SIC

Perfil

Veja aqui o último episódio

225º episódio – 3 de junho (quarta-feira)

Magalhães pode ilibar Gonçalo da acusação pela morte de Frederico!

Christian Gnad

Filipe não aguenta mais a culpa de ter traído Sara e quando ela lhe rasga o sorriso e conta que o médico garantiu que pode engravidar sem problemas, decide confessar que a traiu com Rute, numa noite em que bebeu demais. Sara fica em choque e garante a Filipe que o casamento acabou. Henrique vê a nora passar por ele a chorar e fica atónito quando o filho explica que acabou de confessar à mulher que a traiu.

No mercado, Bento tenta ganhar o perdão de Cremilde mas arrisca que ela o corte com a faca do peixe. Joni troça de Tina e diz que ela só namorou com Messias para lhe fazer ciúmes. Bento lembra que foi exatamente isso que ele fez quando namorou com Clara. Eva aparece nesse instante. Chega furiosa e pergunta ao tio se está outra vez metido no jogo do peixe. Ele mente e alega em sua defesa que nem computador tem. Eva promete investigar e castigá-lo se lhe estiver a mentir. Joni sussurra ao ouvido de Bento que já o tinha avisado que iria ter problemas.

Sebastião continua a sentir dificuldades em adaptar-se à juventude e jovialidade de Madalena mas ela, muito paciente, faz-lhe notar que não podem continuar a discutir todos os dias e tenta convencê-lo a abrir-se ao mundo.

Carlota fica desagradada ao chegar ao hotel para a aula de vela com Kika deparando-se com Gonçalo. Kika justifica que não lhe disse nada, pois já esperava aquela reação. As duas seguem para o centro de mergulho e Gonçalo desabafa com Leonor a desilusão por continuar a ser maltratado pela filha, que sempre tratou como sobrinha. Leonor afirma não acreditar que alguma vez Carlota lhe perdoe e conta que pediu a Diogo para ir recolher uma amostra de ADN de Durval, para a compararem com as ossadas do bebé que julgam pertencerem ao irmão gémeo de Carlota. Gonçalo revela entretanto que foi formalmente acusado pela morte do pai e Leonor deseja apenas que ele esteja mesmo inocente, esquivando-se a falar mais do assunto.

Diogo apresenta-se em casa de Durval como técnico de televisão e informática e consegue recolher as amostras de ADN contidas nos lenços em que o homem se assuou.

Gonçalo encontra Magalhães no centro de mergulho, à conversa com Nuno e o oficial da marinha confessa que sempre foi seu fã, no tempo em que ele foi piloto de motas na alta competição. Palavra puxa palavra, Magalhães diz-lhe que apesar de saber que ele conduz bem, não o aconselha a conduzir sem capacete, pois ainda há poucos dias esteve quase a atropelar um colega dele. O rosto de Gonçalo ilumina-se, ao perceber que o facto ocorreu no dia em que Frederico morreu e que Magalhães é o alibi de que precisava para deixar de ser julgado pela morte do pai.

Gonçalo confirma com Magalhães que ele o viu a passear de moto na noite em que Frederico morreu. O amigo de Nuno dispõe-se a depor em tribunal a favor de Gonçalo, ilibando-o da morte do pai.

Carlota vai comprar águas ao bar do hotel, enquanto faz tempo para se juntar a Kika na aula de vela. Patrícia aproveita para tentar virar a sobrinha contra Leonor e Martim, questionando as razões que os levaram a desistir do casamento. Carlota insiste que não quer falar com ela mas Patrícia ainda tem tempo de espalhar veneno e insinuar que Leonor e André ainda estão apaixonados. Leonor chega entretanto e avisa Patrícia de que é melhor deixar a sua filha em paz. Patrícia esboça um sorriso maldoso enquanto Leonor vira costas e segue com Carlota até ao centro de mergulho.

Quando lá chega, a mergulhadora recebe uma mensagem de Diogo a dizer que conseguiu as amostras de ADN de Durval e fica animada com o facto de ser agora possível compará-las às das ossadas do bebé que julga poderem ser o seu filho. Júlia fica contente pela a amiga e conta-lhe que Daniel tem sido uma ajuda muito importante para lidar com a rebeldia de Elsa, considerando até a possibilidade de comprar uma lembrança ao amigo. Gonçalo aparece entretanto à procura de Magalhães e conta a Leonor que o amigo de Nuno pode livrá-lo das acusações de ter assassinado o pai, pois está disposto a testemunhar que o viu a passear de mota, sem capacete, na noite em que Frederico foi atropelado. Leonor deseja que isso baste para provar a sua inocência e conta a Gonçalo que já podem comparar as ossadas do bebé que julgam ser do seu filho, com o ADN de Durval, pois Diogo conseguiu em casa do homem as amostras de que precisavam. Gonçalo entusiasma Leonor e desafia-a para levarem as amostras a um amigo dele, que vai analisá-las imediatamente, pois deve-lhe inúmeros favores.

 

Sara deixa a casa dos Pelicano, apesar de Laurinda tentar que ela perdoe a Filipe por a ter traído. Filipe não contém as lágrimas e tenta deter a mulher. Ela mantém a sua decisão e afirma com segurança que vai para Almeirim, reflectir sobre o que vai fazer da sua vida, declarando-se incapaz de continuar a viver com ele. Filipe culpa Rute por esta o ter seduzido a ponto de ele trair a mulher. Laurinda não poupa o filho e afirma sem dúvidas que a culpa é dele.

Rute vai a casa de Vitória oferecer o seu presente de nascimento a João Henrique. Idalina e Vitória tentam disfarçar o espanto pelo comportamento de Rute, começando a pensar que ela mudou. Messias é que não resiste aos encantos da sua paixão e convida-a para beber um café na Lataria. Idalina, insegura, desconfia de que o filho está a ter uma recaída.

Sílvia pede desculpas a Diogo por tê-lo tratado mal e convida-o para jantar. Ele brinca com a situação mas diz que aceita o convite, desde que ela controle o mau feitio.

Eva conversa com Daniel na Lataria e desconfia que Mateus pode ser o cabecilha da ideia de reativar o jogo do peixe, agora na internet. Daniel fica perplexo com a ideia de Hugo também andar a apostar e aceita ir com Eva falar com ele. Já Cremilde. Que aparece para comprar conservas, pergunta quando é que eles prendem o intrujão do Bento.

Rute está prestes a enganar Messias outra vez, para se aproveitar dele. No entanto, os seus planos saem furados, porque Filipe invade a Lataria e grita alto e bom som que ela o seduziu, levou para a cama por dinheiro, o chantageou e levou ao fim do seu casamento com Sara. Daniel está envergonhado, enquanto a irmã tenta negar as evidências, mas sem que ninguém acredite em si. Messias fica em estado de choque e expulsa-a do bar, depois de lhe atirar para cima todo o dinheiro que pagou em multas de cada vez que pronunciou o seu nome.

Tina e Joni estão quase a beijar-se em casa dela quando Cremilde aparece e os devolve à organização do concurso de talentos do bairro. Tina diz à mãe que a inscreveu, mas ela confessa que não está motivada para participar.

 

Leonor conta a Carlota que Diogo a ajudou a ter acesso a uma amostra de ADN do pai do bebé que morreu no acidente e que, quando tiverem o resultado do teste de ADN, vão provar que as ossadas que estão na campa irmão dela, pertencem ao filho de Durval e não ao seu gémeo que, provavelmente, está enterrado na campa do filho dele. Carlota prefere deixar o assunto para mais tarde e confronta a mãe com o facto de ter marcado casamento com o seu pai, só para lhe agradar e dar uma família normal, apesar de o seu coração continuar a pertencer a André. Leonor fica encurralada, mas liberta-se ao revelar que André já tem namorada nova e garantindo que não vão reatar a relação que tiveram.

Patrícia surpreende André e apresenta-lhe dois contratos que recuperou de clientes que ele havia perdido, mostrando grande capacidade e empenho para o ajudar a recuperar a empresa, repetindo que fez um investimento e que não pretende perder dinheiro.

Carlota desabafa com Tiago o facto de ter percebido, em conversa com Leonor, que ela só ia casar com o pai para a fazer feliz, desconfiando que a mãe nunca esqueceu o tio André. Já Tiago, recebe uma mensagem de Catarina e queixa-se de que a mãe anda a controlá-lo desde que descobriu que ele andava a apostar no jogo do peixe, confessando que não sabe como é que agora vai arranjar dinheiro para investir no negócio das t-shirts.

Daniel e Eva pressionam Hugo e ele acaba por confessar que apostou no jogo do peixe usando o BI de Rute e que foi Mateus quem o incentivou a jogar. Eva conclui que o irmão é o cabecilha do jogo ilegal e promete agir em conformidade. Rute aparece fora de tempo e Daniel dá-lhe um valente sermão por ela ter andado a dormir com Filipe, um homem casado a quem estragou o casamento. Como sempre, Rute finge ser uma beata e tenta transformar a sua culpa em inocência.

Adelaide insiste com Rogério para que arranje uma mulher e case mas ele recusa a sugestão da mãe para se unir a uma antiga amiga de Évora por ela ser muito feia. Rute aparece nesse instante e tenta convencer Adelaide de que foi enganada e cedeu à tentação. Adelaide corta-lhe as vazas e confessa que já sabe que ela se envolveu com Filipe, pois escutou a conversa que tiveram atrás da porta. Adelaide tem então a ideia de a juntar com Rogério, mas apesar de o filho gostar da ideia, Rute mostra-se absolutamente contra, para desespero da Beata.

Bento regressa de Évora e conta a Joni que o seu reencontro com Maria foi um desastre, pois a ex-mulher só aceita dar-lhe o divórcio se ele pagar os 30 mil euros que lhe deve. Acusando Adelaide por o ter denunciado a Cremilde, Bento pede a Joni um bilhete para se inscrever no concurso de talentos do bairro, planeando vingar-se de Adelaide.

 

Magalhães oferece-se a Nuno para ser instrutor no centro de mergulho e conta que vai testemunhar a favor de Gonçalo, que está a ser injustamente acusado pela morte do pai. Nuno avisa o amigo de que Gonçalo não é de confiança mas Magalhães reafirma que nunca deixará um inocente ir preso. Entretanto, o oficial da marinha tenta perceber a relação que Nuno teve com Eva, revelando interesse pela agente da Polícia Marítima.


nas redes

pesquisar