SIC

Perfil

Como perceber se o seu filho sofre de Bullying

Perceba em que situações é que o bullying acontece e quais os principais sinais de alerta

(c).RuiCarlosMateus.1954

O bullying é um fenómeno recorrente em muitas escolas e círculos sociais afetando por isso, inúmeros jovens e crianças.

Na europa, este problema está a alastrar-se e a ganhar dimensões cada vez mais preocupantes. É então importante entender o que é e quais os principais sinais de alerta.

Em Coração d'Ouro assistimos a um dos exemplos mais comuns vivido pela personagem Rita Castro de Aguiar Vemba, filha de Teresa e de Jonas e irmã de Thomas.

Rita é discriminada pelas colegas por ter uma cor de pele diferente. Por esse motivo, é alvo de insultos e chega mesmo, a ser maltratada. Este é um dos tipos de comportamento associado ao bullying. Quem o pratica, fá-lo de forma deliberada e intencional e o seu único objetivo é hostilizar e ferir o outro a quem se dirige.

O bullying pode ter várias vertentes:

- Ataques físicos e violência

- Ofensas verbais e insultos

- Ameaças e intimidações

- Extorsão de dinheiro ou outros bens

- Exclusão do grupo de colegas/amigos

As vítimas de bullying são, por norma, "diferentes" da maioria. O facto de serem mais altas ou mais baixas, mais magras ou mais gordas, usarem óculos, ou pertencerem a outra raça/etnia podem ser fatores que os tornam alvos mais fáceis e "apetecíveis".

No caso da Rita, a cor de pele é a razão que leva as colegas a intimidá-la e a gozarem com ela.

Veja aqui o vídeo

No fundo, estamos perante uma tentativa de afirmação de poder. No sentido em que, um dos elementos, normalmente com autoestima e autoconfiança baixas, se subjuga a outro que é socialmente enquadrado e visto até, muitas vezes, como um ídolo dentro da comunidade escolar/social.

A vítima tem, por norma, um perfil específico:

- Baixa autoestima e autoconfiança

- Maior sentimento de solidão e de isolamente social

- Maior tímidez e tendência para serem socialmente rejeitados

- Maior dificuldade em estabelecer relações com os outros

É importante para o jovem perceber qual é o seu papel numa situação de bullying: agressor, vítima ou espetador. E é também importante os pais entenderem e aperceberem-se do que se passa com os filhos.

Existem sinais de alarme que podem indicar que o seu filho está a ser vítima de bullying. São eles:

- Ira intensa

- Ataques de fúria

- Irritabilidade extrema

- Frustração frequente

- Impulsividade

- Autoagressão

- Existência de poucos amigos

- Dificuldade em prestar atenção

- Inquietude física (abatimento físico e psicológico)

- Descida dos resultados escolares

No caso da Rita, é possível evidenciar alguns desses comportamentos que denunciavam que algo não estava bem:

- Não querer que a irmã tenha a sua cor de pele e dizer que "está suja"

- Esticar o cabelo para poder parecer-se com as suas colegas

- Não querer voltar ao colégio

É necessário ter em conta que, muitos destes sintomas, podem ser confundidos com as alteraçõs típicas da adolescência e por esse motivo, é necessária uma atenção redobrada por parte dos pais. É também importante reforçar que muitas das vítimas sofrem em silêncio por vergonha e por medo de represálias.

nas redes

pesquisar