SIC

Perfil

De segunda a sábado

Resumo: 28º Episódio - 13 de outubro (quinta-feira)

Clara e Afonso tentam tirar Marta de casa de Francisca mas Pilar impede-os; Miranda apanha Raúl e Irene em flagrante

(c).RuiCarlosMateus.1954

*OS RESUMOS DOS EPISÓDIOS ESTÃO SUJEITOS A MUDANÇAS EM FUNÇÃO DA EDIÇÃO DA NOVELA.

Gisela e Dolores vão a casa de Helena para lhe arranjar as unhas e o cabelo. Em conversa, Dolores conta que Clara e o irmão estão a viver no seu sótão e tenta perceber se esta voltou para Manel mas ninguém sabe de nada.

Amália desabafa com Joel sobre a filha Edite e este aconselha a amiga a perdoar o passado.

Jorge começa a ficar mesmo preocupado com o comportamento de Diana. Tem nojo de tudo e não quer sair de casa.

o supermercado, Preciosa agradece a Nelson por tê-la defendido e este tem um ataque de asma com os nervos. Noutro corredor, Alice encontra Joel e queixa-se da insistência de Nuno. Envergonhado, Joel promete que vai falar com o filho.

Tomané tira as suas coisas do quarto de Liliana apesar desta insistir para que não vá embora. Despeitada, avisa-o de que se sair, não volta a entrar.

Cátia vai ao hostel avisar Lucas que a festa foi cancelada. Deixa-se entusiasmar e rouba-lhe um beijo. Este afasta-a e relembra-a de que é muito nova para ele. Cátia foge dali a chorar.

Lobo liga a Clara mas esta rejeita a chamada e Manel aparece e abraça-a. Clara chora nos seus braços e desabafa com ele. Ao mesmo tempo, sente-se envergonhada porque o abandonou quando Carlos morreu mas Manel desvaloriza isso. Garante que vão encontrar Daniela e Clara sugere que a madrasta possa ter alguma coisa a ver com aquela tragédia.

Alice consola Francisca e esta, cínica, afirma que vai fazer o seu melhor pelas filhas adotivas. No entanto, a sua prioridade é voltar a estar com Manel e pede a Alice que a ajude a encontrar-se com ele.

As buscas de Daniela prosseguem, sem sucesso.

Lobo encontra Afonso na casa de chá e dá-lhe os pêsames. Ao saber do desaparecimento da irmã de Afonso oferece-se para ajudar a encontrá-la.

Ao anoitecer, Clara está cada vez mais desesperada e sem conseguir saber de Daniela.

Ricardo e Diana fumam um charro em casa desta. Diana sente-se melhor quando fuma e Ricardo ri-se disso.

Alex queixa-se de ser sempre ele a ter de ficar com a mãe. Apesar de Helena pedir para pararem, Alex discute com Quim e sai, de seguida.

Francisca encontra-se com Manel no hostel e implora para que este volte a ser seu amante mas este apenas deseja que ela seja feliz e vai embora.

Quando Joel chama a atenção a Nuno por andar a chatear Alice, este volta a agredir e a insultar o pai. Este chora de desgosto.

Gisela insiste com Miranda para que abra os olhos em relação a Raul e Irene mas esta não acredita na prima.

No sótão de Dolores, Clara e Afonso conversam e decidem ir buscar Marta a casa de Francisca.

Vicente partilha com a mulher que o cunhado estava a pensar separar-se de Francisca, o que faz com que esta tivesse motivos para o ver morto. Pilar dirige-se a casa da cunhada para ver como estão as coisas e Clara e Afonso chegam na mesma altura para ir buscar a irmã. Estes explicam as suas razões mas Francisca acusa-os de estarem interessados na herança. Apesar de Marta implorar, Francisca não a deixa ir e Pilar apoia a sua decisão.

Clara e Afonso reclamam com Pilar por os apoiar e falam com a tia sobre a sua suspeita de ter sido Francisca a empurrar Eduardo pois este estava decidido a separar-se dela. Pilar tenta fazê-los ver que levar Marta, naquele momento, poderia trazer-lhes problemas sérios e garante que fará tudo para descobrir o que aconteceu.

Marta barafusta com Francisca e apesar dos pedidos de Teresa à filha para que seja mais carinhosa com a filha adotiva, esta não dá ouvidos a ninguém.

Manel alegra-se ao saber que Edite já chegou a Portugal. Helena diz ao filho que faz questão que o sobrinho Gabriel fique lá em casa pois Edite e Timóteo estão em dificuldades. Manuel apoia a mãe na sua decisão e continua a incentivá-la a continuar a terapia.

Gisela conta a Dolores que Raul tem um caso com Irene. Esta fica chocada e não quer acreditar que seja uma coisa séria.

Enquanto isso, Miranda apanha o marido e a empregada em flagrante. Horrorizada, atira-se a Irene e puxa-lhe os cabelos. Acusa os dois de serem uns traidores e ainda dá um estalo no marido. Hipócrita, Raul afirma que não tem significado nenhum mas Miranda não quer ouvir mais nada e sai.

nas redes

pesquisar