SIC

Perfil

Resumo: 158º Episódio - 14 de março (terça-feira)

Manel é obrigado a devolver o bebé a Francisca; Lobo tenta proteger Clara e pede que ela recuse a oferta de trabalho

(c).RuiCarlosMateus.1954

*OS RESUMOS DOS EPISÓDIOS ESTÃO SUJEITOS A MUDANÇAS EM FUNÇÃO DA EDIÇÃO DA NOVELA

Tomané conta a Helder que tem um espectador que lhe colocou uma questão sobre ter-se apaixonado pela ex-namorada do irmão. Tomané considera isso que não tem mal nenhum e Helder fica surpreendido.

Gisela faz companhia a Lucas e consegue, por momentos distraí-llo da sua ressaca. Apesar de Gi insistir, Lucas recusa ir ao médico porque tem vergonha.

De noite, Alex quase desespera com o choro do bebé Carlos. É Quim quem salva a situação quando arranja um biberão adequado ao recém-nascido e, assim, Manel consegue que o bebé coma.

No dia seguinte, Diana entrega o seu currículo a Bárbara e a Miguel para ir trabalhar para o supermercado. Estes recebem o pedido admirados e ficam de ver com a administração.

Lobo interroga Ricardo sobre ter dito alguma coisa à sua família sobre o assalto e este garante que não disse nada. Lobo aproveita para o envolver no próximo assalto que estão a planear.

Em casa dos Paiva, Amália recebe Francisca que se faz de vítima para poder levar o filho. No entanto, Manel não cede à sua chantagem emocional e expulsa-a de sua casa.

Gabriel finge que o seu voo foi cancelado e aparece de surpresa em casa de Diana. Esta primeiro fica irritada mas depois fica exultante de alegria por, finalmente, ter o namorado de volta. Gabriel dá-lhe a provar o chocolate de Edite e beijam-se apaixonados.

Em São Tomé, Edite e Timóteo lamentam que Gabriel esteja tão determinado a ficar com Diana. Helena, por sua vez, fica preocupada ao saber que Manel está com o bebé Carlos em sua casa.

Clara visita a quinta onde vai trabalhar em restauro. Gonçalo mostra-lhe tudo e mostra-se compreensivo em relação aos erros do passado de Clara.

Francisca consulta o Dr. Nogueira para saber o que pode fazer para recuperar o seu bebé. Este assegura que Manel não pode fazer as coisas assim mas a situação que Francisca criou pode fazê-la perder a guarda das filhas.

Pilar fica estarrecida ao saber que Francisca pôs o próprio filho no porta-bagagens. Vicente implora para que este reconsidere a sua posição em relação à relação deles mas Pilar nem o quer ouvir.

Do lado de fora da quinta onde Clara vai trabalhar, Lobo vigia o local. Será aí o próximo assalto e quando vê Clara através dos seus binóculos, fica apreensivo.

Manel é surpreendido pois dois agentes da PSP que vêm exigir que este entregue o bebé a Francisca. Aconselham-no a colaborar e a fazer as coisas de forma legal. Manel reconsidera e entrega o bebé de volta à mãe.

À saída da quinta, Clara despede-se de Gonçalo. Fica surpresa ao ver Lobo ali e não quer acreditar quando este lhe pede para recusar o trabalho novo pois aquele local vai ser assaltado. Consternada, Clara percebe que se estiver ali a trabalhar e o local for assaltado, as culpas recairão sobre ela.

Mafalda prepara-se psicologicamente para a operação a que vai ser submetida. Bárbara fica escandalizada com a irmã ao saber que está recusou o pedido de casamento de Sebastião. Já ela, adoraria que Miguel o fizesse.

Dolores comenta com Nelson o encontro que teve com Raul. Nelson ouve-a enquanto conta o dinheiro da caixa e, no fim, deixa o dinheiro, de propósito, em cima do tapete. Quim, por sua vez, está cabisbaixo porque não consegue falar com Gisela.

No quarto de Lucas, Gisela acorda sobressaltada com um telefonema de Armando e sai a correr

Na fábrica de azulejos, Vicente e Armando conversam sobre o negócio da cerveja e Vicente dá aval a Armando para avançar com a “Dolorosa sem Álcool”.

Clara conta a Pilar que Lobo se está a preparar para assaltar o local para onde vai trabalhar. Esta fica surpreendida por Lobo se preocupar tanto com Clara mas assegura que vai tomar providências para que o assalto não aconteça.

Gonçalo encontra-se com o afilhado Ricardo. Conversam animados e Ricardo desculpa-se por ter estado afastado. Gonçalo convida-o para trabalhar consigo como informático mas este recusa, alegando que não tem tempo.

nas redes

pesquisar