SIC

Perfil

Veja aqui o último episódio

RODRIGO VAZ

Nuno Pardal

Tem 38 anos e é o irmão mais novo de Martim. Enquanto o irmão sempre foi o filho responsável e certinho, Rodrigo era o irresponsável e o aventureiro. Continua igual até hoje. Quando os pais faleceram, os dois herdaram os hotéis da família. Enquanto Martim decidiu ficar a tomar conta do negócio, Rodrigo preferiu vender a sua parte ao irmão. Ficou assim com dinheiro para financiar a vida de aventuras de que gostava.

 

Rodrigo decidiu ir viajar pelo mundo num veleiro. É fotógrafo freelancer mas não leva a profissão a sério, para ele é mais um hobby que outra coisa. Além de viajar, os outros prazeres de Rodrigo na vida são as mulheres e o jogo… a sua perdição. É um bom vivant, apenas preocupado em divertir-se e habituado a ter o que quer. É manipulador, capaz de fazer chantagem e mentir com grande à vontade.

 

Passa longas temporadas sem vir a Portugal e, actualmente, faz três anos que não vem a casa. Raramente dá notícias, mas mesmo assim, continua a ser lembrado. A sobrinha Carlota sempre gostou muito do tio, que era o seu companheiro de aventuras. Quando estava em Portugal, quem acompanhava Rodrigo era Gonçalo. Ambos gostavam de festas e mulheres, por isso eram grandes companheiros. Martim está cansado da irresponsabilidade do irmão e tem pouca paciência para o aturar. Rodrigo está convencido que a vida tem de ser aproveitada ao máximo e considera entediante a vida de Martim.

 

Atualmente, Rodrigo tem estado a viajar no seu veleiro pela Ásia. A sua última paragem foi em Macau, onde perdeu no jogo tudo o que ainda tinha, incluindo o próprio veleiro. Por causa do vício, grande parte do dinheiro que recebeu com a venda dos hotéis já desapareceu. O que ainda lhe sobrava ficou agora irremediavelmente perdido num casino de Macau. Mas mesmo assim ficou com dívidas, pois o que tinha não era suficiente para cobrir o que perdeu. Com medo do que lhe pudesse acontecer e a precisar de dinheiro, Rodrigo foge para Setúbal.

nas redes

pesquisar