SIC

Perfil

130º Episódio - 8 de fevereiro (segunda-feira)

Os Castro de Aguiar vão ao notário assinar as partilhas; Catarina desmascara Diogo mostrando-lhe o vídeo dele com André!

Inês, continua sem aceitar o facto de não mexer as pernas e de não saber se voltará a andar. A tristeza é tão grande que não quer visitas, nem sequer ver João. Este permanece no corredor da clínica, quando Fred se aproxima dele e o abraça num gesto de solidariedade a que ele corresponde com grande emoção. Fred pede desculpa ao irmão por tudo o que lhe fez e João aceita acompanhá-lo num passeio para arejar as ideias.

Joana confessa ao pai que tem andado perturbada com os pensamentos centrados em Manel, como se tivesse sobrado algo que não ficou resolvido depois de ele morrer. Filipe fica surpreendido ao saber pela filha que ela foi traída por Manel quando ele estava em Bruxelas. Mesmo assim, lembra que ela agora está feliz com Duarte, mas Joana permanece tensa e pensativa.

Teresa confessa a Duarte que nunca vai conseguir entender Henrique, depois de o irmão ter decido fazer as partilhas à pressa, ainda que justificando a decisão com o facto de querer prevenir o futuro de Inês, garantindo que ela ficará com a casa da Quinta. Duarte é de opinião que as vinhas devem ficar com ele, Teresa e Benedita. Teresa concorda e Duarte telefona a Benedita que também aceita a sugestão do irmão.

Benedita está concentrada a trabalhar quando Zé chega à redação. A mãe conversa calmamente com ele e diz que gosta de Petúnia e que ela é muito simpática, acrescentando que está muito contente por ele ter uma namorada. Zé responde que isso é óptimo porque decidiu ir viver com ela, pois já têm ambos idade para viverem juntos. Benedita fica em estado de choque.

Benedita não permite a Zé que vá viver com Maria João e ele coloca a alternativa de a namorada poder então ir morar com eles lá em casa. Benedita tenta explicar que essa é uma decisão que não pode ser tomada assim mas como ele começa a insistir diz-lhe que não. O filho tem um ataque de ansiedade por estar a ser contrariado e Benedita só consegue tirá-lo da revista com um convite para lanchar.

Henrique e Sofia, apesar de desgostosos e muito preocupados com Inês, tentam transmitir-lhe confiança em que conseguirá recuperar mas a filha só consegue chorar. O médico também não ajuda muito, pois revela que em determinados casos o edema medular demora meses a desinchar e só depois de pode avaliar a extensão das lesões. Depois do veredicto médico, Inês pede que a deixem sozinha no quarto.

Fred conforta João no posto de combustível e volta a pedir desculpa por ter pegado fogo ao hostel, justificando que estava desesperado por dinheiro. O irmão assume que esta não é uma boa altura para falarem do assunto mas pergunta se ele já arranjou o dinheiro de que precisava. Fred responde que há-se conseguir resolver a situação.

Fernanda manda Jorge limpar as casas de banho da gasolineira e ele acha que está a ser provocado para se despedir. Fernanda mostra-se indiferente e troça da situação, enquanto Jorge lhe garante que não pedirá para se ir embora.

Priscilla confronta Sandra com o convite para cantarem no Cedofeita Invicta e a amiga ainda tenta fazer-se desentendida. No entanto, ao receber o olhar reprovador de Fernanda, acaba por contar a Priscilla que de facto existe aquele convite para actuarem. Fernanda sorri, divertida com a aflição de Sandra.

Maria encosta Vítor à parede e ameaça telefonar a Fernanda se ele não se despachar a arranjar a canalização do restaurante. Ele tenta tudo para se esquivar mas sem êxito.

Patrícia mostra-se animada com o livro que Pedro lhe levou para ler. Pedro diz que foi o livro que a mãe lhe ofereceu no último Natal e fala dos sonhos que tem tido, em que ela aparece sempre viva. Isabel quebra o momento de tristeza e conta à filha que o médico decretou que se tudo continuar a correr como até aqui, ela poderá ter alta da clínica nos próximos dias. Patrícia e Pedro ficam radiantes com a notícia.

Diogo está no seu gabinete e fica tentado a ligar para André mas a chegada de Catarina faz com que desista da ideia. Catarina tranca a porta do gabinete e coloca-se em cima do marido para fazer amor com ele, ali mesmo. Diogo fica muito nervoso e afasta-a, deixando-a muito irritada. Para se justificar, diz que está a fazer um relatório muito importante para levar consigo para a reunião que vai ter com a administração da farmacêutica na Alemanha. Catarina fica surpreendida e diz logo que vai com ele. Diogo rejeita, alegando que vai viajar em trabalho. Catarina responde seca que já percebeu tudo e sai do gabinete ainda mais furiosa.

Benedita confessa a William a sua preocupação com o facto de Zé teimar em ir viver com Maria João e de não querer sair do quarto nem para jantar.

Beatriz conversa com Hélder através de telemóveis descartáveis e pede-lhe que investigue Tiago. O amigo conta-lhe que entretanto já foi assassinada mais uma prostituta e afirma estar certo de que foi Miguel. Beatriz fica impressionada e pensa que podia ter sido ela a morrer.

Miguel conversa com o inspector da PJ que está a tentar descobrir quem o colocou sob escuta e pede-lhe que mantenha Hélder sob escuta, convicto de que foi ele que o andou a espiar. O inspetor revela que até agora não descobriu nada de relevante sobre o fotógrafo mas menciona que ele tem andado a falar com algumas prostitutas, sem se envolver com elas. Miguel estranha e fica alerta.

Vítor ataca Leandro porque ele tem jogado pouco no Porto B e nem sequer marca golos. Priscilla levanta-se em defesa do namorado, o que agrada muito a Fernanda, que a felicita por isso. Vítor vai para a cozinha ensaiar as tácticas para treinar para o exame de treinador e Rúben troça do pai. Fernanda critica-o por continuar sem ganhar dinheiro para a casa e o marido reaje, revelando que Maria já o contratou para fazer uns pequenos trabalhos no restaurante. Fernanda avisa-o de que não lhe perdoará se ele desiludir a amiga.

Catarina surpreende Maria quando vai jantar sozinha ao restaurante. A mãe tenta perceber o motivo da zanga com Diogo mas ela não se abre muito, limitando-se a enfatizar que quer formar uma família com o marido.

Henrique leva Sofia a casa depois da visita a Inês e ele dá indícios de que pretende ficar lá em casa. Ela não deixa que o momento se prolongue e trata de dizer que assim que a casa for avaliada lhe dará a sua parte. Henrique provoca a curiosidade da mulher quando dá a entender não está preocupado por não ter onde morar.

Jonas conversa com Teresa e confessa-se frustrado por não ter conseguido interagir com as pessoas do bairro social a quem pretendia ajudar. Thomas fala ao telefone com o pai e quando se despede conta que ele mudou com a família para uma espécie de Quinta. A mãe afirma que o ex-marido sempre teve a mania das grandezas e Thomas fica muito irritado e defende o pai. Teresa percebe que se excedeu pede desculpa, reclamando um abraço e um beijo que o filho lhe dá. Jonas sorri ao ver a reconciliação da mulher com o filho.

Catarina não resiste e vai de novo espreitar o vídeo em que Diogo aparece em cenas íntimas com André. O marido aparece naquele instante e ela disfarça o que estava a fazer. Quando Diogo avança para a cumprimentar, Catarina trata-o com frieza e recusa-se a fazer-lhe companhia ao jantar, afirmando que ainda está aborrecida com o que se passou na clínica e que vai para o quarto dormir. Diogo fica frustrado.

Inês confessa finalmente a João que está a ser muito difícil lidar com a possibilidade de não voltar a andar. O noivo afaga-lhe a cabeça e pede-lhe que não o afaste. Inês cede ao cansaço e adormece.

Catarina vê que a empregada está a pôr umas flores acabadas de chegar para ela. Ao ler o cartão que as acompanha percebe que são de Diogo e diz a Céu que fique com elas ou as deite fora.

Fernanda agradece a Maria por ter dado trabalho a Vítor mas avisa que ele vai faltar ao prometido. A amiga diz que ela não pode estar sempre a deitar o marido abaixo. Entretanto, Jorge aproxima-se e com ar exausto acusa Fernanda de lhe estar sempre a dar trabalhos menores, ameaçando voltar a ter o lugar de encarregado no posto de combustível. Sandra aparece e pede para sair mais cedo. Jorge fica ainda mais furioso quando Fernanda autoriza e o manda substituir a colega na caixa.

Rúben leva o pequeno-almoço a Adriana e aconselha-a a esquecer a separação de Bruno, insistindo que está ali para o que ela precisar. Adriana farta-se da conversa e exige-lhe que a deixe trabalhar.

Rúben regressa à sua loja e Sandra troça dele, por não estar ao serviço à hora marcada. Sem perder tempo escolhe o que quer vestir durante o espectáculo no Cedofeita Invicta. Rúben prefere atirar-lhe piropos.

Marta faz um ultimato a Inácio para que a convide cara a cara para jantar. Ele fica nervoso e cai de joelhos quando vai atrás dela para fazer o pedido, assustando Marta, que pensa que ele vai pedi-la em casamento. Rapidamente o ajuda a levantar, ambos muito envergonhados mas já com tudo acertado para irem jantar.

Teresa e Benedita saem juntas do notário onde fizeram as partilhas de família e ambas estranham as escolhas de Henrique. Duarte não se deixa impressionar e diz que ele sabe perfeitamente o que está a fazer, mostrando-se muito curioso para conhecer as ideias do irmão.

Catarina entra no gabinete de Diogo e agradece com grande cinismo as flores que ele lhe mandou. Por várias vezes pergunta se ela e ama ou já a traiu. O marido fica apreensivo e Catarina mostra-lhe o vídeo em que ele aparece em cenas íntimas com o enfermeiro André. Diogo fica em estado de choque e percebe que foi descoberto e está mas mãos da mulher.

nas redes

pesquisar