SIC

Perfil

71º Episódio - 27 de novembro (sexta-feira)

Diogo descobre que Luís matou duas pessoas no passado e que depois se tentou suicidar

Victor Freitas\302\251

Luís fica nervoso quando recebe a informação de que o restaurante vai receber a visita de um crítico gastronómico. Maria encara a situação com descontracção e lembra que o Sirga é um dos melhores restaurantes do Porto.

O desfile de Inês é um sucesso e o cantor que anima o evento puxa-a para o palco e canta para ela. O público aplaude e Henrique comenta com Sofia que a filha é um caso de sucesso. Quando tenta beijar Sofia esta rejeita-o e diz que Maria lhe foi contar o que se passou na Quinta. Henrique esconde o nervosismo e tenta saber o que foi que ela disse, mas a mulher diz que o assunto é para ser tratado em casa e avança para felicitar a filha.

Miguel convida Pedro para darem uma volta os dois no dia seguinte e justifica-se dizendo que ele vai ter de se habituar à sua companhia, uma vez que o pai tem um cancro, insinuando que poderá não viver muito mais. Pedro fica em pânico mas Beatriz não se apercebe de nada, pois está na cozinha a fazer o jantar.

Duarte regressa a casa com Joana, depois de saber na clínica que o tumor que tem na perna é benigno e, sem que ela espere, anuncia que decidiu sair de casa. Joana é apanhada de surpresa e fica sem reacção.

Duarte justifica a Joana que vai sair de casa porque ouviu a conversa que ela teve com Vasco e não quer que ela sofra casão venha ficar gravemente doente. Joana explica que o que ele ouviu foi apenas um desabafo e que quer ficar com ele em qualquer circunstancia porque o ama. Duarte não muda a sua decisão, arruma as suas coisas e vai embora. Joana fica sentada no sofá a chorar.

Filipe conta desesperado a Sara que não tem dinheiro sequer para pagar os ordenados. Ela fica alarmada, pois não imaginava que a crise financeira do marido fosse tão grave.

Luís tem um ataque de fúria na cozinha por ver que Isabel e Leandro estão à conversa em vez de despacharem o serviço. Eles tentam explicar que apenas se cruzaram por alguns segundos mas o chef ainda fica mais irritado e atira os pratos já confeccionados para o lixo, dizendo que estão frios e obrigando todos a refazê-los. O ambiente na cozinha fica de cortar à faca.

Vítor fica zangado com Rúben porque o filho se recusa a vender mais sapatilhas de contrafacção com medo de ser apanhado pela fiscalização. O pai diz que investiu o dinheiro que João lhe deu para as obras em mais ténis e agora não tem como escoá-los. Rúben fica insensível e vai ajudar Fernanda a colocar na internet os códigos dos cupões dos concursos das viagens. Vítor acusa-o de preferir ajudar a mãe e de o deixar desamparado.

Beatriz estranha o silêncio de Pedro ao jantar e sugere-lhe algumas visitas e diversões que poderão programar para quando estiverem juntos durante a semana. O filho esconde que soube por Miguel que o pai está doente e pede para ir para o quarto. O juiz sabe bem a angustia que provocou no miúdo mas não se revela.

O cantor que actuou no desfile de Inês convida-a para uma festa mas ela recusa delicadamente. Sofia e Henrique aproximam-se e ela diz que vai com eles para casa, confessando que o rapaz não faz o seu género.

Catarina faz sinal a Maria para se chegar à sua mesa, onde janta com o marido. A mãe finge-se muito simpática mas quando Diogo lhe pergunta se quando esteve nos Açores foi à ilha onde ele nasceu, Maria explica que só visitou duas, pois foi com um amigo que já morreu. Quando se refere a António, Maria deita um olhar acusador a Catarina que não consegue disfarçar o desconforto. O marido repara e ele diz que a mãe se esforça por ignorá-la.

Joana conta a Vasco que Duarte saiu de casa por ter ouvido a conversa que tiveram e confessa desesperada que não o quer perder.

Pela manhã, Maria cruza-se com Duarte na Quinta e insiste com ele para tomar o pequeno-almoço, pedindo-lhe que lhe conte porque é que está tão sério. Ele propõe uma troca e aceita desabafar se ela confirmar que discutiu com Henrique na sala de provas. Maria confirma mas esconde a gravidade da situação, passando a bola para Duarte. Ele conta então, por sua vez, que saiu de casa porque tem um tumor benigno e que não quer fazer Joana sofrer se a doença degenerar em algo mais grave. Maria fica confusa e ele acrescenta que ficou magoado ao ouvir Joana desabafar com Vasco que não aguentaria perder mais ninguém na sua vida. A conversa é interrompida e aligeirada por Luís que ao encontrar Duarte o convida para fazer uma prova de vinhos no restaurante.

Catarina queixa-se a Diogo de Maria continuar a rejeitá-la e que Luís só envenena a sua relação com a mãe. Diogo faz uma chamada e pede a alguém que investigue a vida de Luís, para saber como podem pressioná-lo a adoptar outro comportamento. Catarina conta que o único segredo que ele tem é ser alcoólico mas que isso a mãe já sabe. Diogo mostra-se convencido que vai descobrir mais qualquer coisa.

Sofia confronta Henrique com as acusações de Maria que lhe foi contar que ele tentou violá-la. Henrique mente e jura que ela está a mentir porque é louca e assegura que só a quer ver fora da Quinta. Sofia fica sem saber em quem acreditar.

Zé entrega ao director da instituição de acolhimento um questionário a que quer que Benedita responda. Quando a mãe recebe o email com o inquérito fica animada, pois percebe que o rapaz a quer conhecer melhor.

Laura obriga Alice a ir para a redacção da Mundo nas horas vagas, depois de a apanhar com a casa repleta de amigos, a dar uma festa que não autorizou. David tenta criar amizade com a miúda mas ela responde-lhe mal e afasta-o.

Inês recebe um ramo de flores em casa e prepara-se para o deitar fora, pensando que se trata de mais um presente de João. No entanto, descobre que o admirador é o cantor que actuou no desfile e manda por as flores em água. Assunção incentiva a neta a dar uma oportunidade ao rapaz mas ela afirma que não está para ter relacionamentos.

Vítor é detido por venda ilegal na feira, depois de quase ter sido espancado por outros feirantes a quem ocupou o lugar.

Inácio fica aflito quando Diogo anuncia que os investigadores vão passar a atender igualmente os doentes da clínica. Joana sossega o amigo e afirma que tudo vai correr bem.

Diogo recebe uma informação a respeito de Luís e prepara-se para sair da clínica, dizendo a Catarina que ela vai perder a aposta que fizeram.

Luís grita com tudo e com todos na cozinha do Sirga, reclamando por causa da deficiente confecção dos pratos. Maria chama-o à razão e Luís acaba por se acalmar, confessando que receia uma opinião negativa dos críticos e que por isso não possa ganhar o prémio a que se candidatou.

Jéssica vai fotografar num barco de cruzeiro e fica constrangida quando percebe que se trata do barco onde Bruno trabalha. Ele disfarça o incómodo que dispara que cada um está ali para fazer o seu trabalho.

Diogo descobre que Luís matou duas pessoas no passado e que também se tentou suicidar e faz chantagem com ele, ameaçando contar o seu passado a Maria se ele não a convencer as fazer as pazes com Catarina. Luís fica incrédulo com o que ouve.

nas redes

pesquisar