SIC

Perfil

Veja aqui o último episódio

182º episódio – 14 de abril (terça-feira)

Antónia descobre que “Vicente” é um gigolô contratado por Gonçalo

(c).RuiCarlosMateus.1954

Em casa de Nuno, Tiago alegra-se com Catarina por ter levado Amélia ao hotel. Bento pede-lhes que lhe deem privacidade porque vai ter um jantar romântico lá em casa com Cremilde. Catarina e Tiago concordam em ir jantar fora.

Mateus, Laurinda e Henrique discutem porque Laurinda e Henrique querem obrigar Mateus a voltar a trabalhar com a mãe. Querem que seja responsável e estão muito desagradados com a entrevista que Mateus deu.

Cremilde e Bento jantam à luz das velas. Cremilde prova a comida gourmet sem grande entusiasmo e acha que é pouca comida. Bento acaba por pôr uma lasanha no forno para remediar a nouvelle cuisine e pede-lhe perdão por tudo o que fez de errado. Bento quer levar Cremilde numa excursão para poderem fazer amor e Cremilde sai porta fora incomodada com a conversa.

Sílvia fala com Daniel sobre a conversa que terão com André acerca do pedido de indemnização. Daniel está irredutível e conta à irmã que recebeu uma chamada do banco a alertar que Rute ultrapassou o plafond do cartão de crédito da família que só deveria ser utilizado em emergências. Sílvia quer expulsar Rute de casa.

Diogo confronta Maria Rita pelo envio de currículos. Esta diz-lhe que está a jogar pelo seguro. Diogo fica desiludido com a namorada e com peso na consciência por ter cometido um erro que causou a morte de uma pessoa e que está a prejudicar a empresa.

Leonor vai a casa de Cremilde e fica tensa ao ver Patrícia ali. Esta mostra-se arrependida por todo o mal que lhe fez e tenta redimir-se. Leonor manda-a calar e não acredita numa palavra. Patrícia tenta convencer Leonor a não testemunhar contra ela no processo relacionado com o rapto do Xavier mas Leonor garante-lhe que ela vai pagar por tudo o que fez.

Antónia chega a casa com Vicente e fica furiosa por Gonçalo a ter desautorizado e ter levado Kika à regata. Vicente sai para ir buscar gelo e o seu telefone toca. Antónia vê que é Gonçalo. Quando Vicente regressa, Antónia percebe que Vicente lhe mente em relação ao autor da chamada e fica desconfiada.

 

No mercado, Bento conta a Tina que Joni está a fazer desconto no peixe a quem votar nele. Bento desculpa-se a Cremilde e garante à sua menina pescadinha que não tem más intenções e que nunca lhe quis faltar ao respeito.

No bairro dos pescadores, Joni faz campanha com megafone e entrega panfletos a quem passa. Tenta convencer Vanda e Nucha dando-lhes desconto no peixe se votarem nele mas elas não se deixam convencer. Preferem Tina por ser do bairro.

André e Diogo vão falar com Sílvia e Daniel e André mostra vontade em resolver a situação rapidamente e propõe um valor para a indemnização. Diogo explica que o valor pedido pela tia dos dois irmãos é demasiado elevado e que, ao levarem o caso a tribunal, este pode levar anos a ser resolvido. Sílvia e Daniel prometem falar com a tia.

No centro de mergulho, Antónia procura Leonor para se certificar que o verdadeiro nome de Vicente é Alberto. Leonor garante-lhe que o mesmo homem fez um curso de mergulho com ela, há anos, no Dubai e que não tem dúvidas do nome. Antónia pede-lhe uma prova disso e Leonor pede ajuda a Miguel, no Dubai.

Antónia aproveita para mostrar a Leonor que está satisfeita com a decisão de Amélia. Sente-se esperançosa que a filha se consiga tratar. Leonor deseja o mesmo.

Leonor recebe um e-mail de Miguel e mostra a Antónia a ficha de Alberto Silveira com a fotografia de Vicente. Antónia fica em choque.

Leonor entrega a Antónia as provas de que Vicente é afinal um gigolô que se chama Alberto e ela vai-se embora, agradecida pela ajuda. Júlia estranha a presença de Antónia no centro de mergulho e Leonor adianta que esteve apenas a ajudá-la num assunto. A amiga muda de assunto e pergunta como é que Leonor se sente. Ela conta que já não tem enjoos e confessa que ainda não acredita que vai ser mãe de novo.

Carlota toma o pequeno-almoço com Martim e confessa que não está completamente certa de que Amélia permita que ela volte a dar-se com Leonor, apesar de ter prometido fazê-lo. O pai também lamenta ter apoiado a pretensão de Amélia em afastá-la da mãe biológica. Carlota conta que ela e Tiago já receberam as notificações do tribunal, para responderem pela falsificação de documentos que fizeram para casarem. Martim afirma que vão ter de assumir as responsabilidades do que fizeram e Carlota promete nunca mais fazer uma coisa daquelas.

Catarina convence Tiago a deixá-la ver os seus desenhos e fica espantada com a qualidade do trabalho do filho. Ele desvaloriza-se e diz que ela só está deslumbrada por ele ser seu filho. Catarina mantém que ele deve mostrar os desenhos a alguém entendido na matéria.

 

Para ganhar a presidência da associação cultural, Joni começa a fazer descontos na venda do peixe. Cremilde avisa a filha que assim vai perder as eleições e ela fica furiosa depois de Joni anunciar que, se vencer, fará descontos no ginásio. Tina decide agir e pede à mãe que tome conta da banca sem a sua ajuda, pois vai tratar de assuntos relacionados com a campanha.

Messias leva alguns livros de banda desenhada para promover as trocas que tinham combinado no âmbito da associação cultural, mas Madalena lembra que o projeto só vai para a frente se a lista de Tina ganhar. A amiga estranha quando Messias reconhece que nunca leu um livro que não fosse de banda desenhada e ela compromete-se a pô-lo a ler, quanto mais não seja para o ajudar a esquecer Rute.

Laurinda insiste com Mateus para que ele volte a trabalhar com ela na empresa de aquacultura mas o filho consegue convencê-la a dar-lhe tempo para conquistar um cliente informático importante, pedindo que não conte ao pai, pois está certo de vir a ter um grande sucesso. Laurinda fica apreensiva mas acaba por confiar nele.

Luís e Diogo concordam que só deixam de trabalhar com André se a empresa deixar de pagar os ordenados. Entretanto, Maria Rita conta a Diogo que pode vir a aceitar um convite para trabalhar no Porto e ele fica desiludido, deixando escapar que afinal ela não falou verdade quando disse que queria ter uma relação estável. Maria Rita corta a conversa e diz que ainda nada está assente, logo é prematuro falar do assunto.

 

Idalina queixa-se de que apesar de ter vendido o carro que tinha comprado a Rute, Messias continua apagar as muitas dívidas que ela contraiu por causa do casamento. Sílvia revela que a irmã também roubou o cartão de crédito da família e ainda não lhes pagou o que gastou, colocando em causa até a sua continuidade nos estudos. Idalina nem quer ouvir falar de tal coisa e oferece-se para pagar, com a ajuda de João, o curso em que ela se inscreveu.

Natália informa Gonçalo de que um jornalista pretende marcar uma entrevista para essa tarde, com ele ou com a mãe. Gonçalo trata logo de dizer que será ele o entrevistado e liga para Vicente a perguntar por Antónia. O cúmplice diz que Antónia combinou que se encontrava com ele na galeria de arte e Gonçalo pede-lhe que mantenha a mãe entretida para ele ficar à-vontade.

Entretanto, Antónia vasculha a vida de Vicente na internet, com a ajuda do boletim de inscrição que Leonor lhe facultou.

Frederico vai ter com Filipe e Henrique ao cais. O armador fica espantado quando ele diz que foi por eles convocado, desejando agora saber porquê. Filipe esclarece que foi quem o chamou para pedir ajuda, já que Gonçalo rescindiu o contrato de fornecimento que tinha com eles. Frederico esclarece que já está afastado da fábrica e que Gonçalo cometeu um erro grave ao preferir o fornecedor galego, uma vez que se trata de um vigarista. Os Pelicano agradecem a Frederico a preocupação, apesar de nada poder fazer. Henrique elogia a iniciativa do filho para tentar recuperar o cliente.

 

Joni fica em choque quando se apercebe que Tina sabotou a sua campanha para presidente da associação cultural, virando as mulheres contra ele, pois pensam que ele quer criar atividades exclusivas para homens. Tina ainda o irrita mais quando, depois de ele jurar que aquilo não fica assim, o convida para contarem os votos em conjunto.

Elsa e Pedro namoram no sofá e ela decide convidá-lo para irem acampar juntos, dando a entender que está pronta para se lhe entregar pela primeira vez. Pedro lembra à namorada que a mãe a pôs de castigo mas ela desvaloriza o problema e ele fica radiante e assume que gostava muito de estar com ela, beijando-a, apaixonado.


nas redes

pesquisar