SIC

Perfil

42º Episódio - 24 de outubro (sábado)

Duarte aceita fazer teste de ADN para saber se Catarina faz parte da família

(c).RuiCarlosMateus.1954

Beatriz decide ir até ao bar do hotel no Porto para tomar uma bebida e digerir a última discussão que teve com Duarte. Miguel também lá está com uns amigos e vai ter com ela, propondo que não fiquem sós nessa noite. Beatriz hesita mas acaba por aceitar tomar uma bebida com ele.

Na clínica, Dina dá pela falta de Patrícia e comunica o desaparecimento da rapariga a Célia. De imediato a segurança é informada e a enfermeira decide ligar a Isabel.

Maria chega a casa de Fernanda com Isabel que a ajuda a carregar as malas que trouxe da Quinta. Rúben apressa-se a ajudá-las e Vítor aparece com uma garrafa de champanhe para festejar a vitória no jogo de futebol, garantindo que foi a sua muleta a responsável por terem ganho o jogo. Rúben acha que a sorte da equipa foi ele ter ficado lesionado e Isabel e Maria assistem divertidas ao despique entre ambos. A boa disposição acaba quando Isabel recebe um telefonema da clínica a informá-la de que Patrícia desapareceu.

Entretanto, Pedro leva Patrícia ao centro comercial, empurrando a cadeira de rodas que levaram da clínica. Os miúdos divertem-se a ver lojas, comem e decidem ir ao cinema. Patrícia está radiante por ter por momentos uma vida normal. Depois de verem o filme, Pedro fica aflito porque percebe que o pai lhe ligou várias vezes e já sabe que ele não ficou a dormir em casa do amigo. Patrícia diz que é melhor voltarem à clínica mas antes disso revela que há muito não se sentia tão bem e beija Pedro que fica delirante de alegria.

No posto de combustível, Sandra conversa ao telefone com uma amiga e fala dos seus relacionamentos amorosos, incluindo da única vez em que esteve com outra rapariga. Jorge ouve a conversa num misto de reprovação e excitação. Sandra percebe e, depois de desligar a chamada, seduz o chefe e acabam por se envolver ali mesmo.

Inácio está sozinho no laboratório e fala através do computador com o amigo americano. O investigador fica radiante quando ele diz que está cheio de saudades mas pouco depois perde o sorriso. Richard conta com entusiasmo que vai viajar para Portugal para participar num simpósio e que finalmente vão poder conhecer-se. Inácio apressa-se a arranjar uma desculpa para acabar com a conversa e murmura para si que foi arranjar um namorado do outro lado do mundo para não ter de estar com ele e agora vê os seus planos saírem furados.

Isabel, Maria e Duarte juntam-se na clínica, preocupados com o desaparecimento de Patrícia e Pedro. Isabel, muito nervosa, diz a Duarte que não quer que os miúdos voltem a estar juntos. Ele concorda e resigna-se com o facto de ter de ligar a Beatriz, para que ela não o acuse de esconder a situação.

Entretanto, no hotel, Miguel insiste com Beatriz para tomarem mais uma bebida mas a noite é interrompida quando ela recebe o telefonema de Duarte a contar que o filho levou Patrícia da clínica e que ninguém sabe deles. Beatriz dispara que se ele não andasse distraído com a amante nada daquilo teria acontecido e depois de desligar o telefone conta a Miguel que vai ter de o deixar para ir para a clínica ter com Duarte. Beatriz diz que gostou muito de ter conversado com ele. Miguel retribui mas fica frustrado.

Quando chega à clínica, Beatriz faz mais um escândalo ao ver que Joana está com Duarte. Este arrasta a mulher para um gabinete e discute com ela ao perceber que esteve a beber. Beatriz acusa-o de ter destruído a sua vida quando a trocou por outra e ele acaba a dizer que sente pena dela, sugerindo-lhe que vá curar a bebedeira. Entretanto, a polícia leva Pedro e Patrícia de volta à clínica e informa que encontrou os jovens no parque de estacionamento. Duarte ralha com o filho enquanto Beatriz também lhe faz ver que agiu mal ao levar a amiga da clínica. O miúdo justifica que apenas foram passear. Beatriz fica cheia de raiva quando Pedro escolhe ir para casa com o pai.

Catarina confessa a Maria que lhe custa deixar a Quinta e promete que Henrique se vai arrepender do que lhes está a fazer. A mãe estranha aquela reacção, duvidando do arrependimento dela. Catarina percebe que se excedeu e justifica que apenas quis dizer que vai fazer tudo para arruinar a reputação de Henrique.

Henrique diz a Pedro que não quer que ele continue a fazer voluntariado na clínica, não só por ele ter levado Patrícia da clínica mas também porque a mãe proibiu que ele voltasse a estar com a filha. Pedro fica revoltado e sai disparado do gabinete do tio. Duarte vai atrás do filho e cruza-se com Benedita e William. Ela estranha que Pedro não lhes tenha falado e Duarte conta o que sucedeu, desabafando que até parece que Henrique está a vingar-se dele. Benedita concorda que ele devia ter mais cuidado porque também tem telhados de vidro, revelando que o fotógrafo da revista o apanhou numa festa de sexo. Duarte diz que por sua parte nada tem a esconder e a irmã responde que deve ser o único da família nessa situação, já que até o pai incluiu Maria no testamento, sem que alguém tenha percebido porquê.

Leandro fica sozinho em casa com Catarina e começa a beijá-la. Ela sente-se desconfortável mas consegue esquivar-se porque recebe uma chamada de Duarte a dizer que precisa de falar com ela. Curiosa, Catarina apressa-se a ir ter com ele e despede-se de Leandro.

Fernanda fica surpreendida com a mudança de atitude de Jorge no posto de combustível porque o chefe está muito bem-disposto e até lhe entrega o seu cartão para que ela desbloqueie a caixa registadora sempre que precisar. Sandra chega de mau-humor e Fernanda volta a surpreender-se quando Jorge afirma que nem sempre é fácil as pessoas levantarem-se cedo, mostrando-se muito tolerante para Sandra.

Inácio confessa a Joana que está preocupado com a vinda do namorado a Portugal, receando que ele queira ficar em sua casa. A amiga não percebe qual é o problema e Inácio diz que Richard é apenas um namorado à distância e que não sente qualquer necessidade de estar fisicamente com ele. Joana, por seu lado, assume que tem cada vez mais dificuldade em suportar as investidas de Beatriz que não se conforma com a sua relação com Duarte.

Benedita desabafa com Beatriz as dúvidas que tem sobre a sua aproximação ao filho, temendo o que isso possa provocar na relação com William. Beatriz acha que Zé pode reagir mal ao saber que ela é sua mãe, a mãe que o abandonou. Já quanto ao seu relacionamento com Duarte, depois de o marido a ter trocado por Joana, Beatriz afirma que qualquer outra mulher reagiria mal se lhe acontecesse a mesma coisa. Entretanto, a conversa é interrompida por um estafeta que entrega um embrulho a Beatriz, que fica constrangida ao constatar que se trata de um presente de Miguel.

Catarina vai a casa de Duarte e fica surpreendida quando ele lhe diz que decidiu fazer o teste de ADN que ela lhe tinha pedido para desfazer a dúvida sobre se são ou não irmãos, já que descobriu que a família tem muito mais segredos do que imaginava.

Maria diz a Luís que quer tirar o nome da conta do restaurante, não vá Henrique querer congelar o dinheiro, impedindo-os de pagar aos fornecedores. O sócio concorda e elogia o trabalho dela, que conseguiu evitar a falência do negócio. Maria fica contente com o reconhecimento de Luís.

Catarina reafirma a Duarte que Maria não obrigou António a incluí-la no testamento e mostra-se convencida de que se o teste de ADN provar que são irmãos, ficarão a saber que as acusações de Henrique são falsas. Duarte confessa que também achou estranha a conversa do advogado e Catarina assume mais uma vez que é muito importante para si descobrir quem é o seu pai.

Henrique conversa com Inácio sobre a nova investigação que vão iniciar, reforçando como ela é importante para conseguirem manter o financiamento da farmacêutica e avisa que William estará muito atento ao que vão fazer. Entretanto, lembra que nenhum dos doentes que integraram o estudo anterior poderá participar no novo programa.

Teresa dá uma massagem relaxante a Benedita e a irmã revela os seus receios sobre a reacção que Zé terá quando souber que ela é sua mãe e acrescenta que vai falar com o director da instituição onde ele está para saber se alguma vez falaram com o filho sobre ela.

João mata saudades de Inês ao telefone enquanto almoça com o irmão. Fred sorri e depois de ele desligar o telefone olha para o aviso que recebeu para ir levantar uma carta registada que o pai lhes enviou, sem calcular do que se trata.

Depois do encontro com Duarte, Catarina chega mais cedo ao restaurante e deixa Leandro intrigado ao dizer que algo de bom poderá estar para acontecer, mas sem revelar as suas expectativas. Como o namorado insiste em saber o segredo que ela está a guardar, Catarina cala-o dando-lhe um beijo na boca.

Duarte conversa com calma com Pedro, fazendo-lhe ver que procedeu mal ao levar Patrícia da clínica para passear. O filho confessa que está apaixonado por ela e que só quis fazê-la feliz, reafirmando que tudo fará para voltar a vê-la. Duarte promete tentar convencer Isabel a permitir que ele visite Patrícia e abraça Pedro, murmurando que é oficial que tem um filho na adolescência.

Henrique confirma a Isabel que Patrícia não poderá ser incluída no estudo do novo medicamento e diz que a única solução para o seu caso será o transplante pulmonar. Elas ficam muito apreensivas porque a rapariga terá de entrar numa lista de espera, conscientes de que o transplante poderá demorar anos. Depois de o médico as deixar a sós, Patrícia reafirma à mãe que quer deixar a clínica e voltar para casa. Isabel ainda tenta demovê-la mas acaba por concordar. A filha pede-lhe igualmente que permite que Pedro continue a visitá-la, pois foi ela que pediu para ele a levar para passear.

Luís tem de sair do restaurante à pressa e diz a Maria para tomar conta de tudo porque ele tem de ir ajudar um amigo. Ela fica atrapalhada e também muito intrigada.

Teresa faz um tratamento de acupunctura a Assunção para a ajudar a deixar de fumar, mas ela insiste em que não acredita naquelas chinesices e fica muito agitada por achar que as agulhas lhe vão causar dor.

Benedita fica aliviada quando o director da instituição onde Zé vive lhe diz que ele nunca ouviu falar da mãe nem tem essa figura presente no seu imaginário. Escondendo a sua verdadeira ligação a Zé, Benedita mostra a sua vontade de estar mais perto dele e de o acompanhar e aproveita para lhe oferecer umas palhetas para ele tocar. Zé não reage da melhor forma, insistindo bruscamente que faz as suas próprias palhetas. O director tenta tranquilizá-la e diz que aquela reacção é normal no rapaz, mas Benedita fica incomodada com a situação que causou.

Isabel procura conforto junto de Maria, depois de ter sido informada por Henrique de que Patrícia não vai poder testar o novo medicamento e que só lhe resta o transplante pulmonar para se curar. Maria lamenta não poder ajudá-la, lembrando que foi afastada da clínica. Enquanto prepara um chá para as duas, aproveita para agradecer a Leandro o bem que tem feito a Catarina. O rapaz comenta que ela está muito bem-disposta e Maria deseja que assim se mantenha.

Rúben desafia Adriana para ir treinar com ele para uma maratona. Ela recusa mas explica-lhe o significado histórico da palavra. Entretanto, aproveita para lhe perguntar se já não quer ter mais aulas de piano mas Rúben nem quer ouvir falar em desistir e garante que ainda vão tocar juntos na Casa da Música.

Fernanda continua a estranhar a disponibilidade de Jorge para a ajudar, depois de ele se oferecer para renovar o rolo de papel da caixa registadora. Sandra entra a protestar com o horários que ele lhe definiu, pois colocou-a a trabalhar sempre no turno da noite. Ele disfarça a intenção de estar mais vezes com ela, depois de se terem envolvido. Fernanda estranha a picardia a que acaba de assistir, murmurando que eles estão ambos estranhos.

Vasco fala com dificuldade através do skype com Margarida mas fica frustrado porque a ligação com o Mali está muito má e quase não consegue perceber o que ela diz. Isabel aparece entretanto e acabam por sair os dois para passearem o Pipoca. Isabel não consegue disfarçar a sua preocupação e o seu desalento pelo estado de saúde da filha.

Luís explica a Maria que foi ajudar um amigo que teve uma recaída porque, tal como ele, é um alcoólico em recuperação. Maria ouve a história de vida de Luís e acaba por contar que o seu ex-marido também era alcoólico e que o casamento acabou quando um dia lhe bateu por estar embriagado. Luís elogia-lhe a coragem e confessa que ficou aliviado por ter desabafado com ela.

nas redes

pesquisar