SIC

Perfil

184º Episódio - 11 de abril (segunda-feira)

Pedro é levado pelo polícia corrupto para intimidar Beatriz!; Fred torna-se violento quando uma prostituta de luxo se recusa a drogar-se com ele e quase a mata

Beatriz não imagina que, a essa hora, o inspetor corrupto que trabalha para a organização criminosa que produz as festas com acompanhantes de luxo, espera por Pedro à porta da escola e consegue convencê-lo a entrar no seu carro, dizendo que foi o pai dele que o mandou ir buscar. Sem desconfiar de nada, Pedro acompanha o homem.

Catarina conversa com William sobre o pedido do doutor Barroso e explica que o médico é um bêbado, para além de outras coisas, escondendo que ele lhe provocou um aborto a mando de Henrique. William deixa ao critério de Catarina a decisão de passar a carta de recomendação que o médico pediu e ela assume que vai recusar o pedido. Entretanto, William pergunta a Catarina de está melhor, notando que a acha com bom aspecto. Ela finge e responde que a quimioterapia não tem deixado as marcas que são habituais, porque se tem preocupado em cuidar do cabelo. William continua convencido de que ela está realmente doente.

Depois de sair do gabinete do director, Catarina cruza-se com Maria que a espera para irem buscar juntas o vestido de noiva. Catarina ainda dramatiza mais o seu estado e agradece à mãe por estar ao seu lado e a ajudá-la a organizar o casamento. Maria, ingénua, diz acreditar que ela se irá curar.

Duarte vai buscar Pedro à escola e fica aflito quando, ao falar com o segurança, percebe que o filho pode ter sido levado por alguém. Desesperado, telefona a Joana que, também já muito preocupada, decide ir ter com ele, dizendo a Inácio que tome conta do laboratório. O investigador protesta e Marta repreende-o pela falta de solidariedade que demonstra.

Thomas resmunga enquanto responde aos comentários de Alice no facebook. Rita brinca com o irmão e depois de ver a foto da rapariga diz que ele a aceitou como amiga por ser gira. Alex ouve a conversa e também vai espreitar. Teresa tenta perceber discretamente se eles sabem alguma coisa de Pedro, pois Duarte foi buscá-lo à escola e ele não estava. Rita prontifica-se a ligar a uma amizade comum.

Hélder faz conversa com Zé enquanto Benedita não volta para o gabinete e o rapaz mostra-se muito inquieto a manusear um pisa-papéis, enquanto desabafa por Maria João não ter ido trabalhar e continuar sem falar com ela. O fotógrafo esforça-se por fazê-lo entender que há mais raparigas no mundo e que certamente ele encontrará alguém de quem venha a gostar mais. Zé mantém-se obcecado por Maria João e nem Benedita consegue desviar-lhe a atenção.

Beatriz agradece as flores que Tiago lhe oferece quando vai ter com ela à revista e conta-lhe que descobriu que o eurodeputado cuja morte foi noticiada, não morreu no carro mas sim numa festa organizada por Nuno. Tiago fica perplexo por perceber o envolvimento do irmão mas incentiva Beatriz a avançar com a história. Nesse momento, a jornalista recebe a chamada de Duarte a avisar que Pedro desapareceu e fica estarrecida com a notícia. Tiago apressa-se a confortá-la.

Entretanto, Duarte desdobra-se a procurar o filho pela cidade e chora desesperado nos braços de Joana por não conseguir qualquer pista que o conduza ao filho.

Henrique passeia com Maria Helena pela Quinta e ela revela-lhe a intenção de fazer um jantar para que os filhos o possam conhecer melhor, agora que decidiram casar. Ele não se incomoda com a ideia e a dada altura avista um iate igual ao que em tempos possuiu. Maria Helena diz-lhe que se trata do mesmo barco e estende-lhe as chaves dizendo que se trata do seu presente de noivado. Henrique, estupefacto, beija-a de forma apaixonada.

Inês e João regressam a casa muito felizes por terem formalizado a compra da casa nova mas essa alegria é interrompida quando Sofia conta em lágrimas que o pai a deixou para ir viver com outra mulher. Inês fica revoltada e diz que vai falar com ele, mas a mãe apenas quer que ela fique consigo. João olha para elas muito penalizado com a situação.

Rui mente a Vasco quando ele procura pelas facturas de uns equipamentos e desencaminha-o para uma noite de copos com clientes, tentando interessá-lo por uma rapariga. Vasco desvaloriza o convite e está mais preocupado por não ter as facturas desaparecidas.

Marta encontra Isabel na clínica e confronta-a com a versão de Catarina sobre como tudo aconteceu quando ela decidiu contratá-la como barriga de aluguer. Isabel fica admirada por ela saber do caso, mas prefere confirmar a versão de Catarina em vez de dizer que foi chantageada. Um telefonema de Duarte a dizer que Pedro desapareceu, salva Isabel de mais conversas com a investigadora.

Duarte recrimina-se por ter deixado Pedro ir para a escola, sentindo-se culpado pelo seu desaparecimento. Nesse instante a angústia termina porque um agente da PSP leva Pedro a casa.

Fred fica contrariado porque tanto David como Hélder acabam por se desculpar e não aceitam o convite para se irem divertir para sua casa.

Catarina procura no site do IPO o nome de um médico que possa usar para quando tiver de fingir que está gravemente doente com cancro. Assim que Maria aparece, apressa-se a desligar a página do tablet para que a mãe não se aperceba de nada. Maria observa triste o seu cabelo, julgando que ela o vai perder. Catarina aproveita para se fazer de vitima e pede-lhe para que seja ela a cortar-lho antes que o cabelo caia por causa da quimioterapia. Maria leva o pedido da filha muito a sério, convencida de que ela está realmente doente.

Leandro tenta resistir a fazer a despedida de solteiro mas Rúben e Vítor obrigam-no a ir com eles para os copos. Jéssica diverte-se com a situação, enquanto Fernanda olha para eles com ar reprovador.

Nuno diz mal de Henrique a Raquel para ver se ela convence a mãe a não casar com o médico. Maria Helena ouve a conversa e desengana o filho avisando-o de que não vai conseguir o que quer. A empresária diz que quer fazer um jantar com todos para conhecerem melhor Henrique e Raquel amua e diz que não sabe se vai poder estar presente. Maria Helena ralha com Nuno por ter falado primeiro do que ela com a irmã.

Pedro conta que o homem que o levou da escola lhe mostrou o crachá da Polícia Judiciária e Beatriz percebe logo de quem se trata, embora o esconda. Duarte ralha com ela depois de Pedro ir para o banho e culpa-a pelos riscos que o filho correu, dizendo que ela tem o dever de acabar com a investigação sobre as festas para o proteger. Beatriz recusa e Joana ameniza o ambiente sugerindo que ela passe essa noite lá em casa para ficar com o filho. Duarte acalma-se e não se opõe.

Fred sente-se sozinho sem os amigos e não resiste a contratar uma prostituta de luxo para passar a noite consigo. Enquanto espera pela mulher embriaga-se e quando ela chega, insiste para que tome um cristal de ecstasy. Como ela recusa, Fred torna-se violento e entra numa espécie de transe, apertando o pescoço da rapariga quase até à morte. De repente, dá-se conta do que está a fazer e liberta a prostituta que foge, apavorada. Fred fica prostrado a tentar perceber o que acabou de fazer.

nas redes

pesquisar