SIC

Perfil

Veja aqui o último episódio

235º episódio – 15 de junho (segunda-feira)

Messias é apanhado numa operação anti-tráfico de droga!

Magalhães inicia um curso de cadetes da marinha e leva-os para um batismo a bordo de um submarino.

Eva irrita-se quando chega à Lataria com Daniel e percebe que Mateus ainda não está a tomar conta do negócio, adivinhando que Vitória se vai arrepender por ter confiado nele. Daniel aproveita a proximidade para perguntar a Eva como está a sua cruzada para engravidar. Ela reconhece que está mais virada para se focar na carreira. Daniel vê entretanto que Elsa entrou no bar e vai perguntar-lhe qual foi a ideia de o convidar para almoçar sem a presença de Júlia. A miúda desculpa-se e diz que trocou as folgas da mãe. No entanto, fica irritada quando Daniel lhe faz ver que ela é muito nova e que deve ter outros programas para fazer.

Henrique mostra o seu desagrado a Filipe, porque Mateus está atrasado para ir trabalhar na Lataria.

Sara, aparece em casa dos sogros e Filipe consegue convidá-la para almoçar, mesmo sob a ameaça do pedido de divórcio.

Beatriz espera que Patrícia saia da hAPPy e propõe a André que lhe passe uma procuração para forçar Gonçalo a aceitar as suas propostas de exportação das Conservas do Sado. André nega e responde que quer estar a par de todos os negócios. Entretanto, sem que dessem conta, Patrícia ouve a conversa toda e disfarça assim que a sua presença é detetada.

 

Rute tenta vender a Gonçalo a ideia de que Hugo é o filho que teve com Leonor, deixando o empresário em choque, depois de lhe contar que até já aguarda por um teste de ADN.

Sílvia e Idalina desfazem de Rute, comentando que ela pouco ou nada trabalha. Ela, vinda do gabinete de Gonçalo, defende-se dando a entender que foi resolver com o patrão o problema por ter horas a menos. Sílvia mostra-se inquieta para saber o que ela está a tramar.

Messias ajuda Marafona, um colega pescador, cujo barco ficou sem motor no mar.

Joni sente o desespero de Bento para deixar a mulher e decide enfrentá-la, dizendo que é amigo do peixeiro, para além de seu patrão e que quer que ela lhe dê o divórcio. Maria mostra-se renitente e manda-o arrumar o quarto, sob pena de o referenciar. Joni encolhe-se e Bento aguenta.

Tina e Cremilde ficam em estado de choque quando Rogério lhes conta que o seu pai é o padre Agostinho. Adelaide bate no filho a dizer que é mentira e que ele está com febre. Cremilde diz que vai tirar tudo a limpo.

Patrícia falsifica uma procuração com a assinatura de André.

Messias é apanhado numa operação anti-tráfico de droga, enganado pelo amigo Marafona, a quem decidiu ajudar, pensando que ele estava com falta de gasóleo no barco. Eva faz a apreensão da carga e fica irritada ao ver que no submarino da marinha que colaborou na operação, está o comandante Magalhães.

Leonor procura Daniel e agradece-lhe por estar a ajudar a descobrir se Hugo é seu filho, apesar de lhe custar poder vir a perder o irmão.

Patrícia invade o gabinete de Gonçalo e deixa-lhe, numa pilha de documentos, a procuração que falsificou em nome de André. Gonçalo entra no gabinete e surpreende-a ali. Patrícia mente e diz que foi à procura dele para reivindicar mais tempo para passar com a filha, agora que Antónia deverá ser presa por ter confessado a morte do marido. Gonçalo diz que se a mãe for presa, será ele a ficar com a guarda de Kika. Patrícia não alimenta a discussão, pois já conseguiu o que queria.

Amélia conversa com Martim. Está de novo perturbada e até pensa em matar-se, só para evitar que Antónia assuma por si o crime de ter matado Frederico. Quando Martim revela que foi Leonor a contar a Carlota que Antónia assumiu o crime, Amélia fica irritada.

 

Gonçalo confronta André com a procuração que ele assinou em favor de Beatriz para as tomadas de decisão na fábrica. O irmão confessa que nunca viu tal documento e quando Beatriz entra no gabinete pergunta-lhe o que significa aquele papel. Ela fica tão surpreendida quanto o namorado e Gonçalo desconfiado com o que se está a passar.

Beatriz entra em rutura com André, depois de ele a confrontar com a falsificação de um procuração em seu nome, confiando-lhe os seus votos nas decisões da empresa. Beatriz abandona a reunião na fábrica a dizer que André foi uma enorme desilusão, enquanto Gonçalo ataca o irmão ao dizer que ele foi enganado pela namorada. André ameaça ajustar contas com ele, se descobrir que falsificou a sua assinatura.

Patrícia finge-se solidária com Antónia mas depois vai virar Kika contra a avó, na tentativa de que ela prefira passar mais tempo consigo. No entanto, acaba por ficar triste quando a filha assume que prefere viver no bairro dos pescadores com a avó Cremilde.

Cremilde obriga Agostinho a contar na presença de Rogério e Tina como se envolveu com Adelaide. Esta cora de vergonha e pede ajuda a Deus. Rogério renega os pais e Tina troça dos moralismos da avó, depois de ter pecado tanto.

O pânico instala-se em casa do mestre João quando ele recebe uma chamada de Messias a pedir ajuda porque a polícia o deteve por tráfico de droga. Pedro sai com o pai a caminho da esquadra, enquanto Idalina e Vitória não conseguem disfarçar a preocupação.

Rute começa a mimar Hugo de forma exagerada e até o miúdo nota o excesso de carinho que ela lhe dispensa. Daniel critica a irmã e desconfia que ela tem algum truque na manga. Rute finge-se ofendida.

nas redes

pesquisar