SIC

Perfil

Veja aqui o último episódio

290º episódio - 18 de agosto (terça-feira)

Leonor desconfia que Pedro possa ser o seu filho!

Jose Pinto Ribeiro

Aurora serve a Joni uma bebida com droga no quarto do hotel em que combinaram encontrar-se e tenta entretê-lo com um striptease prolongado, justificando que Tina está um pouco atrasada.

Messias está preocupado com Idalina e decide ir visitar a mãe. Rute fica desapontada por não conseguir arrastá-lo para o quarto antes disso e pede ajuda a Hugo para levar o namorado a um submarino, depois de ele dizer que gostava muito de estar com ela num.

Idalina fica perturbada ao ouvir João insistir com Leonor para que não desista de procurar o filho e procura distrair as atenções. Messias deita aquele plano por terra pois aparece a dizer que ela tem de ir ao médico por ter desmaiado no trabalho. João não gosta de ter sido ignorado pela mulher e repete que a quer ver numa consulta.

Gonçalo vai a casa de Cremilde com a intenção de levar Kika consigo e fica a saber que Patrícia já mostrou um vídeo em que ele aparece a agredi-la com um murro. Kika ouve a história contada por Cremilde e Adelaide e fica furiosa com o pai. Ele ataca a sogra, dizendo que ela se vende por pouco ao aceitar ir viver numa casa oferecida pela filha que tanto mal tem feito. A acusação produz ainda mais revolta em Kika que grita para que ele se vá embora.

Tina e Aurora humilham Joni, que não consegue consumar a escaldante noite de amor que tinha imaginado com elas, porque foi drogado pela vendedora de legumes. Depois de o expulsarem do quarto do hotel, divertem-se com a partida que lhe pregaram.

Patrícia encontra-se com o doutor Pinto no hotel e ele esforça-se para que ela aceite transferir o dinheiro que roubou a Frederico, dizendo que está a ser investigada pelas autoridades, Patrícia não cede com facilidade e reafirma que a sua prioridade é tratar de ganhar a guarda da filha a Gonçalo. Entretanto, André e Diogo dirigem-se ao bar, fazendo com que Patrícia se distraia para ir ter com eles. O advogado aproveita para ler um email que ela acabou de receber. Patrícia ameaça André com um processo, se voltar a interferir na empresa, irritada com o facto de ele ter informado os clientes árabes que deixou de lá trabalhar. Como ele praticamente a ignora, Patrícia vai embora furiosa. Já Diogo, fica entusiasmado porque André o requisita para falarem de trabalho.

Beatriz desabafa com Gustavo, queixando-se de que André, com a vontade que tem de a apoiar, só a faz sentir pior, como uma deficiente. O fisioterapeuta encoraja-a a dar o melhor de si e vai ficando cada vez mais próximo dela.

Leonor fica estarrecida de surpresa quando, em conversa com Cremilde, ela lhe confirma que Idalina teve de ser internada com Pedro quando o miúdo nasceu, pois sofreu no parto uma grande hemorragia.

Leonor fica intrigada ao perceber do relato que Cremilde lhe faz, que Idalina mentiu quando disse que Pedro tinha nascido em casa e que tinha corrido tudo bem. Cremilde afiança que Idalina sofreu uma hemorragia muito grave e que ela e o filho tiveram de ser internados por alguns dias. Leonor esforça-se por disfarçar a desconfiança que lhe assalta o espírito.

Kika conversa com Carlota e elogia a atitude de Amélia por ter ido agradecer a Leonor por ter intercedido por ela. Carlota assume que ainda não perdoou à mãe adotiva tudo o que ela fez de errado, mas reconhece que iria ficar triste se ela fosse embora, pois sabe que se ela matou o avô, foi porque o tio Gonçalo a levou ao limite, ao chantageá-la para ficar com a sua parte na empresa. Kika promete falar com o pai para o convencer a devolver o que tirou a Amélia.

Adelaide pergunta a Cremilde por Tina e ao saber que ela ainda não voltou e se foi divertir com Aurora, fica alerta à espera da neta.

Diogo aceita radiante o convite de André para ser seu sócio na empresa que pretende criar. Os amigos bebem para comemorar mas Diogo tem uma crise glicémica e quase desmaia. André percebe o que se está a passar e socorre Diogo.

Mateus vai a casa para ir buscar alguns pertences de que necessita e é mal-educado com a mãe, acusando Laurinda de ter ido fazer queixinhas ao pai e criticando toda a família por nunca o apoiar. Filipe, Eva e Madalena avisam que não lhe vão permitir que fale mal com a mãe e ele, furioso, garante que tão cedo não o vão ver e que, não tarda, será o dono da empresa de Patrícia.

Adelaide ouve a música de Rogério e disfarça quando Cremilde aparece. Resmunga porque Tina ainda não voltou para casa e trata de dizer que Aurora é péssima companhia para ela. Cremilde desvaloriza o assunto e defende que a filha precisa de se divertir. Tina aparece entretanto e perante as desconfianças da avó, afiança que gosta muito de homens e conta que esteve com a amiga no Hotel Salinas a dar uma lição a Joni. Adelaide benze-se e diz que vai rezar. Cremilde conta a Tina que apanhou Adelaide a ouvir a música que Rogério fez inspirado nela e a neta acha que ela está cheia de saudades do filho.

Pedro regressa a casa muito abatido e Idalina fica também deprimida ao perceber que ele, para além de querer desistir da vela para não estar perto de Carlota nem de Leonor, também indicia querer afastar-se dos amigos. Vitória interrompe a conversa e fica desconfiada por pressentir que algo de estranho se passa com a mãe e o irmão.

Leonor ralha com Diogo por se ter esquecido de comer, sofrendo uma crise que podia ter acabado mal, não fosse André estar a seu lado para o socorrer. O irmão desvaloriza o incidente e vai deitar-se. Leonor agradece a André por ter valido a Diogo e também por tê-lo convidado para sócio da empresa que vai criar. André confessa que Diogo é um excelente profissional e um bom amigo. A conversa torna-se desconfortável quando Leonor pergunta por Beatriz e André tem de falar do assunto como se fosse normal estar com ela.

nas redes

pesquisar