SIC

Perfil

De segunda a sábado

Resumo: 29º Episódio - 14 de outubro (sexta-feira)

Vicente apanha Ricardo a mexer no cofre e conta tudo a Pilar que protege o filho

(c).RuiCarlosMateus.1954

*OS RESUMOS DOS EPISÓDIOS ESTÃO SUJEITOS A MUDANÇAS EM FUNÇÃO DA EDIÇÃO DA NOVELA.

Depois de ter fumado um charro com Ricardo, Diana começa a ter alucinações e pensa estar a ouvir a mãe, Andreia, a ofendê-la. Ricardo não lhe dá muita importância mas acaba por ir embora pois não sabe lidar com o desequilíbrio de Diana.

De noite, Manel visita Clara que está completamente desfeita por não saber onde está Daniela, não aguenta perder mais uma pessoa na sua vida.

Nuno tem pesadelos com o acidente de viação que provocou. Levanta-se e encontra Joel acordado. Este manda o filho embora lá de casa e não tenciona perdoar as suas agressões. Nuno demonstra não ter qualquer respeito pelo pai e cresce para ele, afirmando que não irá a lado nenhum e ainda decide que ficará com o seu quarto.

Dolores e Gisela consolam Miranda que veio para casa da mãe com Cátia. Esta chora, desiludida e não sabe o que pensar. Dolores garante que o genro vai pagar pela traição.

No dia seguinte, Alice encontra Diana enfiada num caixote do lixo. Está completamente desorientada e obssessiva, além de ter vários ferimentos. Alice consegue convencẽ-la a ir ao hospital para que o pai a trate.

Francisca continua a ser intrasigente com Marta e Pilar aconselha-a a ser mais compreensiva e a deixar Marta estar com os irmãos mas Francisca finge-se preocupada e com receio de que Clara lhe leve a filha adotiva. Pilar aproveita para lhe perguntar onde esteve na hora em que Eduardo terá caído do terraço e Francisca fica em pânico. Fazendo-se de vítima, explica que estava a comprar o bolo para levar para a festa mas não garante que tenha quem o possa provar.

Clara e Afonso procuram Daniela ou algum sinal dela nas redes sociais. Lobo aparece para lhes dizer que os quer ajudar pois tem muitos contactos. Clara, contrariada, aceita a sua ajuda.

Raul vai a casa de Dolores tentar fazer as pazes com Miranda mas esta não o perdoa. Cátia aparece e estranha a discussão. Gisela, desbocada, conta-lhe que o pai traiu a mãe. A jovem rejeita o pai, imediatamente e Raul vê-se obrigado a sair.

Dolores insulta e agride Irene na casa de chá e é Raul quem as separa. Este desculpa-se perante a sogra e desvaloriza o caso com Irene mas Dolores não lhe dá ouvidos. Quando ficam a sós, Raul despede Irene e acaba tudo com ela.

Já em casa, Jorge dá a medicação a Diana e agradece a Alice por ter ajudado a filha. Alice suspeita que Diana tenha tomado algo que a fez ficar tão perturbada mas Jorge não quer acreditar nisso.

Edite desculpa-se a Helena por não poder ficar mais tempo em Portugal e esta compreende as suas razões. Ainda lhe diz que esta foi muito corajosa quando decidiu recomeçar a sua vida longe de tudo e de todos, deixando Edite muito feliz com o apoio da irmã.

Na sede da PJ, Clara conversa com Pilar e está cada vez mais convencida que Francisca matou o pai e Pilar adverte-a que a autópsia não deu indícios de luta. Tenta apaziguá-la em relação a Daniela mas Clara está muito abalada. À saida, cruza-se com Manel e Pilar repara na intimidade entre os dois. Percebe que este afinal conhece Clara e que isso pode ter interferido no seu depoimento em tribunal.

O funeral de Eduardo decorre com a sua família, vários amigos e conhecidos.

Vicente prepara-se para sair de casa, para ir ao encontro da família, quando surpreende Ricardo com o cofre de Pilar nas mãos. Este não tem como esconder-se e tenta justificar-se mas o pai acusa-o de estar ali a roubar a família. Quando Vicente se prepara para chamar a polícia, Ricardo implora para que o pai chame a mãe pois esta sabe do que se trata.

nas redes

pesquisar