SIC

Perfil

116º Episódio - 22 de janeiro (sexta-feira)

Henrique muda-se para a Quinta e Maria ameaça chamar a polícia para o tirar dali!

(c).RuiCarlosMateus.1954

Sandra e Jorge divertem-se a comentar a derrota eleitoral de Vítor no Cedofeita e ele ainda escarnece de Fernanda, que pensava que ia ser a primeira-dama. Jorge aproveita para tentar seduzir Sandra mas ela rejeita-o e ainda troça dele. Catarina cruza-se com Henrique na bomba de gasolina e provoca o pai. Ele reage mal e aperta-lhe o braço com força, ameaçando-a, vincando que um homem sem nada a perder é capaz de tudo. Jorge percebe o incidente e acaba com a discussão.

Laura encontra-se com Miguel na casa de Sintra e revela que Beatriz lhe disse suspeitar de que ele tem uma amante e afirma que não podem continuar a ver-se. O juiz barra-lhe a saída, mas acaba por deixá-la ir embora, prometendo não voltar a ligar-lhe.

Vítor faz um escândalo em casa e exige saber quem é que não votou nele para presidente do Cedofeita. Fernanda acaba com a discussão mas fica desconfiada que Leandro, Jéssica e Rúben não votaram no pai.

Adriana despede-se de Luís, que lhe explica que a decisão de ir para os Açores se prende com a necessidade de deixar de beber. A filha pede-lhe que lhe faça um doce e ele decide cozinhar mais especialidades com a sua ajuda.

Catarina muda de ideias e vai jantar com Maria ao Sirga, contando à mãe que se cruzou com Henrique na bomba de gasolina e que ele está furioso por ela o ter denunciado. Apesar das ameaças que recebeu, assume que não tem medo dele e que está empenhada com Diogo em proteger os outros médicos da clínica.

Henrique visita Teresa e Jonas e pede-lhes para fazerem as partilhas de alguns bens, justificando que precisa de dinheiro.

Miguel chega a casa furioso e confronta Beatriz com o facto de ela ter feito uma cena de ciúmes a Laura. A jornalista fica em pânico e Miguel quase a agride. Desta vez consegue controlar-se a tempo e obriga-a a dormir na sala.

Joana partilha com Duarte e Filipe a pressão que Diogo está a fazer sobre ela para que exija exames de que os doentes da clínica não precisam só para lucrar com isso. Duarte chega à conclusão de que a venda da clínica foi precipitada e Joana assegura que não vai ceder.

Longe de Isabel, Vasco diverte-se nos Açores e assume a sua nova vida e os novos amigos.

Henrique visita Inês na fábrica de confeções e não esconde o ódio que sente em relação a Catarina e Maria. A filha tenta confortá-lo e reconhece que o facto de o pai e a mãe estarem separados lhe está a custar bastante.

Já Assunção saúda a separação da filha e ouve Sofia assumir que tem de pensar mais em si e na filha.

Beatriz conta a Hélder que por pouco Miguel não voltou a bater-lhe e insiste que tem de desaparecer para acabar com a tortura em que vive.

Laura sugere a David um jantar com Alice e diz que vai marcar mesa para os três. O rapaz fica atrapalhado mas acaba por aceitar. Hélder aparece entretanto e diz a Laura que o amigo que costuma arranjar a cocaína está de regresso mas a diretora surpreende afirmando que quer deixar a droga.

Maria prepara-se para sair para o restaurante quando Henrique aparece na casa da Quinta e anuncia que decidiu ficar os próximos tempos a viver ali. Maria fica em choque e ele a sorrir.

Maria refaz-se do choque e avisa Henrique de que se quanto voltar ele ainda estiver na Quinta chama a polícia para o expulsar. Apesar da ameaça, Henrique reafirma que tem o direito de estar naquela casa, volta acusá-la de ter matado o pai e insiste que não sairá dali.

Luís diz a Ivo que só vai para os Açores porque confia nele para tomar conta do restaurante. Catarina aparece nesse instante e faz questão de saudar a sua partida e o esforço que está a fazer para se livrar do vício do álcool já que assim, também a mãe se livra dele. Luís reage com calma e responde que ela pode esperar pela mãe no escritório. Depois comenta com Ivo que é por estes encontros que decidiu recuperar a tranquilidade longe dali.

Vítor inferniza a vida de Rúben e insiste em acusá-lo e aos irmãos de o terem traído por não terem votado nele para presidente do Cedofeita.

Maria desabafa com Fernanda e conta-lhe que Henrique quer ficar a viver na Quinta. A amiga apoia a sua decisão de chamar a polícia se ele se recusar a sair.

Miguel prepara um almoço requintado a Beatriz e oferece-lhe um relógio de ouro, pedindo desculpa por ter sido violento com ela. Beatriz finge-se emocionada, reconhece que se excedeu e promete dar-lhe mais atenção.

Alice recusa-se a almoçar com Laura e David, acusando a mãe de entregar a outros a resolução dos seus problemas. Para David responde com frieza, mas esconde o seu agrado quando ele confessa que se preocupa com ela.

Luís faz um discurso de despedida no restaurante e recebe os aplausos dos funcionários. Maria acarinha-o e diz que ele está a ser muito corajoso por viajar para os Açores em busca de se livrar do vício do álcool.

Teresa confessa a Jonas estar preocupada com Henrique, mas o marido lembra-lhe que ele tem todo o apoio familiar se dele necessitar.

Duarte fica furioso quando Henrique lhe conta que decidiu ir viver para a Quinta e insiste em acusar Maria de ter matado o pai deles.

Joana mata saudades de Vasco ao telefone e ouve o irmão confessar que está entusiasmado com a nova vida que leva nos Açores. Por seu lado, Joana acaba por confessar que sente muito a sua falta.

Patrícia é observada pelo cirurgião que a operou e Isabel emociona-se quando a filha lhe diz que é fácil respirar.

Marta apoia a decisão de Joana de não passar exames desnecessários aos doentes e diz que vai fazer o mesmo. Inácio mantem-se à defesa e assume que vai cumprir as ordens de Diogo porque não quer ser despedido. Inácio fica atrapalhado quando Marta lhe mostra a inscrição que fez para correrem uma meia-maratona.

Catarina fica furiosa quando Maria lhe conta que Henrique se instalou na Quinta e diz à mãe que irá lá com ela para o expulsar.

Vítor vai ao posto de combustível pressionar Priscilla para que ela confirma que Leandro não votou nele para presidente do Cedofeita. Fernanda não gosta do escândalo e manda-o embora.

Rúben e Jéssica aliam-se para separarem Bruno de Adriana.

João convida Fred para seu padrinho de casamento e o irmão vacila, inclinado para não aceitar, atendendo à confusão em que a sua vida se transformou.

Miguel conta ao inspetor da Polícia Judiciária que não conseguiu fazer com que Laura confessasse que andou a espiá-lo e decide que está na altura de passarem ao plano B.

Beatriz pede a Laura para prolongar a hora do almoço com a justificação de que está a frequentar uma ação de formação. Entretanto, pede-lhe desculpa por ter insinuado que ela teve um caso com Miguel. Laura fica aliviada mas Beatriz, depois de regressar à redação conta a Hélder que cumpriu a primeira parte do plano para se livrar de Miguel.

Duarte conta a Inês que o pai se instalou na Quinta e ela promete demover o pai de insistir naquela loucura.

Henrique embriaga-se e ordena aos gritos à empregada que prepare o seu quarto. Quando a filha lhe telefona recusa-se a ir embora.

Laura pede a Benedita que veja o texto que ela escreveu a desculpar-se por ter plagiado um artigo e fica satisfeita com o parecer favorável que recebe.

David vai ter com Alice ao parque e não resiste finalmente a beijá-la.

Luís despede-se de Adriana, que pede a Paulo que cuide do pai na viagem de veleiro que vão fazer aos Açores.

nas redes

pesquisar