SIC

Perfil

220º Episódio -23 de maio (segunda-feira)

Catarina fica furiosa porque acredita que Fernanda está tentar afastá-la de Leandro; Domingos propõe a Beatriz dar-lhe informações sobre os negócios de Maria Helena

Christian Gnad

Benedita começa a desabafar com Hélder sobre os problemas do seu casamento com William mas assim que se apercebe disso interrompe-se e agradece ao fotógrafo a sua compreensão e o convite para jantar em sua casa.

Catarina fica furiosa quando Leandro conta que Fernanda quer fazer um jantar só com os filhos lá em casa, mas disfarça a sua irritação e incentiva-o a aceitar o convite da mãe, garantindo que não se importa.

Domingos encontra-se com Beatriz e propõe dar-lhe as informações que tem sobre os negócios de Maria Helena e ela, como contrapartida terá de se comprometer em fazer a investigação. Domingos acrescenta que depois, quando tiver as provas e os dados todos, logo decidirá o que quer fazer. Beatriz fica balançada entre aceitar e faltar à promessa que fez a Tiago de não investigar ninguém da sua família. Domingos enfatiza que a sua preocupação é que Raquel não seja arrastada para aquele lodo.

Maria Helena apanha Nuno em casa aos beijos a Jéssica e fica furiosa, avisando-o de que não quer voltar a ver o mesmo.

Raquel entrega uns desenhos a Inês de que ela se tinha esquecido aproveita para amenizar as relações, reconhecendo que às vezes é uma chata e que, talvez por isso, João não gosta de si. Inês faz-lhe ver que o marido tem pouco tempo para estar consigo e que é natural ter algumas reações menos simpáticas, mas que não são por mal.

Catarina não controla o ódio e faz uma cena a Leandro ao jantar, mostrando o seu desagrado por Fernanda a ter excluído do jantar familiar com os filhos, fazendo notar que a mãe também o está a desrespeitar. Leandro fica desconcertado e sem tempo para reagir.

João brinca com Luís e fazendo notar que ele já inventa pratos novos no restaurante só para os mostrar a Sofia.

Beatriz janta com Pedro e Tiago em ambiente de grande cumplicidade. Depois de confessar ao filho que se sente responsável pelo facto de ele ter sido detido num centro educativo, faz a Tiago uma declaração de amor, agradecendo-lhe por a ter apoiado nos momentos de maior angústia. Pedro brinca e a rir pede que se deixem de pieguices porque as pessoas vão começarem a olhar.

Duarte tira a última fatia de bolo depois do jantar e Teresa estranha o apetite do irmão. Ele responde que está a compensar o fastio do tempo em que se viu privado do filho. Teresa lamenta que Pedro não tenha ido jantar com eles mas Duarte acha que ele precisa de ter os seus momentos com a mãe. Jonas muda de assunto e fala dos vinhos da Quinta e Duarte conta que marcou uma reunião com Laura para tratar da promoção. Já Teresa, mostra-se mais uma vez preocupada por não ter conseguido falar com Benedita.

Benedita critica injustamente um artigo de David mas Hélder sai em defesa do amigo deixando um alerta à diretora para que não descarregue nele os seus problemas. Benedita ignora, mantendo a sua opinião.

Raquel aparece em casa de Inês já depois do jantar e oferece-lhe o retrato que lhe pintou. Inês confessa que o trabalho está muito bom e não sabe como agradecer. Raquel fica radiante por ela ter gostado mas Sofia estranha o fascínio que ela demonstra pela filha.

Luís fica envergonhado por não conseguir esconder o seu interesse por Sofia. Adriana também não passa despercebida e reconhece que a sua vontade de ir embora esteve associada ao seu interesse num homem casado. O pai aconselha-a a não se meter numa complicação dessas e Adriana garante que não o vai fazer.

Maria Helena faz sentir a Nuno as suas desconfianças em relação a Jéssica e lembra-lhe que onde se ganha o pão não se come a carne. O filho fica irritado e responde à mãe que deve preocupar-se é com Henrique.

Henrique continua a manipular Inácio e depois de o fazer repreender os colegas investigadores por chegarem tarde à reunião que tinham marcado, convida-o para ir jantar a sua casa a pretexto de lhe apresentar a mulher. Inácio fica perplexo e confessa que tem sempre dificuldade em conhecer novas pessoas.

Joana tenta falar com William sobre a sua investigação mas ele está de tal forma alheado que acaba por confessar que tem vivido uns dias difíceis. Joana dispara que com ela se tem passado o mesmo.

Benedita fica triste porque ainda não conseguiu que Zé voltasse ao normal depois da dura e violenta discussão que tiveram. O filho assegura que não está zangado com ela mas que sente algo que não consegue explicar.

João tem um arrufo com Inês, irritado com o facto de Raquel lhe ter pintado o retrato. João reafirma que Raquel está apaixonada por ela, realidade que Inês se recusa a aceitar.

Tiago estranha que Beatriz ande tão calada nos últimos dias mas ela disfarça e concorda que ficou afetada com a detenção do filho em vez de confessar ao namorado que falou com o pai dele e que Domingos lhe pediu que investigasse os negócios da mãe e do irmão.

Sandra fica surpreendida com um telefonema de Catarina que pretende saber se ela vai estar no jantar que Fernanda quer fazer com os filhos. Sandra responde-lhe que se mora lá em casa é natural que esteja presente e Catarina, embora disfarce, esconde a irritação que a invade.

Vítor comenta com Rúben que não faz sentido não estar no jantar de família e o filho, já desesperado, recorre a desenhos para lhe explicar que a mãe não o quer ver nem pintado. Mais desesperado fica Rúben quando percebe que o pai andou a comer cereais durante a noite e lhe sujou a loja que ele agora tem de limpar. Como sempre, Vítor faz-se de inocente.

Vasco lamenta-se pelas contas que Rui lhe deixou, depois de ter roubado a empresa. Margarida sugere-lhe que oferecem aos clientes outras actividades radicais e oferece-se para ajudar a comprar um ultraleve cujo alugar melhoraria muito as finanças. Vasco fica sensibilizado, agarra-a e dá-lhe um beijo.

Laura reúne-se com Duarte e Teresa e expõe com mestria o seu plano para promover os vinhos da família, sugerindo que cada um dos irmãos tenha o seu ADN nos rótulos das garrafas. Duarte e Teresa aprovam a ideia e dizem que vão falar com Benedita para lhe contarem o que decidiram.

Hélder faz uma cena de ciumes a Beatriz quando ela regressa à revista e diz-lhe que se quer desabafar sobre as suas questões amorosas tem de procurar uma amiga e não a ele. Beatriz fica estupefacta com a violência verbal do amigo e surpreendida por ele estar a lidar mal com o facto de ela estar com Tiago. Entretanto, Benedita sai do gabinete e diz que vai sair e que não sabe quando volta, deixando Beatriz perplexa com aquela indiferença depois de ter dito que precisava de falar com ela.

nas redes

pesquisar