SIC

Perfil

De segunda a sexta

Dancin' Days - Resumo de 7 a 13 de dezembro

Raquel agride Júlia quando esta conta toda a verdade a Mariana, Júlia casa-se com Urbano e Mariana com Gui

Mariana, muito nervosa, recusa ouvir as explicações de Júlia, mas a mãe acaba por conseguir contar-lhe que esteve presa por um crime que Raquel cometeu. Esta irrompe pelo quarto da sobrinha, incrédula com a presença da irmã. O confronto entre ambas é inevitável e Raquel mente, mais uma vez, dizendo que foi Júlia quem atropelou um homem porque conduzia embriagada. Mariana assiste a tudo muito confusa, sem saber em quem acreditar. Júlia é demolidora, acusando Raquel de a ter traído, ao mesmo tempo que garante a Mariana que lhe fará o mesmo. Raquel desfere um estalo em Júlia e expulsa-a de casa. Elvira justifica-se à patroa, dizendo que permitiu que Júlia entrasse, uma vez que ela disse ser a manicura da noiva. Mariana mostra-se revoltada pelo facto de Raquel e Zé Maria terem alimentado a mentira sobre a mãe, durante tanto tempo. Exige ficar sozinha e chora convulsivamente. Mais recomposta, telefona a Nonô para confortar-se, ouvindo a voz da amiga. Na sala, Zé Maria acusa Raquel pelo sofrimento da filha, mas ela grita que a única culpada é Júlia.

Gui acaba de se arranjar para o casamento. Teresa censura-o por ter passados a noite em claro na despedida de solteiro. O filho provoca-a, carinhosamente, e

alivia o ambiente dando-lhe um beijo na cara. Francisco imagina que o filho teve uma noite divertida.

Hugo sai para o casamento na companhia de Babi, indiferente a Ivo que regressa à loja de som a propagandear mais um role de doenças depois de ter feito exames médicos. Jorge esforça-se por pô-lo a trabalhar mas ele anuncia de imediato que não vai render, por estar muito doente.

Isabel confessa que passou por uma grande vergonha ao assistir ao pedido de casamento que Urbano fez a Júlia. Luísa e Emília confortam a amiga, concordando que o médico não seria o homem ideal para ela. Nesse instante, Luísa gaba o romantismo entre Hugo e Babi, quando ele lhe coloca uma goma na boca, enquanto passam à frente do café.

Lúcia e Vera sentem pena de Urbano, depois de Júlia ter recusado casar com ele. O médico chama Carminho ao seu gabinete e abre o seu coração, confessando toda a sua tristeza por não ter conseguido conquistar Júlia. Urbano diz que toda a vida foi tímido e mostra-se incapaz de voltar a amar.

Júlia, vagueia pela cidade, mergulhada numa profunda tristeza, depois do encontro com Mariana e do confronto agressivo com Raquel. Devastada, acaba por embriagar-se, a ponto de partir um copo e de ver o empregado recusar-se a servir-lhe mais uísque.

Isabel leva a Nicole um ramo de flores que pediram para lhe entregar. A manicura fica contente ao perceber que foram enviadas por Miguel, enquanto Isabel mostra curiosidade para saber de quem é.

Miguel, depois de ter sido despedido por Hernâni, tanta negociar com o patrão a indemnização que tem a receber. Hernâni, enciumado por ter surpreendido o funcionário com Nicole, insulta-o e expulsa-o do stand, chamando-lhe traidor.

Cátia mostra as fotografias dos implantes que Sónia fez. Ivo e Emília mostram-se impressionados. Nicole deixa o café na companhia de Miguel, levando Isabel a pensar que ele é o novo amor da amiga. Miguel, sedutor, marca encontro com Nicole na casa dela.

Elias despede-se da família de Ester, em ambiente de grande comoção. O rabino convida Amélia para fazer uma viajem até Israel e Alberto ironiza, dizendo que até lhe paga metade do bilhete.

Depois de Áurea ter tentado o suicídio, Aníbal promete-lhe que vai estar mais presente na sua vida.

Alexandre beija o pescoço de Inês, mas ela esclarece que o seu relacionamento é estritamente profissional, acrescentando que não está interessada em ter namorado novo.

Mariana deixa Raquel preocupada porque se recusa a sair do quarto para ir para o casamento.

Em casa dos Sousa Prado, Gui começa a dar os primeiros sinais de nervosismo, à medida a que se aproxima a hora de dar o sim. Teresa lamenta que Duarte não esteja presente, enquanto Francisco desvaloriza a ausência do filho mais velho. Hugo seduz Babi de forma provocadora.

Mariana sai finalmente do quarto e anuncia a Raquel e Zé Maria que tomou uma decisão, levando-os a pensar que desistiu do casamento.

Júlia, ainda sob o torpor do álcool decide apanhar um táxi para Cascais, onde vai decorrer o casamento de mariana e Gui.

Teresa, Gui e Francisco exasperam com o atraso de Mariana para o casamento, mas a noiva acaba por chegar, justificando que teve um dia difícil.

Áurea surpreende Ester, quando lhe pede, ainda no hospital, que olhe por Bruno e Aníbal se lhe acontecer alguma coisa.

Carminho e Vera comentam o casamento de Mariana, concordando que nem ela nem Gui têm maturidade para dar esse passo. Urbano interrompe a conversa dizendo que vai embora e já não volta nesse dia. Carminho comenta com a prima que sente muita pena que ele esteja a sofrer por Júlia não lhe corresponder o amor. Nesse instante, recebem uma chamada de Nicole, preocupada porque Júlia deixou cedo o centro comercial e, a partir dessa altura não mais deu notícias.

Mariana e Gui casam-se e beijam-se. Raquel começa a discursar elogiando os noivos, mas é interrompida pelas palmas ruidosas de Júlia que, entretanto, se introduziu em casa dos Sousa Prado, surpreendendo tudo e todos.

Júlia faz um escândalo no casamento de Mariana, interrompendo o discurso de Raquel e acusando a irmã de lhe ter roubado a filha. Mariana refugia-se, envergonhada, no quarto de Gui e Júlia, embriagada, na ânsia de seguir a filha atira com Teresa ao chão, com violência. Raquel, petrificada, grita para que Zé Maria chame a polícia. Entretanto, o segurança da festa consegue imobilizar Júlia, que acaba por ser detida e atirada para uma cela, onde chora e suplica para que a deixem ver a filha.

Teresa e Francisco pedem explicações a Raquel pelo escândalo que invadiu a sua casa, obrigando-a a confessar que Júlia é sua irmã, que esteve presa e que é a verdadeira mãe de Mariana. Teresa não poupa nas palavras e garante que se soubesse da verdade, jamais teria convencido Guilherme a casar Gui, por seu lado, graceja com o facto de Duarte ter namorado com Júlia e consegue convencer Mariana a voltar para a festa, a troco de um vodka. Nonô lembra-lhe que não deve beber álcool por causa do bebé.

Teresa, ainda dorida pela queda que sofreu, pensa em apresentar queixa contra Júlia mas, por sugestão de Zé Maria que alerta para outro escândalo, acaba por recuar.

Isabel não se conforma por Urbano se ter apaixonado por Júlia e não por ela. Emília tenta animá-la mas a única forma de o fazer é desistir com ela e Luísa do cruzeiro de fitness onde se tinham inscrito. Isabel agradece a solidariedade da amiga.

Nicole fica maravilhada pela iniciativa de Miguel que se propõe para seu sócio, sugerindo que ela alargue a sua actividade estética à depilação tanto a mulheres como para homens. Miguel diz que tem umas economias e que pode avançar para a compra do equipamento, levando Nicole a dizer que ele é muito diferente de Hernâni, para melhor. A manicura fica em choque ao saber por Jorge que Júlia foi presa. Miguel nem quer acreditar que ela tem uma filha.

Apesar do escândalo que Júlia fez, Francisco comenta com algum alívio, que a festa do casamento de Mariana e Gui acabou por se salvar. Zé Maria concorda mas Teresa diz que dificilmente teria imaginado pior. Mariana não se mostra animada com a noite de núpcias, preferindo voltar para o seu quarto de sempre.

Teresa recorda que agora a sua vida é a dois mas Mariana ironiza, disparando que da forma como se metem nela, a vida é a cinco ou a seis. Teresa, Francisco, Zé Maria e Raquel acusam a crítica. Gui alivia o desânimo de Mariana, entusiasmando-a com a lua-de-mel que vão ter em Nova Iorque.

Em casa da família Galvão todos estão preocupados com a possibilidade de Júlia ser obrigada a cumprir a totalidade da pena a que foi condenada, por ter infringido a liberdade condicional. Carminho diz que vai assistir à audiência com Jorge.

Inês desabafa com Ester, preocupada com a saúde da mãe, revelando que até já pensou tirar uma licença para ficar a tomar conta dela, até porque teme que o pai não aguente manter o casamento nestas circunstâncias. Aníbal, por sua vez, telefona a Inês inventando uma desculpa para não ir jantar. Encontra-se com Germano no bar gay, devastado por não ter coragem de assumir a sua homossexualidade. Germano encoraja Aníbal com carinhos e diz que está disposto a esperar por ele.

Teresa confidencia a Francisco que teme que o casamento de Gui tenha sido um erro, face ao que a família de Mariana representa. O marido desvaloriza o receio mas deixa Teresa irritada, quando lhe diz que vai sair para arejar as ideias. Teresa dispara que Francisco nem no dia do casamento do filho faz um esforço para fingir que o deles vai bem.

Raquel comenta com Zé Maria que teve dificuldade em suportar os comentários desagradáveis de Teresa, depois de Júlia ter invadido o casamento. Zé Maria receia que Mariana não seja capaz de lidar com a sua nova vida e sugere que contratem um psicólogo para a ajudar.

Mariana e Gui enfrentam a noite de núpcias com espírito diferente. Ele prefere beber e divertir-se, enquanto Mariana o critica por ser incapaz de a ouvir falar dos seus problemas familiares. Gui faz várias tentativas para seduzir a mulher, mas Mariana confessa que tem receio de envolver-se, agora que está grávida. No entanto, acaba por ceder aos avanços de Gui, que argumenta que a noite de núpcias não é para ver televisão.

Teresa, sozinha em casa, resiste à tentação de fazer confidencias a Natércia sobre a tristeza que sente pela vida que tem.

Cátia fica nas nuvens, porque Francisco lhe arranja um anúncio de televisão para fazer e decide oferecer-lhe um apartamento, farto de se encontrar com ela em hotéis. Cátia pergunta como correu o casamento de Gui e fica de boca aberta ao saber que a mãe da noiva foi parar à cadeia.

Antes de se apresentar ao juiz, Júlia volta a experimentar o horror de estar fechada numa cela. Em tribunal, Júlia é surpreendida pela chegada de Alves Cardoso, conhecido advogado que a vai defender. Durante a audiência o juiz tem palavras duras e avisa Júlia que se voltar a causar problemas voltará à prisão para cumprir o que falta da pena. Júlia sai em liberdade e questiona o advogado sobre quem o contratou. Alves Cardoso, enigmático, responde que se trata de um amigo comum.

Raquel e Zé Maria, acabam por ficar mais tranquilos com a libertação de Júlia, evitando dessa forma mais um escândalo. Zé Maria sai para tratar de negócios, pensando que Raquel vai para casa descansar.

Júlia regressa a casa e é recebida com Carinho por Ester e Alberto, pedindo desculpa por tê-los desiludido. Alberto é o primeiro a dizer que qualquer pessoa pode exceder-se. Júlia confessa a Carminho e Jorge que vai mudar de vida e olhar mais para si, uma vez que se tem prejudicado por andar atrás de uma filha que não a quer. Nesse instante, Raquel bate à porta e pede para falar com Júlia. Esta encaminha a irmã para o seu quarto e recusa considerar-se culpada por ter estragado o casamento da filha. Júlia surpreende Raquel aceitando afastar-se da vida de Mariana, mas impõe uma condição.

Para se afastar de Mariana, Júlia exige a Raquel que conte à sobrinha e também a Zé Maria, que foi ela a cometer o crime pelo qual a irmã passou dezasseis anos na cadeia. Raquel recusa contar a verdade e faz com que Júlia ceda, vincando que ninguém acreditará nela. Acrescenta que não está disposta a abdicar de todo o conforto que conquistou e reconhece que casou por conveniência com Zé Maria. Júlia sente cada vez mais raiva de Raquel e diz que

a partir deste momento não tem irmã, ao mesmo tempo que afirma que a filha também morreu para si, uma vez que nem a quer ver. Raquel sente que ganhou a batalha com Júlia e ambas se despedem com frieza. Depois de saberem a decisão que Júlia tomou, Ester, Alberto e Carminho dão-lhe todo o apoio. Amélia chega nesse momento e fica feliz por vê-la de volta. Júlia comove-se com Alberto que a considera como uma das suas filhas e retira-se para o quarto para descansar. Carminho leva-lhe uma encomenda que acaba de chegar, deixando toda a gente intrigada. Júlia abre o pacote, constatando que se trata do fio que ela tinha devolvido a Duarte. Num bilhete de amor, Duarte jura comprar-lhe um presente em cada porto em que fizer escala mas Júlia afirma que tem de esquecê-lo. Carminho avança a hipótese de ter sido ele a contratar o advogado que a defendeu, mas a amiga afasta essa ideia, pois Duarte nunca poderia saber que ela tinha sido presa outra vez. Júlia fica em silêncio, pensativa.

Isabel vai ter com Urbano à clínica e comunica-lhe que não tem mais condições de continuar a ensaiar com ele a peça de teatro. O médico é apanhado de surpresa e fica sem saber o que a terá a tomar tal decisão, pois ignora que Isabel está apaixonada por ele e não aguentou vê-lo pedir Júlia em casamento. Isabel despede-se com tristeza e, fora do gabinete de Urbano, recebe o apoio de Luísa, que a quer levar para um striptease masculino, para curar o desgosto.

Miguel e Nicole trocam beijos fogosos e apaixonados no salão da manicura e são apanhados por Hernâni. Louco de ciúme com o que vê, Hernâni ameaça Nicole e deixa-a assustada, pois garante que vai fazer tudo para lhe retirar a guarda de Tânia.

Cátia procura na loja de Emília um candeeiro para a casa nova e não resiste a contar que vai viver com o namorado em breve. Cátia pede segredo à amiga, porque ainda não contou a novidade a Sónia, que convalesce da operação aos seios.

Cristóvão fica desanimado com Ivo, que recusa ajudá-lo de novo a conquistar Cátia.

Hugo protesta com Ivo, que inventa todos os pretextos para não trabalhar. Jorge chega no momento em que os dois discutem e Hugo acaba com a conversa, centrando-se no escândalo que Júlia protagonizou. Jorge desabafa com o amigo

e deixa escapar que a história de vida da amiga é mais complexa do que aparenta.

Raquel abre o jogo com Babi e confessa-lhe que é amante de Hugo. A amiga fica de boca aberta, mas promete nunca mais ter qualquer contacto com ele.

Ester e Amélia mostram a Júlia o enxoval que têm andado a preparar para o casamento de Carminho. Ester confessa que comprou algumas peças com a venda dos salgadinhos, negócio que está a render bom dinheiro. Amélia lamenta que elas ganhem por um lado e que Alberto gaste por outro.

Alberto encontra-se no café de Isabel com Carlos Manuel, que lhe entrega um cheque chorudo, dizendo que é a sua parte no negócio dos leilões. Alberto inebria-se e quer festejar com champanhe. Carlos Manuel aproveita a euforia e afirma que tem um negócio ainda melhor, que vai render cinquenta vezes mais.

Inês demite-se do atelier, ao perceber que Alexandre promoveu outro colega para coordenador de projectos, por ela não ter ido para a cama com ele.

Aníbal esforça-se por cuidar de Áurea o melhor possível. Bruno, entra em casa nesse instante e apressa-se a abraçar a mãe, confessando que pensou tê-la perdido. Inês diz que vai ter mais tempo para lhe dedicar, comunicando que deixou o emprego, devido ao assédio do patrão. Áurea e Aníbal ficam preocupados.

Júlia desabafa com Nicole e garante que quer mudar de vida, sem que tenha de rastejar pelo amor da filha e da irmã.

Hugo fica perplexo quando Raquel lhe diz que contou a Babi que anda com ele. Perante o temor do amante, Raquel garante que o divórcio de Zé Maria é uma questão de tempo, para não sair do casamento de mãos a abanar. Assim que conseguir esse objectivo, diz que será apenas sua.

Alheio à traição da mulher, Zé Maria mostra a Elvira o colar de diamantes que comprou e acrescenta que essa noite vão jantar fora, para oferecer a jóia a Raquel.

Carminho fica sem saber o que dizer, quando Alberto lhe exibe o talão de depósito do cheque que Carlos Manuel lhe diz. Perante o espanto geral e a grande desconfiança de Amélia, diz que o dinheiro é fruto de um negócio que

correu muito bem. Como Carminho estava a ver a ementa para o casamento, Alberto diz à filha para não olhar aos preços.

Júlia marca encontro com Urbano e leva-o a confessar que foi ele quem pagou ao advogado para a defender. O médico fala muito constrangido e pede desculpa por tê-la pedido em casamento, de surpresa. Júlia deixa Urbano quase sem fala, ao dizer que pensou muito sobre o assunto e que decidiu aceitar o seu pedido de casamento.

Urbano nem quer acreditar que Júlia aceita casar com ele e aceita todas as condições que ela impõe. Apostada em mudar de vida, Júlia diz que quer fazer uma viajem sozinha, para se tornar mais culta, talvez voltar a estudar e transformar-se numa mulher mais sofisticada. Júlia deixa claro que este será um casamento de conveniência e aproveita para contar que esteve presa alguns anos. Urbano nem sequer quer saber os motivos e aceita, deslumbrado, todas as exigências da amada, convicto de que como passar do tempo conseguirá conquistar o seu amor.

Raquel chega mais tarde que o previsto a casa e depara-se com Zé Maria que, a transbordar romantismo lhe oferece o colar de diamantes, convidando-a de seguida para um jantar a dois. Raquel esquiva-se dizendo com grande insensibilidade que está com dor de cabeça. Zé Maria esforça-se por disfarçar a sua desilusão. O constrangimento do casal termina quando Mariana telefona a Raquel para dizer que chegou com Gui a Nova Iorque e que se estão a começar a divertir.

Teresa desabafa com Natércia, duvidando que o casamento de Gui resulte. No entanto, é de Duarte que sente mais falta, acrescentando que os filhos são uns ingratos, que não valorizam o que ela fez por eles. A empregada fica constrangida com as confidências de Teresa e retira-se. Francisco chega nesse instante para jantar e fica frustrado com a intransigência de Teresa, que reafirma a intenção de lhe retirar a gestão dos bens de família, embora tencione

preservar o casamento. Teresa queixa-se de que Francisco não alterou em nada o seu comportamento, pois continua a passar a maior parte do tempo fora de casa.

Júlia aproveita o facto da família Galvão estar reunida, depois do jantar e anuncia que vai viajar para Itália, cumprindo a intenção de mudar o rumo da sua vida. Para surpresa de todos, convida Vera para a acompanhar, garantindo que o dinheiro não constitui problema. Alberto e Ester mostram-se algo receosos, mas acabam por autorizar a sobrinha a viajar com a amiga. Carminho e Jorge estranham a disponibilidade financeira de Júlia e ela esclarece que a sua mudança de vida se deve ao facto de ter aceitado casar com Urbano. Depois da surpresa inicial, Carminho e Ester apoiam Júlia na decisão que tomou.

A boda decorre em casa de Urbano, de forma discreta, apenas para um grupo restrito de amigos. Ana também é convidada e conta que também vai correr atrás do seu sonho, para ir viver na Holanda com o companheiro. Chegada a hora de partir o bolo, Miguel causa constrangimento ao gritar aos noivos para que se beijem. É imediatamente repreendido por Nicole com uma cotovelada, enquanto Júlia dá um beijo quase fraternal na cara do marido. Isabel disfarça o sofrimento por ver Urbano a casar com outra mulher, embora não se coíba de reconhecer a beleza de Júlia. Jorge repara na infelicidade da irmã e vai dançar com ela, assim que o baile abre. Isabel fica agastada por Jorge dizer que ela não se está a divertir e vinga-se nos bolos.

Alberto comenta para Carminho que o casamento dela também já está quase a chegar e que não vai ter apenas meia dúzia de convidados. Ester repreende o marido, temendo que alguém ouça e fique melindrado com o que ele diz.

Sónia decide comemorar o aniversário no Dancin’ Days. O porteiro da discoteca selecciona a clientela e só a deixa entrar com Cátia. Luísa apressa-se a dizer que está sozinha, fazendo com que Ivo e Cristóvão fiquem à porta. Os rapazes decidem então ir beber para outro lugar. Luísa ralha moderadamente com Sónia e Cátia, reclamando por terem entrado as duas, deixando-a para trás. Cátia vai buscar bebidas e cruza-se com Francisco que está num grupo de amigos. O advogado vai ao seu encontro e sussurra-lhe ao ouvido que já tem consigo as chaves do novo apartamento, desafiando-a para estrearem todas as divisões nessa noite. Cátia arde de desejo com a proposta.

Zé Maria quase surpreende Raquel a conversar enciumada com Babi, porque Hugo atrai várias mulheres na discoteca. Raquel disfarça com a chegada do marido e este, sem desconfiar que continua a ser traído, ainda incentiva Hugo a levá-las para a pista de dança.

Antes de deixar o Dancin’ Days, Francisco faz conversa de ocasião com Raquel e Zé Maria, confirmando que a lua-de-mel de Mariana e Gui está a correr bem. Raquel comenta discretamente com Zé Maria que o casamento de Francisco e Teresa está por um fio.

Urbano e Júlia começam a tratar-se por tu, quando ficam a sós. Ele dá-lhe uma massagem nos pés cansados mas, perante a tentação de encostar um deles à face, provoca uma retracção de Júlia. De imediato se desculpa, perante a atrapalhação dela e combina dormir essa noite no quarto de hóspedes, deixando-lhe o seu. Urbano propõe a Júlia que, quando regressar de Itália, passe a habitar o outro apartamento que ele possui no prédio e sorri, mostrando-se esperançado que ela possa vir a amá-lo um dia.

Carminho entrega mais uma prenda de Duarte para Júlia e ela murmura que ele está a cumprir o que prometeu. Pede à amiga que guarde todos os presentes que ele enviar, enquanto ela estiver fora, escondendo de Urbano a sua história com o ex-namorado. Vera, sem querer, lê em voz alta a reportagem que uma revista fez do casamento, onde Júlia é retratada como a manicura que foi bafejada pela sorte, ao conseguir casar com o médico famoso. Urbano tenta desvalorizar, confortando Júlia.

Gui e Raquel regressam da lua-de-mel, recebidos com grande carinho por Francisco, Teresa, Raquel e Zé Maria. No dia seguinte, Mariana faz a ecografia de controlo, confirmando que está tudo bem com o bebé. Sete meses passados chega a hora de dar à luz mas, apesar de todos os cuidados o parto não corre bem. O cordão umbilical de Mariana enrola-se à volta do pescoço do bebé, forçando uma cesariana. Mariana é levada para o bloco operatório, perante o desespero de Gui e Raquel, impotentes perante os gritos lancinantes que ela solta. Mariana entra em choque e desmaia. Os médicos assumem como prioridade salvar a criança.

nas redes

pesquisar