SIC

Perfil

217º Episódio - 19 de maio (quinta-feira)

Inês desabafa com Raquel e esta insinua que João tem outra mulher; William desculpa-se a Adriana e despede-se dela, dizendo que é melhor não se voltarem a ver

(c).RuiCarlosMateus.1954

Catarina justifica a Leandro a presença e Raquel lá em casa e diz que a conheceu na galeria e que ela a foi visitar por saber que ela está doente. Leandro mostra estranheza que Catarina não se dê com ninguém e ela responde que lhe basta tê-lo a ele. Leandro vai para o treino e Catarina telefona ao detective que contratou para procurar Maria e diz-lhe que têm de falar com urgência.

Fernanda não se conforma com o desaparecimento de Maria e comenta com Jéssica que Catarina deve estar muito contente com isso. A filha acha que ela está a implicar demais com a mulher do irmão mas a mãe acha que ele não sabe quem tem em casa.

Hélder acorda de ressaca pela festa da noite anterior e deixa David irritado por lhe atribuir a limpeza da casa, que está um caos.

Benedita finalmente dá sinais de vida e aparece na clínica. Ao invés de se reconciliar com William insiste na tese de que ele e Adriana têm um caso e a discussão acaba por ser inevitável. William acusa-a de não se preocupar em proteger Zé das cenas de ciúme e das discussões e afirma que se era para ser assim, devia ter pensado melhor antes de o ir buscar à instituição onde estava. Benedita responde irada que ele é uma besta por lhe atirar aquilo à cara e sai furiosa do gabinete.

Beatriz está triste por não ter podido falar com Pedro ao telefone e culpa-se por o filho estar detido. Tiago tenta acalmá-la, certo de que o juiz que apreciar o recurso que interpuseram vai libertar o miúdo.

Raquel finge-se chocada quando Inês lhe conta que o carro de João foi vandalizado durante a noite e começa a envenená-la contra o marido insinuando que ele pode estar envolvido com outra mulher.

Duarte e Teresa reprovam a cena de ciumes que Benedita fez a William, apesar de ela se sentir desapoiada por eles. Teresa confessa mesmo estar muito preocupada com ela, adivinhando que ela tenha recaído no álcool ou até nas drogas. Benedita não confessa que voltou a consumir droga e volta-se para Zé, sorrindo e garantindo-lhe que agora só param em Lisboa.

William procura Adriana na loja e pede-lhe desculpas pela cena que Benedita ali foi fazer. Incentivado pela professora acaba por desabafar sobre os seus problemas com a mulher. No entanto, William contraria os seus sentimentos e diz a Adriana que o melhor é não continuarem a encontrar-se. Adriana concorda mas os seus olhos enchem-se de lágrimas quando William se despede.

João conta a Luís que o seu carro foi vandalizado e ele coloca até a possibilidade de alguém se ter enganado. Entretanto, o chef revela que a sua reunião sobre o projecto da comida nas escolas correu bem e confessa que está a manter-se ocupado para tentar esquecer que Maria está desaparecida. João interroga-se sobre o que lhe poderá ter acontecido.

Catarina dispensa o detetive que contratou para descobrir o paradeiro da mãe, furiosa com o facto de ele não avançar na investigação.

Rúben sente um cheiro estranho quando o pai se aproxima dele e Vítor confessa que não tem tomado banho, pedindo-lhe que dê uma palavra à mãe, esperançado que ela se comova e o deixe regressar a casa. O filho sugere-lhe que use os balneários do clube e decide explicar-lhe como utilizar o computador para que não fiquem registados os sites eróticos que ele anda a pesquisar.

nas redes

pesquisar