SIC

Perfil

Veja aqui o último episódio

156º episódio – 18 de março (quarta-feira)

Lucas denuncia Patrícia como a cúmplice de Xavier!

(c).RuiCarlosMateus.1954

Carlota mostra a Kika a foto em que a mãe dela beija o avô, deixando-a em estado de choque. Kika fica tão abalada que desiste da aula de vela e pede a Carlota que lhe arrume o barco.

Amélia desabafa com Catarina, sem esconder a mágoa e raiva que sente por Martim ter anunciado que vai casar com Leonor. A amiga conforta-a e contraria a ideia que Amélia tem de que Martim e Leonor lhe vão tirar Carlota de vez.

Maria Rita convida Diogo para almoçar com ela e Luís mas ele recusa e fica irritado com a insistência dela, pois ainda não digeriu o facto de a secretária ter querido envolver-se com ele. Maria Rita deixa Diogo a sós com André e este revela que Leonor vai casar com Martim. Diogo é apanhado de surpresa e reconhece que a irmã não lhe disse nada.

Leonor mostra a Carlota o anel de noivado que Martim lhe deu e regista com agrado que a filha apoia o casamento. A conversa vai inevitavelmente parar ao caso entre Patrícia e Frederico, com Carlota a repudiar a relação da tia com o avô e a defender igualmente que Patrícia deve ser presa por ter ajudado Xavier a raptar Leonor. Esta abraça a filha e diz que ela foi a melhor coisa que lhe aconteceu.

Nuno sente que algo não está bem com Kika, que recusa fazer a aula de vela, dizendo que não está nos seus dias. No entanto, acaba por ficar mais descansado quando vê a miúda ligar à avó Cremilde para ir morar uma temporada com ela.

 

Bento pede a Joni para dormir no seu quarto por não ter onde ficar. O patrão repreende-o por ter andado a fingir que não conseguia andar e diz que só o deixa dormir na pedra do mercado com um oleado e é porque tem de chegar a horas para trabalhar. Bento desvia então a sua atenção para Cremilde, que lhe exibe as facas com que arranja o peixe. Ganhando coragem, o peixeiro ajoelha-se à frente dela, insistindo em que voltou a andar por causa de um milagre. Cremilde manda-o confessar-se na igreja e dá-lhe um banho com a mangueira com que Joni está a lavar o chão.

Adelaide fica muito constrangida na Lataria, pois Vitória, Aurora e Ágata comentam um rumor que circula de boca em boca, afiançando que o Casanova do Sado pode ser o padre Agostinho. A conversa torna-se ainda mais penosa quando Tina dispara que gostava de conhecer a mulher que levou Agostinho a querer deixar o sacerdócio. Vitória faz um esgar de dor e leva a mão à barriga. Tina repara mas a amiga desvaloriza a contração.

Júlia e Elsa regressam a casa, apostadas em refazerem a vida, agora que Xavier já não as pode aterrorizar mais.

Daniel e Eva fazem uma investida no porto e descobrem Lucas que estava escondido num barco. Com todas as precauções dão voz de prisão ao pescador, informando-o de que o vão levar para as instalações da Polícia Judiciária.

Bento vai à igreja confessar-se e avança para o confessionário, mas entra para o lugar que costuma ser ocupado pelo padre. Nisto, Adelaide entra para o outro compartimento e, pensando que está a falar com Agostinho, conta que o mulherio anda muito curioso para saber quem foi a mulher que desencaminhou o padre. Bento abre a boca de espanto quando Adelaide diz que não responderá por si se alguém souber que a tal mulher é ela. A beata estranha que Agostinho não diga nada, mas acaba por se ir embora.

 

Kika discute com Patrícia por ter descoberto o seu caso com o avô. A mãe ainda argumenta que a foto que ela viu não é mais do que uma montagem mas a miúda não acredita e revolta-se contra Frederico quando ele afiança que seria incapaz de se envolver com a mãe dela. Cremilde chega nesse momento para ir buscar Kika e Patrícia tem de resignar-se a ficar privada da filha. Frederico tenta consolá-la ensaiando um abraço mas ela rejeita-o.

Amélia fica revoltada com Antónia, porque a mãe reconhece à frente de Leonor que foram injustos com ela. Leonor, por seu lado, garante que só descansará quando provar que não foi ela quem fez as denúncias à polícia e recomenda a Amélia que respeite a vontade de carlota em trata-la como sua mãe biológica, tal como ficou provado. Amélia fica em estado de choque, apavorada com a ideia de que mais tarde ou mais cedo a vão afastar da filha.

Idalina confessa a Sílvia que ficou triste por ela ter acabado tudo com Diogo porque gosta dos dois. Sílvia aproveita para revelar que está a pensar em voltar a estudar. Idalina aprova a ideia e desabafa que ela é muito diferente da irmã. Rute ouve parte da conversa e troça da irmã, dizendo que ela quer é recuperar o namorado.

Bento revela a Adelaide que descobriu que foi ela quem manteve um relacionamento com o padre Agostinho e impõe as suas condições para guardar o segredo. Por um lado exige recuperar a percentagem que tinha no jogo do peixe e, por outro, que ela convença Cremilde a aceitá-lo a morar lá em casa com elas.

Patrícia discute com Carlota por ela ter mostrado a fotografia que prova o seu envolvimento com Frederico e dá-lhe um estalo quando a sobrinha a acusa de se ter deitado com o avô por dinheiro. Carlota grita que nunca mais quer falar com ela e Patrícia tenta recompor-se, consciente de que se descontrolou.

 

Sebastião conta a Martim que ficou muito desapontado com Madalena por ela ter exposto a sua vida no seu blogue, sem que ele tivesse autorizado tal coisa. O escritor acha que a namorada teve uma atitude muito imatura e Martim aconselha-o a falar calmamente com ela. Sebastião pede desculpa por ter ido estragar-lhe o dia, mas Martim assume estar demasiado feliz pelo noivado com Leonor e confirma que já avisou Amélia de que vai casar, situação que ela repudiou como violência.

João mostra-se preocupado com a decisão que Leonor tomou ao aceitar o pedido de casamento de Martim e procura ter a certeza de que ela tem consciência do que está a fazer. Leonor insiste em arrancar André da sua vida e reafirma que quer ser a mãe de Carlota ao lado de Martim.

Gonçalo vai a casa de Cremilde para ver Kika mas a filha recebe-o com sete pedras na mão, recusando-se a falar com ele. O pai insiste e aproveita para revelar que vai pedir a sua guarda em tribunal, depois do escândalo protagonizado por Patrícia e Frederico, apanhados aos beijos numa fotografia. Kika grita a sua revolta e afirma que tanto o odeia a ele como à mãe e que quer ficar a viver com a avó.

Patrícia e Frederico entram nas instalações da Polícia Judiciária e cruzam-se com André, que foi prestar depoimento sobre a morte de Xavier, acreditando que vai ser ilibado. Curioso, pergunta ao pai o que fazem eles ali e Frederico responde que o motivo deve ser o mesmo. Patrícia apressa-se a dizer que também foi vítima do pescador mas fica sem pinga de sangue quando Lucas aparece algemado e diz ao inspetor Lucas que ela é a mulher de quem lhe falou, aquela que ajudou Xavier a raptar Leonor. André fica perplexo e Frederico abismado a olhar para Patrícia.

Patrícia fica muito aflita quando Lucas a acusa de ter ajudado Xavier a raptar Leonor e garante que ele está a mentir, protestando por se considerar enxovalhada. Para acalmar os ânimos, o inspetor Rui conduz o detido para as salas de interrogatório. Frederico e André não escondem o espanto que a revelação do pescador lhes provoca, enquanto Patrícia insiste em clamar a sua inocência, insistindo que vai esclarecer tudo imediatamente. Depois de ela se entrar para a sala onde vai ser interrogada, André pergunta ao pai se ainda acredita em Patrícia. Frederico deseja que nada do que ouviu seja verdade mas está verdadeiramente preocupado.

Entretanto, na sala de interrogatório da Polícia Judiciária, o inspetor Rui confronta Patrícia com as mensagens que descobriram num telemóvel que estava na posse de Xavier a avisá-lo de que Leonor estava a caminho do tribunal, bem como com a versão diferente que Lucas apresentou sobre o rapto. Patrícia quase perde o controlo mas esforça-se por ser convincente, garantindo que não conhece Lucas e que seria incapaz de ser cúmplice de Xavier. O inspetor fica desconfiado, mas ainda sem certezas de nada.

Cremilde fica comovida quando Kika, depois de arrumar as suas coisas no quarto que a avó lhe destinou, diz que quer ficar a viver com ela definitivamente, recusando-se a voltar para casa do avô Frederico. Kika desfia um role de criticas a Patrícia, dizendo que a mãe é má.

 

Martim zanga-se com Leonor ao saber que ela ajudou Gonçalo a conseguir a fotografia em que Patrícia e Frederico se estão a beijar e que para a obter ele lhe roubou o tablet. Martim censura Leonor por continuar a guerra com os Queiroz, certo de que isso não a vai levar a lado nenhum.

Carlota confessa a Tiago que está disposta a aceitar a relação de Martim e Leonor, pois sente que os pais estão felizes. O namorado lembra que quando fizerem 18 anos vão poder finalmente casar e não terão mais de suportar os dramas familiares.

Vitória entrega a Messias um bilhete que deixaram para ele na Lataria e o irmão fica entusiasmado por ver que a mensagem foi enviada por Rute. Idalina lamenta que não seja para desistir do casamento e ele protesta porque a mãe continua sem aceitar a sua relação. Por outro lado, Idalina faz ver a Vitória que Mateus se portou muito bem ao abrir uma conta poupança para o filho que vão ter. Messias apoia a iniciativa do cunhado e confessa que está incomodado por não ter feito o mesmo quando recebeu a indeminização a que tinha direito em França. Vitória farta-se de ouvir dizer bem de Mateus e vai trabalhar, contrariando a vontade da mãe, que a quer a descansar mais por causa da gravidez.

nas redes

pesquisar