhos. Zé Maria diz com convicção ao amigo que ele ainda está em muito boa altura para ser pai e que não deve deixar escapar Isabel por essa razão. Urbano fica a pensar no que ouviu.

Teresa continua inconformada com a autópsia ao corpo de Francisco, protestando contra as autoridades. Duarte insiste para que a mãe compreenda que só se está a cumprir a lei. Inês volta a falar em adiar o casamento com Duarte, mas Teresa faz questão que a data se mantenha. Antes de ficar sozinha, Teresa pede a Duarte que prepare umas palavras para dizer no funeral do pai.

Jorge fica desagradado com Filipa, que o provoca com um sorriso durante a reunião com Júlia, na Blondie.

Artur insinua-se a Júlia e convida-a para jantar mas ela ameaça despedir-se se ele continuar com essas investidas. O jornalista brinca com o assunto e a conversa termina de forma cordial. Artur fica desalentado, mas não se dá por vencido.

Áurea vai à loja de decoração procurar um presente para oferecer a Amélia e Luísa convence-a a sair à noite.

Nicole bebe demais e deixa-se levar pela lábia de Hernâni. Quando ele está prestes a consumar a reconquista da ex-mulher, Tânia regressa à sala e interrompe os pais.

Alberto estuda Matemática mas fala em inglês, convencido de que assim consegue aprender as duas disciplinas. Vera sorri, pouco convencida com a estratégia do tio, enquanto Ester recomenda que o marido se concentre numa coisa de cada vez. Amélia refugia-se na cozinha para preparar o jantar, sem ultrapassar a tristeza de estar quase a ficar sem o neto. Bruno diz que vai passar a noite inteira a jogar com Paulo, antes que ele se vá embora para o Luxemburgo. O amigo lamenta ter de deixar a avó, mas Ester promete cuidar bem de Amélia. Alberto resmunga que não consegue concentrar-se nos estudos com toda a gente a falar à sua volta e vai para a saleta. Ester e Vera duvidam que o estudo que ele está a fazer dê resultado.

Jorge janta em casa com Carminho e comenta a reunião que teve com Júlia, antecipando que vai ser bom trabalhar com ela. Carminho provoca Jorge, dizendo que vai pedir à amiga para o controlar, perguntando de rajada se ele já disse a Filipa que não quer nada com ela. Jorge fica agastado e assegura que não vai ter essa conversa com a colega. O casal é interrompido pela notícia televisiva que dá conta da trasladação do corpo do conhecido advogado Francisco Oliveira para Portugal e que as autoridades exigiram a autópsia para determinar a causa da morte. Carminho exclama que deve existir uma suspeita mas Jorge diz que, nestes casos, é obrigatório esclarecer o que levou à morte da vítima.

nas redes

pesquisar