SIC

Perfil

Veja aqui o último episódio

154º episódio – 16 de março (segunda-feira)

Xavier morre na luta com André

Leonor e Júlia olham em estado de choque para os corpos inertes de André e Xavier e para o fio de sangue que se espalha no chão. Em segundos, Leonor fica mais aliviada ao ver que André afasta de cima de si o corpo do pescador e tira-lhe a arma que ele ainda segura com dificuldade. André liberta Leonor e explica-lhe que as encontrou porque seguiu Xavier até ao armazém. Depois, liberta Júlia, que se aproxima do marido ainda a tempo de o ouvir dizer que a ama, antes de soltar o ultimo suspiro. As diversas forças policiais envolvidas nas buscas a Xavier começam a chegar ao local. Daniel confirma que o pescador está morto e Eva presta apoio a Leonor e a Júlia, que estão muito maltratadas.

No hospital, Pedro está de braço ao peito depois de ter sido esfaqueado por Xavier. Elsa confirma com o namorado que o ferimento não é grave, mas não deixa de achar que o pai é um monstro. Ambos se mostram preocupados com o destino de Leonor e Júlia, pois ignoram que Xavier acaba de morrer e elas estão fora de perigo. Idalina entra de rompante no quarto de Elsa e abraça Pedro, mais aliviada, por ver que o filho está bem. Depois de revelar que não tem notícias de Leonor e Júlia, Idalina trata de ir embora rapidamente, lembrando que odeia hospitais.

Martim está a dar instruções a Teresa quando Nuno aparece de rompante no hotel e lhe diz que Leonor e Júlia foram encontradas por André. Martim fica feliz com a notícia mas apreensivo por ter sido André a encontrá-las. Desejoso de reencontrar a namorada, Martim vai à pressa para o hospital de Setúbal.

Messias conversa com o pai e desabafa que Rute anda muito estranha, dando a ideia de que já não está muito entusiasmada com o casamento. O pai não deixa de achar que seria uma ótima noticia se ela desistisse da ideia. Vitória interrompe João e conta que a mãe lhe ligou com insistência porque Xavier se introduziu no hospital e acabou por ferir Pedro quando o miúdo o impediu de raptar Elsa. O mestre fica preocupado com o estado de saúde do filho mais novo, mas proíbe Messias de o acompanhar ao hospital, percebendo que ele está demasiado alterado, pois ameaça matar Xavier se o encontrar.

 

Júlia e Leonor são assistidas pelo doutor Matias, que as obriga a fazer exames depois de terem sido agredidas por Xavier. Martim chega acompanhado por Diogo ao hospital e gera-se uma situação de constrangimento. Diogo abraça Leonor mas apesar do incómodo, Martim aperta a mão a André e agradece-lhe por ter salvo Leonor.

Júlia dá a notícia da morte de Xavier a Elsa, mas a filha acaba por assumir que fica mais descansada por ele ter desaparecido de vez, de tanto que atormentou as suas vidas.

Eva e Daniel pedem ajuda a Henrique para localizarem Lucas, pois as autoridades estão convencidas de que ele foi o cúmplice que protegeu Xavier durante tanto tempo.

Júlia pede desculpa a Leonor por se ter envolvido com André. A amiga tenta desvalorizar o assunto e, por sua vez, pede perdão a Júlia por tê-la entregado ao marido, justificando que Xavier ameaçou-a e a Carlota de morte.

Rute sabe por uma amiga durante a pausa de trabalho que Xavier morreu e que Leonor e Júlia já estão a salvo no hospital de Setúbal, notícia que confirma ao ligar o rádio. Provocadora, aconselha Sílvia a ir festejar com Diogo, para lembrar logo de seguida que ele agora está com a outra. Sílvia fica irritada com a irmã, enquanto ela se encaminha para os gabinetes da administração.

Frederico discute com Gonçalo, recusando-se a deixar a empresa, apesar de ter sido destituído da administração, pois considera-se o dono da empresa. O filho troça e lembra-lhe que quando conseguir a guarda de Kika, vai administrar todos os bens da família. Patrícia junta-se a eles e Gonçalo provoca-a, perguntando se já limpou a secretária para se ir embora. Ela assume que se vai embora por já não conseguir olhar para a cara dele. Rute entra nesse instante e conta que Xavier morreu e que Leonor e Júlia estão a receber acompanhamento médico no hospital de Setúbal. Gonçalo fica radiante por ver Patrícia incomodada com a situação e ainda a provoca, dizendo que lhe tinha dado jeito que Leonor tivesse morrido.

João despede-se de Leonor no hospital e garante que Júlia não se iria perdoar se lhe tivesse acontecido alguma coisa às mãos de Xavier. O mestre não repara no constrangimento de Leonor, pois não sabe que Júlia se envolveu com André.

André espera que João deixe Leonor a sós e pede para falar com ela. Leonor, por seu lado, diz que a sua prioridade é falar com Carlota e pede-lhe o telemóvel emprestado. Quando liga para a filha, quem atende é Amélia, que fica logo muito enervada com a chamada de Leonor, pensando que iria falar com o irmão. Amélia diz que Carlota está no banho e que não a pode atender, prometendo dizer que ela ligou. No entanto, depois de desligar e cheia de ciúmes, Amélia apaga a nota de chamada de Leonor e esconde de Carlota que a mãe biológica lhe ligou.

Cremilde desabafa a sua grande inquietação com Tina e assume que quer ir falar com Patrícia para ouvir da sua boca se é verdade que se envolveu com o próprio sogro. Tina dispara que a irmã é capaz disso e de muito mais. Adelaide aproxima-se de Bento e encosta-o à parede, exigindo reaver o dinheiro que ele deu ilegalmente a ganhar a Mateus no jogo do peixe. Bento vê a sua vida a andar para trás, pois não tem o dinheiro para pagar a Adelaide. Ela fica furiosa e ameaça cortar-lhe as partes íntimas, caso não lhe devolva o dinheiro. Cremilde socorre o namorado e a sogra acaba por lhe contar uma história para não ter de revelar coisas que sabe.

 

Laurinda conversa com Sara e lamenta que ela não tenha podido comparecer na festa de Vitória e Mateus. Filipe cruza-se com a mulher e fica desagradado que ela não fique para jantar.

Ágata fala com entusiasmo das compras que fez, incluindo uma colcha vermelha. Nucha desconfia de que ela vai receber a visita do Casanova do Sado mas Ágata reafirma que não está sequer preocupada com isso.

Mateus procura Vitória na esperança de que ela o aceite, depois de lhe ter organizado um baby shower que a deixou deslumbrada. Vitória concorda que ele foi um querido e agradece-lhe, embora deixe vincado que o melhor é fazer-se à vida e orientar a sua vida, pois não ficarão juntos. Mateus fica desolado com aquela resposta.

Madalena dá uma entrevista e fala com orgulho do seu blogue. Depois de desligar o telefone, conta a Sebastião que encontrou Antónia no Hotel Salinas e que ela está a viver ali. Sebastião interroga-se sobre os motivos da irmã para ir viver para o hotel.

Tiago conta a Carlota que está a ser noticiado em todo o lado que Leonor foi encontrada. A namorada desconfia que Amélia lhe tenha escondido a notícia mas nada diz, preferindo que Tiago a leve para estar com a mãe biológica. Só que Amélia decide levá-la para estar mais perto da rival.

Antónia insiste com André para que ele seja visto por um médico depois de se ter batido com Xavier. O filho assegura-lhe que está bem e aproveita para contar à mãe que passou uma procuração a Amélia para que ela impedisse Patrícia de ficar na administração da fábrica, sublinhando que também não lhe agrada que Gonçalo fique a dominar o negócio.

Gonçalo informa Patrícia de que já começou a tratar de requerer para si a guarda de Kika e que espera que ela chegue a acordo antes de levar o caso a tribunal. A conversa é interrompida por Frederico que leva consigo o inspetor Rui. O agente intima Patrícia a ir depor na esquadra sobre o processo de Xavier, aconselhando-a a levar advogado. Gonçalo ironiza e aconselha-a a levar também uma muda de roupa, não vá ter de passar uma noite na cadeia.

Amélia continua a mentir a Carlota, evitando a todo o custo que ela se dê com Leonor. A miúda corre para a mãe, assim que ela chega, deixando Amélia à beira de um ataque de ciúmes. 

Carlota abraça Leonor e chama-lhe mãe repetidas vezes, expurgando os remorsos por tê-la rejeitado antes de ela ter sido raptada por Xavier. As pazes entre ambas estão feitas, perante a indignação e ciúme de Amélia, que fica ainda mais indisposta quando Carlota decide ficar com a mãe biológica mais algum tempo, antes de voltar para casa.

Cremilde confronta Frederico com os rumores do seu envolvimento com a filha Patrícia mas ele mente e nega tudo. A conversa é interrompida pela chegada de Kika, que elogia o tio André por ter salvado Leonor.

Carlota e Leonor recuperam o tempo perdido e reconciliam-se depois de quase se terem perdido. Martim está presente na confissão dos medos que ambas sentiram de se perderem, quando Xavier ameaçou a vida de Leonor.

Leonor procura André e agradece-lhe por a ter salvado, mas acabam a discutir. Ela recrimina-o por se ter envolvido com Júlia e ele não lhe perdoa por estar com Martim. O turbilhão de sentimentos que os invade é selado por um beijo sofrido, que desfazem com arrependimento.

 

Adelaide vinga-se de Bento por ter sido enganada por ele no jogo do peixe e reduz-lhe os lucros a dez por cento. O peixeiro não tem outro remédio senão aceitar para evitar o escândalo.

Rute protesta por não ter ganhado dinheiro, só por ter anunciado que Xavier morreu e aborrece Sílvia ao criticá-la por não estar a apoiar Diogo depois de ele ter sofrido com o rapto de Leonor.

Leonor recorda em sofrimento com Diogo, que já agradeceu a André por a ter salvado de Xavier, que por pouco não a matou.

Martim, por seu lado, desabafa com Sebastião a contrariedade que dente por ter sido André a salvar Leonor. Sem querer, faz referência ao facto de Antónia estar a viver no hotel, constatando que Sebastião desconhece que a irmã saiu de casa depois de descobrir que o marido, Frederico, se envolveu com a nora, Patrícia.

Gonçalo introduz-se no gabinete de Martim e rouba-lhe o tablet, para conseguir a fotografia em que Patrícia e Frederico se beijam.

Patrícia nega perante Cremilde que se tenha envolvido com Frederico. Kika percebe que a avó saiu de casa com cara de poucos amigos e confronta a mãe com esse facto. A mãe desvaloriza as suspeitas da filha, mas ela não fica convencida com a desculpa que Patrícia usa para justificar a ausência da avó Antónia.

Aurora ameaça denunciar Rogério como Casanova do Sado se descobrir que ele está a dar atenção a Ágata. Noutra mesa da Lataria, Joni reclama a Tina que esclareça que ele só tem olhos para Clara, insistindo que ela é a mulher da sua vida. Ainda que apaixonados um pelo outro, Tina e Joni acabam por se insultar.

Sílvia vai ter com Diogo para o apoiar, depois do que ele passou enquanto a irmã esteve desaparecida. No entanto, o reencontro corre mal, pois esbarra com Maria Rita, que o arrasta para um concerto. Sílvia volta a ser invadida pelos ciúmes e Diogo pelos remorsos.

Carlota não poupa Amélia e censura-a por não ser capaz de aceitar Leonor como sua mãe.

nas redes

pesquisar