SIC

Perfil

De segunda a sexta

Dancin' Days - Resumo de 9 a 15 de novembro

Duarte é chantageado e acaba tudo com Júlia para não perder o emprego!

Zé Maria distrai Mariana, enquanto Raquel arrasta Júlia para o escritório da discoteca, impedindo-a de falar com a filha. Raquel acusa Júlia de estar a prejudicar a filha, causando-lhe falsas expectativas ao oferecer-lhe presentes e combinando encontros a que não comparece. Júlia fica abalada, mas recompõe-se, argumentando que se passou dezasseis anos presa, foi porque Raquel matou um homem. Em fúria, Júlia regressa à festa de inauguração do Dancin’ Days, procurando desesperadamente Mariana. Por infeliz coincidência, a rapariga está na casa de banho, longe da vista da mãe. Júlia precipita-se para o exterior e nem repara que Duarte lhe acena. Mariana reaparece na pista de dança com as amigas e começa a sentir-se atraída por Gui, que lhes vai oferecendo bebidas. Vera decide deixar a festa, dizendo que tem de trabalhar cedo no dia seguinte. Gui vai levá-la a casa, mas quando se despede de Mariana, esta segreda-lhe que fica à espera que ele volte. Zé Maria percebe que Mariana caminha para fora da discoteca para se despedir dos amigos, correndo o risco de se encontrar com Júlia. De imediato apressa-se a distrair a filha, desviando-a, mais uma vez, do contacto com a mãe.

O empresário deixa instruções ao segurança, para que não permita a entrada de Júlia na discoteca. Esta protesta quando é barrada à porta, mas acaba por ser impedida de fazer escândalo por Duarte, acabando por regressar com ele a casa.

Zé Maria tranquiliza Raquel, dizendo que deu ordens para que Júlia não volte a entrar no clube, mas a mulher acredita que a irmã não vai deixar de procurar Mariana.

Gui regressa ao Dancin’ Days, já sem Vera, acabando por se envolver em jogos de sedução com Mariana, que culminam com um beijo ardente na pista de dança. Nonô assiste a tudo, chocada, ao perceber que Mariana acaba de roubar o namorado a Vera.

Em casa, Júlia chora convulsivamente, enquanto conta a Carminho que não conseguiu falar com a filha e que arruinou a noite de Duarte. A amiga faz-lhe ver que Raquel pode estar a mentir-lhe, afastando-a propositadamente de Mariana, e aconselha-a a contar toda a verdade ao namorado.

Duarte muda-se para o novo apartamento e, quando se despede de Teresa e Francisco, recebe a chamada de Henrique Cortês, interessado em ver os seus quadros. Duarte aceita mostrar as suas obras ao filho de Eduarda, enquanto Francisco questiona Teresa, desconfiando que a mulher moveu as suas influências para abrir as portas do mercado de arte ao filho. Teresa mente, garantindo ao marido que já deixou de interferir na vida dos filhos, acrescentando que Duarte ainda vai ser um pintor famoso.

Alberto e Amélia implicam um com o outro ao pequeno-almoço, porque ela acusa a empregada de se meter na vida de toda a gente e ela porque o patrão não lhe paga.

Júlia pede a Vera que lhe conte tudo o que Mariana faz, enquanto está no curso de fotografia. Vera fica apreensiva, mas acaba por aceitar a tarefa, pois Júlia promete contar-lhe mais tarde a razão de tal pedido.

Aníbal acorda de mau-humor e critica Inês, que está de saída para viajar em trabalho com o chefe. Não contente com isso, acusa Áurea de esbanjar dinheiro e de andar na companhia de amigas divorciadas. Quando a mãe sai, Inês pergunta ao pai por que razão não se separa. Aníbal confessa que não é fácil sair de casa quando se tem filhos.

Emília diz a Raul que Inês não se portou bem, por não ter viajado com ele para Paris, dando prioridade à viajem de trabalho. O filho mostra-se compreensivo com a namorada, reconhecendo que também já a deixou pendurada algumas vezes.

Cátia está entusiasmada para gravar o casting para o anúncio e Sónia sugere-lhe que recorra ao equipamento que Ivo tem na loja.

Bruno diz que a mãe lhe deu vinte euros que ele se prepara para gastar em gomas. Tânia comenta que Áurea é mãos largas, ao contrário da sua mãe, que é forreta. Paulo defende que ela pode pedir dinheiro ao pai, aproveitando o facto de ter pais separados.

Nicole corre com Hernâni da loja, agastada pelos piropos do ex-marido. Áurea e Isabel assistem à discussão, quando Miguel aparece com um ramo de flores. Quando vê que Nicole está acompanhada, disfarça, dizendo que as flores são para uma amiga. Depois dos homens saírem, Nicole garante que já não quer mais nada com Hernâni, entusiasmada com um encontro que vai ter, pensando que encontrou o homem da sua vida.

Vera conta a Carminho que Júlia lhe pediu para espiar Mariana, mostrando-se contrariada por isso. Carminho convence-a a fazê-lo, garantindo que Júlia não quer prejudicar Mariana.

Hernâni ameaça matar quem se meter com Nicole. Miguel engole em seco.

Júlia encontra-se com Duarte e confessa não ter ainda coragem para lhe contar a verdade sobre a sua vida. Os dois beijam-se e acabam por fazer amor, completamente apaixonados.

Mariana engana Vera, escondendo que a traiu, envolvendo-se com Gui. Durante a aula de fotografia, Mariana simula uma tontura e vai para casa mais cedo. O professor pede a Vera que leve à colega o material para fazer o trabalho de casa. Quando chega ao prédio, Vera encontra Raquel, que a convida a subir. Ao entrarem no apartamento ficam atónitas, porque surpreendem Mariana e Gui meio despidos, numa tórrida cena de sexo.

Mariana e Gui vestem-se à pressa, embaraçados, enquanto Raquel e Vera estão em choque a olhar para eles. Vera entrega o dossier de fotografia a Mariana e vai-se embora de lágrimas nos olhos. Gui segue-lhe os passos, escapando à fúria de Raquel. Esta segue Mariana até ao quarto e dá-lhe um raspanete contido, dizendo que ela é demasiado jovem para se entregar aos rapazes desta forma. Mariana pede-lhe para que não conte o incidente ao pai e Raquel acede, percebendo que pode ganhar vantagem sobre Júlia, que quer reaver a filha.

Vera sente-se traída e fica arrasada, pois Gui limita-se a pedir-lhe desculpa, sem valorizar a traição que cometeu. Indiferente aos sentimentos da rapariga, entra no carro e arranca deixando-a no passeio.

Alberto tenta convencer Jorge a investir no negócio das motos táxi, o dinheiro da indemnização que recebeu por ter sido despedido do jornal. Amélia mete-se na conversa e aconselha Jorge a não entrar na aventura. Alberto fica furioso com a empregada e manda-a para a cozinha. Ester defende Amélia e o marido resmunga, acusando-a de ser a responsável pelas liberdades que ela toma lá em casa. Vera entra em casa nesse instante, desgostosa, e vai refugiar-se no quarto. Ester fica preocupada.

Nonô diz q Mariana que ela é louca por ter roubado o namorado a Vera. Apesar do melindre da situação, as duas amigas acabam por se divertir.

Duarte repreende Gui, depois deste lhe contar a sua aventura com Mariana. O irmão lembra-lhe que a rapariga é menor e que isso lhe pode trazer problemas. Gui responde que ele só lhe está a dizer isso, por estar apaixonado. Duarte confessa que está a pensar pedir Júlia em casamento. Henrique chega entretanto e, depois de Gui sair, começa a observar os quadros que Duarte pintou, tecendo comentários muito elogiosos para o diplomata.

Carminho fica furiosa com Jorge, ao saber que ele pondera associar-se ao pai dela no negócio das motos táxi. Carminho garante que se ele puser dinheiro nas mãos de Alberto, acaba com o namoro.

Henrique gosta dos quadros de Duarte e sugere-lhe fazer uma exposição, até porque tem a necessidade de substituir um artista que falhou à última hora.

Teresa conversa com Francisco e arde de curiosidade para saber como correu a conversa do filho com o galerista. Gui entra em cena e a mãe critica-o por chegar tarde a casa, ainda sem jantar. Francisco defende o filho mais novo, dizendo que está na idade de se divertir, desde que não falhe nos estudos. Teresa aproveita para provocar Francisco, dizendo que mais lale o filho divertir-se agora, do que ter aos cinquenta anos uma crise. O advogado acusa o toque mas nem olha para ela.

Vera não aguenta o desgosto e conta a Júlia e Carminho que Gui a traiu com Mariana, dizendo que por isso quer desistir do curso de fotografia. Júlia fica desapontada e acaba por revelar a Vera que Mariana é sua filha, vincando que não quer que ela desista do curso, pois é Mariana que deve sentir-se mal e envergonhada pelo que fez. Júlia conta ainda a Vera que é uma ex-presidiária e que por isso não pôde criar a filha. A amiga ouve a história com espanto, mas promete que vai guardar segredo.

Ivo zanga-se com Cristóvão, pois este permite que Henrique interrompa a gravação do anúncio de Cátia. Esta faz com que Henrique saia disparado para evitar que Nicole compareça ao seu encontro amoroso. A manicura ameaça contar a Tânia o que ele fez para se terem separado, mas Henrique decide ir embora quando ela chama pela filha.

Aníbal perde a cabeça e bate em Áurea, quando ela diz que ele não se interessa por ela porque ficou impotente ou mudou de gostos. Bruno fica desesperado, pois assiste à discussão dos pais. Aníbal sai de casa de lágrimas nos olhos, enquanto Áurea não consegue parar de chorar, abraçada pelo filho.

Jorge comenta com Isabel, o escândalo que a filha de Júlia provocou, ao roubar o namorado a Vera.

Áurea telefona a Ester e conta que Aníbal lhe bateu. A mãe ouve os desabafos de Áurea e consegue convencê-la a ficar em casa. No entanto, ela assegura que na manhã seguinte sairá, levando o filho consigo. Aníbal, está a essa hora no parque Eduardo VII, observando o movimento de prostitutas e prostitutos.

Mariana agradece a Raquel por não ter contado a Zé Maria que a apanhou a fazer amor com Gui. Raquel fica mais descansada ao saber que o rapaz é filho de Francisco e Teresa Sousa Prado.

Duarte é chamado pelo Ministro dos Negócios Estrangeiros e recebe com choque a notícia de que namora com uma mulher que foi condenada a dezoito anos de prisão, por homicídio. O Ministro insinua que Duarte deve livrar-se de Júlia.

O Ministro pressiona Duarte para que termine a sua relação com Júlia, ou que se demita, pois não tem condições para o manter como seu assessor se ele continuar ao lado de uma ex-presidiária.

Vera vai deitar-se, destroçada pelo fim do namoro com Gui. Carminho e Amélia tentam animar a jovem. Ester chega nesse instante e conta que Áurea acabou de se queixar de que Aníbal lhe bateu e saiu de casa. A mãe pede segredo a Carminho, temendo que Alberto vá pedir satisfações ao genro. Carminho e Amélia ficam preocupadas e incrédulas com e situação.

Júlia escolhe o seu melhor vestido para sair com Duarte e envia-lhe uma mensagem. Este, por seu lado, pede a Gui para dar com ele uma volta de barco, pois precisa de desabafar com o irmão, uma vez que tem de decidir se prescinde de Júlia ou do emprego.

Aníbal tenta reconciliar-se com Áurea depois de lhe ter batido. No entanto, esbarra com o medo e desprezo de Bruno, perturbado com a desavença dos pais. Áurea não deixa espaço a conversas e decide ir com Bruno para casa dos pais até decidir o que fazer. Aníbal não reaje mas fica desesperado.

Alberto começa o dia a dar asas às suas megalomanias, convencido de que o negócio em que envolveu Jorge vai resultar. Até sugere a Vera que deixe de trabalhar e se divirta mais com as amigas, sem repara na tristeza da rapariga. Carminho esforça-se por pôr juízo na cabeça do pai, que também insiste em resgatar a mesa de jogo que ela colocou à venda. Depois de Alberto sair, Ester conta que Áurea está a caminho com Bruno e defende que ela deve separar-se de Aníbal e ficar a viver com eles. Carminho desabafa com a mãe e diz que vai ser mais um problema que terão de suportar as duas.

Júlia conta a Carminho que vai encontrar-se com a assistente social da prisão e que depois vai almoçar com Duarte, justificando-se por estar tão bem vestida. Confessa ainda que tem medo de perder o namorado e mostra-se empenhada em compensar Vera, pelo facto de Mariana lhe ter roubado Gui.

Gui aconselha Duarte a romper com Júlia assim que sabe que a namorada do irmão esteve presa por homicídio.

Mariana afirma que quer pedir desculpas a Vera por se ter envolvido com Gui. Raquel não perde a oportunidade para retirar vantagem da situação e aconselha Mariana a não se dar mais com a amiga, preferindo que ela convide Gui, para o conhecer melhor. Raquel apressa-se a esclarecer Zé Maria que a filha namora com Guilherme Sousa Prado, deixando o marido moderadamente entusiasmado. Quando Zé Maria tenta dar a Raquel um beijo mais carinhoso ela esquiva-se deixando-o desconsolado.

Ana ouve com alguma compaixão as queixas de Júlia e incentiva-a a lutar pelo amor da filha. Depois de se despedir da assistente social, Júlia tenta contactar Duarte para confirmar o almoço mas ele opta por não atender o telefone.

Alberto fica desiludido ao saber que a sua mesa de jogo antiga já foi vendida. No entanto, não se furta a receber o dinheiro da venda das mãos de Emília. Este pergunta a Luísa se não será melhor colocar Carminho ao corrente das coisas, mas a amiga defende que é melhor não se meterem entre pai e filha.

Áurea mostra-se decidida a separa-se de Aníbal criando grande angustia no coração de Ester. A mãe deixa claro que não gosta da ideia, contrastando com a opinião de Amélia.

Bruno é confortado por Carminho e diz que não entende como o pai foi capaz de bater na mãe. Ao mesmo tempo, Áurea conta como o marido a agrediu e reclama um lugar para morar em casa dos pais. De imediato os filhos começam a gritar, tentando melhorar o ambiente.

Mariana pede desculpa a Vera por lhe ter roubado o namorado, mas a esteticista não aceita perdoar a traição.

Duarte cancela o almoço com Júlia deixando-a desapontada. Teresa fica indignada com Duarte por não lhe ter contado que vai expor os seus quadros e desagradada com Francisco que finge ter um compromisso de trabalho, apesar de ser Domingo. Gui disfarça e não obriga o irmão a falar do encontro que este desmarcou com Júlia.

Nicole e Sónia ouvem Cátia falar de Francisco e suspiram por não terem um homem assim. Nicole protesta por continuar a ser assediada pelo ex-marido e rejeita dar-lhe uma segunda oportunidade. As amigas riem.

Hernâni confia a Miguel a entrega de uns miminhos a Nicole para a seduzir, ignorando que o rapaz está interessado nela. Hernâni tenta enganar Miguel deixando em aberto a possibilidade de lhe dar sociedade no stand.

Hugo repreende Ivo por ter fechado a loja enquanto gravava o casting de Cátia e mostra-se feliz por Jorge ir trabalhar consigo.

Isabel esconde de Jorge que tem alguém na sua vida, fazendo-se difícil para sair de casa.

Alberto fica furioso ao constatar que Aníbal bateu em Áurea e garante que vai dar-lhe uma ensinadela. Áurea diz a Júlia que tem de deixar o quarto para que ela o ocupe com os filhos, mas Carminho trava a intenção da irmã.

Francisco leva Cátia para o escritório e faz amor com ela.

Júlia procura Duarte no seu apartamento e sente o mundo desabar quando ele termina o namoro, por ter sido enganado por ela. Júlia chora de desgosto.

Duarte balança ao ouvir Júlia justificar-se por lhe ter escondido que esteve presa, mas mantém-se firme e termina o namoro. Desgostosa, Júlia lança-lhe um último olhar ao mesmo tempo que o acusa de ser tão preconceituoso como as outras pessoas.

Mariana é repreendida pelo seu treinador e, impulsiva, decide deixar o ténis, saindo para se divertir com Gui, que estava à sua espera. O treinador não se conforma e diz que vai informar a mãe dela, sobre o incidente.

Raquel despede-se de Hugo, depois de ter passado a tarde com ele num hotel. Ambos lamentam por terem de alimentar o seu romance às escondidas, para que Zé Maria não descubra.

Quando Júlia regressa a casa, Áurea, insensível à sua tristeza, trata de lhe perguntar quando é que vaga o quarto para ela se instalar, agora que se separou de Aníbal. Júlia mal consegue responder e refugia-se no quarto, seguida por Carminho, que antes repreende a irmã. Júlia conta à amiga que Duarte acabou o namoro e pede-lhe para ficar sozinha. Depois chora agarrada a uma fotografia de Mariana, sentindo-se a pessoa mais só, no mundo.

Raquel regressa a casa quando Zé Maria já está de saída para o Dancin’ Days. Dissimulada, fala com o marido como se não tivesse acabado de o trair com Hugo, dizendo até que gostaria que ele trabalhasse menos para passarem mais tempo juntos. Mariana interrompe a conversa e pressiona-os para que a deixem abandonar a prática do ténis. Apesar de não concordar com a ideia, Raquel acaba por ceder, aproveitando o facto de Mariana garantir que já não quer falar com Júlia, mesmo que a mãe verdadeira volte a procurá-la. Zé Maria, por seu lado, reclama de Mariana que os compense desta decisão, tirando boas notas.

Duarte não consegue concentrar-se no trabalho e quase telefona a Júlia. No último momento arrepende-se e entrega-se à recordação dos momentos que passaram juntos.

Teresa fica muito incomodada ao saber por uma amiga que a disputa de uma herança causou grandes desavenças na família, só resolvidas em tribunal. Temendo que o mesmo aconteça com os filhos, Teresa pede a Francisco que trate do que é necessário para fazer o seu testamento. O marido fica aflito, pois já vendeu alguns terrenos para pagar dívidas de jogo, chegando a desejar que Teresa morra depressa. Com mais um problema em mãos, telefona a um conhecido para que o ajude a resolvê-lo.

Aníbal procura Áurea, mas Amélia não o deixa entrar. Áurea vai à porta e diz que não quer voltar para casa, depois dele lhe ter batido. Ester, Alberto e Carminho acorrem para ver o que se passa, enquanto Aníbal exige ver o filho, já que a mulher não quer voltar para ele. Áurea mantém-se firme e impede Aníbal de falar com Bruno, informando que assim que tiver os papéis do divórcio, mandará o advogado falar com ele. Alberto também se enerva com o comportamento do genro e diz que vai chamar a polícia, já que ele se recusa a ir embora. Aníbal vai-se embora em fúria e bate com a porta. Áurea insiste mais uma vez com Júlia para que se vá embora, pois precisa do quarto que ela ocupa. Carminho, faz frente à irmã e diz que Júlia não sai dali. Ester concorda e afirma que a família vai arranjar uma solução para que todos possam ficar em casa.

Nicole recusa aceitar o cabaz de compras que Hernâni lhe mandou por Miguel, para a reconquistar. Diz mal do ex-marido, fazendo com que Miguel aproveite para marcar pontos no coração da manicura. Hernâni embriaga-se no bar de striptease e desabafa com uma acompanhante por não conseguir reconquistar Nicole. Cátia está prestes a entrar em cena para mais uma dança no varão e fica em pânico ao ver que ele está na plateia. Pressionada pelo patrão é forçada a dançar mas cobre a cara com um véu. Tem sorte em não ser descoberta, porque Hernâni recebe uma chamada de Miguel que lhe mente, dizendo que Nicole adorou o presente que ele mandou. Cátia acaba a actuação, ao mesmo tempo que Hernâni volta a pôr no colo a acompanhante que o atura.

Inês regressa de viagem e é confrontada com a separação dos pais. Depois de ouvir Áurea e de ser acusada de estar a tomar o partido do pai, decide ir para casa. Encontra Aníbal a beber mas também arrependido de ter batido na mulher. A filha acaba por abraçá-lo, acreditando que ele nunca andou com outras mulheres.

Duarte convida Gui para jantar consigo e Teresa mostra-se satisfeita por observar a proximidade dos filhos. Aproveitando o facto de Francisco estar com ela, pede-lhe que trate do testamento. O marido esconde o incómodo e adia a questão.

Zé Maria apanha Raquel a mentir e desconfia que anda a ser traído. No entanto, finge que não sabe de nada.

Áurea vai a casa buscar os seus pertences e encontra-se com Aníbal. O marido desculpa-se por lhe ter batido e jura que nunca mais a tratará mal. Áurea começa a ceder e já não tem a certeza de querer o divórcio.

Raquel visita Júlia, fingindo-se arrependida pela forma como a tem tratado desde que ela saiu da prisão. Júlia não desconfia do ardil da irmã, que visa evitar que ela se aproxime de Mariana. Raquel deixa cair o anel que tem no dedo. Áurea repara e, para afastar Júlia do seu caminho, denuncia-a à polícia pelo roubo do anel, que vai colocar debaixo do colchão da ex-presidiária.

nas redes

pesquisar