SIC

Perfil

Veja aqui o último episódio

Beatriz Lacerda

Cláudia Vieira

Tem 32 anos. Filha única, nasceu em Aveiro no seio de uma família conservadora e detentora de um património considerável alimentado em grande parte pelos lucros da Conservas da Ria, muito à semelhança da história familiar dos Queiroz. As famílias eram próximas e Beatriz cresceu entre fins de semana que as famílias partilhavam juntas. No meio desta cumplicidade familiar, Beatriz foi o primeiro amor de André e ele o dela.

Beatriz sempre se interessou pelo negócio do pai, decidiu-se por um curso de Gestão em Londres. É lá que conhece um grupo de escalada e se interessa pela atividade.

Depois de formada, Beatriz torna-se o braço direito do pai nos negócios. Devastada pela perda dos pais, Beatriz concentrou-se no trabalho e tornou-se extremamente focada nos negócios. O pai fez algumas apostas erradas e Beatriz precisou de vender a quota da fábrica. Tem dois sócios e não detém a maioria.

Chegada a Setúbal, Beatriz assume que só sai dali com os quatro milhões de euros que Frederico ficou a dever à sua família ou com metade do negócio das Conservas do Sado.

A sede de vingança que tem pelos Queiroz tem um motivo forte: Frederico foi amante da sua mãe, Rosarinho. Quando o pai descobriu assassinou a mãe e suicidou-se em seguida. Beatriz viu os pais mortos e jurou vingar-se de quem lhe destruiu a família

nas redes

pesquisar