SIC

Perfil

93º Episódio - 23 de dezembro (quarta-feira)

Inês liga a João durante concerto de Carlos e diz que tem saudades dele

Fred procura Jéssica e conta-lhe que perdeu todo o dinheiro que tinha investido, pedindo-lhe que regresse com ele a Lisboa. Jéssica fica com pena do namorado, mas diz que só pode ir ter com ele no dia seguinte porque prometeu aos pais que jantava com eles. Entretanto, Bruno bate á porta e Jéssica disfarça a sua presença, dando a ideia de que ele só ali foi à procura de Rúben, pois continuam amigos. Fred fica desagradado mas não percebe que ela continua a andar com os dois ao mesmo tempo.

Priscilla provoca Sandra mas ela contra-ataca, recordando que a conhece bem desde o tempo em que se chamava Vanessa. Priscilla fica aflita e refugia-se na casa de banho do posto de combustível. Inês entra na loja e pede para comprar todos os exemplares da Mundo, pretendendo evitar que as pessoas não leiam a crítica desfavorável que Laura escreveu sobre a colecção de roupa que ela lançou. Por coincidência, João encontra Inês no posto e ao ver as revistas que Sandra reuniu, percebe que a ex-namorada está muito em baixo e conforta-a, fazendo-a ver que não deve dar importância a quem só diz mal por dizer. Inês fica mais serena e aceita tomar um café com João, agradada por estar com ele.

Teresa causa constrangimento no restaurante porque começa a dar de mamar a Antónia, diante de duas clientes que se manifestam incomodadas. Maria põe cobro ao incidente e conduz Teresa ao escritório, enquanto Duarte pede a conta, também desconfortável com a situação que a irmã criou.

Carlos vai dar um beijo a Inês antes de ir ensaiar para o concerto e também se esforça para a animar, depois de perceber que as críticas de laura à roupa que desenhou ainda a perturbam. O cantor tem de se ir embora e Assunção pergunta á neta se já se fartou dele. Inês responde que Carlos a irrita pelo optimismo com que encara todas as situações e acaba por confessar que quem a conhece bem é João. A avó não esconde o que pensa e responde que ela não deve enganar-se pois é precisamente dele que gosta. Inês fica a pensar no assunto.

Maria percebe que não vai conseguir demover Catarina de usar Isabel como barriga de aluguer e assume que com o tempo acabará por aceitar a situação. Catarina abraça a mãe, satisfeita por tê-la novamente do seu lado.

Sofia começa a tratar-se, na esperança de conseguir retirar prazer das relações com o marido.

Fernanda fica furiosa com Vítor quando ele lhe diz que convidou uma vizinha idosa para fazer o cruzeiro com ela. Depois de lhe dar um valente raspanete, obriga-o a ir dizer à viúva que não há qualquer viagem.

Bruno coloca Jéssica entre a espada e a parede e decreta que ou fica consigo ou com Fred, pois não consegue suportar a ideia de a partilhar com outro. Como ela continua sem conseguir escolher, vai-se embora e pede-lhe que nunca mais lhe apareça à frente.

João fica em choque quando Fred lhe conta que perdeu todo o dinheiro de Henrique e também o seu num investimento de risco na bolsa. O irmão assume que tem a sua vida destruída e que não sabe o que fazer.

Carlos dedica uma música a Inês durante o seu concerto. Ela, que assiste a tudo nos bastidores, esboça um sorriso amarelo e resguarda-se para fazer uma chamada para João. Assim que ele atende, hesita um pouco e dispara que tem saudades dele.

João fica surpreendido com o telefonema de Inês e diz-lhe que não tem sentido ela estar a confessar que tem saudades dele se ainda namora com Carlos. Inês concorda e desliga o telefone, ficando a olhar com grande desconforto para o cantor que continua a dar o seu concerto.

Catarina comenta muito satisfeita com Diogo que Inês foi arrasada pela crítica de Laura às suas roupas na revista mundo e o marido diz que ela não deve alimentar várias guerras ao mesmo tempo. Apesar disso, ela reconhece que o ódio que sente em relação à irmã fala sempre mais alto. Diogo acha que Catarina detesta a irmã por causa de João mas ela nega, assegurando que o ama e é feliz com ele.

​Duarte vê fotografias de paisagens açorianas com Joana e Pedro e volta a desafiar o filho para viajar com eles. Pedro reafirma que não quer ir para não deixar Patrícia e Duarte desabafa com Joana que não sabe como é que o miúdo irá reagir se a amiga morrer.

Sofia chama à atenção de Henrique por estar a beber demais e ele justifica-se com o facto de ter perdido uma fortuna com os investimentos que fez, ficando sem dinheiro para pagar a dívida ao fisco. A mulher tira-lhe o copo da mão e diz que já foi ao ginecologista, reafirmando que quer perceber porque é que não sente desejo por ele. Henrique fica mais animado e beija Sofia.

Thomas critica a mãe por ter publicado nas redes sociais uma fotografia sua a amamentar Antónia e fica ainda mais indignado quando Teresa conta que foi censurada no restaurante quando deu de mamar à bebé, afirmando que pretende sensibilizar a sociedade para que o acto de amamentar não deve ser encarado como uma obscenidade.

Maria conversa com Luís e confessa que o desejo de ser avó faz com que encare melhor a decisão que Catarina tomou de ficar com o bebé de Isabel, reconhecendo que também é natural que ela queira muito ser mãe, depois de já ter perdido dois bebés.

Fernanda obriga Vítor a dormir na sala porque ele se recusa a devolver o dinheiro que a vizinha pagou pelo cruzeiro que ela ganhou no concurso. O marido acaba por reconsiderar, mas Fernanda mantém o castigo, gritando que está farta das trapalhadas que ele arranja. Rúben intercede a favor do pai e a mãe decide que, sendo assim, ficará ela a dormir no sofá.

Sem conseguir demover Isabel de entregar o seu filho a Catarina, Maria decide apoiá-la durante a gravidez, embora lhe custe compreender a sua decisão. Isabel quase se descai quando desabafa que só quer evitar que a filha morra.

Benedita decide trabalhar em casa para fazer companhia a Zé e desespera com a agitação do filho, que insiste para que ela vá para a revista.

Laura fica comprometida quando Hélder lhe diz na cara que se precisar de comprar droga é melhor deixá-lo tratar do assunto, para não correr o risco de que alguém a veja.

Hélder avisa Beatriz para que tenha cuidado com Miguel, pois consta que foi ele que fez com que a mulher se suicidasse. A jornalista não o leva a sério e agradece-lhe meio a brincar.

Miguel procura Fred e conta-lhe que soube que ele perdeu o dinheiro que Henrique investiu e prepara-se para lhe passar um cheque para o ajudar a compensar as perdas que teve, reconhecendo que não quer estar afastado dos filhos. Fred agradece mas recusa. O pai não insiste e diz que se mudar de ideias a oferta continua de pé.

Inês vê no telemóvel fotografias que tirou com João e não atende o telefone quando Carlos lhe liga.

Catarina barra o caminho a Sofia na clínica só para a provocar, dizendo cheia de cinismo que Laura agiu por maldade quando disse mal da colecção que Inês desenhou. Sofia responde na mesma moeda e a conversa acaba com ambas a reconhecerem enraivecidas, que foram longe demais na guerra que têm alimentado.

Inês ganha coragem e termina o namoro com Carlos, escondendo que não conseguiu esquecer João e preferindo justificar-se com o facto de serem muito diferentes. Ele fica triste mas encara tudo com a sua habitual descontração.

nas redes

pesquisar