SIC

Perfil

Veja aqui o último episódio

293º episódio - 21 de agosto (sexta-feira)

Pedro troca as amostras de ADN e engana Leonor!

Carlota lamenta que Tiago nunca mais tenha respondido às suas mensagens e conta a Leonor que quer ir falar com Pedro para que ele faça as pazes com Hugo. A mãe disfarça o constrangimento, por saber que Pedro pode ser o irmão gémeo que ela tanto quer encontrar.

Pedro entra na Lataria e fica perturbado ao ver alguns miúdos que envergam as t-shirts com a cara do suposto gémeo de Carlota. Quando se prepara para ir embora, Messias detém-no. Vitória tenta perceber o que se passa com ele e com a mãe para andarem aos segredinhos mas Pedro assegura que está tudo bem e que Idalina não está doente, como pensam.

Quando chega a casa, Pedro é confrontado pelo pai com as desconfianças que Leonor tem sobre o seu nascimento e que ele tem de fazer um teste de ADN para provar de vez que não é o filho gémeo que ela procura. Idalina quase sucumbe ao ouvir o marido mas Pedro, hesitante e nervoso depois de ver a aflição em que a mãe está, diz que aceita fazer o teste. Idalina fica ainda pior, tal como uma condenada à morte. Pedro aceita fazer o teste de ADN e João telefona a Leonor para a informar. Enquanto o pai está a conversar com a mergulhadora, Idalina, desesperada, diz a Pedro que está na altura de contarem a verdade. Ele pede-lhe que não diga nada e sai apressado de casa. João termina o telefonema e tenta ser carinhoso para Idalina, que continua muito atormentada, depois de o marido dizer que Leonor vai passar pela farmácia para comprar o kit com que vão recolher a saliva de Pedro,

Beatriz desabafa com Catarina e confessa que não está a ser fácil a convivência com André, pois enerva-se por ele tentar ajudá-la sempre em tudo o que ela tem de fazer, ao contrário de Gustavo que não a vê como uma coitadinha. Catarina tenta dar outra perspetiva à amiga e afirma que André também precisa de tempo para se adaptar à deficiência que ela carrega. Beatriz fica a pensar no assunto.

Por seu lado, André desabafa com Nuno, magoado pelas atitudes prepotentes e desesperadas de Beatriz, que se revela emocionalmente instável, sem conseguir conviver com a nova vida que o facto de não poder andar lhe impõe. Nuno muda de assunto e conta que está a pensar abrir um novo centro de mergulho nos Açores e que está a pensar deixar a Leonor a gestão do centro em Setúbal. André apoia a ideia do amigo.

Gonçalo pede desculpa a Kika por tê-la convencido a escutar a sua conversa com Patrícia, argumentando que foi a única maneira que encontrou para que ela percebesse quem a mãe é. Kika reafirma que está farta de os aturar e que quer ir viver com a avó. Para se reaproximar da filha, Gonçalo promete que lhe vai fazer a vontade, conversando com Amélia para combinar como lhe pode restituir a quota da fábrica que lhe extorquiu. Entretanto, a conversa é interrompida por Pedro que pede se pode passar por ali para a casa de Daniel, a pretexto de falar com Messias. Kika estranha a situação mas dá passagem ao amigo, que entra nervoso no pátio de acesso à casa dos Lopes, depois de ter cumprimentado Gonçalo, o seu verdadeiro pai.

Pedro encontra Messias a dormir e apressa-se a recolher um pouco de saliva do irmão, assustando-se quando ele se mexe, parecendo que vai acordar. Pedro acaba por conseguir os seus intentos, a tempo de os esconder de Hugo que entra em casa e fica surpreendido por o ver ali. Pedro aproveita o encontro para pedir desculpa ao amigo por ter duvidado da inocência de Daniel. Hugo acaba por aceitar as desculpas e faz as pazes com o amigo.

Na Lataria, Joni e Vitória pedem desculpa a Daniel por terem acreditado que ele tinha atacado Elsa, quando na realidade a rapariga mentiu. Daniel aceita perdoar-lhes e fica desperto para a conversa que Rute está a ter com o comandante Magalhães, julgando que se trata de mais um devaneio amoroso da irmã. No entanto, Rute está a pedir a Magalhães que arranje forma de Messias visitar um submarino da marinha, pois sabe ser um dos sonhos do namorado. Daniel fica escandalizado com o facto de Magalhães namorar Eva e estar a conquistar a irmã. Vitória conta que Eva e Magalhães já não namoram, provocando um sorriso de esperança em Daniel, um sorriso que ele tenta disfarçar.

Cremilde chega extenuada a casa, resmungando porque Bento deixou acabar a gasolina da mota e a forçou a empurrá-la até à bomba. Ele desvaloriza o incidente e propõe que façam o piquenique ali mesmo, na sala. Cremilde diz que só quer descansar e Bento vai embora desiludido. Kika dispara com gosto que a avó gosta muito de senhor Bento e ela mal disfarça um sorriso, pois sabe que é verdade. Adelaide não descansa enquanto não vê Bento sair de casa.

Leonor entrega a Pedro o kit para que ele recolha uma amostra de saliva para o teste de ADN, perante o olhar desesperado de Idalina. João assiste ao processo, espantado com a sua simplicidade. Pedro diz que vai para o seu quarto, deixando os adultos à conversa. Nisto, o bebé de Vitória começa a chorar e Pedro diz a Idalina para pedir a Leonor e ao pai que vão buscar o menino ao berço. Assim que a sala fica deserta, Pedro troca rapidamente a amostra de saliva que recolheu de si próprio, pela amostra que recolheu de Messias em casa de Hugo. Leonor regressa à sala com João Henrique ao colo, perante o olhar embevecido de João.

Sara conta a Laurinda que Filipe tem um problema que impede que tenham filhos, pedindo-lhe ajuda financeira para que ele possa tratar-se no setor privado. A sogra aceita de imediato, comprometendo-se a não contar ao filho que sabe o que ele tem.

Sílvia festeja quando recebe a notícia de que ficou com o emprego a que se candidatou, embora apreensiva porque vai ter de deixar o trabalho na fábrica, pois está a trocar o certo pelo incerto. Daniel abraça-a e encoraja-a a olhar o futuro com outra confiança. Messias prepara-se para ir para o mar e Daniel insinua que Rute pode estar a traí-lo de novo, pois viu-a a falar com grande intimidade com o comandante Magalhães na Lataria. O pescador fica desconfiado mas Rute mostra-se indignada e justifica que só esteve a saber o que é que Hugo tem de fazer se quiser mesmo ir para a Marinha. Depois de chamar à atenção do irmão por estar a falar do que não sabe, beija o namorado, que não fica convencido com o que ela diz.

Júlia desabafa com Nuno a mágoa que sente por Daniel não lhe perdoar por ter acreditado nas mentiras de Elsa. A filha escuta a conversa e sente-se culpada por ter estragado a vida de Daniel e por ter perdido a confiança da mãe. Nuno abraça Júlia, que começa a chorar. Elsa, sem que dêem pela sua presença, refugia-se no quarto.

Bento conta a Joni as desventuras do piquenique que acabou por não conseguir fazer com Cremilde, mas convencido de que o facto de a moto ter ficado sem gasolina até proporcionou um passeio diferente, embora a pé. Joni, por seu lado, confidencia ao seu empregado que a noite íntima com Tina e Aurora correu mal e Bento aconselha-o a arranjar uma namorada para ver se não perdeu qualidades.

nas redes

pesquisar