SIC

Perfil

De segunda a sexta

Dancin' Days - Resumo de 14 a 20 de dezembro

A bebé Carolina está livre de perigo e Mariana sai do hospital; Júlia volta de Itália; Duarte volta da sua viagem de barco e descobre que Júlia casou

O parto de Mariana acaba por correr bem e a bebé Carolina é levada para a incubadora, porque tem dificuldade em respirar. Gui fica preocupado com a filha, mas a enfermeira tranquiliza-o. Teresa acusa Mariana de ter tido pouco cuidado com a gravidez, mas Raquel responde, irritada, que Gui não deu qualquer apoio à mulher. Zé Maria e Francisco tentam amenizar o ambiente.

Urbano recebe uma chamada de Júlia que lhe diz que está com viajem marcada para regressar a Portugal, pedindo-lhe que não conte a ninguém. O médico promete guardar segredo e mente a Carminho e Lúcia, dizendo que desconhece quando é que a mulher volta de Itália.

Jorge surpreende Carminho com a compra de um carro novo. Ela fica um pouco apreensiva com a despesa, mas rende-se derretida, quando o noivo argumenta que vai ser necessário um carro maior quando nascerem os filhos.

Ester fica furiosa com Alberto, que se deixou burlar por Carlos Manuel, perdendo todo o dinheiro que tinha no banco e colocando em risco o casamento de Carminho. Alberto diz que vai pedir ajuda a Júlia, mas Ester proíbe-o, dizendo que ele vai ter de resolver o assunto sozinho.

Áurea queixa-se de que a doença lhe inibe a vontade de ter relações com Aníbal, ao mesmo tempo que adivinha que o marido só sente amizade por ela. Inês esforça-se por animar a mãe, que lhe elogia a força para aguentar ter perdido o namorado e o emprego quase ao mesmo tempo, sobrando-lhe ainda forças para apoiar a família.

Germano pressiona Aníbal para que saia de casa e vá viver com ele. Aníbal diz que precisa de mais tempo para arranjar coragem para assumir a sua homossexualidade. O namorado resigna-se contrariado.

Isabel fala com Luísa da vontade que tem de engravidar. A amiga provoca-a, dizendo que pode arranjar um homem no casamento de Carminho e Jorge. Isabel lamenta estar gorda demais e de ter de comprar um vestido novo para a cerimónia.

Cátia fica mal disposta porque Francisco insiste em controlar os seus movimentos. Sónia estranha ainda não o ter conhecido, apesar de viver com a prima há seis meses. Cátia disfarça e diz que o namorado não gosta de ter muita gente à sua volta. Sónia desafia-a e também a Luísa e Isabel para saírem à noite. Isabel á a única que recusa, dizendo que tem de deitar-se cedo.

Teresa insiste para que Mariana, Gui e Carolina vão viver para sua casa nos primeiros tempos de vida da bebé, insinuando que a nora não será capaz de cuidar da filha. Mariana reage mal e Gui decreta que quer ir com a mulher e com a filha para casa. Zé Maria é quase fulminado por Raquel, quando pergunta se não é melhor avisar Júlia de que já é avó. Mariana opõe-se e deixa claro que a mãe não está incluída no grupo de pessoas que quer ter na sua vida.

Zé Maria repreende Raquel pela forma brusca como o tem tratado nos últimos tempos. Quando o marido sai de casa, deseja que ele seja atingido por um raio.

Carminho fala toda contente da viajem de lua-de-mel que vai fazer com Jorge a Cuba. Alberto, apesar de constrangido, esconde da filha que perdeu o dinheiro que tinha para lhe pagar a viagem e o casamento, dizendo que se ela quisesse ir ao Japão, também lhe pagava. Quando Carminho sai de casa, Ester ralha com o marido mas Alberto jura que vai encontrar Carlos Manuel e obrigá-lo a devolver-lhe o dinheiro que lhe roubou.

Nicole festeja por ter conseguido, finalmente, divorciar-se de Hernâni. Tânia conta que o pai ficou pior que estragado com a separação, enquanto Miguel lhes prepara o pequeno-almoço.

Hernâni destila ódio, imaginando a festa que Nicole fez com Miguel para comemorar o divórcio. Isabel fica estupefacta quando o empresário diz que precisa de esconder os carros do stand para fugir ao fisco.

Jorge estranha que a loja de antiguidades não esteja aberta. Emília pensa que é a vez de Luísa abrir o estabelecimento e dedica-se a fazer uma mascara de beleza. Luísa, por sua vez, pensa que terá a manhã livre e vai fazer uma massagem. Emília fica zangada, pois tem de avançar para o centro comercial, mas avisa Luísa de que se forem multadas será ela a pagar.

Mariana faz birra e diz que não quer amamentar a filha. Raquel fica melindrada com ela e acaba por confessar que nunca engravidou por não poder.

Teresa pergunta a Gui se tem falado com Duarte, esperançada que o filho tenha perguntado por ela.

Cátia discute discretamente com Francisco, irritada pela desconfiança que ele demonstra por querer saber onde e com quem ela foi divertir-se.

Raquel encontra-se com Hugo e queixa-se de já não conseguir suportar o casamento com Zé Maria. Exige ao amante que apareça na festa da discoteca, para não ficar sozinha com o marido. Raquel mostra-se determinada em pedir o divórcio, quando Mariana for para casa com a filha, explicando que tem direito a metade dos bens que adquiriu com Zé Maria desde que se casaram. Hugo antevê uma grande festa.

Urbano vai esperar Júlia em segredo, dizendo a Lúcia que lhe surgiu um compromisso inesperado. Babi diz a Carminho que lhe arranja convites se ela quiser ir à festa do Dancin’ Days, mas a manicura recusa amavelmente.

Raquel tira fotografias ao lado de Zé Maria, ambos de sorriso forçado. O empresário vai para o escritório, enquanto Babi dá um leve beijo em Hugo e sussurra provocadora a Raquel que se ela não andasse com ele, não o deixaria escapar.

A monotonia no exterior da discoteca é quebrada com a chegada de uma limusina. Urbano abre a porta de Júlia, permitindo que ela saia, deslumbrante, chamando a atenção dos convidados e dos fotógrafos.

Raquel e Hugo ficam atónitos ao verem Júlia, sorridente, irromper esbelta pelo Dancin’ Days.

Raquel, furiosa, observa Júlia que dança na pista, transformada no centro das atenções de fotógrafos e convidados. Urbano sorri-lhe, embevecido, enquanto Babi regista que Júlia está transformada numa outra mulher. Hugo gaba a beleza de Júlia, o que irrita Raquel ainda mais, levando-a a confrontar a irmã, exibindo um sorriso cínico, enquanto a tira da pista para um local mais resguardado. Raquel exige saber quais as intenções de Júlia, mas esbarra numa mulher diferente que não se deixa atemorizar. Júlia diz que só quer ser feliz e manda Raquel marcar hora na clínica do marido, se quiser falar com ela. Júlia regressa à pista e recomeça a dançar, sob os flashes dos fotógrafos que não cessam de disparar as suas máquinas.

Raquel vai ao escritório contar a Zé Maria que a irmã voltou e que se tornou no centro das atenções da festa. Raquel diz ter vontade de chamar o segurança e mandar expulsar Júlia, mas Zé Maria adverte que com tantos jornalistas presentes, essa atitude só os iria prejudicar. Raquel fica furiosa com o marido, acusando-o de estar a defender a irmã.

Acompanhada por Urbano, Júlia dá entrevistas e quando Zé Maria se aproxima para os cumprimentar, retribui com a mesma gentileza, adiantando que já disse aos jornalistas que o Dancin’ Days é o melhor clube de Lisboa. Raquel não suporta ficar na discoteca nem mais um minuto e vai para casa.

Ester dá um ultimato a Alberto para que fale com Carminho para lhe contar que tem de cancelar o casamento. O marido amua e garante que vai reaver o dinheiro, pois já participou a burla de Carlos Manuel à polícia. Ester diz que se ele não contar à filha que já não tem o dinheiro para a boda, contará ela a verdade a Carminho.

Júlia regressa a casa com Urbano e agradece ao marido a magnifica noite que lhe proporcionou. O constrangimento instala-se entre ambos antes de se despedirem, mas Júlia resolve o problema antecipando-lhe um beijo na cara. A sós no seu quarto, Júlia fica perturbada ao descobrir uma tartaruga que Duarte lhe enviou de presente.

De madrugada, Gui recebe uma chamada de Duarte, pedindo-lhe que o vá esperar, pois está de regresso a Lisboa.

Amélia pede a Alberto que vá ao mercado fazer compras, mas ele diz com maus modos que tem outras voltas para dar. Ester intervém e oferece-se para ir com a empregada, enquanto manda uma indirecta ao marido dizendo que em casa ainda há quem assuma as suas responsabilidades.

Júlia aparece de surpresa e leva presentes para todos. Carminho abraça a amiga, feliz pelo seu regresso, enquanto Amélia e Ester reparam na beleza que agora ostenta. Carminho diz que se soubesse que Itália tornava as pessoas tão diferentes tinha mudado a lua-de-mel, confirmando que prefere arrendar casa para viver com Jorge. Alberto comenta que preferia que a filha comprasse a casa, merecendo de Ester um olhar de reprovação. Júlia recebe uma chamada mas rejeita-a quando vê que se trata de Raquel. A irmã pragueja de raiva e diz que Júlia e Urbano fazem um casal ridículo. Zé Maria aparece, entretanto, para tomar o pequeno-almoço e confronta-se com o mau humor da mulher. Raquel fica ainda mais zangada quando Zé Maria toma o partido de Júlia, achando normal que ela procure a filha. Jura que vai falar com a irmã, dê por onde der.

Júlia fica abalada quando Carminho lhe entrega as lembranças que Duarte enviou dos portos por onde passou. Júlia confessa que não o esqueceu, mas afirma que agora é uma outra Júlia que não está disposta a reviver o passado.

Duarte e Gui abraçam-se no reencontro, querendo saber tudo um do outro.

Cátia começa a ficar incomodada com as exigências de Francisco, que quer tê-la disponível a qualquer hora. O advogado insinua que é ele quem paga os luxos e tenta beijá-la. É obrigado a disfarçar com a chegada de Nicole, que repara que Cátia não está bem. Esta mente, dizendo que não dormiu bem e muda de assunto. Nicole confessa-se radiante com o divórcio, garantindo que Hernâni ficou furioso.

Hernâni perde o stand de automóveis que é penhorado pelo fisco. Ainda tenta barricar-se dentro de um carro, mas a polícia faz cumprir a lei. Hernâni lamenta-se ao contabilista, sem saber o que fazer da vida.

Emília e Luísa sofrem uma pesada multa por não terem aberto a loja a tempo. Luísa começa a inventar um meio ilegal para recuperar o dinheiro mas a sócia não permite. Quando Emília vira costas Luísa chama-lhe medricas.

Júlia e Carminho põem a conversa em dia, quando são interrompidas por Lúcia que anuncia a presença de Raquel que insiste em falar com a irmã. Júlia diz a Carminho que vai recebê-la, fazendo-a esperar primeiro, para que saiba o que é ser rebaixada.

Duarte mostra a Gui como a viagem à Índia o modificou e assegura que vai arriscar numa agência de viagens o dinheiro que tem. Gui diz ao irmão que só Natércia sabe que ele regressou dando-lhe o tempo que precisa para suportar o interrogatório de Teresa.

Alberto regressa a casa cabisbaixo e conta a Ester que a polícia lhe disse que as hipóteses de reaver o dinheiro que Carlos Manuel roubou são quase nulas. No entanto, o pior está para vir. Alberto é obrigado a contar a Ester que vão ter de deixar a casa onde vivem, pois hipotecou-a para participar no negócio fictício que o burlão lhe propôs. Ester chora convulsivamente, confortada por Amélia. A empregada critica Alberto, acusando-o de ter passado das marcas. Ester recusa perdoá-lo e diz que, afinal, Áurea não é a única pessoa doente daquela casa.

Júlia recebe Raquel, que arde de raiva por ter ficado uma eternidade à espera. No gabinete de Urbano, Júlia surpreende a irmã dizendo que seguiu os seus sábios conselhos e que subiu na vida. Garante que voltou para assumir o papel de mãe de Mariana e aconselha-a a pensar duas vezes antes de a tentar impedir, pois agora já não é o lado mais fraco. Raquel fica atónita com a audácia de Júlia.

Júlia impõe-se a Raquel e deixa claro que quer fazer parte da vida de Mariana, principalmente agora que é avó de Carolina. Raquel esforça-se por humilhar a irmã, mas Júlia diz que já não se deixa manipular, acrescentando que está agora uma mulher diferente, mais culta e com posição social superior. Raquel recusa-se a dizer em que hospital estão Mariana e Carolina, depois de deixar escapar que o parto de Mariana teve algumas complicações. Júlia diz que descobrirá por si e aponta o caminho da saída à irmã. Urbano e Lúcia esperam Júlia com ansiedade, mas esta tranquiliza-os, dizendo que resistiu à conversa com Raquel.

Depois de se ter confrontado com Júlia, Raquel tenta ganhar pontos junto de Mariana no hospital, mostrando-se preocupada com ela, insistindo para que ela amamente Carolina. Mariana reage enervada, mas aceita as sugestões da tia, que diz que se preocupa com ela como se fosse sua mãe.

Duarte confessa que não conseguiu esquecer Júlia e que só terá paz quando a reconquistar ou conseguir esquecer. Fica chocado quando Gui lhe conta que Júlia casou com Urbano e que foi para o estrangeiro.

Nicole e Isabel ficam radiantes com o regresso de Júlia, que as visita no centro comercial. As amigas põem a conversa em dia falando das últimas novidades. Nicole confirma que se divorciou de Hernâni e que agora vive com o maravilhoso Miguel. Júlia conta que já é avó e que se prepara para visitar Mariana e Carolina. Júlia diz estar preparada para as batalhas que aí vêm. A conversa é interrompida por uma chamada de Hernâni que pede a Nicole que o tire da cadeia, pois foi preso por ter andado à bancada, embriagado.

Mariana sente dificuldade para pegar em Carolina. Teresa diz de imediato que a neta é a cara do pai e que está mais que provado que vão ter de contratar uma ama permanente. Raquel, sempre muito enervada com medo que Júlia apareça, defende Mariana dizendo que ela precisa de tempo para se habituar á filha. Duarte entra no quarto de surpresa, acompanhado por Gui que lhe quer mostrar a filha. Duarte cumprimenta Teresa de fugida e, perante a crítica da mãe, diz que ela vai ter de esperar se quer discutir com ele. O ambiente fica tenso entre ambos.

Sónia faz publicidade aos implantes mamários e conta que, na noite anterior, até os homens acompanhados olharam para ela. Cátia queixa-se que Francisco não para de a controlar. Ivo chega à procura de umas sementes para ficar imune a doenças. Cristóvão elogia o desempenho de Cátia no anúncio que gravou, mas Ivo acrescenta que ela não pode falar de uma carreira, pois só apareceu dois segundos. Cátia não gosta do reparo e responde que se ela não tem futuro, ele muito menos, pois vai morrer de uma das suas muitas doenças. Ivo fica a pensar, angustiado.

Natércia recebe Duarte de braços abertos e elogia-lhe a barba, dizendo que parece mesmo um marinheiro. Teresa ordena à empregada que lhes prepare um lanche. Duarte faz as pazes com a mãe, impondo como condição que ela não volte a interferir na sua vida.

Ao chegar a casa, Júlia lê uma carta que Duarte lhe enviou de São Tomé, ficando perturbada com as suas palavras doces e sedutoras. Urbano bate à porta e Júlia esforça-se por ser delicada. Aproveita para pedir ao marido para organizar um jantar a Ester e Alberto, para lhes agradecer terem-na apoiado. Urbano tenta esquivar-se, mas acaba por aceitar, para não a desapontar. Urbano insiste com Júlia para que jante com ele, pois não tiveram sequer tempo para conversarem desde que ela regressou de Itália. Júlia não dá qualquer certeza, sem reparar na desilusão que causa a Urbano.

Zé Maria desagrada a Raquel quando insiste que ela deve permitir que Júlia se entenda com Mariana. Raquel fica furiosa e responde que se é para ele dizer sempre o que ela não quer ouvir, é melhor estar calado. Zé Maria fica estupefacto e vê Raquel afastar-se para o interior do hospital.

Ester conta a Carminho que Alberto perdeu todo o dinheiro que tinha ao envolver-se com um burlão, ao ponto de serem até despejados da casa onde vivem. Lentamente, Carminho começa a perceber que já não vai conseguir casar, enquanto Ester chora convulsivamente, pedindo-lhe desculpa. Alberto está encolhido no sofá e tenta dizer que vai encontrar uma solução para o problema. As lágrimas percorrem a face de Carminho que jura jamais perdoar ao pai por lhe ter estragado o casamento.

Áurea descobre uma mensagem no telemóvel de Aníbal e faz uma cena, querendo saber com quem ele a anda a trair. Pensa até que ele usou um nome de homem para disfarçar, longe de imaginar que o marido tem um namorado. Áurea abraça Aníbal e pede mais uma oportunidade, pois continua a amá-lo. Aníbal explode e confessa que já não aguenta mais estar com ela e sai para a rua. A mulher implora-lhe que volte, mas tem de resignar-se, chorando desconsoladamente.

Carminho conta em lágrimas a Jorge que já não vão poder casar, porque Alberto perdeu tudo o que tinham. Jorge acalma a noiva e diz que desta vez não vão adiar a boda.

Miguel fica contrariado ao chegar a casa com Tânia, deparando-se com Hernâni, que Nicole tirou da prisão. Nicole abraça Miguel, dizendo que o fez pela filha. Ele disfarça o seu desagrado.

Júlia entra no quarto onde Mariana está com Carolina e tenta que a filha lhe dê uma oportunidade. Mariana rejeita Júlia com violência, afirmando que ela não tem o direito de se aproximar dela, depois de tudo o que lhe fez. Júlia chora, ao mesmo tempo que fica embevecida com a neta que acaba de conhecer. A bebé acorda e chora com os gritos de Mariana, que exige a Júlia que se vá embora. Esta faz-lhe a vontade mas deixa o presente que comprou a Carolina. Ao sair, Júlia esbarra em Raquel que fica aflita ao vê-la.

Júlia diz a Raquel para não se preocupar, pois já está de saída, vincando que de uma vez por todas. Despede-se de Mariana, surpreendendo a irmã, que pergunta sofregamente à sobrinha o que é que a mãe lhe disse. Mariana conta que não lhe deu tempo de falar e a mandou embora. Pede a Raquel que leve para o berçário o presente que a mãe deixou a Carolina.

Júlia chora num recanto do hospital mas tem de limpar as lágrimas à pressa, pois Zé Maria aproxima-se dela para a consolar. A cunhada cumprimenta-o mas vai-se embora, perante o olhar de pena de Zé Maria.

Duarte lancha com Teresa, Francisco e Gui, numa harmonia que há muito não se via. Duarte conta aos pais que tenciona abrir uma agência de viagens para proporcionar experiencias diferentes do habitual. Teresa argumenta que a conjuntura não é favorável, mas Francisco elogia a coragem do filho.

Mariana mostra-se agastada quando Zé Maria conta que se cruzou com Júlia. Pede ao pai que lhe dê um bolo dos que comprou. Zé Maria é surpreendido porque Raquel diz que tem de regressar depressa a casa, pois tem um evento onde não pode deixar de ir.

Jorge e Carminho explicam a Isabel que já não podem casar como estava previsto, pois Alberto perdeu todo o dinheiro que tinha para a boda. Jorge pede à irmã para Carminho morar em sua casa, enquanto não alugam uma. Isabel nem olha para trás e aceita o pedido, dizendo a Carminho que gosta muito dela. Carminho mostra-se decidida a mudar-se imediatamente, pois não consegue perdoar o pai.

Ester sugere a Alberto que venda o carro e compre uma carrinha, para fazer as entregas dos salgados que ela vende. Apesar de contrariado, Alberto acaba por concordar, na esperança de que Carminho o veja com outros olhos e o perdoe por lhe ter estragado o casamento.

Áurea chora nos braços de Inês, em pânico com a possibilidade de Aníbal a trocar pela amante. Bruno fica assustado por ver a mãe a chorar. Inês faz uma festa na cara do irmão, tentando dar-lhe coragem.

Germano argumenta com Aníbal que ele tem agora uma boa oportunidade para deixar Áurea e ir viver com ele, uma vez que a mulher descobriu as mensagens que trocaram. Aníbal jura que é dele que gosta mas pede mais tempo para não magoar os filhos. Germano deixa claro que não gosta de o partilhar com Áurea, mas acaba por entender as suas razões.

Raquel volta a trair Zé Maria e garante a Hugo que vai falar com o marido sobre o divórcio, nessa mesma noite.

Júlia mata saudades de Vera ao telefone e constata que ela está determinada a voltar a Portugal, apesar das propostas de trabalho que tem recebido. Urbano vai buscar Júlia e leva-a para o seu apartamento onde preparou um jantar especial. O cenário que o médico construiu é muito romântico e acaba por deixar Júlia constrangida, por não poder retribuir o amor que Urbano sente por ela. Confessa que está desiludida depois do encontro com Mariana. Já recomposta, apresenta a Urbano a nova ideia de negócio para a clínica, propondo que Nicole passe a explorar um espaço como manicura. Até porque foi das raras pessoas que a apoiaram quando saiu da cadeia. Urbano sorri, em concordância.

Hernâni vai-se deixando ficar em casa de Nicole e tenta aproveitar o facto de Tânia lhe perguntar se não quer jantar. Nicole apressa-se a dizer que ele tem comida em casa e manda-o embora. Miguel não esconde o incómodo pela situação e dispara de imediato que vai tentar comprar o stand a Hernâni, que está com a corda na garganta, depois do fisco o ter penhorado. Nicole admira o jeito do namorado para os negócios, acreditando que o negócio automóvel pode dar resultado.

Emília contraria Luísa que insiste em vender chávenas de chá fabricadas na china, como se fossem peças da casa real inglesa. O ambiente desanuvia quando Emília recebe uma chamada de Raul, dizendo que vem de férias, deixando a mãe a rebentar de felicidade.

Aníbal ganha coragem e decide confrontar Áurea com o fim do casamento, confessando que tem outra pessoa. Inconformada, Áurea acusa o marido de a ter feito perder os melhores anos da sua vida e jura que jamais o perdoará, antes de se refugiar no quarto a chorar.

Alberto fica em choque quando Carminho anuncia que vai viver com Jorge em casa dele e de Isabel. Ester não esconde a tristeza mas diz que compreende as razões da filha. Carminho diz, sem rodeios a Alberto, que está demasiado magoada com o pai para continuar a morar com ele.

Inês chora mas acaba por concordar com Aníbal que o melhor é ele sair de casa. O pai tenta fazer-lhe uma festa, mas sente-se demasiado culpado pelo fim do casamento com Áurea.

Alberto fica melindrado com Carminho, que se despede de toda a gente menos dele. Ester afirma com dureza que se há alguém com razões de queixa é Carminho e não ele.

Júlia e Urbano terminam o jantar. O médico refere que a empregada quebrou a pata de uma tartaruga quando lhe estava a limpar o quarto. Júlia tem de esconder a sua decepção, percebendo que se trata de um presente que Duarte lhe mandou enquanto viajava. Urbano fica também desapontado por Júlia decidir voltar para casa, ao invés de ficar mais um pouco com ele.

Duarte alinha com Gui, que quer comemorar o facto de Mariana e Carolina já estarem fora de perigo.

Teresa confessa a Francisco que não se conforma por Duarte ter deixado a diplomacia e por Gui ir morar com Mariana e Carolina na casa que lhes deu.

Isabel mostra os cantos da casa a Carminho, que faz questão de contribuir para pagar as contas. Júlia telefona-lhe nesse momento e fica estupefacta quando a amiga conta que foi viver com Jorge e que cancelaram o casamento, por causa dos disparates de Alberto, que voltou a perder todo o dinheiro que tinha.

Duarte leva Gui a casa e tem dificuldade em controlar a embriaguez do irmão.

Raquel espera ansiosa pela chegada de Zé Maria e diz que se quer divorciar dele. Zé Maria olha-a com um ar enfurecido.

Raquel pede o divórcio a Zé Maria, negando que tenha reatado com o amante. De nada serve ao marido dizer que ainda a ama, pois Raquel argumenta que não tem o mesmo sentimento, estando apenas disposta a preservar a amizade. Zé Maria decide ir dormir no hotel, enquanto Raquel, depois dele sair, telefona para Hugo para contar como correu a conversa com o marido.

Teresa não resiste a interferir na vida dos filhos e diz a Francisco que tenciona passar pelo apartamento de Gui, para verificar se Mariana consegue tomar conta de Carolina. Mesmo assim consegue permitir que seja Gui a ir buscar a mulher e a filha ao hospital.

Aníbal acorda dorido por ter dormido no sofá e conta a Inês que Áurea saiu cedo de casa sem lhe dirigir a palavra. Bruno mostra receio que o pai acabe por sair de casa, deixando Aníbal angustiado e indeciso.

Carminho fica constrangida, pelo facto de Isabel não querer que ela ajude a preparar o pequeno-almoço. Jorge diz que a irmã só está a querer mimá-la.

Nesse instante Carminho recebe uma mensagem de Alberto, mas recusa-se a ligar-lhe, confessando a Jorge e Isabel que está a pensar interditá-lo para que o pai não arranje mais dívidas à família. Isabel comenta que o grande mal de Alberto é ser um incorrigível sonhador. Nesse momento, Ester tem de aplacar a veia megalómana do marido, que quer comprar uma carrinha demasiado cara para fazer as entregas dos salgadinhos. Amélia provoca Alberto, dizendo que para fazer as entregas escusa de pôr a carrinha dentro dos cafés. Ester repreende os dois mas não tem descanso. Áurea chega e conta que Aníbal anda a traí-la com uma amante e que já confessou. Alberto garante que vai dar cabo do genro e Amélia diz que ajuda. Áurea chora nos braços de Ester, que murmura que a família deve estar amaldiçoada.

Urbano delicia-se a observar a beleza de Júlia e ajuda-a a pôr um colar. O médico lança a ideia de expandir a clínica apoiado pelo entusiasmo de Júlia.

Ester e Alberto tentam convencer Áurea de que separar-se de Aníbal será a melhor solução para si. A filha diz que só consegue desejar a morte ao marido por tê-la traído.

Teresa entra em casa de Gui com a nova empregada. Fica estarrecida quando se depara com o filho de ressaca e ainda a dormir. Teresa dá-lhe um raspanete e manda-o tomar um banho frio, criticando o seu desleixo no dia em que Mariana e Carolina deixam a maternidade.

Mariana, já pronta com a filha para ir para casa, fica furiosa por Gui não chegar a tempo de as levar. Raquel despede-se da médica que assistiu Mariana no parto e tenta disfarçar o incómodo da situação. Quando ela pergunta porque razão o pai não apareceu, Raquel mente e diz que Zé Maria teve um assunto urgente para tratar, escondendo que lhe pediu o divórcio.

Zé Maria chama Hugo para resolver um problema de som na discoteca e pede a Roberto que vá ao banco e lhe traga o envelope que contém as provas de que Raquel o traiu.

Gui telefona a Mariana e diz que se atrasou mas ela não está para ouvir explicações e desliga-lhe o telefone na cara. Teresa comenta com Gui que Mariana não tem educação alguma, acrescentando que o defenderá sempre diante da mulher ou da sogra. No entanto avisa o filho que deve ganhar juízo, pois agora é pai.

Nicole escorraça Hernâni da loja quando o ex-marido lhe vai pedir dinheiro emprestado. Retoma a conversa que estava a ter com Júlia e aceita a proposta para partilhar um espaço na clínica de Urbano, para fazer depilação e arranjar as unhas das clientes. As duas amigas selam a nova sociedade com um aperto de mão.

Emília confessa a Isabel que anda de candeias às avessas com Luísa a quem responsabiliza pela multa que foram obrigadas a pagar por não terem aberto a loja a horas. Fica ainda mais exasperada, quando a sócia chega carregada com material falsificado, que comprou com o dinheiro ganho no dia anterior. Emília teme as consequências se forem apanhadas, mas Luísa não se preocupa.

Júlia fica atrapalhada quando tem de apresentar Duarte a Urbano, como um velho amigo. Quando fica a sós com Júlia, Duarte despreza-a, insinuando que ela se vendeu por dinheiro e posição, ao casar com o médico. Carminho aconselha Júlia a ir conversar com o ex-namorado, explicando que o seu casamento com Urbano é apenas aparente.

Mariana chega a casa com Carolina e Raquel. Teresa defende Gui, dizendo que ele ainda está a acabar de se vestir, porque passou mal a noite. Mariana não engole a mentira e assim que Gui aparece começa a discutir com ele.

Francisco proíbe Cátia de sair com as amigas mas a amante impõe-se e diz que não vai ficar trancada em casa por causa dos ciúmes dele. Francisco é obrigado a resignar-se e promete compensar Cátia por ter estado com ela.

Júlia tenta explicar a Duarte que o seu casamento com Urbano é de fachada, mas ele não acredita e prefere humilhá-la com as suas ironias.

Mariana mostra que não sente qualquer instinto maternal para cuidar de Carolina e diz que vai entregar essa tarefa a Rute. Raquel tenta contrariar essa ideia, dizendo que há coisas que só uma mãe pode dar. Mariana mostra vontade de voltar a estudar e discute com Gui, porque ele diz que só fez uma cadeira no último ano. Raquel vai embora e Mariana pede-lhe que mande um beijo ao pai. Raquel esconde que está à beira de se divorciar de Zé Maria.

O empresário desabafa com Hugo, contando que Raquel lhe pediu o divórcio, ignorando queestá na presença do amante da mulher. Roberto chega com o envelope contendo as fotos que provam a traição de Raquel, mas não tem coragem de o abrir. Hugo despede-se e dentro do seu carro telefona a Raquel, dizendo que Zé Maria está disposto a dar-lhe o divórcio, mais facilmente do que ela pensaria.

Sozinho no escritório do Dancin’ Days, Zé Maria ganha coragem e abre o envelope, ficando em choque ao ver que Hugo é o amante de Raquel. Enlouquecido, parte tudo à sua volta enquanto chama por Roberto. Quando este chega, ordena-lhe em fúria que contrate homens para darem uma forte tareia em Hugo, de forma a que vá parar ao hospital.

nas redes

pesquisar