SIC

Perfil

Resumo: 249º Episódio - 24 de junho (sábado)

Lobo protege Marta; A PJ recebe uma denuncia de um roubo de um crucifixo

Paulo Goulart Photography

*OS RESUMOS DOS EPISÓDIOS ESTÃO SUJEITOS A MUDANÇAS EM FUNÇÃO DA EDIÇÃO DA NOVELA

Helena diz a Vicente que se quer despedir. Sente-se envergonhada por Francisca querer usá-la. Vicente beija-a no momento em que Mafalda entra para comunicar ao pai que Marta desapareceu.

Pilar e Manel procuram Francisca para a interrogar sobre Marta. Francisca faz-se de vítima. Clara entra por ali adentro a perguntar por Marta, dando a entender a todos que também não sabe da irmã.

Em casa de Clara, Marta está ansiosa. Afonso avisa-a de que Clara pode voltar para a prisão se a descobrirem ali. Marta sente-se culpada mas não quer voltar para casa pois tem muito medo de Francisca.

Daniela chega atraída pelo barulho à sala e partilha com todos que Marta se despediu dela. Clara reforça que não tem nada a ver com o desaparecimento da irmã, apesar de ter dificuldade em manter a mentira.

Quando fica a sós com a sobrinha Clara, Pilar fala-lhe do caso da morte de Laura e explica que não conseguem reunir provas para envolver a polícia de São Tomé na investigação.

Cruz insinua que Lobo agora anda todo bonzinho por causa de Clara. Lobo não gosta do tom do seu empregado e explica, uma vez mais, que não quer ter mais problemas para salvaguardar Guilherme.

Preciosa fala com Sebastião sobre Ricardo ser gay. Está muito assoberbada pois nada lhe corre bem, nem na vida pessoal nem no trabalho. Para piorar tudo faz-lhe confusão que Nelson tenha arranjado uma namorada.

Ao jantar, todos esperam por Nelson que chega com Esmeralda. Este apresenta-a à família como sua namorada. Ela é muito efusiva e simpática mas Dolores olha-a de alto a baixo. Por sua vez, Armando e Gisela tentam disfarçar a antipatia de Dolores.

De volta a casa, Clara avisa Marta que tem de desligar o telemóvel ou vão encontrá-la. Explica à irmã que irá para casa de um amigo e que lá ficará em segurança.

Manel fica surpreso com a demissão de Helena da fábrica e esta garante que será capaz de arranjar outro trabalho. Alex conta à família que Lucas já assumiu publicamente que a música também é sua. Por causa disso, foi convidado a ir tocar a dois locais.

No dia seguinte, Lobo vai a casa de Clara para dizer que Marta está bem em casa de um conhecido seu e que lá ninguém a vai descobrir. Aparecem Manel e Jaime para revistarem tudo à procura de Marta e Manel fica incomodado por ver Lobo ali.

Na prisão, Garcia observa Gonçalo e faz perguntas sobre ele. Tenta aproximar-se mas Bruno manda-o embora. Gonçalo diz ao seu homem que tem tudo pronto e que Lobo vai pagar pelo que fez.

Mafalda está muito nervosa com a cirurgia da irmã. Pilar fala-lhe de Sebastião e avisa a filha de que se vai arrepender por tê-lo afastado, como ela se arrepende de ter deixado Vicente.

Vitorioso, Vicente mostra os jornais a Francisca onde surgem notícias sobre a sua sentença. Esta fica furiosa. Alerta ainda a irmã que vai ficar sem nada e que se não for presa vai acabar os seus dias em Santo Tirso.

No ginásio, enquanto fala com Lobo, Ricardo dá razão a Cruz por estar preocupado com o que o Curador possa fazer. Lobo assegura que nada lhes vai acontecer e aconselha Ricardo a arranjar trabalho sério. Lobo recebe, nesse momento, uma chamada de um suposto intermediário de arte a marcar encontro consigo para lhe vender umas peças para o seu antiquário.

Manel chega à PJ sem saber nada de Marta. Partilha com Sebastião que não gostou nada de ver Lobo em casa de Clara. Sebastião conta-lhe que houve uma denúncia sobre a transação de um crucifixo roubado.

Dolores está com muita vergonha de voltar ao supermercado depois de ter sido despromovida. Miranda aconselha-a a pedir desculpas a Armando mas esta mantém a sua teoria de que o marido a anda a trair com Helena. Manel bate à porta, vem fazer perguntas sobre Marta.

Quim investiga o caso de ́Jéssica', a mulher traída pelo marido. Helena pede-lhe que tenha cuidado e informa-o de que saiu da fábrica mas não conta as suas razões ao filho.

Armando está apreensivo com a ausência de Helena na fábrica pois quer pedir-lhe desculpa pelo escândalo de Dolores. Nelson, pesaroso, informa o pai que esteve com o advogado e que vão ter de pagar 4 mil euros de indemnização a um cliente da cerveja “Dolorosa”.

nas redes

pesquisar