SIC

Perfil

Veja aqui o último episódio

223º episódio – 1 de junho (segunda-feira)

Patrícia agride Leonor!

André conta a Antónia que namora com Beatriz e a mãe fica desiludida, dizendo que não pode apoiar a sua relação com uma inimiga da família.

Amélia procura Martim para lhe desejar felicidades no casamento com Leonor e fica surpreendida e satisfeita quando ele conta que desistiu do casamento.

Patrícia ameaça Leonor no centro de mergulho, proibindo-a de se dar com Kika. A mergulhadora reage com raiva e diz que ela merece o desprezo da filha e da mãe, desejando que ela acabe sozinha. Patrícia perde a cabeça e tenta agredir Leonor mas Nuno evita o pior.

Sílvia telefona a Diogo e convida-o para ir ao cinema. Ele recusa e justifica que está muito ocupado a ajudar na procura do filho que ela perdeu. Sílvia fica zangada mas reconhece que a culpa por ter sido rejeitada é sua. Rute percebe o mau humor da irmã e provoca-a. Júlia bate-lhes à porta e vai pedir ajuda a Daniel para que convença Elsa a aceitar o castigo de trabalhar na Lataria depois das aulas.

Rute diz que vai à missa mas dirige-se a casa dos Pelicano e, fingindo-se muito triste, diz a Laurinda que Filipe a seduziu e que agora não quer saber de si, jurando que ele lhe mentiu quando disse que se estava a separar. Laurinda fica desconfiada da história mas promete ter uma conversa com o filho. Rute aproveita para insinuar que quer ser compensada pelo desgosto.

Daniel conversa com Elsa e consegue convencê-la a aceitar o castigo que Júlia lhe impôs, argumentando que dessa forma pode recuperar a confiança da mãe e ganhar o seu próprio dinheiro.

Eva pede desculpa a Sara por se ter descaído com Filipe, que desconhecia que ela tinha feito um aborto. A cunhada desculpabiliza-a e responde que o marido é que não tinha nada que ter falado com Laurinda. Eva desabafa com Sara e conta que convidou Nuno para ser o pai do seu filho sem qualquer compromisso, mas que ele achou que ela tinha bebido demais e que lhe chamou um táxi, escandalizado com a proposta.

Laurinda dá um sermão a Filipe por ter traído Sara com Rute e aconselha-o a resolver o problema que criou, sob pena de perder a mulher.

 

Patrícia procura Kika em casa dos Queiroz e perante mais uma recusa da filha em aceitá-la, mente e diz que foi violada pelo avô Frederico e que foi por isso que engravidou. Kika não acredita e continua a rejeitá-la. Patrícia atira-se entretanto para os braços de André que acaba de chegar e chora, dizendo que perdeu a filha para sempre e que Gonçalo e Leonor conseguiram envenená-la contra si. André manda-a embora, dizendo que não acredita nela. Patrícia fica arrasada e diz que ele ainda vai mudar a opinião que tem dela.

Leonor fica frustrada por Diogo não conseguir descobrir mais sobre o seu filho desaparecido mas garante a Carlota que não vai desistir de descobrir o que aconteceu ao corpo do irmão. Quando fica a sós com Diogo, Leonor não esconde a mágoa por ter ficado a saber que André namora com Beatriz.

Amélia conta esperançada a André que Martim desistiu de casar com Leonor mas o irmão aconselha-a a não alimentar expetativas de reconciliação com o ex-marido. Ela, por seu lado, defende que ele tem agora mais uma oportunidade de reconquistar Leonor mas André resigna-se e diz que decidiu seguir a sua vida com Beatriz a seu lado.

Júlia sugere a Leonor que peça ajuda a Daniel para localizar o corpo do filho que pode ter sido trocado na morgue com o de outro bebé que morreu num acidente de automóvel.

André e Diogo ficam perplexos quando Patrícia entra pela hAPPy e revela que é a nova sócia da empresa.

André fica furioso ao perceber que foi enganado por Patrícia e rejeita ser seu sócio, preferindo fechar a empresa. Ela faz-lhe ver que não tem outra saída e se persistir na recusa, terá de pagar uma choruda indemnização. Patrícia dispõe-se a falar de novo do assunto quando ele estiver mais calmo e vai embora confiante. André fica a digerir com Diogo a raiva que sente.

 

Leonor explica a Daniel que o corpo do filho que Gonçalo fez desaparecer pode ter sido trocado na morgue com outro e pede ajuda ao amigo para tentar localizar o pai da outra criança, pois julga que as ossadas do seu bebé podem estar enterradas noutro cemitério, que não aquele onde o procuraram. Daniel promete fazer o que puder junto dos amigos que tem na polícia.

Beatriz faz sugestões de negócios a Gonçalo para aproveitarem da melhor forma a sociedade que têm nas Conservas do Sado mas ele prefere hostilizá-la, acusando-a de namorar com André só para manipular o irmão. Beatriz não se intimida e mostra-se confiante em que Gonçalo acolha as suas propostas.

Martim pergunta a Madalena se Sebastião está muito zangado com ele por lhe ter dado de novo emprego no hotel. Ela mostra-se convencida de que o amuo do namorado vai passar. Martim dá instruções a Madalena de como receber um cliente de um fundo de investimento que alugou uma suite do hotel por um ano e conta que está à espera que Sílvia chegue para iniciar o estágio. Ela atesta que a amiga é muito competente e empenhada.

Vitória fica sensibilizada ao ver o carinho que Mateus revela a cuidar do filho e com o facto de lhe ter comprado na farmácia produtos que facilitam a amamentação. João chega entretanto e o clima de harmonia quebra-se porque Mateus insiste em dizer que não quer que os seus pais estejam com o neto, já que não o apoiaram quando ele precisou. O mestre repete que em sua casa entra quem ele quer e lembra a Mateus que fez muitos disparates e que foi por isso que os pais o afastaram.

Sílvia agradece a Idalina a ajuda que lhe deu para arranjar o estágio no hotel e ambas ficam espantadas quando Rute aceita ajudar a irmã, quando ela não puder cumprir as suas obrigações domésticas por ter dois empregos.

Filipe oferece-se para ir ao médico com Sara e pede desculpa por ter reagido mal ao saber que ela tinha feito um aborto quando ainda não se conheciam. Sara diz que não é com um simples pedido de desculpas que vai esquecer as coisas horríveis que ele lhe disse e sai para a consulta sozinha.

 

Joni tenta combinar com Tina as próximas iniciativas culturais da associação mas ela está mais interessada em provocá-lo por ter terminado a sua relação com Clara. Bento persegue Cremilde com um ramo de rosas que ela lhe arranca das mãos, batendo-lhe com elas, recusando perdoá-lo por ter escondido que ainda é casado. Tina e Joni aconselham-no a ir tratar do divórcio e Bento recusa conselhos de duas pessoas que estão sozinhas. Joni fica surpreendido e corre atrás de Bento para que ele lhe explique o que acabou de dizer.

Patrícia vai pedir a Antónia que convença André a aceitá-la como sócia maioritária da empresa mas ela não está pelos ajustes e deixa claro que essa é uma decisão que só o filho pode tomar. Patrícia fica irritada e diz que vai falar com Amélia. Antes que possa sair, Antónia insiste em saber porque é que Kika se zangou com ela mas Patrícia diz que já está saturada de que desconfiem dela.

Na estufa, manipula Amélia e acusa Leonor e Gonçalo de estarem a virar a filha contra si, mostrando-se muito triste por Kika nem sequer a querer ver. Amélia menciona entretanto que Martim e Leonor desistiram de casar e não esconde a sua satisfação por isso. Patrícia fica interessada e dá esperanças a Amélia de que pode recuperar o marido.

nas redes

pesquisar